História Porque não Três? - Imagine Yoongi e Hoseok - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga)
Tags Hoseok, Imagine, Yoongi
Visualizações 17
Palavras 6.103
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tomem uma one bem gostosinha.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Estou sentada a mais de uma hora nestam mesa desse luxuoso restaurante.

 

Sim fodidos sessenta minutos, na verdade agora já passam de sessenta estamos na contagem de sessenta e cinco minutos, o garçom já veio a minha mesa mais de sete vezes e eu apenas digo que estou esperando alguém com um imenso sorriso.

 

Posso sentir os olhares sobre mim. Piedade talvez

 

Foda se. Eu nunca me importei com que as pessoas pensam ou estāo pensando sobre mim.

 

Bato os dedos na mesa e olho mais uma vez para meu celular, mas nāo há uma mensagem se quer do possível atraso do imbecil do meu namorado. E claro que Taehyung sempre foi do tipo que não gosta de ser intimidado ou pressionado então eu sempre fui uma boa namorada me calei até mesmo em momentos que eu queria dar lhe chutes e gritar por sua falta de insensibilidade

 

Olho mais uma vez para a porta e agora eu sorrio.

 

Finalmente ele está aqui, ele passa as mãos pelos cabelos e então caminha até onde estou sentada e ele nem se dá o trabalho de puxar a cadeira para se sentar. Ele apenas me olha por alguns segundos e então fala:

 

-S/N.. _ele começa e isso não é bom

 

Esse olhar eu já sei como isso acaba. Um nó se forma na ponta do meu estômago e quero gritar para esse imbecil não dizer as palavras

 

-Sim?_eu bato meus dedos de forma frenética e espero como uma boa namorada.

 

-Eu.. Estou apaixonado por Jennie._oh merda a fodida secretaria ruiva que sempre lhe lançava olhares cheio de malícia e isso porque Lisa me a alertousobre isso, mas eu confie nesse imbecil.

 

-Você e eu não rola essa química na cama Você é tão gelada._abro a boca pronta para soltar um palavrāo, mas me contenho porque não sou do tipo que grita em público.

 

Levanto meu dedo para o garçom e decido fazer meu pedido, ele ainda está de pé diante da mesa e sinto todos os olhares sobre mim neste exato momento.

 

Pena. Compaixão.

 

Foda se

 

- Sim senhorita? _o garçom aparece com bloco de anotações todo sorridente então eu começo a fazer meus pedidos diante de um Taehyung atônito.

 

-Querida. Melhor você ir não? _opa! querida não hein.

 

Quando ele tenta me tocar empurro sua mão longe, afinal ele não e mais nada além de um bastardo traidor e ele não tem o direito de me dizer o que fazer.

 

Pergunto ao garçom sobre os pratos e ele sorri me contando sobre cada um deles, está aí esse garçom e fofo. Fofinho

 

-Eu recomendo o grelhado de salmão senhorita está fabuloso._ele diz com um sorriso de canto a canto então eu apenas sorrio tocando sua mão e ele pega o recado.

 

-Vou com tudo o que me sugerir _Taehyung revira os olhos para o garçom jovial mandando o sair, mas eu não terminei de pedir então puxo sua mão na minha e peço por mais sugestões_ Sobremesa o que me sugere?

 

Ele pisca pegando o cardápio apontando para uma vasta lista de sobremesas, mas seu dedo para sobre o Petit Gateau e eu aceito a sugestão pafinal eu amo sorvete e chocolate.

 

Depois que termino de pedir olho para cima e vejo que o imbecil ainda está aqui de pé diante da mesa, ele me puxa pelo braço е rosna:

 

-o que está fazendo S/N? Eu disse que terminamos. Vá para casa agora. Já basta não?_ele rosna com os olhos em mim, mas quem disse que ele manda em mim.

 

Ele é apenas um estranho.

 

-Eu vim aqui para jantar. E é isso que estoufazendo. Agora vá você embora. Mande lembrançasa Jennie. - digo apontando para a porta mas o imbecil acha que pode mandar em mim depois de me dar o pé na bunda. Existem homens que são realmente burros.

 

Quem eles pensam que são?

 

Acho que minha noite está somente começando, puxo a taça com o vinho e viro tudo de uma só vez escutando o rosnar tentando tirá lá da minha mão.

 

- Olha vá para sua casa. Jennie está esperando - cantarolo levantando a taça para brindar a ele e sua mais nova namorada.

 

Ele bufa várias palavrões e desaparece da minha frente para meu alívio, eu aperto os lábios com força e digo para mim mesma que isso nunca mais vai acontecer.

 

Estou cansada de sempre ser trocada por uma foda melhor, Lisa disse que eu devo ser mais aberta a novas experiências, mas eu não sou do tipo que consigo relaxar e deixar um homem me tomar de todas as formas possíveis.

