História Praça das statuas. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Aventura, Fantasia, Revelaçoes, Romance, Yuri
Visualizações 2
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Romance e Novela, Sobrenatural, Yuri (Lésbica)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Um dia comum?


Fanfic / Fanfiction Praça das statuas. - Capítulo 1 - Um dia comum?

 

O tempo estava muito bom! O vento poderia levantar qualquer cabelo, folhas se mexendo pra lá e pra cá. O vento forte e gelado, o céu iluminado por estrelas, e lá estava o Daniel pensativo com a cabeça escorada em seus braços, que por sua vez estavam escorados na janela. Ele olhava fixamente as estrelas enquanto ouvia música em seu fone de ouvido, mas para estragar seu incrível (e talvez triste) momento, seu irmão Rodrigo abre a porta e se senta ao seu lado e diz: Rodrigo - Ei! (cutuca as costas de Daniel) Daniel estava pensativo demais para escuta-lo e mais uma vez o Rodrigo fala, só que mais alto. Rodrigo - EIIIII!!! Daniel levanta assustado ao ver seu irmão gritando daquele jeito. Daniel - Precisava gritar? Estava olhando paras as estrelas e pensando.... Bem você não precisa saber. Rodrigo - Okay...*suspira * Vamos sair? Daniel - Ah, só de ouvir a palavra "sair" da sua boca me dá um medo, mas pra onde? Rodrigo - Pra balada. Daniel - Ah não. Rodrigo - Ah sim e eu não aceito um não como resposta! Ele não respondeu, só olhou para janela com um olhar triste e foi procurar uma roupa para se trocar enquanto seu irmão ia para fora. Ele colocou uma roupa simples, antes um moletom alaranjado com uma calça de algodão, agora com uma camiseta branca, calça jeans, tênis branco e um casaco Jeans. Saiu do seu quarto e desceu as escada, saindo de casa sentiu o vento gelado bater em seu rosto, ele corria em direção ao carro, pois seu irmão Rodrigo estava o esperando a tempos, sentou-se no banco da frente e lá estava Daniel pensativo novamente com a mesma posição de antes com os olhos focados no céu que ainda brilhava com as estrela, Daniel não percebeu que já tinham chegado até seu irmão bate na sua janela do lado de fora fazendo o sair do carro. Rodrigo - Ainda pensativo? Daniel nem respondeu apenas foi na direção da porta de entrada da balada e o seu irmão logo consegue alcança-lo e põe suas mãos em suas costas. Rodrigo - Vou apresentar uma pessoa especial para mim. Daniel não estava escutando nada que ele estava falando, e apenas disse um simples "Ok". Ao entra, logo percebeu que tinha 3 grandes lustres no teto da balada, varias mesas para se sentar e, claro, uma pista de dança. Ele logo percebe que na sua frente vem andando uma bela garota com olhos azuis penetrantes um logo cabelo loiro, uma pele branca e brilhosa e um corpo bonito, resumindo, ela era linda, Rodrigo mandou o Daniel parar de andar e foi andando até a menina e veio até ele de mão dadas e logo diz: Rodrigo - Essa é a menina que eu queria que você conhecesse. Daniel - Oi, prazer sou o Daniel! Rodrigo - Irmão não está conhecendo? O Daniel olha intensamente para ela, tentando vê se reconhece até que disse: Daniel – Carla!? Carla - Sim sou eu Daniel, pensei que não iria me reconhecer. Daniel fica sem palavras diante a isso, pois Carla foi uma grande amiga deles de infância a muito tempo até que ela desapareceu da cidade. Ninguém nunca teve notícias dela na época. Daniel ficou muito surpreso com sua volta. Rodrigo- Bem, já faz um tempo que eu a encontrei na Praça das Estatuas, e agora ela é minha namorada. Daniel- Finalmente. Daniel deu batidinhas nas costa dele, pois Rodrigo sempre teve uma quedinha por Carla dês de infância e agora finalmente estão juntos. Eles iam em direção à uma mesa enquanto conversavam. Rodrigo - Vou lá pegar algo pra gente beber ok? (Carla e Daniel falaram ao mesmo tempo "Ok".) Daniel e Carla ficaram conversando por um bom tempo esperando o Rodrigo, mas ele estava demorando demais, até que o Daniel disse: Daniel - Vou ali fora Daniel não estava mais aguentando ficar naquele lugar lotado de pessoas. Carla não falou nada apenas fez que sim com a cabeça, ele foi a direção da porta e logo depois se sentou-se num banquinho que tinha lá fora, havia um barulho estranho de folhas se mexendo, o vento estava muito forte quando de repente vieram duas garotas correndo na direção do Daniel distraídas e sem querer tropeçaram no banquinho do lado do Daniel, ele caiu com elas e meio envergonhado logo se levantou esticando a mão para ajuda-las e perguntou: Daniel – Vocês estão bem? Uma das garotas com o cabelo castanho avermelhado o olha feio e se surpreendente se levanta rapidamente ajudando sua amiga, logo em seguida agarra os ombros do Daniel com uma força inacreditável ??? -Finalmente te achamos!! Você precisa vir com a gente AGORA! Daniel fico em choque, como alguém daquele tamanho tinha uma força dessas? Daniel – Q- quem são vocês



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...