1. Spirit Fanfics >
  2. Press >
  3. Search on Google, fuck

História Press - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Hello guys, so...
A autorinha aqui decidiu que vai lanças em média 2 caps por semana

Então bora pro drama/comédia q vcs amam?
Bora

Capítulo 7 - Search on Google, fuck


Fanfic / Fanfiction Press - Capítulo 7 - Search on Google, fuck

Voltei meus olhos ao Sasuke, observando-o agarrar seus cabelos em um gesto nervoso e me olhar novamente, com uma expressão indecifrável.

Comecei a ligar os pontos, e meu coração falhou em uma batida

 

Sasuke me usou

 

Me usou pra provocar raiva ou ciúmes em algum dois dois ali, mas me usou.

 

Meus olhos se encheram de lágrimas, fazendo Sasuke arregalar um pouco os olhos e se aproximar, mas dessa vez minha cara de bebê não é por medo, 
 

É por coração partido

 

 

... 

   
 

- Saky, olha pra mim...- Estava encarando o chão enquanto derramava minhas lágrimas (de crocodilo) no piso polido da fraternidade Nocturne pensando no quão azarada eu sou por criar sentimentos por ele enquanto eu tremia um pouquinho por conta do choro. De fato oque ele fez foi um puta desrespeito total, mas eu espero de verdade que ele tenha motivos. Enquanto isso, minha única vontade no momento é pesquisar se de alguma maneira teria como eu morrer e reencarnar dentro da barriga da Kate Middletown, porque eu tenho certeza, meus queridos, que uma suposta filha dela não seria usada por um Sasuke-Gostoso-Usador de menininhas-Vingativo

Interrompi meus pensamentos quando senti uma mão quente afagar meu rosto com carinho e olhos arrependidos me encararem

- Podemos conversar?- Sasuke falou baixinho, olhando pra mim enquanto todos presentes no momento nos encaravam como se fôssemos explodir a qualquer momento, ele parecia triste com oque fez; ainda estávamos ofegantes e com as bocas inchadas pelo beijo, e levemente atordoados, mas eu preciso pensar no que ta acontecendo, preciso pensar muito mesmo.- Por favor não chore, eu...

-Eu estou indo embora, t-tchau!- Afastei sua mão com uma grosseria que não é de mim, fazendo o moreno ficar perdido. Me afastei de todos a passos largos e chorando mais que a Polly Shelby quando encontrou seu filho pela primeira vez.

Passei pelo casal que observou a cena toda murmurando um “desculpa por isso”, destinado à exclusivamente um dos dois que ou foram vítimas de raiva, ou de ciúmes ou de raiva/cíumes.

 

===============+++===============
Fraternidade Picke Rickle-8:00am-Domingo

Abri os olhos lentamente, me acostumando com a claridade que entrava pela janela da persiana do meu quarto e completamente aconchegada naquilo que chamamos de cama.

A primeira coisa que pensei foi que eu só podia ter problema mental, porque coloquei pijama de calor pra dormir em um frio de 15°, a segunda foi a minha fatídica situação deplorável de ontem, na qual eu assumi que estou gostando de um garoto pra mim mesma, para ser iludida-decepcionada-arrasada mais ou menos uns 30 segundos depois.

Por fim, a terceira coisa que pensei foi se perdoaria o Uchiha caso ele me desse uma desculpa decente com direito a financiamento da minha assinatura de netflix, por que não aceito se a recompensa for menor que essa... Eu sei, preciso ser cancelada, mas me processem.

A quarta coisa que pensei é que eu posso estar me apaixonando, e que preciso encontrar motivos pra esquecer de Sasuke Uchiha antes que esse sentimento se aprofunde, e fazer do máximo pra não esbarrar com ele no Campus amanhã.

A quinta coisa é que não tem quinta coisa, eu só queria algum número múltiplo de 5 pra fechar.

 

Mas, concluindo, hora de dar um tempo só pra mim, e cuidar um pouquinho da minha saúde física, porque ela está uma grande merda enlatada.

...

- TEMARI!!- Gritei com a cabeça pra fora da porta esperando uma resposta

- QUE É!- Ouvi a voz dela dentro do quarto no fim do corredor

- COMO EU FAÇO PRA SUPERAR ALGUMA COISA?

- PESQUISA NO GOOGLE, PORRA!
 

