História Presente e Passado - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Grey's Anatomy, Once Upon a Time
Personagens Addison Montgomery-Shepherd, Amelia Shepherd, Arizona Robbins, Calliope "Callie" Torres, Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), David Nolan (Príncipe Encantado), Derek Shepherd, Emma Swan, Henry Mills, Isobel "Izzie" Stevens, Jackson Avery, Lacey (Belle), Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Meredith Grey, Regina Mills (Rainha Malvada), Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sophia Robin Sloan Torres, Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Calzona, Greys, Swanqueen
Visualizações 117
Palavras 679
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem, é a minha primeira Fic.

Demorei, mas enfim tive coragem de postar.

Perdoem qualquer erro, sugestões e correções são sempre bem vindas.

Capítulo 1 - Um turbilhão


Fanfic / Fanfiction Presente e Passado - Capítulo 1 - Um turbilhão

Regina Mills chamava a atenção em qualquer lugar que estivesse, latina com curvas que fazia questão de deixar a mostra, sempre com um ar de superioridade e confiança, na faculdade de Jornalismo recebeu o apelido de Evil Queen, todos da sua turma admiravam a morena por sua dedicação em buscar respostas e sua liderança nos trabalhos e projetos da faculdade.

A família Mills já era conhecida na pequena cidade, Cora a matriarca da família foi prefeita e seu marido tinha uma empresa de grande porte e importância para a cidade. As meninas Mills como eram conhecidas, cresceram ao olhar exigente da mãe e aos carinhos do pai, Zelena a mais velha, era ruiva com olhos azuis marcantes e nada se parecia com as irmãs que tinham um lado latino, se formou em moda e seu desejo era sair da pacata cidade, Callie era a caçula, com traços latinos marcantes como a irmã, a morena decidiu por estudar medicina e se especializar em ortopedia.

Naquele ano, tudo foi bem confuso para a família, os pais sofreram um acidente de carro junto com a mais nova, foram dias intermináveis no hospital, Cora não chegou ao hospital com vida, seu marido faleceu uma semana depois e Callie estava em coma faziam 10 dias.


POV REGINA

Me olhei no espelho e pude observar como estava um caco, o enterro de papai mexeu muito comigo, eu era a mais apegada a ele, tudo que eu sabia ele que tinha me ensinado, meus gostos por música, cavalos, história, tudo tinha sido influência de papai. Estava sem chão, mas tinha que ser forte pois nossa pequena ainda precisava da gente.

Peguei o celular e tinha cinco mensagens de Zelena e duas ligações perdidas, meu coração acelerou e mesmo sem saber o conteúdo, as lágrimas já escorriam.

"ZEL: Sis, me liga assim que puder, já estou no hospital."

"ZEL: Sis, preciso de você do meu lado, não vou aguentar tudo isso sozinha."

"ZEL: Já falei com a médica, essa noite foi complicada, nossa pequena está indo pra cirurgia, vem pro hospital urgente Sis."

Não era possível que estava passando por isso, eu só queria acordar desse pesadelo.

"ZEL: Porra Sis, pra que você tem celular se não atente essa merda!"

"ZEL: Vamos precisar doar sangue, teve uma complicação na cirurgia, vem logo pra cá Gina, não tenho forças pra fazer isso sem você."

Não sei quanto tempo fiquei olhando aquelas mensagens, parecia que estava em transe até o despertador tocar e eu rapidamente ligar pra Zelena.

- Zel, me perdoa, acabei de acordar - disse na esperança de aquilo ter sido apenas um pesadelo - Como estão as coisas ?

- Regina, preciso de você aqui no hospital, acha que demora quanto tempo para chegar? - O tom de voz dela me deixou muito assustada e apreensiva.

- 30 minutos e eu estou aí Sis, fica forte, eu te amo.

- Eu te amo Sis.

Foi o tempo de um banho rápido e uma maquiagem simples apenas para esconder a cara de cansada que todo esse turbilhão tinha deixado em mim.

Peguei a chave do meu carro e nao pude deixar de olhar a foto onde estavam todos sorrindo, mamãe e papai ao centro com a pequena Callie ainda bebê nos braços e de cada lado duas pequenas que não conseguiam conter a felicidade.

- Por que fizeram isso com a gente? Não consigo sem você mamãe - as lágrimas escorriam e eu não sei se saiu algum som da minha frase, aquela casa enorme estava tão vazia e fria.

Não demorou muito e entrei no hospital a procura de Zelena, foi informada na recepção que estava na sala de repouso, tinha acabado de doar sangue, entrei devagar e a ruiva estava dormindo, os dias tinham sido mais complicados pra ela, como mais velha, se achava na obrigação de tomar a frente das decisões e resolver todas as pendências desse processo doloroso.

Sentei ao seu lado e peguei sua mão, logo em seguida o médico que estava cuidando da minha irmã entrou na sala.

- Bom dia Srta Mills, podemos conversar? - Seu olhar indicava problema e meu coração acelerou na hora.


Notas Finais


Eu comecei a escrever pra me sentir bem, pois era um hobby abandonado a algum tempo.
Espero que gostem.

TT: @beealopes


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...