1. Spirit Fanfics >
  2. Preenchendo Lacunas >
  3. Missão

História Preenchendo Lacunas - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Missão


Fanfic / Fanfiction Preenchendo Lacunas - Capítulo 2 - Missão

<Os três homens do time sete continuaram conversando por mais algum tempo sobre as mudanças que ocorreram em Konoha. Sasuke por sua vez estava inquieto. Já havia se sentado, se levantado, escorado na parede e sentado novamente nos últimos minutos, e ele continuou nesse ciclo até que algo dito chamou sua atenção>.

- Naruto: Mal posso esperar para que o time sete completo se reúna novamente!

<Ao processar o que seu amigo havia dito sua ficha caiu e sua inquietação passou, conseguindo assim colocar seus pensamentos em ordem>.

- (É isso, nosso time não está completo, está faltando a irritante, gostaria de saber o porquê de sua ausência, como Naruto e Kakashi não disseram nada, não há outro jeito, terei que descobrir por conta própria. Espera, ela também faz parte do time, porque estou hesitando tanto? Se ao invés de Sakura, faltasse Kakashi ou Naruto, eu simplesmente perguntaria. Mas seria estranho se o fizesse tão diretamente. Bom, neste caso...).

- Sasuke: também gostaria de reunir o time, porque não almoçamos todos juntos amanhã?

- Naruto: infelizmente isso não será possível, a Sakura-chan não está na vila.

- Sasuke: “Tisc!” (Onde diabos aquela irritante se meteu?) <Sasuke ao pensar sobre isso franze o cenho incomodado, porém relaxa ao ser chamado por seu sensei>

- Kakashi: Sasuke, <após ter a atenção de se seu pupilo continua> não se preocupe, Sakura está em missão no país das fontes termais.

- Naruto: Nossa sensei não sabia que a missão da Sakura-chan era em um país tão estranho assim.

- Kakashi: Naruto o país das fontes termais não é estranho, inclusive recebe muitos turistas nesta época do ano, ele faz fronteira com o país das ondas, fica a cerca de seis horas de distância pelo litoral a direita da Grande ponte Naruto.

- Sasuke: Enquanto voltava para Konoha ouvi que o país das termas estava em dificuldades por causa de um envenenamento em massa, a missão de Sakura tem algo a ver com isso Kakashi?

- Kakashi: Correto Sasuke, na semana anterior recebemos um pedido de missão solicitando um ninja médico que pudesse auxiliar o país das ondas a se recuperar do envenenamento.

- Sasuke: Não havia nenhuma informação quanto à causa do envenenamento?

- Naruto: Nossa Sasuke você realmente está interessado na missão da Sakura-chan! Por que será? <diz Naruto estampando no rosto um sorriso de canto como provocação>

- Sasuke: Não me pertube, Naruto no baka! <ambos interrompem a discussão ao ouvirem uma tosse proposital de seu sensei>

- Naruto: desculpe Kakashi sensei, pode continuar.

- Kakashi: sinto muito Sasuke, não posso lhe responder, a missão não permitia revelar as causas do envenenamento, pois poderiam gerar boatos que espantassem os turistas que frequentam o país das termas nesta época.

- Sasuke: Entendo! Foi bom rever vocês, mas agora preciso ir. <antes que Sasuke desse as costas foi interrompido.

- Kakashi: Sasuke espere! Sei que está cansado da viagem, mas preciso falar com você e Naruto juntos. Você poderá descansar melhor amanhã.

- Sasuke: Está bem Kakashi do que precisa?

- Kakashi: Tenho uma missão para ambos. Vocês precisarão partir depois de amanhã.

- Naruto: É claro que aceitamos sensei, a muito tempo queria fazer uma missão junto do teme. <diz Naruto com uma animação extremamente aparente>

- Sasuke: Está bem, mas do que se trata?

- Kakashi: Bom, basicamente vocês encontrarão Sakura no país das termas  para a escoltar de volta a vila após o fim de sua missão.

- Naruto: Mas Kakashi sensei, se a Sakura-chan foi sozinha até o local de sua missão, por que ela precisaria de escolta para voltar? Afinal ela é uma ninja exemplar e extremamente forte.

- Kakashi: Não estou duvidando da capacidade de Sakura Naruto. Na missão original ela não precisaria de uma escolta, mas devido alguns novos fatos precisávamos chegar a um consenso. O que ocorreu foi o seguinte:

 

Flashback Kakashi – semana anterior

 

- Kakashi: Eu estava trabalhando quando um ambu responsável pelo recebimento e entrega das mensagens externas adentrou em minha sala portando dois pergaminhos, assim que me entregou os mesmos, ele se retirou e eu verifiquei o conteúdo de ambos. Um dos pergaminhos continha seu comunicado que estaria retornando nesta semana Sasuke. No outro havia o pedido de missão do país das fontes termais, que lhes expliquei anteriormente. Após ler o conteúdo constatei que a melhor escolha seria Sakura, então pedi que a chamassem para mim. Assim que Sakura terminou o expediente em sua clínica veio falar comigo.

