História Porquê você não volta? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Suga, Yoongi
Visualizações 32
Palavras 313
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Mistério, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente essa não é minha primeira fic, más eu apaguei as outras por que estavam um lixo, então resolvi postar essa fic, se quiserem eu posto mais.
Espero que gostem. 😘❤

Capítulo 1 - Prólogo


 Eu ainda me lembro de quando eu fazia parte de uma das maiores mafias da Ásia oriental, não tinha medo de nada, apenas queria me divertir vendo as outras pessoas sofrendo, até que eu me apaixonei por um dos sequestrados, ele era realmente apaixonante. Ele dizia que me amava, acima de tudo.
 Eu não sabia que o alvo do chefe da gangue seria ele. O meu amado pediu ajuda, mas não podia fazer aquilo, se não matariam minha família e a mim, ele ficou de joelhos, mas não atendi o seu pedido, com medo do que as pessoas podiam fazer comigo e com minha família.
 Dois dias depois o chefe me pediu para acompanhar uma tortura, aceitei de bom agrado, entrei na sala, e lá estava ele com os seus membros amarrados nos quatro cantos da mesa.
 Eu não podia reagir a isso, se não eles desconfiariam, então fiz cara séria até o fim da tortura, só não esperava que...

 -Sua vez (s/n).-o chefe falou com um sorriso diabolico no rosto.

 Eu sabia exatamente o que fazer, eu era a unica que sabia ligar e "manusear" a cadeira elétrica. Colocaram-no na cadeira. Ele me implorou para que eu não fizesse, meus olhos estavam marejados, mas mesmo assim o fiz.
 Não demorou muito para que eu visse o meu amado morto preso em uma cadeira. Eu consigui me segurar, eu queria gritar, queria ir com ele, pedi para Deus trazer ele de volta.

 Passou cinco mêses desde o acontecimento, eu me lembrava todo dia do que aconteceu (a culpa foi minha mesmo) eu merecia viver com essa dor. Quando iria fazer seis meses, agentes da polícia entrou no galpão e prendeu quase todos os presentes lá  menos eu e o chefe. Antes de fugir tentei encontrar a ficha do meu amado mas não encontrei.

 Até hoje eu não sei o nome do meu amado...


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Foi curto assim por que eu queria fazer um teste.
Bem, até a próxima, se Deus quiser.
❤😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...