 

Está bem eu sou uma chata ranzinza quando o assunto é sexo.

 

O garçom volta com todos os meus pedidos e sorri enchendo meu copo mais uma vez

 

-Você é linda e tenho certeza que encontrará alguém bem melhor. - ele diz baixinho e isso faz com que a dor em meu peito desapareça por alguns segundos. Doce ilusão.

 

O prato esta de fato incrível e ele combina perfeitamente com o vinho branco estou tomando.

 

-Mmm. - murmuro comendo tudo que há no prato até mesmo os brotos que servem somente como enfeite estão em meus lábios.

 

Comer me faz esquecer as coisas ruins então eu como tudinho sem me importar se alguém está me olhando.

 

As cadeiras diante de mim raspam contra o chão me fazendo levantar os olhos.

 

Não há um, mas dois deuses gregos diante, sendo um moreno e outro ruivo, de mim me olhando com um olhar derruba calcinha de primeira categoria.

 

- Olá. - um deles diz e eu tento recuperarmeu fôlego para não parecer estúpida

 

_Oi. - apenas respondo.

 

_Então estávamos olhando você. - O segundohomem diz tomando o lugar ao meu lado

 

Oh eles estavam olhando para mim? Na certaestão pensando o quão estúpida eu sou. O moreno um olha para minha sobremesa e sorri trocando um olhar com o loiro. 

 

-Sabe gostamos de compartilhar. - ele diz

 

_Mas eu não. - levanto o dedo para o garçomque corre para minha mesa para me atender

 

_ Você poderia trazer mais um Petit gateaupara eles. - aponto para ambos que sorriem encarando o garçom que faz uma careta divertida.

 

_Um só basta? - ele pergunta para os morenos

 

_Oh sim eles gostam de compartilhar. - digo em voz alta agora e o garçom quem está revirando os olhos.

 

Homens bonitos são a mistura perfeita para uma catástrofe então eu os ignoro e continuo a apreciar minha sobremesa.

 

O moreno se inclina para frente e desliza seu dedo em meus lábios cobertos de sorvete.

 

_Então não estamos falando da sobremesa. - ele diz.

 

O loiro lambe os lábios carnudo me fitando com um sorriso capaz de me deixar molhadinha.

 

Eles trocam um olhar de diversão entre eles quando o garçom volta com a sobremesa.

 

_ Podem compartilhar. Por minha conta.- eu digo apontando para a sobremesa.

 

Uma vez que termino minha sobremesa eu levanto o dedo pedindo pela conta, mas antes mesmo que consiga pegar minha bolsa o loiro já está entregando seu cartão.

 

Eles nem tocaram na sobremesa.

 

Então. - o moreno sorri puxando minha mão para seu lábios quente e eu tento respirar porque esse homem e muita areia para meu caminhãozinho.

 

O loiro puxa minha outra mão e beija meus dedos com um olhar cheio de malícia.

 

Ai estou sonhando.

 

Mas eu grito chega para meu cérebro fodido que está imaginando coisas, quando me levanto sinto minhas pernas tremerem e quando sinto que vou cair braços fortes me seguram me mantendo de pé.

 

- Acho que você levantou se rápido demais querida. - o moreno sorri deslizando um dedo em meu pulso suavemente.

 

_Voce não está acostumada a beber muito não e? - o moreno loiro perguntam mantendo suas mãos ao redor da minha cintura

 

Uau.

 

Eles me rodeiam cada um de um lado do meubraço me guiando em direção a porta.

 

_Eu preciso ir. - digo tentando me livrar desses homens que estão mais para dois deuses do que meros mortais como euzinha.

 

_Nos vamos levá lá. - arregalo os olhos e balanço a cabeça com força.

 

Está sonhando se esta achando que estou indo a qualquer lugar com dois estranhos.

 

- Não saio com estranhos. - digo levantandoas mãos na defensiva.

 

Ambos dão uma risada rouca que faz meu coração retumbar de um modo diferente.

 

_Ok.. Min Hoseok. - o moreno um diz estendendoa mão. Eu a pego e ele a balança no ar com um sorriso contagiante.

 

_ Bem eu sou Min Yoongi. - o loiro diz me dando dois beijinhos na bochecha.

 

O moreno um dá uma leva cotovelada contraseu peito dando um leve acenar de cabeça

 

-Não a assuste Yoongi. - ele diz baixinho.

 

Hoseok pega a chave do manobrista jogando a chave para Yoongi quando um lindo carro preto para diante de nós, e tipo desses carros que homens poderosos e gostosos dirigem.

 

Ele grita luxo em todas as escalas de cores e eu nunca estive em um carro como este.

 

_Eu avisei que deveriamos vir com a Suv E agora hein? - Yoongi pergunta para Hoseokque apenas sorri me puxando pela cintura

 

_Agora ela vai no meu colo. - ele diz me puxando para o banco passageiro.

