História PRESENTES PARA LAUREN - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony, Originais
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Norminah Camren Vercy
Visualizações 235
Palavras 1.475
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ola?? Tão bem?! Espero que sim... Fiz essa cap porque não tinha nada o que fazer kkkkkkk..

Vamos ler amoritos...

Capítulo 9 - Elena


Fanfic / Fanfiction PRESENTES PARA LAUREN - Capítulo 9 - Elena


ELENA JAUREGUI ON.

Hoje irá ter uma festa na casa do Justin é óbvio que não vou faltar, só preciso dá um jeito de enrolar esse pessoal todo...

-Tia Laur - falei terminando o meu jantar - vou subir to cansada...- falei me levantando.

-Tudo bem querida...- disse retirando os pratos da mesa.

Subi as escadas indo direto pro quarto, tranquei a porta começando a me despir trocar de roupa adequada...

Ouço meu celular apitar indicando alguma mensagem.

Mensagem on.

Avril : Esteja pronta em 30 minutos baby.

Depois de ler a mensagem resolvi responder a mesma.

-Em 30 minutos estarei pronta baby.

Mensagem off.

Tava no closet escolhendo alguma roupa que me caia bem essa noite

-Ai Elena se decide - falei pra mim mesma.

[...]

Ja tava pronta sair pela janela pra ninguém me ver, quando ia saindo pelo mesmo ouvir batidas na porta na mesma hora travei.

-Elena?? - Tia Laur meio que gritou.

-Sim tia?? - sair da janela andando de fininho pra deitar na cama.

-Queria saber se não quer assistir filme de terror com a gente??

-Não... To bem na minha cama - falei alto pra ela ouvir

-Ta bom...

Assim que ela saiu respirei aliviada por isso,voltei até a janela saindo pelo mesmo, cada passo que dava pelo telhado meu coração batia errado, assim que cheguei na ponta dei um pulo caindo no gramado.

-aaii - gemi de dor.

Me levantei indo em direção ao carro de Avril que tava no outro lado da rua...

-Hey demorou hein...- reclamou Avril.

-Foi mal tive pequeno probleminha - falo depositando selinho na Avril.

-Vamos que temos uma festa pra curtir...- Avril disse ligando carro dando partida.

[...]

Chegamos na casa do Justin, a festa tava mais que badalado já se encontravam alguns bêbados.

Saímos do carro Avril entrelaçou nossas mãos entramos na casa do Justin, procurando o mesmo.

-Hey?! - Justin surgiu em nossa frente.

-E ai Jus - batemos hi-five.

-Ei Justin...- disse Avril - a festa ta nada mau - sorriu.

-Fiquem a vontade meninas...- disse Jus - ah se por acaso quererem se comerem tem umas camisinhas no meu quarto - avisou dando uma piscada rimos com o comentário desnecessário.

-Não esquenta mano...- disse Avril tranquila.

-Vamos beber que é vida - digo puxando Avril para fora.

Entramos na varanda onde acontecia a festa, tinha DJ tocando várias músicas povo curtindo, bebendo, se pegando, outros se comendo.

-Vai querer beber o que?? - Avril pergunta quando chegamos no balcão.

-Whisky...- disse sorrindo.

-Ei me vem um whisky e uma garrafa de vodka pra mim...- Pediu a um barman logo assentiu. - Você ta muito gata... - Disse me agarrando beijando meu pescoço me causando arrepios.

-Eu sei que sou maravilhosa - falei convencida.

-Você se acha ne?! - falou irônica.

-Aqui a bebidas - falou barman fazendo virarmos pra ele logo Avril pegou meu copo de whisky e sua garrafa de vodka.

-Vem comigo - disse segurando minha mão me guiando sabe lá Deus, pra onde.

-Pra onde ta me levando??

-Pelo quarto do Justin - sorriu maliciosa.

-Você é uma vadia maior cara de pau - disse enquanto subiamos pelas escadas fazendo a mesma rir.

-Se sou vadia então você é a puta quem eu quero fuder a noite toda...- falou bebericando sua garrafa de vodka.

-Será que não dá pra você parar de pensar em sexo por um segundo se quer - reviro olhos.

-Não meu amor, até tendo mas não dá com uma gostosa como você ao meu lado e com meu pau duro gritando pela sua boceta - disse enquanto abria a porta do quarto do Justin.

-Bom saber que você fica toda excitada por mim - falei assim que entrei no quarto.

-Fico até demais - falou enquanto trancava a porta.

E eu bebericava meu whisky observando bem ela tava tão sexy, me sentei na cama esperando a mesma sair do closet...

-Você sabe que não podemos demorar - falei alto pra ela ouvir - tenho uma tia pra enfrentar... - bufei.

-Relaxa gata... Esquece por um segundo esse detalhe...- falou aparecendo no quarto - foca só nos quantas vezes vou te fazer gozar...- rir com o que disse...

Sim!!! Não sou mais virgem perdi não a muito tempo.

-Quero...ver - falei me aproximando dela com minha voz rouca e sexy - você me fazer gozar - falando em seu ouvido mordendo lóbulo de sua orelha sorri vendo ela se arrepiar.

-Não duvide da minha capacidade vadiazinha do caralho...- falou me atacando beijos feroz.

[...]

Acho que essa seria terceira vez que transamos estava quicando no pau dela numa velocidade tremenda.

Tava chegando no meu ápice o foda que gritava de tanto gemer e prazer...

