História Possessive Love (Imagine Park Jimin) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 67
Palavras 1.436
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 15 - CAPITULO XV - Não é tão facil assim!


Fanfic / Fanfiction Possessive Love (Imagine Park Jimin) - Capítulo 15 - CAPITULO XV - Não é tão facil assim!

CAPITULO XV - NÃO É TÃO FÁCIL ASSIM!

Alguns dias haviam se passado desde aquele dia em que Jimin "desapareceu" e hoje ao acordar o dia amanheceu nublado com um alto risco de chover, você acabou acordando mais cedo do que o previsto assim ficou deitada em sua cama olhando pro teto pensando em algumas coisas, quando finalmente conseguiu se levantar fez a mesma rotina diária de sempre e colocou uma roupa mais quente. Assim que desceu para cozinha não viu nenhum dos meninos, como não estava com muita fome resolveu apenas preparar um café. Foi então que Jimin adentrou a cozinha mas não disse nada, não olhou em sua cara, apenas pegou algo na geladeira e saiu, ou ele não te viu, ou com certeza está te ignorando

- Bom dia! - Taehyung entrou na cozinha

- Bom dia - Disse simples

- Tudo bem? Parece um pouco triste, aconteceu algo?

- Não, está tudo bem. Obrigado por se preocupar Tae!

Tomou umas duas xícaras de café e em seguida subiu de novo para seu quarto para arrumar suas coisas, o silêncio tomava conta de tudo trazendo uma sensação de vazio pra você, não sabia o que estava acontecendo mas com certeza não era uma coisa boa. Depois de arrumar tudo desceu novamente para cozinha para se despedir de Taehyung, ao entrar viu Jimin também

- Vou indo trabalhar

- Não quer carona? - Tae lhe perguntou, Jimin permanência em silêncio

- Não precisa, eu chamei um carro e ele já está chegando. Obrigado Tae

- Tenha um bom dia de trabalho

- Vocês dois também

Com isso você se retirou da cozinha indo para saída da casa, minutos depois seu carro havia chegado e assim você adentrou indo para empresa. O caminho todo você ficou num completo silêncio apenas tentando pensar no que você poderia ter feito ao Jimin pra que ele ficasse desse jeito afinal foi ele quem começou a ficar estranho e a sumir daquele jeito. Ao chegar não cumprimentou ninguém, apenas foi guardar suas coisas e a começar o seu trabalho, estava tão distraída que nem se tocava quando alguém falava com você

- (S/N)??

- Ah...Oi me desculpe - Era SooJin - Disse alguma coisa?

- Senhor Min está chamando você para uma reunião por conta fo fechamento do mês

- Obrigada SooJin, já estou indo - Deixou tudo em seu devido lugar e assim foi até a sala do seu chefe, antes de entrar deu duas batidas na porta e assim ouviu a permissão do mais velho - Com licença senhor Min, SooJin me disse que quer conversar

- Sente-se (S/N) - E assim você fez - É fechamento do mês e como você sabe preciso te passar algumas coisas

- Está bem - No começo você estava prestando atenção em tudo que seu chefe lhe dizia, mas um breve tempo se passou e logo a distração voltou a tomar conta de você

- (S/N) está prestando atenção?

- Desculpe senhor Min, hoje não estou num bom dia, sei que não devo trazer meus problemas para empresa mas está difícil...Mas pode continuar, prometo manter o foco dessa vez

- Tudo bem?

- Não estou...Mas não se preocupe, pode continuar

Mesmo um pouco preocupado Yoongi retomou o que ele estava fazendo, tentei ao máximo manter meu foco enquanto meu chefe falava. Detesto ficar desse jeito, parece que não foco nas coisas direito e isso me atrapalha muito, sinto que estou fazendo tudo errado

Taehyung P.O.V's

Estou trabalhando num projeto importante para minha empresa, percebo que Jimim está fora do normal como se estivesse bravo ou emburrado com alguma coisa

- O que foi agora Park? - Digo digitando no computador

- Por que a pergunta?