 

Opa lá como assim?

 

_Hey nem pensar. - digo alto tentando fugir de seus braços, mas ele é forte demais.

 

_o que linda? Você prefere ir no colo de Yoongi? - ele pergunta com um sorriso cheio de diversão.

 

Imbecil.

 

_Eu não vou no colo de ninguém. Eu estou indo para casa. - digo empurrando o peito do Hoseok que sorri puxando minhas mãos para seus lábios.

 

_ Você vai conosco e ponto final. Você é a primeira mulher que desejamos mantê lá. - que porra é essa de manter? Eu não sou a porra de um Poodle não.

 

Eu o empurro e tento fugir de seu colo, mas o carro já está em movimento para meu desespero.

 

- Deixe nos mostrar o quanto isso é bom - ele sussurrou mordendo minha orelha entre os dentes.

 

Então meu cérebro grita.

 

Viva um pouco S/N

 

Sinta a liberdade.

 

_Apenas relaxe e goze meu anjo. Faremos você saber o que é sexo cósmico. - ele sussurra em minha orelha com as mãos viajando pelas minhas pernas.

 

Eu me remexo quando sinto sua protuberância se encaixar em minha bunda e neste momento eu sei o que Lisa quer dizer sobre paus mágicos.

 

Oh deus eu me remexo, mas ele é tão grande que não tenho para onde fugir.

 

_Hoseok. - Yoongi o repreende.

 

_ Yoongi não tenho culpa se nosso anjo tem essa bundinha suculenta. - Yoongi me olhalançando uma piscadela deslizando sua mãoem minha coxa.

 

_ Vamos ver o quanto você e suculenta linda - oh meu bom deus estou indo ter meu bumbumsendo cutucado pela vara de metro.

 

Me abano mordendo o lábio inferior pensando em todas as coisas que esses dois homens podem fazer com meu pobre e pequeno corpinho.

 

Não sou peituda e muito menos bunduda, tenho tudo natural e são de tamanho mediano.

 

Escuto um rosnado gutural escapar dos lábios de Hoseok quando balanço meu bumbum para tentar me acomodar de forma mais confortável.

 

-Oh desculpe. Te machuquei? - ele apenas sussurra em meu ouvido palavras doces.

 

-Não linda. Você não me machuca você só me dá tesão. - fecho os olhos e deixo minha mente viajar nessa ternura.

 

Eu nunca tive alguém para me dizer coisas doces, nenhum dos homens com quem eu namorei nunca me elogiou ou disse palavras que me fizessem sentir me bonita.

 

_ Tão linda. Você é um anjo de verdade não?- Yoongi pergunta ainda com sua mão em minha coxa.

 

Eu não sei se sou um anjo só sei que estou começando a me sentir uma.

 

_Shh princesa apenas relaxe que prometemos que será amada como merece. - Hoseok sussurra baixinho mordendo minha orelha.

 

Quando o carro para minha cabeça está a mil, Yoongi e o primeiro a sair ele dá a volta no carro e abre a porta me puxando contra seu corpo.

 

Hoseok desliza suas mãos em minha cintura prensando seus quadris contra meu bumbum.

 

Oh sanduíche de S/N.

 

_Voce sabe o que vamos fazer certo? - eu acenoum pequeno sim mesmo nunca tendo feito algo assim.

 

Olho para a mansão diante de mim e perceboque esses homens são do tipo que possuem o mundo aos seus pés.

 

Eu não sei o dia de amanhã, mas quero viver isso está noite.

 

_ Venha. - ele sussurra segurando minha mão direita na dele enquanto Hoseok segura minha mão esquerda.

 

Estou rodeada de dois deuses e me sinto umadeusa.

 

Se a parte de fora da casa já era linda a parte interna e ainda mais linda, a sala gigantesca tem uma cascata no centro dela, a sala é tão grande que meu minúsculo apartamento cabe todinho somente na primeira parte dela.

 

Ela é dividida em cinco salas separadas apenas por pilastras de mármores.

 

Na primeira um imenso sofá em forma de S com uma imensa parede onde posso ver uma linda lareira.

 

No segundo outro sofá em forma de L de frente a janela de vidro que vai do teto até o chão e a vista e de tirar o fôlego.

 

Mata selvagem cobre todo o jardim com árvores e flores de todos os tipos. No terceiro eu perco um pouco mais de fôlego quando vejo um piano de calda de frente a um sofá redondo que mais parece umacama.

 

A palavra luxo nunca couve tão bem na minha vida.

 

Vasos quadros e esculturas adornam os ambientes de forma moderna e aconchegante.

 

Gosta? - Hoseok pergunta me puxando para frente da cascata.

 

Se eu gosto?

 

Deus é tipo algo que nunca terei em minha vida nem daqui mil anos com o salário que eu ganho.

