História Possessivamente MEU - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Casamento, Chefe, Comedia, Drama, Gravidez, Possessiva, Possessivo, Romance, Secretária
Visualizações 9
Palavras 921
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 10 - Capítulo 10


Continuo a olhando enquanto o ódio me domina, ela me trocou por esse homem! Como ela pode! Ela levanta seu olhar e para de sorrir quando me vê, seu olhar fica frio enquanto olha minha mão nas costas de Andressa. Me aproximo junto com Andressa sorrindo falsamente para o casal a minha frente.

-Vanessa que surpresa não esperava te encontrar por aqui.-Digo com falsa animação.

-Muito menos eu John.-Diz fria enquanto olha minha mão indo para a cintura de Andressa.-Derik, este e John, John este e derik.-Diz nos apresentando, sorrio falsamente enquanto aperto a mao de meu novo inimigo fortemente.

-Andressa essa e Vanessa, Vanessa essa e Andressa, minha acompanhante.-Digo com minha cara de deboche ao ver seu olhar se estreitar.

-Bom, vamos para nossa mesa amorzinho não queremos atrapalhar o casal.-Diz Andressa olhando para os dois a frente.

-Vamos linda. Foi um prazer encontrar vocês dois por aqui.-Digo sorrindo falsamente e seguindo para nossas mesas. Andressa se senta a minha frente e, de meu lugar olho a bela carranca de minha secretária, com certeza reprovando minha ação.

Vanessa onn...

Ele não cumpriu com o combinado, ESSE FILHO DA PUTA ESTA COM OUTRA E ME OLHA COM CARA DE DEBOCHE! Respiro fundo enquanto tento me acalmar

"Ele vai pagar muito caro por ter me desobedecido..."

Oh se vai. Depois de nossa pequena discussão evitei ao máximo falar com ele, desde o dia em que o olhei, soube que ele seria o próximo de minha lista, mas, quando eu o vi sorrir no chão me olhando algo em mim que não sentia a muito tempo se aqueceu, na primeira vez que nos vimos e apertando nossas mãos um choque elétrico passou por todo o meu corpo me assustando, pois nunca havia ocorrido tal ato comigo e diversas vezes me peguei pensando neste imbecil! Não posso me apaixonar, nao posso, não devo e não vou! Meu coração se fechou para o amor a muito tempo, graças ao meu terrível passado que prefiro tentar não me lembrar.

-Menina então e aquele boy que tá sendo sua próxima vítima, que bafo.-Diz derik a minha frente com seu jeito extrovertido me fazendo rir. Derik foi um dos únicos amigos que apesar de todas as situações que passei sempre me ajudou, ele esteve lá quando tudo aconteceu e me ajudou quando o caos em minha vida começou. Olho novamente para a frente e vejo John me fuzilar com o olhar e é aí que um plano surge em minha mente.

-Derik, eu preciso de um favor seu.-Digo o olhando com seus olhos azuis mar lindos de morrer. Derik e um homem muito bonito, cabelos negros, olhos azuis, sorrisinho sacana, ótima forma física maas, para a infelicidade de nós mulheres e gay.

-Diga meu docinho de coco.-Diz me encarando.

-Finja estar interessado em mim e de em cima de mim.

-Huuuum provocando o boy magia, adoro!-Diz sorrindo mostrando seu sorriso lindo de morrer.-Hora do show.-Diz e começa a alisar minha mão por cima da mesa enquanto sorri, olho para a mesa a frente e vejo John se remoendo de ciúmes. Me curvo para frente fazendo com que meu decote fique mais a mostra, derik sorri enquanto pisca para mim, se senta na cadeira ao meu lado e coloca um dos braços por cima de meus ombros logo depois sussurrando em meu ouvido.

-Sorri e finja estar gostando do papo.-Faço o que ele pede e ao olhar para a mesa a frente vejo John nos olhando atentamente enquanto beberica sua bebida.-ta dando certo?-Pergunta derik morrendo o lóbulo de minha orelha me fazendo sorrir.

-Ele está louquinho de ciúmes.-Digo em seu ouvido e ele se vira sorrindo e mordo seu queixo enquanto o olho.

-Depois dessa você vai tá me devendo uma.-Diz me olhando e eu sorrio acenando.

-Vou ao banheiro.-Digo e me levanto seguindo em direção ao banheiro. Quando chego lá faço minhas necessidades e vou ao espelho olhar minha cara.

-O que você tem com o meu homem garota?-Pergunta essa tal de Andressa ao entrar no banheiro e se olha no espelho, seguro o riso enquanto a olho debochada.

"Coitada...."

-O que eu tenho ou não com John se diz respeito a mim e a ele e não a mulheres.-Pauso meu olhar e a olho de cima a baixo.-Como você.-Completo sorrindo enquanto vejo seu rosto ficar vermelho de raiva.

-Como e que ele pode ficar com uma gorda feia igual a você, eu com certeza sou muito mais bonita.-Diz jogando seus cabelos para trás enquanto eu rio.

-Lamento te desiludir mas, o que os homens procuram em uma mulher não e só beleza, e garanto que essa gorda feia faz coisas com ele que você jamais poderia fazer.-Digo olhando ela apertar suas mãos em punhos.-Ah, e raiva da rugas.-Digo e quando começo a andar vejo um movimento.

-ora sua...-Diz e tenta me pegar pelos cabelos mas sou mais rápida e viro seu braço a imobilizando o que a faz soltar um gritinho de susto.

-Da próxima vez que você tentar tocar em um fio de cabelo meu eu juro que quebro esse seu bracinho estamos intendidas?-Pergunto e a vejo acenar rapidamente a cabeça.-Aprenda a se valorizar, não vale a pena brigar por causa de homem.-Digo a soltando me viro para me olhar no espelho e vejo seu reflexo pasmo me olhando.-E correção, John não é seu homem, ele é meu homem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...