Lindíssima, perfeito

 

...

- Estralada fenomenal de dedos para uma pré-pesquisa, CHECK

- Pantufa de derrotada, CHECK

- Ignorando completamente o WhatsApp cheio de notificações, CHECK

- Digitando vagarosamente com um teclar pesado de dedos no meu pobre Notebook, CHECK

 

Olhei analíticamente os resultados para “como superar o crush” e encontrei um site perfeito,decerto.

Anotei tudo no meu caderninho com a capa da moranguinho que eu comprei no sexto ano do fundamental e relendo algumas vezes pra checar se faltava algo.

 

“Lista de como superar o seu suposto futuro amor unilateral”            - HARUNO, derrotada Sakura

 

1- Faça as unhas com algum tutorial de qualidade

2- Veja vídeos da Cardi B até se tornar fluente em falar merda

3- Veja algum vídeo sobre os toboáguas mais perigosos

4- Veja Largados e Pelados no Discovery Chanel, porque de pelada você não tem nada. Só está largada mesmo

5- Compre um disco de vinil do Iron Maiden, porquê você merece

6- Decore alguma dance practice do BTS

7- Se interesse por alguém, PS: Essa pessoa não pode ter o nome iniciado com Sasuke e terminar com Uchiha

8- Tome leite direto da caixinha

9- Treine Saque Viagem de vôlei na quadra da faculdade

10- Boa Sorte, filha da puta

 

Algumas pessoas devem achar que eu sou ridícula por ter feito coisas como essas na minha lista com prazo de dois dias, mas quanto mais coisa você enche a sua cachola, menos você pensa no crush, ouçam o conselho da mestre-doutora-profissional em fazer nada, Sakura Haruno.

 

Após a minha linda pesquisa, desci as escadas extremamente frias devido ao clima, fazendo um barulho meio abafado pelo uso de meias, e cheguei no meio da sala com uma caixa de utensílios de unha, sentando no tapete felpudo-Com-Algo-Não-Identificado-Grudado-Na ponta- Eca- Que nojo.

Após colar meu popô no felpo de pelos, comecei a tratar das cutículas horrorosas da minha unha, observando a Tenten dormindo no sofá e coçando seu pinto imaginário.

 

D e r r o t a d a

 

Com direitos a gritos e alguns chingamentos a respeito daquilo que é a coisa mais difícil do mundo, fazer cutículas, escolhi a cor preta matte da coleção limitada de esmaltes da Ino, e uma figurinha de coroa, porque rainha sou.

Comecei pelo dedão pacientemente e não errando uma única vez na mão direita.

Comecei na esquerda já começando a ter um ataque do miocárdio e alguma espécie de Síndrome Respiratória Aguda Grave, já que ofegava de ódio

O pior é que quando você escolhe a cor preta, é mil vezes mais difícil de tirar, porque é preto, e isso não sai, simplesmente gruda no seu tecido epitelial e ri da sua cara enquanto você tenta inutilmente retirar aquilo já na sua segunda camada de pele.

 

Certo, unhas feitas, check, agora o próximo passo é... Ver vídeos da Cardi B, ótimo.

 

30 minutes later

 

- I’m telling you bitch, shit is real, shit is gotta real, cause I don’t fuckin care about what this mother fuckin china are doing, and...Droga esqueci- Já estamos queridos, na minha vigésima vez vendo um vídeo da Cardi B e decorando as falas e até a entonação de voz, acho que pelo menos com isso eu esqueceria da voz extremamente profunda do Sasuke...A Cardi B nos penetra cada vez mais com seus slogans. É, com certeza isso ta dando certo.

 

“-Caralho, você está encharcada linda- Sasuke comentou em frente à minha boca enquanto afastava minha calcinha pro lado, me fazendo tremer e fechar os olhos de vergonha.-Não feche os olhos, quero vê-la me olhando enquanto eu fodo sua boceta com os meus dedos, Haruno.”

