História Presa entre dois mundos - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys, Bts, Min Yoongi, Suga
Visualizações 121
Palavras 1.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Estado grave


Fanfic / Fanfiction Presa entre dois mundos - Capítulo 2 - Estado grave

- Rápido, rápido ela está tendo uma parada cardiáca - 

- Eu estou morta? Como isso aconteceu? - 

- Você não está morta - uma voz dizia atrá de mim -

 Me viro em direção a voz, um homem vestido completamente de preto e usando um chapéu também negro me encarava.

- Você pode me ouvir? - caminho em sua direção, ele concorda - Quem é você? - 

- Eu sou a morte - ele levanta sua cabeça - 

- Eu vou morrer? - 

- Não - por um momento fiquei feliz em ouvir aquilo - Ainda - 

                                                         Yoongi on

Acordo com batidas enlouquecidas na porta.

- S/n, vai atender - fecho meus olhos para tentar voltar a dormir - 

 Aquilo estava me irritando, quem viria me incomodar numa manhã de sabádo, as batidas ficavam cada vez mais forte.

- Está esperando oque pra atender essa maldita porta? - 

Ela estava quieta demais, ela sabe que eu queria dormir, ela só pode estar fazendo isso pra me provocar, me viro para o seu lado mas ela não estava lá. 

- Ótimo, sai e nem avisa - me levanto da cama - Já vai -

Visto um moletom e caminho até a porta de onde aquele maldito som insistia em sair. 

- Que saco, já disse que já ia - abro a porta e vejo Chae-rin ali - S/n não está - quando ia fechar a porta ela entra rapidamente - Já disse que ela não está - 

- É claro que ela não está Yoongi - ela me fuzila com os olhos, só agora percebi que ela estava chorando - Você deve estar feliz não é? Até porque nem se importou em vê-lá -

- Por que eu deveria? - eu não estava entendendo o porque de toda aquele estresse - 

- Por que deveria Yoongi? - ela revira os olhos - Deve ser porque ela é sua namorada - ela caminha até o quarto adentrando o lugar - 

- Yah, oque quer ai? - 

- Vou pegar as coisas que ela precisa - 

- Porque ela mesma não vem pegar? - 

- Você é mesmo um idiota - ela larga as roupas que estavam em suas mãos - Sabe durante esses dois anos eu escuto todas as dores de S/n, eu escuto ela falar o quanto te ama, eu a vejo chegar todas a manhãs com um humor diferente, eu fico com ela todas as vezes em que ela tem uma de suas crises e se tranca no banheiro da empresa e chora sem parar por sua causa, eu nunca entendi o por que dela nunca desistir de você  -

- Vai me dar um sermão agora? Já que eu sou um namorado tão ruim por que você não namora com ela? - 

- Não Yoongi, eu não vou te dar um sermão até porque eu não sou sua mãe pra te dizer oque é certo a fazer, eu só quero que você saiba que se algo acontecer com ela é culpa sua, e eu quero que se arrependa pelo resto de suas vidas por ter a deixado ir sem pedir desculpas - dou de ombros, ela termina de pegar as roupas e sai do quarto - 

Eu não acredito que ela está fazendo tanto drama por causa da pequena briga de ontem de manhã, nem foi tudo isso, não tinha necessidade dela mandar sua amiguinha aqui pra me fazer me sentir culpado.

Meu celular estava tocando.

- Filho você está bem? - 

- Estou pai, por que? -

- Você ainda não sabe meu filho? - podia ouvir o choro de minha mãe - 

- Oque está havendo com a mamãe? Porque ela ta chorando? -

- Quando você falou com a S/n pela última vez? -

- Ontem pela manhã, oque está havendo? - 

- Ligue a televisão, veja o noticiário -

Vou até a sala e me sento no sofá, pego o controle e coloco no canal de noticiário.

- Jovem sofre acidente de  carro durante a noite dessa sexta-feira, a vítima foi encontrada desacordada por moradores da região, a jovem de aparentemente seus vinte anos se encontra em estado grave, a vitíma foi idêntificada como S/nc -

Então era sobre isso que Chae-rin falava, era por isso do choro da minha mãe, a verdade era de que eu não me importava com ela mas não a odiava a ponto de querer que a mesma morresse afinal eu já a amei.

                                                                   Yoongi off

- Mas isso será impossível, ele já não me ama mais -

- Você tem até a lua cheia - ele vira as costas - 

- Aonde vai? Não pode me deixar aqui sozinha, eu não sei oque fazer - 

- Você é esperta S/n, vai saber oque fazer quando chegar a hora - ele some na escuridão - 

 Eu estava sentado no meio fio da rua,fecho os olhos - desejo estar em minha cama - quando volto a abrir meus olhos eu estava lá sentada na ponta da minha cama.

Yoongi acabava de sair do banho e caminhava usando apenas uma calça de moletom.

- Se ela acha que vou ficar esperando ela chegar pra dormir, ela está muito enganada - 

Ele se deita na cama e se cobre deixando seu pé descoberto - um sorriso fraco se forma em meus lábios - durante cinco anos todas as vezes em que vamos dormir ele o deixa pra fora da coberta fazendo com que eu tenha que o cobrir, minha mãe dizia que ele parecia uma criança e eu a mãe super-protetora que cuidava dele, ouço sua respiração ficando mais pesada indicando que ele havia dormido.

Cubro seu pé e me deito ao seu lado.

- Quando chegamos a esse ponto?- toco seu rosto - Se você ao menos pudesse sentir - repouso minha mão  em seu rosto - Eu queria tanto entender o motivo disso tudo, quando o meu amor deixou de ser suficiente pra você? Eu só queria entender Min Yoongi -


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...