História Primeiro Amor-Cameron Dallas - Capítulo 7


Escrita por:

Visualizações 25
Palavras 1.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Poesias, Policial, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Mulher para mim!


Fanfic / Fanfiction Primeiro Amor-Cameron Dallas - Capítulo 7 - Mulher para mim!

Karol pov's

- Desculpa ai, não queria incomodar os dois. - Disse Cam saindo para parte de trás da lancha.

- Acha que ele ficou bravo? – Pergunto para Sammy

- Está gostando de Cameron? – Sammy me pergunta

- Não mude de assunto! – Falo séria

- E do que importa? Você correspondeu o beijo. – Disse Sammy com um sorriso malicioso de canto de rosto.

- Eu? Se toca – Éh, meio que eu correspondia mas achava que era o Sammy

- Calma, só fiz isso porque ouvi Cameron falando com Nash sobre você então eu decidi fazer isso para ele ver. – Diz Sammy

-Mas Cameron nem gosta de mim – Falo

- Mas então, a gente está de boa né ? Amigos ???? – Pergunta Sammy

-Desde que você nunca mais faça isso – Falo

- Isso não se repetirá

( . . . )

Estava de volta na casa, eu e Cam iriamos pegar as nossas coisas e iriamos embora, já estava de noite e amanhã teria aula. Pego a minha mochila e coloco no porta malas do carro de Cam

- Vamos ? – Pergunto

- O banco traseiro é todo seu – Diz Cam evitando olhar para mim

- Te fiz algo ? Está me tratando diferente.

- Pergunta para Sammy se ele pode te dar carona!

- Cameron, eu não sou nada de Sammy e cadê aquele trato que a gente fez sobre: nada além de amizade?

- Vamos?

- Vou me despedir de Lox e já volto

Cameron pov's

- Está com ciúmes Cameron ? – Diz Sammy

- Prometi para os pais de Karol não haveria nada além amizade entre todos na casa.

- Fica com ciúmes não, só fiz isso para você se tocar de que você está afim da garota.

- Cala sua boca

- Algum problema entre os dois ? – Chega Karol perguntando

- Claro que não, Sammy já ia voltar, não é Sammy? – Pergunto fazendo Sammy ter que concordar

- Claro que sim! Tchau Ka, tchau Cam – Diz Sammy saindo e entrando novamente na casa

- Se despediu de Lox ? – Pergunto

- Sim, já podemos ir.

Karol entra no carro e eu faço o mesmo. Ligo o rádio e piso o pé bem fundo no acelerador. Estava bem longe da realidade, pensando na possibilidade de estar mesmo gostando de Karol, claro que não é possível, Karol não é o tipo de garota pra mim.

- Obrigada pela carona Cam, boa noite – Diz Karol que logo em seguida beija a minha bochecha – Até amanhã

- Até – respondo

Espero até Karol entrar em casa, vejo a luz da escada acender e apagar, logo em seguida a luz de seu quarto acender. Vou para casa que era no mesmo condomínio mas eu já sei que meu pai iria brigar comigo por chegar tarde.

Entro em casa e logo vejo meu pai sentado no sofá da sala me encarando com uma cara de bravo.

- Isso é hora Cameron ?

- Pai, você sabe que todo fim de semana eu saio com os meus amigos.

- Você pensa assim ? Acha que vai ser dono da minha empresa desse jeito ? Você tem 18 anos e ainda estuda e fica vagabundando por ai chegando tarde. Você já deveria trabalhar e não estudar na escola.

- Pai, você pode me julgar amanhã ? Estou muito cansado e minha cabeça está doendo.

- Ah sim... Só se for a a sua cabeça de baixo de tanto comer a nova moradora do condomínio! Acorda pra vida garoto, você tem mesmo que aprender a administrar uma empresa, você não pode ser o futuro da minha empresa sendo esse vagabundo que você é! Mas isso não vai acontecer, amanhã você vai ver o seu futuro mudar para melhor.

- Para de falar assim com meu filho! – Disse minha mãe

- Mãe deixa, está tudo bem. – Falo

- ISSO GINA, DEFENDE O FILHO VAGABUNDO QUE VOCÊ TEM. ESSE GAROTO VAI FICAR SEM FUTURO POR CAUSA DE VOCÊ QUE MIMA SEU FILHO!

- Cameron sobe! - Minha mãe me ordena

- Não sem você! – Falo a abraçando de lado e a levando para o andar de cima até seu quarto.

Vou para o meu quarto e me jogo na cama, por que meu pai tem que ser sempre assim? Um dia eu ainda vou tirar o meu pai da minha casa e só irá restar eu, minha mãe e minha irmã.

Karol pov's

Entro na sala de Artes indo para o fundo, em seguida Cameron aparece sentando ao meu lado

- Oi – Cam

- Oie – respondo

- Como vai ?

- Bom, Melinda apenas estragou o meu trabalho de artes que vou ter que refazer mas de resto está tudo bem. E você como vai?

- Bom, meu pai só sabe brigar comigo mas eu já estou acostumado.

- Imagino o quão ruim seja, mas não deixe ele te magoar.

- É complicado... Quer almoçar comigo hoje? Eu pago!

- Pode ser.

E como sempre as aulas passavam muito de vagar.

( . . . )

Finalmente o sinal do recreio tocou, sai da sala e fui para o refeitório. Estava com Lox e Emma, descobri que Emma era prima de Cam, o que seria bem difícil de descobrir, pois Emma era muito diferente do Dallas.

- Posso mesmo ? – Emma pergunta para Lox, me deixando confusa.

- Pode, mas se ela não gostar a gente não vai poder obrigar-lhe a ir de novo – Disse Lox deixando claro para Emma

- OK – Disse Emma virando para mim

- Vocês podem me explicar sobre o que vocês estão falando ? – Pergunto

- A gente quer chamar você para ir a uma balada que a gente frequenta, já que como somos amigas a gente queria chamar você para ir. Mas se você não gostar, não vamos te obrigar a ir – Disse Emma

- Que dia vai ser ? – Pergunto

- Sexta a noite – Diz Lox

- Ok, vou querer ir para ver como é – Digo

- KAROL – Ouço alguém gritar o meu nome, era Cameron – Você disse que iria almoçar comigo, vem, tchau meninas – Disse Cameron me levando para uma mesa

- Tchau Lox, tchau Emma, até – Digo

- Até – Disse ambas das garotas

Melinda pov's

- Certo mamãe, essa semana em casa, se eu gostar de ficar na casa, posso até pensar em morar com vocês – Disse desligando a ligação.

Essa vai ser a oportunidade perfeita de me vingar de jeito de minha irmã sem Cameron me impedir!


Notas Finais


Eae, oq acharam? Me dêem dicas d oq eu devo colocar ou tirar da história


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...