-Oh tão gostosa - disse ofegante - isso fode meu pau sua putinha.

Eu gosto quando ela me xinga acho tão sexy a forma que ela me olha fazendo movimentos em circular...

Acabamos gozando.

Me joguei na cama de tão ofegada.

-Nossa...- falei ofegante - isso...foi incrível.

-Podemos repetir algumas vezes...

-Sim...sim - sorri satisfeita.

[...]

Chegamos na frente de casa do outro lado da rua claro.

-Pronto... Chegamos.

-É eu to vendo - reviro olhos.

-Vou te dá um dólar pra comprar pílula pra você tomar - disse me entregando dólar sorrir com sua preocupação, a camisinha havia acabado na terceira transa fizemos sem camisinha.

-Obrigada...- disse pegando o mesmo.

-Hey nos vemos amanhã OK?

-OK...- Avril se aproximou a beijei com certo desespero - até amanhã... - falei saindo do carro acenei pra ela quando já tava em frente minha casa... Fui pelo lado sem fazer barulho onde ficava meu quarto...

Chegando na janela onde ficava meu quarto comecei escalar nas pequenas escadinhas onde ficavam folhas por toda parte...

Conseguindo chegar no telhado andei devagar sem fazer barulho entrando pela janela entreaberta, assim que adentrei levei um baita susto da porra...

-Elena Jauregui Morgado Scott por onde estava a essa hora?? - Ouvir aquela voz rouca da Lauren irritada gelei na hora arregalando olhos...

-Ti..tia - engoli em seco - co..como vai?? Tudo bem?!

-Não tente mudar de assunto mocinha - falou cruzando os braços.

-O que você ta fazendo no MEU quarto? - Cruzei meus braços mantendo pose de garota rebelde.

-Certo seu quarto... Mas eu sou a dona de tudo o que existe aqui dentro dessa casa.... E você mocinha ta de castigo - falou firme - vamos conversar melhor mais tarde...- Ela ia saindo pela porta mas se virou - A propósito vá tomar um banho, você ta cheirando a sexo. - disse saindo do meu quarto...

Fiquei tipo que nem uma retardada com cara de paisagem o que acabei de ouvir...

É amanhã tenho uma fera pra enfrentar... Bufo com isso.

[...]

DIA SEGUINTE...

Acordei com despertador chato sendo obrigada a levantar da minha maravilhosa cama, entro no banheiro fazer minha higiene matinal...

Assim que acabei o que tinha que fazer desci as escadas indo para cozinha onde estaria minha "família" até a Camila ta aqui...

-Bom dia pirralhos - desejei meu irmãos gêmeos bagunçando cabelos do Matteo.

-Bom dia maninha - falaram em uníssono.

Lauren ainda tava com cara fechada em minha direção reviro olhos pegando meu sanduíche e o suco praticamente me servindo café da manhã.

-Meus pimpolhos hoje a papa de vocês aqui - disse Camila - vai levar os dois pro colégio...

Os gêmeos ficaram olhando pra ela logo riram.

-Certo "papa" - disse Nina fazendo aspas - so vou pegar minha mochila.

-Eu também...- Matteo e Nina foram buscar suas mochilas Camila acompanhou eles...

-Agora estamos a sós Elena - Lauren falou seca.

-Nem percebi - falei irônica.

-Pra onde você foi essa noite?? Ainda escondida.

-Fui numa festa na casa do Justin que ele tava dando OK?! - falei grossa.

-Você sabe que é de menor... Não pode ta saindo por aí pela rua nas madrugadas...

-Já acabou?! - realmente não estava afim de ouvir sermões.

-Elena... Só te peço que não faça mais isso - disse se levantando - e você ta de castigo casa e escola...e escola e casa ponto final...

-VOCE NÃO É MINHA MÃE...-gritei - VOCÊ NÃO MANDA EM MIM - sair de lá que nem um furacão...

[...]

LAUREN JAUREGUI ON.

Aquelas palavras que saíram da boca dela de certa me amagoaram me permitindo chorar...

-Eu fracassei - disse entre soluço de choro - eu não posso mais fazer isso...não consigo Taytay. - Chorei com toda minhas forças.

[...]

-Lolo cheguei - Camz avisou entrando na sala me vendo chorando assim que percebeu correu em minha direção agarrei seu corpo me permitindo chorar. - Meu amor que houve?! Aconteceu alguma coisa?? - Olhei para ela que tava preocupada.

-Elena... Ta cada dia difícil de lidar com ela...

-Hey... Eu to aqui, quer que eu vá conversar com ela?- perguntou fazendo carinho no meu rosto tratei de beijar sua delicada mão.

-Não Camz, não precisa - me aconcheguei em seu colo - só fica aqui comigo...

-Tudo bem meu amor - disse beijando minha cabeça me apertando contra ela. - vou ta aqui sempre pra você...- Olhei pra mesma sorriu puxei pela nuca selando nossos lábios em um beijo...

-Te amo Camz - sei que nunca falamos isso uma pra outra, hoje tenho a certeza de meus sentimentos por ela vi Camz sorrir de orelha a orelha com seus olhos castanhos brilhando.

-Também te amo minha Lolo...- me depositou selinho longo.

Ficamos bom uns tempos assim nas carícias, beijos como se fossem duas adolescentes apaixonadas...


Notas Finais


Nossa Elena pesaaado :/
Fica assim não Lolo 💔


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...