História Presente (im) perfeito - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Personagens Originais, Suga
Visualizações 18
Palavras 1.968
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Fluffy
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, esta é a primeira fanfic que escrevo e eu a fiz ela como um presente a minha Amiga.


Textinho para ela:

Feliz aniversário meu amorzinhu, mesmo nos conhecendo a pouco tempo sinto como se você sempre estivesse em minha vida. Tu é muito importante para mim te considero uma irmã, as vezes me encomoda ( mas eu encomodo mais kkkkk) mas mesmo assim te amo pois é você que está ao meu lado quando não estou bem e é a pessoa que me faz sorrir!!!!! Nunca se esqueça que você é linda, amiga, divertida, carinhosa, e muitas coisas de bom. Conta sempre comigo praguinha da minha vida! TE AMO MUITOOOO!!! Parabéns! <3


PS: disculpem qualquer erro, como já falei esta é minha primeira fanfic e ainda estou aprendendo! Espero que gostem!

Capítulo 1 - Antes, durante e depois...



                Um dia antes da festa:


Já se passaram seis anos dês que os meninos decidiram seguir cada um com suas vidas depois do fim do BTS, claro que ainda se viam, pois não é tão fácil assim deixar grandes amigos (irmãos) para trás, mas não era com tanta frequência como antes. Pelo menos o fim do grupo os possibilitou assumirem seus relacionamentos.

Foi um pouco difícil para Yoongi e Jimin guardarem seu namoro escondido de todos por tanto tempo principalmente quando algumas de suas fãs começaram a notar momentos de carinho e olhares apaixonados entre eles e instantaneamente iniciarem seus shipps com o casal denominado Yoonmin que em pouco tempo se tornou um dos casais mais queridos pelos fãns do mundo todo. Eles até que gostavam do nome isso ninguém pode negar, mas não estavam preparados para enfrentar os preconceitos que receberiam de boa parte dos moradores de Seul (cidade onde moravam) que por causa de suas tradições rígidas e conservadoras não aceitavam muitas coisas e principalmente casais homossexuais, mas com o apoio dos amigos e de suas famílias conseguiram criar coragem para contar a todos algo que na verdade todos já desconfiavam. Depois de mais ou menos um ano assumidos resolveram adotar uma menininha já que um de seus maiores sonhos era o de constituírem uma família e é claro que assim o fizeram.

Tudo estava em silencio até que Park Sook começa a pular no meio da cama chamando seus pais.

– acordem, acordem, acordem estou com fome – dizia a pequena com um tom choroso, ela sabia que Jimin não resistia a esta vozinha o chamando e fazia logo o que a menina pedia, e ela estava certa ele imediatamente se levantou pegando-a em seu colo e correndo para fora do quarto.

– você bateu com a cabeça sua doidinha, por acaso quer acordar a fera do seu papai Yoongi, sabe que ele fica insuportável quando acordam ele – Jimin falava enquanto ia em direção a cozinha para fazer o café da manhã.

Sook caiu na risada com as falas do pai.

Pobre Park estava tão cansado, a semana estava sendo muito corrida pelo fato do aniversário de cinco anos de Sook estar chegando e como sempre Yoongi não ajudava em nada, usando a mesma desculpa de que uma festa não era tão necessária assim, mas até parece que Jimin ia deixar essa data tão especial passar em branco sendo ele o pai mais babão que todos conheciam.

A pequena projeto de gente estava finalmente quieta enquanto comia suas panquecas, e logo que terminou resolveu ir brincar no pátio dos fundos com Holly seu cachorrinho.

Yoongi havia milagrosamente acordado de bom humor e é claro que Jimin iria se aproveitar da situação.

– Amor faz um favorzinho para mim? – começa a falar com um tom de voz meigo.

– Depende o que você quer? – rebateu Yoongi com uma de suas sobrancelhas levantada e ao mesmo tempo encarando o marido curiosamente.

– Bom, eu como sempre organizei toda a festa da Sook sozinho, não que eu esteja reclamando mas você pelo menos poderia ir comprar o presente da nossa filha? – Jimin falava com toda calma do mundo pois não queria tirar a felicidade imprevista de seu querido parceiro.

– Ok, pode ser, mas o que eu compro para ela? Um carrinho? Uma bola de futebol?... – antes de conseguir terminar suas perguntas é interrompido com um olhar furioso de Park.

