História Porque eu tive que me apaixonar por você- SasuNaru - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


ois baby´s, voltei..
demorei um pouco pra postar pq eu tirei um tempinho de ferias sabe, colocar as ideias no lugar, e eu tbm fui pra praia entt, explico nas notas finais, é isso.
boa leituraaaa

Capítulo 18 - Eu ainda te desejo


Naruto

-Oi bebe, sentiu a minha falta?


Vendo a figura que estava em minha frente, meu corpo gelou e minha alma saiu do meu corpo. Desejei sair correndo, mas pra onde eu iria? O que eu iria fazer agora, não tinha para onde fugir, sendo assim, apenas sai de meu transe quando ele pigarreou e o encarei, ele tinha uma feição calma e sínica, como eu odiava a cara que ele fazia, me faz ter vontade de esmurra-lo aqui e agora.
-O que faz aqui?- foi a unica coisa que eu consegui dizer, não soube o que perguntar alem disso.


-É assim que me trata depois de quase dois anos bebe? Cade seus modos uh?- o desgraçado sabia como me irritar, sabia que eu havia feito aulas de etiqueta quando mais novo, mas elas foram para puta que pariu assim que o vi, hoje em minha porta.


-Porque estava me seguindo hoje mais cedo, no parque?- curioso, eu estava muito curioso, querendo saber o motivo de ele querer falar comigo depois de tanto tempo.


-Quem era aquele? Me trocou na cara dura? Esqueceu de mim, foi?- a mas que filho da puta, o que diabos esse demonio quer???
-Voce nao esta respondendo minhas perguntas, Suigetsu!- o de cabelos azulados apenas riu de forma anazalada e me encarou.
-Eu só queria te ver e te fazer companhia, mas acho que já esta muito bem acompanhado não é mesmo?


-Está com ciumes? Ai meu deus, voce me viu com o meu namorado hoje mais cedo e decidiu vir até a minha casa para me atormentar? É isso mesmo produção?- debochei, achando um tremendo absurdo do que eu estava ouvindo. 


Assim que ouvi o som do chuveiro parar, meio que eu me desesperei, Sasuke não pode ver o Suigetsu aqui, puta que pariu, tenho o mandar embora, agora.


-Bom, eu realmente não me importo, mas se voce não se impora, precisa ir embora antes que voce me arrume problema- me virei e fui em direção aporta que estava entreaberta, mas o infeliz me segurou pelo braço e me pendreu entre a parede ao lado da porta. Ele chegou bem perto do meu ouvido e antes de sussurrar o que irira dizer, lambeu meu lóbulo:


-Só mais uma coisa; eu ainda te desejo, e muito loirinho, esse ai, o que voce está agora, duvido que ele te dá o prazer que eu te dava, duvido que ele te fazia gozar como eu fazia.


MAS QUE DESGRAÇADO FILHO DE UMA PUTA, CORNO DO CARALHO!!


Quando eu ouvi essa... essa, pachorra. Não aguentei e dei uma de direita no pé de sua barriga. O mesmo deu dois passos para tras, então aproveitei a brecha e fui logo pra dentro de casa, fechei a porta e me encostei nela.


Vi Sasuke descendo as escadas, usando apenas um short de moletom e sem camisa, salivei.  Fui até o sofá e me sentei. Minha nossa senhora da gostosura, como eu queria meter nele nesse momento. Saí de meu transe e percebi que estava ficando de pau duro, e puta merda, eu não estava surpreso por isso. Quem em sã consciencia não ficaria de pau duro ao ver um moreno lindo, malhado, com os gominhos de sua barriga tanquinho aparecendo, deu até vontade de dar agora. Já quero.


-A pizza já chegou?- o encarei, neguei- Ah, então quem era?- veio andando até mim e se sentou em meu colo.


-Uh, era apenas um engano, amor.- menti. O moreno afim de me provocar, rebolou.- Ah bebe, não faça isso.- o moreno riu anasalado, saiu de meu colo quando ouviu a campainha tocar. Foi pegar o dinheiro e eu fui atender a porta, vai que o demonio de cabelos azuis viesse dar a louca novamente. Mas graças Kami, era o entregador, pagamos, pegamos a pizza e ele foi embora. Fomos até a cozinha, deixei a pizza em cima do balcão, Sasuke se sentou do lado da pizza ali no balcão mesmo, me encaixei entre suas pernas.


-O que foi, uh? Está estranho desde que terminei o banho, quem era, amor?- entrelaçou suas pernas em minha cintura, isso me fez sentir seu membro colado em minha barriga.


-N-não era ninguem amor ja te disse.- ao sentir meu membro ja duro, pulsar, minha fome foi por agua a baixo.
-Amor, vamos pro quarto? 'to sem fome.- assenti e não disse absulutamente nada, apenas coloquei minhas mãos por de baixo de sua bunda e o peguei no colo.


Subi as escadas com um pouco de dificuldade, o moreno judiava do meu pescoço, me mordendo e me chupando algumas vezes. Assim que entrei no quarto, coloquei o moreno no chao e tranquei a porta- vai que né-, me virei em direção ao moreno e ele me encarou com aqueles olhos, brilhantes e cheios de desejos, o beijei ferosmente.


Ele me empurrou contra a parede, me assustei no inicio mas eu gostei de sua atitudes, ele estava agressivo e eu gostei disso. 
Ele parou o beijo e agarrou minha cintura, foi beijando minha clavicula, foi em direção ao meu ouvido e mordiscou meu lóbulo, aquilo me excitou, mais do que eu ja estava. Ele desceu até o meu pescoço e me chupou ali. Coloquei meus braços em volta de seu pescoço, ergui minha perna direita, o moreno entendeu o meu recado e me puxou para seu colo. Ele me levou até a cama e ficou por cima de mim, entrelacei minhas pernas em sua cintura e ele voltou a me beijar com gosto. Antes de continuar ele parou e eu gemi em frustração. Chegou bem perto de minha orelha e chupou o lóbulo, se afastou minimamente e sussurou;


-Amor, deixa eu te foder?

 


Notas Finais


SALVE COROI, fala tu galera.
gentee, desculpa demorar pra postar, é que eu viajei sabe, não deu tempo, mas eu estou aqui
sobre o suigetsu, ele é um ex namorado do naruto ta bom?!! eu vou explicar sobre o personagem no capitilo que vem ok
até mais
bjos da ju


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...