 

Yoongi sorri me puxando para o bar no canto da sala me oferecendo uma pequena taça de licor.

 

_Então você é do tipo de garota que bebe licor e martini? - Hoseok se senta ao meu lado na banqueta e sorri brincando com os dedos em meus cabelos.

 

_Na verdade sou mais do tipo Tequila e Vodka. - Yoongi toma outra banqueta ao meu lado descansando sua mão em minha coxa.

 

-Tequila te faz ficar alegre? - ele pergunta eu sorrio bebendo do licor docinho que mais parece um suco.

 

_ Não Vodca me deixa alegre. Tequila fazminha roupa cair. - mas que merda estou dizendo

 

Escuto ambos caírem na gargalhada com o meu comentário.

 

Eu nem sei para qual dos dois olhar, eles são lindos de uma maneira diferente, lambo meus lábios quando sinto a mão de Hoseok percorrer através da minha nuca, em um movimento rápido ele me curva e toma minha boca em um beijo duro.

 

Sua língua lambe com voracidade toda minha boca e eu quase derreti com a intensidade do beijo, quando ele se afasta eu já quero mais, mas então sinto uma mão mergulhar em meus cabelos e sou puxada para trás com força.

 

Minha boca colide em outra boca e eu gemo quando sinto a língua de Yoongi varrer cada gota de saliva de minha boca. 

 

Merda o que é isso meu bom deus? Oh oh.

 

Hoseok ri quando olho entre eles e tentos assimilar loucura que está acontecendo aqui

 

_ Como lhe disse nós compartilhamos meu anjo. E isso. Você vai se entregar para nós dois. - eu abro a boca em choque pensando no que ele esta me dizendo.

 

Tipo é sexo com cada certo?

 

Um de cada vez não é?

 

_ Humm primeiro eu transo com você e depois com ele? - aponto de Hoseok para Yoongi e ambos gargalham com a minha colocação.

 

Hoseok puxa minha mão para sua boca enquanto Yoongi lambe minha nuca. 

 

-Não anjo. Fodemos você ao mesmo tempo. - o que? Ao mesmo tempo? Não.

 

Eu levanto meu olhar para ambos e percebo que estão falando sério.

 

_Vai ser incrível anjo. Você nunca mais vai querer outra coisa na vida. - Yoongi sussurra beijando minha orelha suavemente.

 

Ambos me olham esperando pela minha reação é a única coisa que consigo fazer é respirar fundo.

 

_Então como isso funciona? - Hoseok sorri me puxando para ficar de pé.

 

_ Você nos deixa fazer tudo com seu corpo E prometemos que você estará no paraíso do orgasmo. - oh e isso.

 

Se tal paraíso exigir eu quero!

 

_Ok. - digo baixinho mordendo meu lábio inferior mesmo não fazendo ideia do que esta para acontecer.

 

Eles me levam pela escada até o andar de cima onde um imenso corredor cheio de portas nos recebe.

 

Apenas uma porta esta aberta e ela esta ao final do corredor e pelo jeito e para onde eles estão me levando, quando chegamos a porta eles me soltam para que eu possa explorar o quarto.

 

É imenso e a cama é tão grande que caberia dez pessoas nela a vontade, olho para todas as coisas ao redor da cama e entendo o que eles querem fazer comigo.

 

Na parede uma estante cinza com vários apetrechos sexuais. Desde vibradores mordaças até mesmo chicotes.

 

Quando me viro ambos já estão nus e eu salivo quando olho para o que ambos possuem abaixo de sua cintura.

 

Eles não são grandes, mas imensos e lindos em toda sua protuberância.

 

Grande comprido e grosso de um jeito que nunca havia visto em toda minha vida.

 

_Voce vai nos deixar fazer tudo. - Hoseok caminha até mim me virando de frente ao imenso espelho.

 

Suas mãos deslizam a alça do meu vestido e ele vai ao chão rapidamente enquanto ele me fita através do espelho.

 

Merda justo hoje estou usando um conjunto de  algodão que não tem nada de sexy e sensual.

 

_ Yoongi. - ele chama e o mesmo se aproxima puxando a alça do meu sutiã entre os dedos arrancando o para fora do meu corpo.

 

-Deus são lindos. - eles dizem juntos e isso faz um calor latente se espalhar entre minhas pernas.

 

Desejo brilham em seus olhos e eu nunca me senti tão desejada como hoje.

 

-Uau. Minha vez. - Hoseok sorri se ajoelhando diante de mim, ele puxa minha calcinha lentamente entre minhas pernas.

 

Agora estou nua. Completamente nua.

 

_Caralho. - Yoongi rosna em orelha me fitando pelo espelho.

 

-Linda demais. - Hoseok sorri tocando minha vagina gentilmente.

 

Eu ofego quando sinto minhas costas contra o peito duro de Yoongi enquanto meus seios estão nos lábios de Hoseok, eu nunca tive algo assim antes e não sei como é o que fazer.