- Sakura: Kakashi sensei, mandou me chamar?

- Kakashi: Eu pedi que ela entrasse para conversarmos, então lhe informei da missão.

- Sakura: É claro que aceito, desde que eu inaugurei minha clinica psicológica a um ano, não realizei nenhuma missão externa. Agora que as coisas estão estabilizadas queria mesmo uma missão, já estava começando a me sentir enferrujada.

- Kakashi: Espera Sakura, ainda não lhe disse todos os detalhes.

- Sakura: Certo sensei, prossiga!

- Kakashi: De acordo com a descrição contida no pergaminho você precisará de pelo menos seis dias para resolver o problema do envenenamento em massa e como tratar disso é muito exaustivo, necessitará de no mínimo mais dois dias para descansar e recuperar seu chaka, podendo assim retornar com segurança.

- Sakura: Tudo bem, oito dias não é tempo demais.

- Kakashi: não é só isso Sakura.

- Sakura: o que mais então sensei?

- Kakashi: Sasuke avisou que voltaria para Konoha na semana que vem, você não estará aqui para recebê-lo.

- Sakura: Neste caso, farei a missão em apenas uma semana, não preciso do tempo de recuperação, posso usar pílulas de soldado para restaurar as energias.

- Kakashi: Não posso concordar com isso Sakura, é muito perigoso.

- Sakura: Mas Kakashi sensei... É importante dar boas vindas a um colega de time que passou tanto tempo fora e finalmente está voltando.

- Kakashi: Então teremos que chegar a um consenso.

- Sakura: Tem razão sensei, não posso ser imprudente, como ninja devo sempre cuidar de mim mesma. Então o que sugere?

- Kakashi: Você sairá direto da vila para a missão, por isso estará em seu melhor estado, então não preciso me preocupar com o caminho de ida. O problema será durante sua volta à Konoha, por isso mandarei algum time para escoltá-la. Assim você poderá voltar bem antes da proposta original. O que acha?

- Sakura: Eu concordo, então tratarei de descansar muito bem esta noite para que eu possa sair amanhã bem cedo.

 

Fim do flashback.

 

- Kakashi: E foi assim que Sakura e eu entramos em consenso sobre a missão, e por isso eu preciso que vocês a escoltem durante sua volta para Konoha. Como Sasuke chegou mais cedo do que eu esperava ainda terá amanhã para descansar.

- Naruto: Que bom sensei, mal posso esperar para começar.

- Sasuke: Também aceitarei a missão (essa irritante teimosa, por pouco não se coloca em perigo, pelo menos foi responsável e aceitou a ideia de Kakashi). <foi o que pensou enquanto despedia de seu sensei e saia do escritório na companhia de Naruto com um meio sorriso>.

- Naruto: “Hey Sasuke!” <disse Naruto enquanto saiam do prédio administrativo> “parece que está feliz”.

- Sasuke: E ao voltar para casa após tampo você também não ficaria?

- Naruto: Tem certeza de que isso não é por ter ouvido que a Sakura-chan queria estar de volta a Konoha o mais rápido possível para te receber?

<após escutar o que Naruto disse e sentir seu rosto esquentando, Sasuke encabulado acelera seus passos para que o amigo não percebesse>.

- Sasuke: olha dobe eu preciso ir, está ficando tarde e ainda tenho que resolver algumas coisas antes de descansar.

- Naruto: Ah teme, é mesmo? E onde pretende dormir? Por acaso esqueceu que sua casa foi destruída?

- Sasuke: Não se preocupe, quando avisei Kakashi da minha volta ele retornou uma mensagem recomendando o endereço de uma pousada na qual deixaria reservado um quarto em meu nome.

- Naruto: tudo bem então, nos vemos em missão. <disse Naruto acenando e pegando o seu caminho>

- Sasuke: “Até mais dobe”.

<respondeu a Naruto e saiu apressado percebendo que o sol estava prestes a se por. No caminho para a pousada, passaria no banco para retirar uma parte de sua herança que Kakashi depositara em seu nome e lhe informara junto ao endereço que recebera anteriormente, também aproveitaria para comprar algumas roupas. Depois de alguns minutos o mesmo adentra ao banco e sai satisfeito por seu atendimento não ter demorado, Sasuke continuou em direção a área de comércio pensativo>.

(Agora que resolvi meus assuntos no banco, preciso de roupas novas. Não imaginava que ainda haveria algumas lojas abertas nesta hora, melhor eu entrar logo na próxima).

- Boa tarde! <cumprimentou Sasuke ao entrar na loja>

- Vendedora: Como posso ajudá-lo Senhor?

- Sasuke: Tisc! (Senhor! Não sou tão velho assim, tenho apenas 19 anos. Espera, porque me incomodei com isso? Nunca me importei antes com minha aparência!).

<a vendedora era uma velha senhora, que ao perceber o silêncio incomodado de Sasuke, tenta se corrigir>.

- Vendedora: Desculpe-me, pensei que um jovem tão bonito assim fosse casado.