 

Caralho Sakura não! Foca na Cardi, na Cardi

 

“-Porra, apertadinha...Tem noção do quão gostosa você é?-Sasuke sibilou, começando movimentos letárgicos dentro da minha intimidade, ele parecia embebedado de prazer enquanto olhava a cena erótica na sua frente”

 

 

“- Posso...?- Sussurrou parecendo hipnotizado

-N-não...- Sasuke riu um pouquinho, roçando nossos lábios em um pré beijo, com os olhos semicerrados, assim como os meus também estavam”

 

-AAAAHHH!!- Soltei um grito agudo angustiado, acordando a Tentem, que me olhou como se eu fosse esquizofrênica e logo subiu pro seu quarto pra continuar a dormir, merda.

Olhei pra Cardi na TV, ja tendo noção que deveria pular pra próxima etapa da lista com um pouco de decepção plantada no meu cérebro.

 

..

 

Já enjoei do terceiro toboágua do vídeo, achei que estava vacinada contra aquele tipo de Tumbnail enganosa, mas vejo que estava equivocada. Pelo menos o tédio me fez cochilar um pouquinho, me aliviando da dor de cabeça de momentos atrás.

Estralei os pés no sofá, ja entrando no canal da Discovery Chanel, abrindo logo no Largados e Pelados, criticando do porquê as pessoas fazem esse tipo de coisa. O único motivo que me faria renegar comida pra começar a comer minhoca seria tocar os pés de Jesus ou dar umas bitoquinhas no Cilian Murphy.

Fala sério, esse cara não sabe o básico? Até eu sei montar uma fogueira com uma lasca de pedra e folhas secas. Afinal eu sou uma Neandertal formadíssima meninas, me processem no Twiiter arcaico, por favor.

 

Depois de terminar o Largados e Inúteis Que não Sabem o Básico de Sobrevivência, eu me vesti com um moletom vermelho da Hollister, uma calça Jeans azul clara, uma touquinha vermelha de crochê com um pompom que a minha vó Bong Soo fez pra mim, e um par de botinhas marrons com forro interno de lã branca, afinal, a temperatura caiu pra 4° e eu não estou muito afim de deixar meus pezinhos de formiga congelarem pelas ruas de Nova Jersey e serem roídos por algum lunático enquanto eu não os sinto por estarem dormentes.


PS: Eu não sou paranoica

 

Parei em frente à lojinha de discos de vinil no final da avenida, reparando na arquitetura retrô e aconchegante do local.

Adentrei batendo minhas botinhas no tapete “Welcome To The Jungle” muito criativo por fazer referência aos Guns n’ Roses 

Entrei direto na ala de Rock pra escolher Iron Maiden, mas ouvi um barulho baixinho no canto da loja, parecia alguém chorando.

Curiosa, olhei pra atendente que mascava um chiclete de boca aberta, e apontou o dedo folgadamente na direção do canto da loja

-Nossa...O que?- Sussurei baixinho, indo até a garota, que parecia desolada.

Ela estava com os joelhos dobrados e o rosto enfiado entre eles, chorando cospiosamente. Me agachei na sua frente, e fiz carinho no topo da sua cabeça

- Hana, ta tudo bem?- Ela levantou a cabeça rapidamente e se afastou um pouquinho de mim, me olhando estática

- Você não vai contar isso pra ninguém, tá me ouvindo?- Ela falou com a voz ríspida ainda tremendo os lábios 

- Ta tudo bem, não vou fazer nada. O que aconteceu? Alguém te fez alguma coisa?- Hana tremeu um pouquinho, que deduzi ser por frio, então peguei meu casaco reserva que guardo na minha bolsa e enrolei nela, vendo seus ombros abaixarem 

- Obrigada, eu estou bem

- Não, você não tá

- Para de me encher o saco

- Não

- Haruno você está me irritando- Ela falou com a voz agressiva, então eu ofereci um sorriso aberto pra ela, vendo ela arquear a sobrancelha

- Viu? Agora parou de chorar- A Pilburn arregalou os olhos levemente, parecendo surpresa, e então se levantou em um pulo. Agarrando meu braço e me arrastando pra fora da lojinha, pagando o disco do Iron Maiden pra mim.

 

E cá estou eu, dentro do carro de Hana Pilburn, que é um Audi TT por sinal, digno da Regina George de Nova Jersey. Enquanto dividíamos um frapuccino do Joe’s, que compramos depois que saímos da lojinha.

Ela encarava o volante, parecendo meio receosa de contar.

