História Power - Little Mix - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Little Mix
Tags Hesy, Jerrie, Little Mix
Visualizações 97
Palavras 1.249
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eiii
Voltei
Cap ta pequeno hj rsrs mas espero que vcs gostem.
Boa leitura 😘

Capítulo 4 - PERRIE


Fanfic / Fanfiction Power - Little Mix - Capítulo 4 - PERRIE

POV Harry

Depois daquela hora, nós ficamos conversando, trocando carícias, essas coisas. Depois de um tempo Jesy acabou dormindo, ela não dormiu muito bem a noite, então é bom ela descansar.

Ainda não acredito que criei coragem pra me declarar pra ela. Mas ao mesmo tempo me sinto ótimo por saber que ela sente o mesmo que eu.

Me levantei e fui pra cozinha beber uma água. Decidi tentar fazer alguma coisa pra gente comer, mais eu sou péssimo na cozinha, só sei fazer pipoca, e pra piorar, a pipoca queimou.

- O que ta fazendo? - escutei Jesy dizer com a voz sonolenta. Me virei e vi ela se sentar no banquinho do balcão.

- Jesy, você não devia levantar.

- Eu to bem, relaxa. - ela piscou pra mim. - Você tava fazendo pipoca?

- Eu estava. Mas não deu certo. Sou péssimo na cozinha. - eu disse chateado.

- Ei não fica assim. Vem aqui. - ela disse e eu me apoiei no balcão e me aproximei dela que pôs a mão em meu rosto e me roubou um selinho.

- Você é incrível sabia.

- Obrigada! Agora deixa que eu faço alguma coisa pra gente comer.

Ela já ia se levantando do banquinho quando eu dei a volta no balcão correndo e a segurei.

- Nem pensar. Você vai voltar pro sofá, não pode fazer esforço.

- Mas eu não aguento mais ficar lá. - ela disse manhosa.

- Então o que você sugere? - perguntei e vi ela sorrir e morder os lábios.

- Isso. - ela segurou meu rosto e me beijou. Um beijo rápido e quente. Nós ficamos nesse ritimo por vários minutos. Só paravamos quando o ar era necessário. Até que...

POV Jesy

Eu e Harry estavamos imprenssados no balcão nos beijando quando escuto uma Jade bem surpresa gritar da porta:

- AAAIII MEU DEUS. - Eu e Harry paramos de nos beijar imediatamente mas continuamos grudados por que ele estava me segurando.

- Nós saímos por um dia e a dona Jesminda já apronta. - foi a vez de Perrie zuar.

Eu estava vermelha sem dúvidas. Olhei pro Harry que parecia assustado mas por algum motivo ria. Minha única reação foi esconder meu rosto em seu pescoço e rir.

- Vem Perrie, vamos subir. - Jade puxa Pezz e as duas vão subindo as escadas. Até que não foi tão ruim.

- Cuidado em Mom. É melhor apagar esse fogo se quiser continuar virgem. - Perrie gritou da escada. Não acredito que ela disse isso.

- PERRIE - gritei com ela. Acho que ela percebeu a burrada que fez por que arregalou os olhos e terminou de subir as escadas correndo e puxando Jade.

- Não liga pra elas ok. - eu disse voltando a esconder meu rosto em seu pescoço sentindo seu perfume maravilhoso.

- Ta tudo bem. - ele disse. Deitei minha cabeça em seu peito e podia ouvir seu coração batendo.

- Eu sei que esta se perguntando se o que a Perrie disse é verdade. Então, sim, é verdade, eu sou virgem. Tem algum problema pra você? - eu perguntei olhando em seus olhos. Ele sorriu

- Por que isso seria um problema?

- Não sei, eu só pensei que talvez...sei lá...alguns homens não gostam muito.

- O que você tem de mais bonito é a sua forma de ser você mesma, sem se preocupar com opiniões alheias, nenhuma de suas decisões jamais será um problema pra mim.

- Ai meu Deus, você é incrível.

- Não sou não. Apenas me importo com quem é importante pra mim. - eu sorri - Posso perguntar por que tomou essa decisão? - ele perguntou depois de alguns segundos. - Se não for invadir sua privacidade claro.