- Você está sério demais, além de estar com um mau himor horrível

- Não aconteceu nada, estou normal

- Tão normal, que nem percebeu o quanto a (S/N) está machucada com o modo que você trata ela

- Do que está falando Taehyung? - Olhei pra ele

- Desde aquele dia que você foi aprontar, você está distante da (S/N) enquanto ela apenas queria te ajudar! E agora você vem e a ignora como se ela nem morasse nessa casa! E assim que você trata a mulher que ama? Por que se for, sinto pena dela - Fecho meu computador e saio da cozinha indo para meu quarto. Odeio a forma como Jimin está tratando a (S/N) ela não merece esse tipo de tratamento sendo que ela só quer ajudar

(S/N) P.O.V's

O dia passou tão devagar que parecia uma tortura sem fim as coisas não estavam dando bem pra você, se sentia cansada e com muita dor de cabeça. Quando seu expediente acabou apenas pegou suas coisas e foi esperar o carro do lado de fora, foi então que avistou um carro se aproximando e logo percebeu que era Jimin

- Venha, vamos pra casa

- Não precisa, eu já chamei o carro

- (S/N) vamos! - Foi então que o carro que você havia chamado chegou, simplesmente olhou para o Jimin e foi até o carro deixando o mesmo surpreso com sua atitude 

- Aquele carro é seu também? - O motorista perguntou

- Não, deve ser algum motorista que se enganou de cliente, pode ir

Dito isso o motorista seguiu caminho, depois de ter te ignorado e feito tudo aquilo óbvio que não voltaria a falar com Jimin tão rápido assim, afinal o mesmo não está merecendo sua atenção, se é pra se fazer de difícil então que seja assim!

Pediu ao motorista que fizesse um caminho mais longo pois não estava com pressa de chegar a casa do Jimin e do Tae, no caminho aproveitou para puxar um assunto com o motorista que foi super simpático com você do começo ao final do trajeto. Assim que o carro parou em frente ao seu destino apenas agradeceu ao motorista e saiu do carro adentrando a residência, assim qur entrou percebeu um silêncio nada normal mas resolveu não dar muita bola

- Boa noite (S/N)! - Se assustou quando passou pela sala e Jimin chamou sua atenção - Se divertiu vindo para casa!

-E daí? Não vejo problema algum com isso! - Percebeu o Park ficar um pouco nervoso com sua resposta, Jimin se levantou e em passos lentos caminho até você

- Acha bonito uma mulher que namora ficar andando por aí no carro de gente estranha?

- Primeiro não somos namorados por que você nem se atreveu a me pedir em namoro, segundo que aquele era um motorista de aplicativo, se você não sabe esse é o trabalho dele e terceiro eu não pertenço a você por isso posso fazer o que quiser da minha vida! - Sua resposta fez o mais velho ficar surpreso quando se depararam Taehyung havia chegado em casa

- Desculpem atrapalhar

- Não atrapalhou Tae, eu já terminei com Jimin! - Disse num tom de voz um pouco brava e assim subiu para seu quarto batendo a porta, como Jimin faz todas essas coisas e ainda por cima vem dizer essas barbaridades pra você? Quem ele pensa que é? Com certeza sua raiva aumentou com o comentário do mesmo

Taehyung POV's

Antes que eu pudesse entrar em casa já oude ouvir os dois discutindo mas resolvi entrar depois que (S/N) terminou de falar antes que algo de ruim fosse acontecer

- O que você fez Jimin? - Pergunto após ver a mesma subir

- Nada! Apenas fui buscá-la no trabalho e em vez de vir comigo ela entrou no uber e veio pra casa!

- Por que será que ela fez isso? Acha mesmo que vai conseguir voltar com ela apenas fazendo isso? Acho que se enganou! - Dito isso subi as escadas e em vez de ir ao meu quarto segui caminho até o quarto da (S/N) ver como ela está, dei duas batidas e pude ouvir um "entre" - (S/N)? Você está bem?

- Até que sim Tae, obrigado por se preocupar

- Não ligue para o Jimin ok? Ele sempre faz isso, tanto que já estou acostumado com suas atitudes

- E mais eu não, as vezes não entendo ele

- Nem eu, mas assim é a vida. Não se preocupe, eu vou estar aqui pra te ajudar ok?

- Você é um grande amigo Tae! Obrigado por tudo!

(S/N) não é a primera garota que Jimin traz pra casa e faz tudo isso, por isso já sei o que ele pode e não pode fazer, mas não quero que o mesmo machuque a mesma pois (S/N) é muito boa pra receber algo desse tipo....



Notas Finais


Espero que tenham gostado
Desculpem os erros e palavras sem sentido



Até o próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...