1. Spirit Fanfics >
  2. Pretty boy (Kiribaku - Kirishima e Bakugou) >
  3. Brincadeira

História Pretty boy (Kiribaku - Kirishima e Bakugou) - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Olá segue mais um capítulo,

Ps: contém lemon então já sabem

Capítulo 4 - Brincadeira


Fanfic / Fanfiction Pretty boy (Kiribaku - Kirishima e Bakugou) - Capítulo 4 - Brincadeira

07 de Fevereiro - 21h13min


Kirishima havia pedido um pouco de champagne, algumas frutas  e chocolates de acompanhamento. E se fosse para ver a bunda do rapaz  rebolando enquanto anda até o carrinho para pegar a garrafa, ele com certeza pediria mais bebidas. 

- Vai querer uma taça? - Bakugou perguntou lambendo os lábios enquanto observava o ruivo concentrado em um livro qualquer. 

- Claro. - ele coloca o líquido dourado nas taças e sente o olhar do ruivo queimar sua pele, era nítido que o mais velho estava gostando do que observava. 

- Prontinho. - o rapaz entregou uma taça para Kirishima e sentou em seu colo, colocou uma de suas mãos envolta do pescoço dele e esticou suas longas pernas descansando-as no braço da poltrona. - O que deseja meu senhor? - a voz era insinuante com uma promessa perigosa e tentadora. Mas Kirishima não estava acostumado com isso. Nunca tinha dormido com um prostituto e se sentia de certa forma incomodado apesar de nitidamente estar interessado no que Bakugou poderia lhe oferecer.

- Quero que aproveite essa noite garoto, não necessariamente no meu pau. - Bakugou lambe os lábios, era uma espécie de mania que tinha. 

- Como quiser, mas se falar pau mais uma vez me olhando desse jeito não vou conseguir ficar longe. - o rapaz desce do colo do ruivo e deita no tapete felpudo de cor clara. 

Bakugou se assusta com o quão macio é o tapete, o único que tinha em sua casa era o da entrada e não era mais do que uma toalha velha que que eles haviam cortado. 

Enquanto Kirishima tenta focar em sua leitura o garoto pega alguns chocolates e morangos que vieram junto ao champanhe e senta em frente a televisão assistindo programas de comédias que o fazem rir até sua barriga doer. 

Eijirou apenas o observa por cima do livro, em sua mente inúmeros questionamentos rondam. Desde quando ele está nessa vida? Por que entrou nisso? Tem sonhos? Ambições? Almeja fazer esse trabalho até quando?

 Ele parecia ser esperto e sem dúvida era sagaz o suficiente, Kirishima não tinha dúvidas de que se não tivesse interrompido mais cedo o garoto tinha cuidado do caloteiro sozinho.

Sem dúvida Bakugou era um rapaz de beleza espetacular, seu corpo era definido não muito exagerado, sua pele era branca e macia, seus olhos vermelhos envoltos por uma camada de delineador lhe davam um misterio, tinhas os lábios carnudos pintados se assemelhavam a uma fruta apetitosa e suculenta.  A saia provocativa grudada em sua bunda salientava as curvas voluptuosas, já não usava as botas longas que escondiam suas pernas deixando grande parte da pele exposta. Sem dúvida um rapaz bonito. Extremamente bonito. 

- Gosta do que vê? - pergunta Katsuki sem tirar os olhos da televisão. 

- Sem dúvidas. - a voz de Kirishima sai mais grossa que o normal, não queria ceder a vontade crescente de sentir o rapaz sobre suas mãos, mas sabia ser uma luta perdida. 

- E o que achou? - o garoto pega um morango e morde aos poucos enquanto seus olhos encontram os de Kirishima.

- Você é tão bonito. - Bakugou sorri e engatinha até a poltrona onde está sentado o homem. 

- Agradeço o elogio. - o ruivo sente seu membro endurecido apertado em suas calças, os olhos do mais novo descem para sua pélvis. - Acho que precisa de ajuda não é? - Kirishima apenas assente com a cabeça e observa enquanto suas mãos habilidosas liberam seu pênis pulsante. - Bom saber que é tão grande quanto o senhor.   - a palavra senhor soa terrivelmente erótica nós lábios do rapaz, o ruivo estava hipnotizado pelo fruto apetitoso em sua frente. Precisava sentir a boca macia sobre si. 

Kirishima engole seco, ele não consegue pensar em nada inteligente para falar, quando as mãos trabalham lentamente em seu membro ele sente pequenas ondas de excitação serem liberadas por todo seu corpo. 

