História Presas e predadores - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Animais, Original
Visualizações 2
Palavras 486
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Saga, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Calma eu vou fazer a capa

Capítulo 4 - PAIIIIIII!


Fanfic / Fanfiction Presas e predadores - Capítulo 4 - PAIIIIIII!

 3574 (16 anos atrás)

Jack on

A manhã estava calma, eu estava almoçando junto com meu pai e minha irmã mais nova. Estávamos coneversando sobre o colégio até... até... 

Ooooooooooonnnnnnnnn (som de sirene)

A sirene tocou meu pai derrepente pegou meu braço e pegou a minha irmã mais nova no colo e saiu correndo para o porão ele abriu uma porta secreta que ficava na  parede ele me colocou ali.

Pai: Filho fique aí e não saía.

Jack: Pai?

Pai: Fique aí, meu filho, vamos brincar de esconde-esconde.

Jack: Pa-

Pai: Fique aí.-Aceno dizendo assim para me pai

Fico olhando, já que dava para ver um pouco pois a porta secreta estava um pouco abertinha. Vi meu pai levar com ele a minha irmã ele abriu um lugar secreto.

"Crash" ouso um som de algo quebrando.

???: Rápido vasculham toda a casa!

Meu pai entra em desespero e coloca minha irmã no outro lugar secreto. Ouso barulhos de pessoas andando e cada vez o som parecia mais perto, net e momento meu pai subiu em cima do armário e tirou uma revolver do seu bolso. E estava apontando para a porta pronto para atirar. Derrepente vejo alguém se aproximando, meu parecia assustado, que se aproximava era um leão ele era gigante. E ele gritava:

Leão: VASCULHM TODA A CASA, NÃO QUERO NINGUÉM VIVO!-Ele fala é logo após aparece uma hiena.

Hiena: Calma.-rapidamente meu pai atira no leão, o mesmo cai no chão morto. A hiena pelo contrário corre em direção ao meu pai e tenta o morder, meu pai pula do armário fazendo a hiena bater a cabeça. Ela se irritou e correu em direção a ele de novo, ele desviou dela novamente, mais ela rapidamente agarra ele por trás e morde seu pescoço, quebrando. Vejo o corpo do meu pai, e sinto lágrima escorrer, eu estava chorando

Irmãzinha: PAI!-A hiena ouviu o grito dela e vai em direção onde ela estava escondida.-Eu sabia oque ela iria fazer com minha irmã mais eu não consigui me mexer, eu estava paralisado.A hiena deu um soco na parede onde ficava o lugar secreto, que minha irmã estava se escondendo, quebrando a parede. Ela vê a minha irmã e segura seu pescoço, dava para ver minha irmã estava chorando, a hiena entortou o pescoço da minha irmãzinha sem dó nem piedade.

Hiena:HAHAHAHAHHAHAHAHHAHAHAH-Deu uma risada insana-SÓ ISSO QUE VOCÊS TEM-Diz ela debochando de meu pai e minha irmã.

Quebra do tempo

Ela não acha nada já tinha passado uns 10 minutos que ela havia saído da minha casa. Depois de mais um tempo chegou várias presas. Eles me socorreram, eu tive que ir para um orfanato.

Naquele dia eu jurei a mim mesmo que nunca mais sentiria medo denovo, e que mataria cada pedrador, um por um se preciso. Me aguarde hiena eu não esqueci de você, você tem um lugarzinho especial na minha lista de vinganças. (Autora: TALVEZ porque ELA seja a ÚNICA da LISTA).


Notas Finais


Espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...