- Hana, alguém fez alguma coisa com você?- Os olhos dela fecharam com força e ela ofegou um pouquinho. Fiz um leve carinho no seu ombro, vendo ela relaxar

- Sasori é meu namorado...Você sabe, o quarterback da Liberty...- Ela começou falando 

- Mas...Sem querer sendo intrometida, mas e o que você me disse sobre o Sasuke na festa?

- De fato, eu e Sasuke tivemos um tipo de relação de sexo sem compromisso- Deu uma pausa suspirando- Mas isso foi antes do Sasori, eu só havia dito aquilo pra você na festa porque não tinha ido muito com a sua cara e eu considero muito o Sasuke.

Fechei a cara

Logo eu? 
 

Então você namora o Sasori...Continue...- Hana virou de frente pra mim no banco, cruzando as pernas

- Enfim, sempre o amei e tudo mais, o tratava com muito respeito...- Ela mordeu a boca e lacrimejou- Mas eu o vi beijando a Jane na festa em que conversamos...- Me lembro muito bem de ter visto o Sasori aos beijos com uma garota de cabelos castanhos

E agora a minha ficha caiu

- E aí...- Parou perdendo a voz, me fazendo afagar sua cabeça com carinho.- Eu fui tirar satisfação com ele no quarto da fraternidade dele, e disse tudo oque queria, tudo que saia de mim...- Parou, apertando os olhos com força, deixando as lágrimas saírem- E aí...- Ela fez uma pausa gigante a partir daí, parecia transtornada- Ele tentou me estuprar!

 

Desgraçado!

 

Nem precisei ouvir mais nada. Puxei seus ombros e a abracei meio desajeitada, ouvindo ela chorar soluçando dessa vez

- Pelo amor de Deus Hana, fala pra mim que ele não conseguiu...

- E-eu o chu-chutei no meio das pernas enquanto ele abria a calça, e-e saí co-correndo- Não precisei de mais explicações 

- Ele te machucou?- Ela afirmou com a cabeça apontando para o vergão gigante em seu pescoço e suas pernas machucadas

 

Puta que o pariu!!

 

Hana, preciso que me diga o nome e o endereço de alguém que você confia e que possa nos ajudar

- Eu não quero, Sakura, vão achar que é mentira!

- Ninguém vai espalhar nada. E se essa pessoa espalhar, eu faço Taekwondo e sou faixa preta.- Hana deu uma risadinha no meio do choro

- O Sasuke... Eu preciso vê-lo, ele é muito próximo de mim- Congelei na hora- Ele mora na fraternidade Alpha

 

Pedi pra Hana trocar de lugar comigo, e então eu dirigi como uma louca até parar na frente da fraternidade dele

Antes que hana abrisse a maçaneta da porta, eu agarrei o seu pulso, olhando no fundo dos seus olhos, vendo ela desviar o olhar

- Olhe pra mim!

- Não c-consigo

- Hana Pilburn, aconteça oque acontecer la dentro, não tenha vergonha de si mesma, não se sinta triste por terminar um relacionamento assim.- Ela me olhou dessa vez- Um verdadeiro relacionamento é aquele feito por repreensão das vontades próprias pelo bem do outro, e você fez isso muito bem. Haja o que houver eu sempre estarei na fraternidade com o nome mais esquisito desse Campus, a Pickle Rickle, te esperando caso precise. Você não está sozinha! Você não é suja por ter sido forçada a isso, você é foda pra caralho!!! Porra, você deu um chute no pinto dele, e eu espero que tenha sido com um Jimmy Choo 133 milímetros edição limitada!

Hana olhou nos meus olhos me oferecendo um sorriso aberto enquanto gargalhava, soltando algumas lágrimas, creio eu que de felicidade.

Quando ela finalmente parou de rir, me deu um abraço apertado

- Sakura, você é a garota mais maluca e medrosa, mas ao mesmo tempo mais legal que eu conheci. Obrigada por tudo!

- MALUCA?? É, talvez eu seja, acho que vou pesquisar no google como tratar disso com ingredientes caseiros

- Kkkkkkkkkkkkkkk

 


   11- Fazer uma nova amiga, mas do jeito mais inusitado possível, não pode ser uma coisa forçada. Eu li no google que novas amizades fazem esquecer do crush, decerto...

 

 

 

 

 

 

 

 


 


Notas Finais


Temos uma nova amizade aí? Cute

Sasori filho de uma putinha mal amada


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...