- Não, imagina. Bom eu só, queria que fosse especial, e não algo só por fazer, quero ter certeza de que estou fazendo a coisa certa.

- Eu acho muito legal essa decisão da sua parte. Mas você nunca teve ninguém especial?

- Já, mais nunca a esse ponto. Sou um pouco insegura. Espero que isso não te incomode.

- Nada sobre você me incomoda.- sorrimos.

- Uma vez, um ex-namorado meu tentou mudar isso. Ele estava bêbado e praticamente me agarrou, foi horrível. Terminei com ele na hora e fui embora.

- Me diga onde ele mora e ficarei feliz em fazer uma visita. - ele disse. - Como alguém pode tentar fazer algo assim?

- Não sei. Mas foi horrível. - eu disse abaixando a cabeça. Eu ainda estáva imprenssada no balcão.

Ele levantou minha cabeça devagar.

- Ninguém nunca vai te obrigar a fazer nada que você não queira. - ele disse e me beijou. - Agora acho melhor eu ir.

- Mas já? Fica mais.

- Sinto muito baby, mas já passei a tarde aqui. Suas amigas devem querer ficar com você agora.

- Então ta. Mas você volta ne?

- Sempre que você quiser. - Nós nos beijamos e sem que eu esperasse ele me pegou no colo e me colocou no sofá da sala.

-Você tem que parar com isso. - eu falei brincando

- Eu gosto. - Nós nos beijamos mais uma vez e Harry foi embora.

Depois de uns dois minutos, vi uma Leigh-Anne muito feliz entrando pela porta.

- Me diz que aquele é Harry James e eu não estou sonhando. - sorri e Mordi os lábios e escutei ela ggritar - AAAAA Conta tudo. - ela pulou no sofá.

- ESPERA - ouvi a Perrie gritar da escada e de repente ele é Jade apareceram na sala e pularam no sofá também.

- Cuidado com meu pé suas brutas. - falei.

- Ai desculpa bebê. - Perrie disse. - Agora conta.

- Bom, nós estávamos vendo filme, A Casa Do Lago, então no fim nós estávamos conversando e ai eu disse que gostaria de saber que existe alguém que esperaria por mim. Que nem no filme. Ai o Harry disse que esperaria quanto tempo fosse preciso.

- AAAAAAA - Jade gritou. - Que fofo.

- Deixa ela terminar - Leigh pediu.

- Então, ai eu olhei pra ele e perguntei por que? E ele falou que é por que quando se gosta de alguém de verdade, todos os sacrifícios valem a pena.

- AAAAAAAAA - foi a vez de Perrie gritar.

- Só não vou gritar com você, por que concordo, o Harry é muito fofo.

- Ele me beijou e foi maravilhoso. Me senti mas nuvens.

- Aahh meninas vocês ouviram isso, nossa mãe está apaixonada. Que fofo. - Leigh disse.

- Só não te Mato por que há tenho que matar a Perrie. - eu disse e toquei uma almofada nela.

- Por que gente? O que a Pezz fez?

- Nada demais. - Jade disse. - Só deixou escapar, sem querer, perto do Harry que a Jesy é virgem.

-AANN Meu Deus, isso não se faze menina.

- Foi sem querer. - Ela disse - Escapou ue.

- Mas...o que ele disse? - Jade perguntou.

- Disse que acha lindo o fato de eu sempre ser eu mesma e que entende e respeita minha decisão.

- Pelo amor de Deus me diz em que site você encomendou esse ser que eu quero num também. - Perrie disse

- Ue, e o Alex? - Jade disse com ar de ciúmes.

- Não vai pra frente. - ela disse.

- Por que? - Jade perguntou de novo curiosa. Quase certeza que vi ela sorrir.

- Gosto dele, mas não assim. - Perrie respondeu. -Marquei um encontro com ele amanhã. Vou terminar.

- Ah sinto muito Pezz - eu disse e a abracei.Todas nós a abraçamos.

- Obrigada gente! Mas, eu to bem sério, vai ser bom pra mim. Bola pra frente e vida nova.

- Sempre.- nós dissemos e nos abraçamos.


Notas Finais


E então?? O que acharam??
By 😘❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...