 

_ Shhh relaxe linda deixe que faremos tudo - Hoseok sussurra puxando um dos meus mamilosem seus lábios.

 

Eu estremeço quando sinto o dedo de Yoongi ser empurrado contra meu buraquinho traseiro.

 

-Oh deus. - grito quando ele empurra e puxa de dentro de mim.

 

Meu corpo todo está gritando enquanto ambos me devoram de um jeito novo e único.

 

_Voce é nossa para fazer o que quisermos anjo. - Yoongi sussurra em minha orelha empurrando mais um dedo em meu bumbum

 

_Já teve algo aqui dentro? - ele pergunta, eu balanço a cabeça em negação olhando para Hoseok que continua a chupar meus seios

 

-Escutou isso Hoseok? Seremos o primeiro a entrar aqui. - ele empurra o indicador dentro puxando o lentamente.

 

Oh merda isso é quente e gostoso. Eu não posso acreditar no que estou prestes a fazer, mas é isso eu necessito disso.

 

Hoseok caminha até a cama se deitando no meio dela de costas enquanto Yoongi me leva até a cama.

 

_ Engatinha até Hoseok gatinha. E mantenha a bundinha para cima. - Yoongi estala um tapa bem dado em meu bumbum e eu obedeço engatinhando sobre a cama.

 

Quando estou sobre o corpo de Hoseok ele me puxa esfregando seu pau contra meu ventre, minha vontade é sentar me sobre seu pau, mas antes que consiga Yoongi está me puxando pela cintura estapeando meu traseiro.

 

_Voce só faz o que mandamos. - ele ruge apertando meus mamilos.

 

Hoseok arqueia a sobrancelha para Yoongi apontando com os olhos para a estante cheia de brinquedos e somente com isso meu corpo estremece.

 

O que eles vão fazer?

 

Viro meu rosto de lado para assistir Yoongi caminhar de um lado para o outro diante da estante, ele pega algo em suas mãos voltando para a cama.

 

Meu corpo se retrai quando o vejo deslizar algo no pau de Hoseok. É uma espécie de anel.

 

_0.. O que é isso? - pergunto quando vejo puxar outro anel ao redor do seu comprimento

 

Ambos se entreolham sorrindo.

 

_Isso meu anjo e para ambos fazer durar mais enquanto estivermos dentro de você. Chama se anel peniano. - Hoseok é quem responde.

 

Uau eu nunca tinha visto algo assim antes

 

Hoseok desliza suas mãos ao redor do seu seu pau bombeando algumas vezes entre seus dedos.

 

Yoongi aperta minha nuca deslizando sua boca pela minha orelha lentamente enquanto eu assisto o pau de Hoseok crescer.

 

Esta de brincadeira certo? Essa coisa de anel peniano funciona mesmo?

 

_Diga me princesa. Estamos limpos. Nunca fizemos sexo sem camisinha, e você? - ele pergunta e eu quero gritar que faz mais de seis meses que não tenho sexo.

 

E bem… Taehyung nunca se descuidou quanto a isso, não por questão de segurança, mas porque ele odiava a ideia de ter um filho escapando por aí.

 

_Eu nunca fiz sem preservativo antes e faz mais de meio ano que não tenho um pau dentro de mim. - ambos se entreolham e não sei o significado daquele olhar.

 

- Vamos fazer sexo gostoso. Primeiro deixe me encaixar dentro de você então Yoongi vai empurrar o pau dele no seu bumbum.

 

-Você esta bem com isso querida? - eu não sei se estou bem com isso.

 

Eu nunca fiz isso em toda minha vida, nem sei como é a sensação de ter um pau na minha bunda.

 

Eu os encaro por alguns segundos antes de assentir timidamente.

 

_Se você não for capaz nós pararemos entendeu-menos mal.

 

Hoseok segura minha cintura movendo seus quadris para cima empurrando seu enorme pau em minha cavidade apertada, posso sentir seu pau abrir caminho de forma tortuosa enquanto ele rosna de um jeito selvagem.

 

_Oh porra apertada demais. - ele grunhe quando seu pau me preenche por completo. Eu nunca me senti tão esticada como hoje. E como estar sendo tocada em locais novos.

 

Ele dá um puxão para trás e então empurra novamente enquanto eu estremeço a cada batida de seus quadris

 

O movimento de seus quadris é preguiçoso e lento.

 

- Acho que ela esta pronta para você Yoongi. Vai com calma não queremos machucá la. - Hoseok diz quando eu arqueio as costas e solto um gemido alto para olhar para Yoongi logo atrás de mim.

 

Ele sorri tocando minha nuca e beijando o suavemente antes de deslizar suas mãos para meu bumbum.

 

Primeiro Yoongi empurra o dedo contra meu clitoris esfregando o suavemente enquanto o pau de Hoseok entra e sai de dentro de mim.

