1. Spirit Fanfics >
  2. Pretense >
  3. Indireta

História Pretense - Capítulo 3


Escrita por: Purple_oon

Capítulo 3 - Indireta


A vestimenta avermelhada em seu corpo brilhava com a luz da balada, ela estava mais que ansiosa para vê o barmen e assim que adentrou o ambiente a primeira coisa que vira foi o loiro conversando com seus colegas de trabalho. Tratou de se aproximar da bancada vendo um outro barmen atende-la, mas antes que isso acontecesse Adrien interrompeu.


-Deixe-me que eu atendo.-Informa se colocando na posição do barmen.-O mesmo de sempre princesa?-Morde os lábios ao vê a vestimenta grudada no corpo da jovem.


-Quem te deu essa liberdade para me chamar assim?-Adrien riu baixo gostando da interação de ambos.


-Sou se namorado a parti de agora.-Ele fez a questão de se aproximar nos ouvidos de Dupain sussurrando rouco como se quisesse que ela se arrepiasse.


Marinette não se pronunciou apenas viu o barmen caminhar até as bebidas enchendo o copo de vidro de vodka pura e entregando a ela que bebericou a bebida lambendo os lábios, ato a qual prendeu a atenção do loiro. Fazer papel de gay estava sendo mais difícil do que pensara ainda mais se tratando daquela mulher.


Mas a atenção não durou muito, um homem de cabelos pretos com as pontas azuladas se aproximou de ambos e pediu uma bebida para Adrien, mas a verdadeira intenção era ela.


-Aceita dançar comigo princesa?-Interroga o homem.


Adrien via o flerte totalmente calado tentando conter a vontade de tirar aquele homem de cima dela, e porra! Porque aquilo? Trinca o maxilar ao vê a mão do homem em cima das mãos delicadas de Dupain e aquilo foi o auge para colocar a bebida em cima das mãos dele.


-Aqui está a bebida.-Estava bravo era claro, nunca se sentirá assim antes e o fato de não poder fazer nada o deixava louco.


-Aceito.-Adrien se surpreendeu com a resposta dela, mas se lembrou que ela pensava que ele era gay.


Porra! Xinga em seus pensamentos.


Viu a jovem ir em direção a pista com aquele homem e percebeu os movimentos sensuais que ela fazia esfregando o seu corpo naquele cara! Deveria ser ele ali e não aquele homem. Percebeu os olhos de Dupain sobre si e desviou o olhar.


Oque era aquilo? Estava fazendo um papel de criança? Porra! Ele tinha vinte e sete anos e estava agindo assim? 


Olhar aquela cena não era a melhor coisa por isso pediu para seu amigo tomar conta do cargo enquanto iria para o banheiro. Jogou a água morna em seu rosto e respirou fundo vendo que estava muito incomodado com aquilo, não era algo sentimental, mas saber que tem outro com ela o deixava puto. Morde os lábios com força que não percebe que machucara, voltou sua função de barmen e viu ambos pararem de dançar.


Marinette deixou um beijo bem perto da boca do homem e caminhou em direção ao balcão, estava suada e ofegante oque deixou o loiro ter vários pensamentos proibidos com a garota.


-Aconteceu alguma coisa?-Pergunta devido à expressão nada relaxada de Adrien.


-Não é nada.


-Oh! Eu dancei com um de seus ficantes?-Agreste tenta ao máximo não mostra sua inconformidade ao ouvir aquilo, sério que ela pensou justo nisso?-Oh! Eu achei Luka lindo me desculpa...


-Não é isso...


-Então você queria ficar com ele?


-Porra!-Xinga baixo, mas Marinette conseguiu ouvir bem.-Céus!-Tenta controlar sua fúria segurando o pano branco com força em suas mãos.-Quer alguma bebida?-Pergunta tentando sair daquela situação antes que falasse a verdade.


-Um coquetel de morango...-Não entendeu o comportamento de Adrien, no entanto parou de pensar naquilo assim que viu ele preparar o coquetel de morango.


Percebeu quando ele colocou as luvas transparentes na mão e viu subir mais a manga da camiseta preta mostrando as tatuagens visíveis, mordeu os lábios ao vê aquele bumbum avantajado e a vontade de estapear era enorme. Os cabelos caiam levemente em um coque mal feito que hoje estava mais atraente que nunca, porque diabos aquele homem era gay?


Aliás, se Marinette fosse homem com toda a certeza viraria gay ao vê aquele deus francês na sua frente. Viu quando ele colocou o álcool e misturou com algum líquido rosa e depois os cubos de gelo, suspira ao vê ele corta os morangos em cubos com a faca ressaltando as veias. Adorava vê um homem viril ainda mais naquele estilo, quase se derreteu ao vê ele colocar o morango inteiro na borda do copo encaixando ali. Não era uma cena pecaminosa era uma cena que te levaria para o inferno na hora.


Adrien sabia que ela a olhara, adorava o fato dela mostrar com transparência que estava interessado nele e seria ótimo se ela soubesse que ele não era gay! 


-Bom aproveito...-Sussurra entregando a bebida para a azulada que no mesmo instante encara Agreste.


A atração era mais que visível, mas Marinette estava mais que decidida que ele era gay e que só apenas achava ela bonitinha. No entanto, ao tocar na bebida, carinhosamente Adrien toca nas mãos dela.


Luka tocará naquele local, Luka sentira ela se esfregando nele e só de imaginar aquela cena de novo retirou as mãos dali, Adrien precisava quebrar aquele homem hoje se não, não dormiria bem.


-Você está estranho hoje...-Comenta bebericando o coquetel.-Está bem?


-Hoje não está sendo um de meus melhores dias...-Dita seriamente fazendo ela se arrepiar.-Não quero descontar meu estresse em você apenas, estou cansado e quero ficar quieto.


Marinette tentou entender o motivo do estresse, antes de Luka aparecer ele não estava assim oque fez ela pensar que ele realmente ficou puto com o fato de dançar com Luka, não tinha outra alternativa de fato Adrien Agreste era gay.

—————-


-Já deveria ter ido embora.-Avisa limpando o balcão vendo a azulada fazer um bico.


-Quero ir junto com você.-Fez birra arrancando uma risada de Agreste.-Você fica melhor sorrindo...-Admirou os dentes alinhados e suspirou abobada.


-Você é péssima para esconder seu interesse em mim.-Riu soprado pegando o coquetel da mão da azulada.


-Mas eu nunca quis esconder...



Notas Finais


Boa leitura
Não se esqueçam de curti e comentar 💅🏻✨❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...