– Nossa filha não é um menino para dar carrinhos e bola de futbol seu imbecil - sua calma de minutos atrás acabou e neste momento falou revoltado.

– Então o que você quer que eu compre baixinho – apesar de não ser o melhor momento Yoongi o provoca, mas o mais novo apenas respira fundo para não surtar e prosegue.

– Uma boneca seria o mais indicado.

Yoongi o responde que sim com um sinal de cabeça.

[...]

– Não gostei de nenhuma delas – dizia Yoongi a vendedora, está era a 4 loja em que entrava e não achava a bonequa perfeita para Sook, e seu desespero estava crescendo cada vez mais, se ele não comprasse o presente de sua filha além de faze-la ficar triste Jimin o mataria e ele não queria que nada disso acontecesse, por fim ele agradece a ajuda da moça e vai embora.

Já era noite e nenhuma outra loja estaria aberta o jeito seria ir amanhã antes da festa.

– Se eu não achar uma boneca rápido terei que dormir com o Holly – falou com os olhos revirados enquanto voltava para casa.


                   O dia da festa:


Jimin havia ficado até tarde ontem no salão onde sera realizada a festa, ele estava organizando os últimos detalhes que faltavam, então hoje acabou dormindo mais do que o normal.

Já se passava das dez horas quando acorda e se virando em direção ao lado da cama que é ocupado pelo marido se assusta.

– Onde o Yoongi se enfiou? – pergunta ao perceber que este não se encontra mais dormindo e nem em seu quarto, resolve levantar e procurar por ele. Ao chegar à cozinha encontra um bilhete pendurado na geladeira:

“Querido Jiminie tive que sair cedo para resolver alguns emprevistos antes da festa da Sook, nos encontramos no salão no horário da festa!

Beijos de seu amado marido"

Jimin olha para o papel fixamente tentando processar bem todas as palavras, o mais velho não era tão querido assim há tempos, deve estar aprontando alguma coisa pensa ele ainda meio confuso.

– É bom mesmo você chegar na hora.

[...]

Quase todos já haviam chegado a festa, faltavam apenas Yoongi, Namjoon, Jin, Tae, Hoseok e Jungkook. Fazia tanto tempo des da última vez que todos estavam juntos isso fez Jimin ficar com um frio na barriga e também tinha Yoongi, o mais novo não sabe qual foi o presente comprado pelo yoonie e isso o deixa mais nervoso ainda.

Sook estava brincando com suas coleguinhas da escola, quando Park a olha de longe e pensa o quão é bom ver seu rosto brilhar de felicidade, esse era o maior presente que ele poderia receber em troca de tanto tempo gasto em planejamentos, ver sua filha tão amada feliz.

A pequena ao perceber que o pai a olhava vai correndo em direção a ele com os braços abertos, ele a coloca em seus braços e a da vários beijinhos em seu rosto a fazendo rir com cada um deles, até que ao olharem para a porta vêem todos os meninos acompanhados de Yoongi.

– Tios, papai – dizia a pequena enquanto eles se aproximavam.

Jungkook e Tae foram os primeiros a chegarem perto de Jimin e de Sook.

– Feliz aniversário coisa linda do tio – disseram ao mesmo tempo e lhe dando um beijo em cada lado de suas bochechas fofas, beijos que a pequena Park lhes retribui. Logo Namjoon, Jin e Hoseok Também se aproximaram elas a parabenizaram fazendo-a sorrir com cada abraço apertado que recebia.

Yoongi aparece atrás deles com um pacote enorme e muito bem embrulhado, Jimin ao olhar o presente fica aliviado.

– Papai você chegou! Esse presente é para mim? – a menina pergunta animada ao se jogar nos braços do pai e interrompendo os pensamentos de Park.

– Esse presente aqui é pra uma pirralinha que eu e Jiminie amamos muito – ele a responde em meio a piscadelas fazendo todos rirem.

Todos se imprecionavam ao ver Yoongi com Sook, ele se tornava uma pessoa muito mais doce e alegre, ele podia até ser um pouco mais rígido do que Jimin, mas ele amava aquela menina com todo o seu coração e nunca se arrependeu da decisão de se tornar pai dela.