 

Novo. Louco. E quente.

 

_Ahn. - gemo quando sinto o esfregar seu pau na fenda do meu bumbum. Ele sobe e desce esfregando com força.

 

_Gostosa. - ele estala um tapa em meu bumbum e meus quadris vão para frente me fazendo gritar em êxtase.

 

Oh deus esses homens vão me quebrar com essa loucura.

 

Hoseok puxa seu pau de dentro de mim me fazendo choramingar, mas então eu sinto o pau de Yoongi deslizar em minha fenda molhada.

 

_Preciso deixá lo bem lubrificado querida. Não vamos machucar você. - ele esfrega mais algumas vezes até que seu pau esteja coberto com meu liquido.

 

Yoongi puxa seu pau e o bombeia entre os dedos lambuzando o com todo meu líquido e antes mesmo que consiga dizer algo Hoseok já está empurrando dentro de mim novamente.

 

Forte.

 

Duro.

 

Rápido.

 

Minha respiração engata quando sinto Yoongi segurar minha cintura e esfregar seu pau na minha entradinha traseira.

 

-Ohh - Eu grito algo quando o sinto empurrar para dentro de mim.

 

Lento.

 

Suave.

 

E meu corpo treme quando os dois se movem ao mesmo tempo.

 

-Porra. - Yoongi rosna puxando meus cabelos

 

_Puta merda. - esse é Hoseok que bate seus quadris nos meus puxando meus mamilos com os dedos.

 

É tão gostoso que não consigo fazer nada a não ser gemer como uma cadela no cio.

 

É bom demais para ser verdade.

 

Isso é sexo de verdade.

 

_Oh isso mais duro. - grito quando sinto os quadris de Yoongi bombearem contra meu bumbum.

 

Ele está em um ponto do meu bumbum esticando me até onde é possível enquanto o pau de Hoseok preenche a minha buceta por completo.

 

_Caralho. Gostosa. - Yoongi ruge puxando meus cabelos enquanto me fode duramente.

 

_Isso gata nos leve até onde conseguir. - Hoseok rosna empurrando sua mão em meu clitóris.

 

É tão intenso que posso desmaiar tamanho prazer.

 

Nesse ritmo irei gozar rapidamente, mas eu quero manter isso longo então me concentro e balanço meus quadris recebendo cada pau em meu buraco.

 

_Porra voce esta nos deixando louco. - Hoseok ruge segurando meus quadris em seus dedos enquanto Yoongi estapeia meu bumbum empurrando cada vez mais forte e rápido.

 

Me sinto tão livre.

 

-Levante mais esse bumbum linda. - Yoongi grunhe atrás de mim e eu ergo meu bumbum recebendo o ainda mais fundo. Eu nunca me imaginei em uma posição dessa.

 

Tenho dois enormes paus cravados em meus dois buracos e isso é tão gostoso que não consigo respirar.

 

_Voce gosta não? - Hoseok passa os dedos pelos meus mamilos torcendo os entre seus dedo se eu grito mais uma vez com mais esse toque excitante.

 

_ Diga que você gosta dessa coisa suja. - estes dois homens são incríveis e sabem como é o que fazer.

 

Eu choramingo quando sinto minha buceta pulsar a cada tapa que Yoongi me dá em meu bumbum.

 

Tenho certeza que acordarei com a marca de sua enorme mão nela.

 

_Eu gosto. - sussurro baixinho sentindo o bater os quadris ainda mais forte contra os meus

 

Meu corpo todo vibra e não sei como reagir a isso. E tão gostoso. Estou tão cheia.

 

_Porra ela esta me apertando tão gostoso Yoongi. Como esta o rabinho dela? - Hoseok se arqueia em seus braços olhando para Yoongi que apenas empurra seus quadris para frente empurrando profundamente em mim.

 

_Porra aperta demais Hoseok. Vou encher esse rabinho de creminho. - ele ruge puxando me pela nuca, sua boca mergulha na minha me fazendo gemer enquanto sua língua lambe cada centímetro dela.

 

_Oh. - eu grito quando sinto o pau de Hoseok me moer ainda mais fundo e forte.

 

_ Venha para nós menina safada. Deixe nos levá lá. - ambos gemem enquanto continuam a me foder de forma incansável e eu grito quando sinto meu corpo tremer como primeiro orgasmo.

 

Merda isso é cósmico como havia sido prometido

 

_Porra porra. - ambos gritam e eu sorrio recebendo cada gota do seu sêmen dentro de mim, nunca me senti tão quente como agora.

 

Eu caio sobre o peito de Hoseok quando sinto Yoongi se retirar de dentro de mim, ele cai ao nosso lado e sorri acariciando minha bochecha suavemente.

 

_Ainda não acabou linda. Um descanso e então voltamos e fazemos mais. - ele diz brincando com meus cabelos.