Bakugou lambe a extensão do pênis devagar e chupa a glande rosada pingando com pré gozo, o sabor de Kirishima era estranhamente doce. Começou com movimentos pequenos penas para fazer sua boca se acostumar com o membro grande e duro. 

O ruivo agarrou o estofado com suas mãos e gemeu alto quando o rapaz o colocou todo na boca, ele era extremamente bom nisso. Seu corpo todo parecia queimar, ele mordeu os lábios tentando em vão conter os gemidos graves que saiam de sua garganta, Bakugou usava a sua língua com maestria esse era de longe o melhor boquete que havia recebido. 

Kirishima cometeu o erro de olhar para baixo, a maquiagem de Bakugou estava um pouco borrada, a boca engolia seu pau deliciosamente a cada movimento e seus olhos estavam lacrimejantes, o rapaz cravou seus olhos na expressão de prazer de Kirishima e o mesmo teve que fazer um esforço descomunal para não gozar no mesmo instante que aqueles olhos selvagens encontram os seus. 

- Oh babe, venha aqui. - o ruivo puxou Bakugou para seu colo e tentou o beijar nos lábios, mas o garoto virou o rosto. - Tudo bem? - perguntou levemente confuso. 

- Sim, mas nada de beijo na boca ruivinho. - para ele beijos na boca era um ato íntimo. Bakugou lambe o pescoço de Kirishima e o mesmo solta alguns gemidos tímidos apertando a bunda gostosa do mais novo contra a sua ereção. 

O garoto rebola em seu colo fazendo uma fricção gostosa sobre seu pau duro como uma tora, o ruivo desfere alguns tapas nas nádegas do rapaz e o ajuda a tirar o cropped. Assim que joga a peça de roupa para longe, Kirishima lambe o peitoral e deposita pequenas mordidas na pele arrepiada. 

- Continua. - pede Katsuki quando o ruivo chupa seus mamilos rosados.

Bakugou pega uma camisinha que estava no bolso de sua saia e ajuda a desenrolar no membro pulsante de Eijirou. Ele chupa o pescoço do ruivo e tira sua calcinha ficando apenas com a saia enrolada em seu quadril. 

- Porra, você estava de fio dental babe? - o mais novo assente com a cabeça sorrindo travesso. - Puta merda, vou por ok? - Bakugou para não gritar quando o pênis grosso é colocado em sua entrada, ele enterra sua cabeça na curvatura do pescoço do mais alto e morde a pele salgada. 

- Coloca tudo por favor. - pede gemendo devasso, se o ruivo não tivesse tanto auto controle ele já estaria fodendo Bakugou como um animal selvagem.

 Mas começou com estocadas lentas, Kirishima queria sentir as pernas do rapaz tremerem de tesão e ouvir sua voz implorar por mais.  O loiro apertou as pernas em volta da cintura do ruivo tentando a todo custo aumentar o ritmo, mas as mãos pesadas em suas nádegas o impediam. 

- Calma babe, isso tem que ser do meu jeito ok? - Kirishima estalou a mão na bunda do rapaz que gritou. - Tão gostoso - Bakugou mexe o quadril sentindo o membro duro e rijo na sua entrada entrar mais fundo. 

- Sim. - ele morde os lábios e o ruivo aumenta o ritmo com as mãos grudadas na bunda do rapaz ajudando-o a subir e descer cada vez mais rápido. - Oh merda isso é tão bom. - dizia em meios aos gemidos.

- Vamos lá, goze pra mim. - assim como as pernas os braços de Bakugou estavam em volta de Kirishima e o apertavam cada vez mais, ele queria tudo o que o ruivo pudesse oferecer. 

- Estou quase, porra! - ele tombou a cabeça para trás e Eijirou o ajudou a subir e descer com mais rapidez. - Por favor não para! - gritou e logo seu corpo todo tremeu pelo orgasmo arrebatador. - Isso foi do caralho. 

- Nem me fale. - ambos estavam ofegantes e sorriram, o rapaz se levantou do colo de Kirishima e arrumou a saia. - Se quiser tomar um banho o banheiro é do lado do quarto ao final do corredor. - o ruivo tira a camisinha e observa Bakugou ir rebolando a bunda maravilhosa para o banheiro. - Tem toalha e roupão nas gavetas se quiser. 

- Está sendo muito atencioso senhor quando essa brincadeira acabar eu posso sentir falta. - diz se voltando para Kirishima. 

- Eu sei que vai babe. 


Notas Finais


Eae meu povo?

Queria saber se vocês querem uma dose de drama nessa história? Tenho algumas coisas preparadas, mas gostaria de saber a opinião de vocês sobre kkkk

Espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...