A pequena começa a abrir o pacote até que se depara com uma boneca quase do seu tamanho e com uma cara meio assustadora, a menina começa a chorar e vai abraçar Jimin, pois estava morrendo de medo, este a acalma e a diz para voltar a brincar com suas amigas.

Quando ela já esta longe, Jimin levanta o rosto e lança um olhar furioso a Yoongi que o observa Desesperado.

– Desculpa amor, eu não consegui encontrar uma boneca ontem e essa foi a única que consegui achar antes da festa! – falava rápido ao tentar se explicar ao marido, enquanto isso os outros meninos apenas riam da situação.

Jimin perde sua paciência e todo o estresse que guardou a semana toda se multiplica, e ele tem que descontá-los em alguém e neste momento seus olhos encontram o alvo perfeito.

– MIN YOONGI – fala indo em direção ao marido.

– Meu Deus... Jin segura ele – o mais velho começa a falar ao perceber que seria logo atacado por Jimin.

– Vocês nunca mudam né?! Sempre sobra pra mim – Jin fala ao segurar o mais novo enfurecido.

– Me solta, eu vou matar esse pai desnaturado e vai ser hoje – falava enquanto tentava se soltar.

Depois de um tempo ele se acalma e olhando para Yoongi o deixa informado que a noite em casa conversariam, frase muito temida por todos que já a ouviram.



            Um dia depois da festa:




Tirando este pequeno incidente a festa foi maravilhosa, tudo exatamente como Jimin havia planejado, a pequena Park estava muito feliz, mas chegando em casa a noite ela ouve uma briga feia entre os pais e na manhã seguinte ao entrar no quarto deles viu uma coisa que a deixou preocupada, um travesseiro os separavam na cama enquanto dormiam.

Uma vez uma colega sua a contou que seus pais começaram a dormir com um travesseiro entre eles até que um dia se separaram e o pai foi embora de casa. Sook ao lembrar-se do relato de sua colega começa a chorar fazendo Jimin e Yoongi acordarem assustados.

– O que houve filha – pergunta Jimin enquanto a coloca na cama junto a ele, Yoongi apenas observa.

– Eu não quero que vocês se separem, eu amo muito vocês dois e não conseguiria viver longe de nenhum!– a menor fala em meio a lágrimas.

Yoongi e Jimin se olham por um instante se sentindo culpados pos fazer à pequena chorar por eles.

– Filha eu e seu pai não vamos nos separar – disse Yoongi tentando tranquiliza-la.

– Mas minha colega uma vez me contou que os pais dela dormiam com um travesseiro no meio da cama e depois se separaram e ontem ouvi vocês brigando – Sook fala.

– Filha quero que você saiba que eu e seu pai às vezes brigamos, mas o amor que sentimos um pelo outro é maior do que qualquer coisa, e nunca iremos nos separar, pois mesmo ele me deixando de cabelos em pé... – ele ri – eu o amo de mais e nunca conseguiria viver longe dele – diz Jimin olhando para a menor, nesse momento Yoongi o olha com os olhos brilhantes e uma pequena lágrima escorre por seu rosto timidamente.

– Então tirem este travesseiro daqui e deixem eu dormi com vocês? – pergunta Sook olhando para os pais com um biquinho estampado em sua boca.

Eles tiraram o travesseiro e dão espaço para a pequena deitar com eles, e assim os três adormeceram com as mãos dadas.

Mais tarde pela brecha da cortina entra um raio de sol no quarto e se focaliza no rosto de Jimin e de Sook esses que se encontram dormindo, já Yoongi está os observando atentamente.

Ele ama quando a luz bate no rosto deles, porque isso o faz sentir um calor bom por dentro que aquece seu coração.

Então ele se levanta um pouco, da um beijo na testa de Sook e um selinho em Jimin, esses que mesmo estando dormindo dão pequenos sorrisos ao receberem o ato de carinho.

– Eu amo vocês – diz yoongi voltando a deitar já com seus olhos se fechando pouco a pouco e com seu enorme sorriso doce em seu rosto.

E é olhando para as duas pessoas mais importantes de sua vida que ele começa a dormir novamente nesta nova manhã de primavera que acaba de chegar a sua casa.


Notas Finais


E ai o que acharam? Espero que tenham gostado! Bjus <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...