 

Os dedos de Hoseok deslizam para cima

e para baixo ao longo das minhas costas e a sensação é tão calmante que eu apenas relaxo e durmo em seus braços fortes.

 

Quando abro os olhos eu estremeço com o peso sobre meu corpo, de um lado está a perna de Hoseok em meus quadris e do outro o braço de Yoongi sobre minha barriga, eu tento fugir do peso de seus corpos, mas é impossível.

 

Rolo e tento fugir para baixo e quando eu finalmente consigo eu saio nas pontas dos pés do quarto, procuro pelo meu vestido e pelos meus sapatos e os encontro embaixo da cama.

 

Puxo o vestido contra meu peito e saio em total silêncio pelo corredor até a escada.

 

Eu nem acredito que fiz isso. Transar com dois homens ao mesmo tempo.

 

Após a primeira rodada Hoseok me colocou sentada com as pernas esparramadas para Yoongi me chupar enquanto ele brincava com meus mamilos com seus dedos habilidosos, na terceira rodada eu estava de quatro chupando o pau de Yoongi enquanto Hoseok comia meu bumbum e na quarta eu estava amarrado pelos pulsos suspensa por um gancho no teto sendo fodida por ambos no ar.

 

Foi tudo tão loucamente insano que até agora consigo sentir o pau de Hoseok e Yoongi dentro de mim, puxo o vestido sobre minha cabeça e passo as mãos entre minhas coxas para tentar limpar um pouco do líquido de ambos que ainda escorre de dentro de mim

 

Eu nunca imaginei que algo assim era possível até então, puxo minha bolsa e procuro pelo meu celular quando escuto um estrondo.

 

Ambos estão no topo da escada me olhando, e antes que eu consiga fugir eles me rodeiam lado a lado.

 

_Onde pensa que vai? - merda ate de cara amassada ele e lindo.

 

_É onde pensa que vai. Acha que acabou linda? Estamos somente começando. - Yoongi ruge arrancando o vestido de meu corpo. 

 

-Vamos dar um banho em você e depois vamos alimentá lá então vamos brincar com você de todas as formas possíveis. - oi tem mais?

 

_ Yoongi prepara o banho da nossa princesa. - Yoongi assente correndo escada acima enquanto Hoseok toca meus mamilos sensíveis.

 

_Voce ainda não entendeu? Você é nossa S/N. - ele diz alto puxando meus lábios entre os dentes e eu derreto como um sorvete. 

 

Oxi como ele sabe meu nome? Eu não me lembro de ter lhe dito.

 

_Nos escutamos aquele imbecil do seu ex chamá lá por esse nome. - Ele diz passando os dedos pelos meus lábios.

 

_Então S/N você nos pertence de agora em diante. - aperto os olhos quando sinto sua boca puxa meu mamilo direito e chupa lo lentamente.

 

_O que isso quer dizer? - pergunto tentando entender o que esses irmãos gostosos querem de mim.

 

_Que de hoje em diante você é nossa para sempre. - fecho os olhos e tento acompanhar o raciocínio louco dele, mas eu não consigo.

 

Eu não sei como posso levar algo assim adiante ainda por cima com suas mãos gostosas me tocando por toda parte.

 

Yoongi aparece no topo da escada e Hoseok apenas assente me levando de volta ao quarto, ambos se sentam na imensa banheira que mais parece uma piscina e me colocam sentada entre eles.

 

As mãos de Yoongi me lava entre as pernas enquanto as mãos de Hoseok lava meus seios.

 

_S/N você gosta de mim? - Hoseok pergunta me deixando ruborizada.

 

-Acho que sim. - respondo ainda confusa.

 

-E eu S/N? Você gosta de mim? - Yoongi pergunta, é claro que eu gosto dele também.

 

_Eu gosto dos dois. - digo sinceramente. Não sei se poderia escolher um dos dois. - digo pensativa.

Yoongi me beija nos joelhos e Hoseok beija meu ombro.

 

_Bom é assim que deve ser. Você deve amar os dois por igual. - Hoseok diz mordendo minha orelha.

 

_Os dois? - pergunto confusa. Isso não é aceito na sociedade que vivemos. E tipo bigamia.

 

_Hum isso é bigamia. - eu digo e ambos gargalham com a minha colocação.

 

_Foda se nós temos o que queremos. - Yoongi diz espirrando água para fora da banheira.

 

Quando ele se levanta e sai eu babo com a visão do seu lindo traseiro, oh deus do bumbum suculento isso sim é bunda.

 

_Isso foda se o mundo o que queremos e você linda e se você nos quer daremos um jeito nisso. Nós temos nossos meios para isso S/N. - Hoseok completa me puxando com ele para fora da banheira.