- Sasuke: Não se preocupe, como pode ver, a aparência de minhas roupas não está ajudando, por isso preciso de novas.

- Vendedora: Do que gostaria?

- Sasuke: Algo não muito chamativo, e, por favor, inclua uma capa.

- Vendedora: Acho que tenho algo perfeito para você. Espere um momento. <Logo mais a mesma retorna com algumas peças>

- Sasuke: Vou ficar com elas. <Ele paga à senhora e sai satisfeito com sua aquisição, que consistia em: uma camisa cinza escuro, um colete vários tons mais claros que foi feito para usar por cima da primeira peça, uma calça preta, uma luva, um par de botas ninja e uma capa da cor de seus cabelos forrada com um tecido roxo impermeável no interior. Já era noite quando Sasuke chega à pousada e se dirige a recepção>.

- Recepcionista: Boa noite. Posso ajudá-lo?

- Sasuke: Boa noite sou Sasuke Uchiha!

- Recepcionista: Finalmente Uchiha-Sama chegou, aqui está a chave do quarto que o Hokage lhe reservou, fica no 2º andar. O jantar está sendo servido, se quiser ficar, a área de refeições fica após a porta frente às escadas.

- Sasuke: Muito obrigado. <ele pega a chave, e antes de se dirigir ao jantar faz uma leve pausa>.

- Recepcionista: Mais alguma coisa Uchiha-Sama?

- Sasuke: Será que vocês teriam alguma recomendação de empreiteira ou corretora?

- Recepcionista: Eu não tenho no momento, mas perguntarei ao proprietário e deixarei na recepção para que possa pegar amanhã.

<Sasuke agradece e se dirige a área de refeições, após isso se desloca até seu quarto, para tomar um banho e dormir. Naquela noite permaneceria vestido com o roupão de banho da pousada, pois lavara a roupa atual e entendera na sacada para que secasse até o dia seguinte, ainda não iria usar as novas peças, por isso as guardou no armário de seu quarto e manhã seguinte tudo começou assim>

- Servente: Uchiha-Sama trouxe o café. <disse a servente enquanto batia na porta>.

- Sasuke: Estou indo. <ele respondeu assim que acordou com o barulho e foi fazer sua higiene matinal>

- Servente: Deixarei sua refeição aqui. <ela o avisou e logo em seguida se retirou>.

- Sasuke: Agradeço por isso. <Sasuke abre a porta da sacada para arejar seu quarto e recolher a sua roupa, prestando ao mesmo tempo, atenção à posição do sol e aos seus próprios pensamentos>.

(Devem ser aproximadamente umas 9 horas. Não costumo levantar tão tarde assim. Mesmo depois de ter dormido tanto, continuo cansado! Aparentemente a viagem de volta me desgastou mais do que pensei).

< Sasuke então troca suas roupas e busca o café que estava ao pé da porta. Depois de comer vai até a recepção e pega um envelope que estava destinado a si. Após checar o conteúdo do mesmo, confirma as indicações que pedira na noite anterior. Sasuke fica satisfeito ao perceber que a corretora e a empreiteira fazem parte da mesma empresa, então se dirige ao local e após quase três horas de negociação, fecha um contrato com a agência, o qual garante a compra da maior parte do Distrito Uchiha visando reformar o local com objetivo de alugar os estabelecimentos. Também garantia um desconto no preço em que a agência pagaria a Sasuke, em troca de reformar a área principal da qual ele não abriria mão, além disso, estabelecia que a reforma completa ficasse pronta em três meses>.

- Corretor: foi ótimo negociar consigo Uchiha-Sama.

- Sasuke: Igualmente.  <responde Sasuke cansado de ficar tanto tempo sentado naquele local. Decide dar um volta pela vila e almoçar. Sasuke Havia combinado de mostrar o distrito Uchiha ao empreiteiro chefe da companhia com a qual negociara durante a manhã, e também de conversar sobre a reforma da área principal. Já estava anoitecendo quando Sasuke chegara à pousada apenas para jantar e descansar, afinal no dia seguinte, logo ao nascer do sol partiria junto a Naruto em sua missão>.

<No dia seguinte Sasuke levanta cedo, toma uma ducha, consome seu desjejum, veste suas novas roupas e vai até o portão de Konoha encontrar Naruto, que logo em seguida chega acompanhado de Kakashi>.

- Naruto: Bom dia Sasuke.

- Sasuke: Bom dia Naruto e Kakashi <responde ao amigo e após uma pausa acena com a cabeça cumprimentando o sensei>.

- Kakashi: então Sasuke, conseguiu se estabelecer na vila adequadamente?

- Sasuke: Sim. Agora e só questão de tempo até tudo se ajeitar.

- Kakashi: Que bom pra você... Agora vou deixá-los ir, afinal são doze horas de viagem até o país das fontes termais. A propósito, me avisem assim que chegarem a seu destino, e se cuidem vocês dois!

- Naruto: Até mais Kakashi Sensei. <respondeu ele e então saiu pelos portões de Konoha junto de Sasuke, que por sua vez apenas acena ao se despedir>.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...