 

E antes que eu consiga formular algo em minha mente estou sendo colocada de quatro no chão do banheiro, meus olhos vão para o imenso pau diante de mim e um sorriso se forma no canto dos meus lábios.

 

Passo a língua ao redor dos meus lábios e abocanho todo o pau em minha boca gulosa e eu gemo quando sinto outro pau me penetrar profundamente por trás.

 

_Porra anjo voce e nossa. - Yoongi ruge enquanto levo todo seu pau em minha boca chupando o até o fundo da minha garganta.

 

_Sim nossa. - Hoseok rosna estocando me de forma furiosa.

 

E sim eu sou deles hoje e para sempre.

 

_De vocês. - eu digo com os olhos fechados enquanto levo dois paus em meu corpo.

 

É perfeito como o paraíso.

 

_ Dois é bom mas três é melhor. - ambos gritam e eu concordo.

 

Sim uma cama para três

 

Dois anos depois.

 

- Querido você precisa deixá la dormir. -digo para Hoseok que segura Hae nos braços, ele não a deixa no berço nem por um segundo quando está em casa, ele acha que ela precisa de colo o tempo todo.

 

Bem nem posso dizer nada porque Yoongi age da mesma forma com Jee.

 

- Não mesmo. Minha princesa quer o papai. - ele diz caminhando com ela ao redor do nosso lindo jardim.

 

Yoongi está sentado na cadeira de balanço ninando Jee que balbucia olhando para as flores.

 

É louco eu sei, mas estou casada com ambos. Não que isso tenha sido feito de forma legal já que nenhum cartório aceitaria um casamento com dois maridos, mas tanto Yoongi quanto Hoseok assinaram um compromisso legal assumindo me como sua única esposa em um contrato redigido por cinco advogados no qual eu e nossos filhos somos herdeiros legais de ambos.

 

A gravidez foi feito via inseminação artificial e eles choraram como dois bebês quando pegaram as nossas meninas nos braços, eles são apaixonados por mim e pelas nossas meninas. 

 

Temos mais uma gravidez planejada para daqui dois anos quando nossas meninas estiverem maiorzinhas, dessa vez eles torcem para que sejam dois garotinhos, eu não me importo porque se precisar ficarei grávida quantas vezes forem necessárias para fazê los feliz.

 

Caminho até a cozinha e puxo uma tigela para bater a massa das panquecas quando escuto 

Hoseok rosnar tirando a tigela de minhas mãos.

 

Sim eles não me deixam fazer nada e quando digo nada e nada mesmo. Eles me tratam como uma rainha e eu gosto disso, eles me mimam o tempo todo e me enchem de amor e eles nunca deixaram de demonstrar isso nem por um segundo.

 

_Voce não cozinha. Estamos indo tomar café fora. - Hoseok acena para Yoongi que volta com nossa Jee enrolada em seus braços.

 

_Voce acredita que nossa esposa estava tentando cozinhar. - Yoongi me dá um olhar de não faça isso e eu apenas faço beicinho.

 

_Meninos eu sou mãe e esposa nada mais comum do que cozinhar. - digo e quem disse que eles me escutam.

 

Yoongi coloca Jee em seu bebê conforto assim como Hoseok coloca Hae no seu e em menos de dois minutos eles estão me levando para uma linda cafeteria próximo ao Central Park.

 

Após o café me sento no manto estendido por Hoseok e brinco com minhas meninas enquanto meus meninos dão uma pequena corrida ao redor do parque.

 

_S/N? - escuto alguém me chamar.

 

Me levanto e encontro o imbecil do Taehyung me olhando abismado.

 

- São suas? - ele pergunta apontando para as minhas meninas, aceno sim e vejo o abrir a boca em choque.

 

Ele olha para minha mão onde dois anéis de diamante brilham solenemente.

 

- Cadê o pai? - ele pergunta se aproximando para tocar me no rosto e antes que eu diga para se afastar vejo o sendo puxado para longe de mim.

 

_ Não toque na nossa esposa. - Hoseok rosna empurrando o com força.

 

Os olhos de Taehyung vão de mim para Yoongi e para Yoongi e ele fica boquiaberto com o que acaba de escutar.

 

_Nossa? - Hoseok o encara assim como Yoongi

 

_Sim nossa. - Yoongi responde dando outro empurrão nele.

 

Eu apenas sorrio guardando as coisas das nossas meninas na enorme sacola, Hoseok a puxa de mim pegando Hae em seus braços enquanto Yoongi pega Jee em seus quadris.

 

Ambos me rodeiam e saímos dali, mas antes eu grito por cima do ombro.

 

_Ah obrigada por me dar um pé na bunda Taehyung. Foi a melhor coisa que você fez por mim. - Hoseok e Yoongi se entreolham e gargalham alto com o que acabo de dizer.

 

E há males que vem para o bem…

 

E camas que cabem mais de dois também...
































 


Notas Finais


Beijinhos na bunda e até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...