História Princess Of Knights Of Cybertron - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Transformers
Personagens Arcee, Breakdown, Bulkhead, Bumblebee, Cliffjumper, Megatron, Optimus Prime, Personagens Originais, Prowl, Ratchet, Stasrcream, Ultra Magnus
Tags Bee, Orion, Pok, Star Dimension, Tfp, Transformers
Visualizações 6
Palavras 508
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Harem, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Dattebayooh, meus amores! ^^)
Como vão? ('u' Espero que bem.
Primeiramente, permitam-me pedir desculpas por enrolar tanto para postar. ;-; É que estou passando por um grandioso bloqueio criativo.
Segundamente...
Aqui está mais um Cap quentinho para voocs. Enton, sem mais delongas...
Boa Leitura! <3

Capítulo 4 - Spark Of Hope


Fanfic / Fanfiction Princess Of Knights Of Cybertron - Capítulo 4 - Spark Of Hope

Naquele momento, minhas preces parecem ter sido ouvidas.

Finalmente eu pude ver a porta de entrada. Bem a tempo, pois partes de teto já começavam a cair atrás de nós.

Metais se chocavam contra o chão, causando ruídos ensurdecedores, bloqueando boa parte do caminho, levantando mais e mais poeira.

E a saída parecia estar se afastando cada vez mais.

Mas apesar da dificuldade, eu precisava protegê-la.

Foi então que, uma enorme placa de metal veio de cima, caiu em nossa direção.

Não tive tempo de pensar nem de agir, apenas nos atirei para o lado de fora, que enfim pude alcançar.

Caindo de costas no chão, foi possível ouvir meu corpo estalar, o que foi dolorido, por alguns segundos.

Levantei-me depressa, corri até a pequena femme, que estava caída a alguns metros de mim.

Ainda inconsciente, o que era bom, de certa forma.

Analisei-a de maneira rápida, nenhum ferimento mais grave.

- Oh, por Primus. Optimus, você está vivo! - Era a voz de Ratchet, que provavelmente acabara de voltar dos arredores da nave. - Eu estou te procurando há tempos... Por onde esteve? Eu estava preocupado! - Protestou, se aproximando de nós lentamente.

- Por favor, agora não, Ratchet... - O olhei por cima do ombro. - Preciso de ajuda...

O alaranjado veio até mim, um tanto exaltado, ao menos, até o momento em que percebeu que eu não estava sozinho.

- O... O que? - A olhou, espantado. - Como você... Encontrou alguém?! - Ele gaguejou.

- É uma longa história, velho amigo. Te explicarei com mais calma depois... - Desviei a atenção para a menor novamente.

A tomei em meus braços de maneira cuidadosa, me virando para Ratchet em seguida.

- Ela realmente precisa de ajuda. - Sussurrei.

No mesmo instante, ele levou dois dedos até seus receptores.

- Arcee, ative a ponte! É urgente. - Disse ele, sem relutância alguma.

Dentro de poucos segundos, o portal surgiu à nossa frente, para enfim, podermos sair daquele lugar.

Tomei frente, com o médico atrás de mim, em poucos passos, já estávamos outra vez em nossa base.

Devo admitir que me senti muito agradecido por enfim nos retirarmos daquela floresta.

De cara, pude ver Arcee em frente aos computadores, Bumblebee próximo as barras de ferro acopladas na parede, e Smokescreen apioado a algumas caixas empilhadas.

Ao entrarmos, a primeira reação de cada um deles, foi um olhar. Talvez uma mistura de desconfiança e curiosidade, principalmente dirigido para a femme em meus braços.

Não esperava menos, afinal para eles, era uma estranha.

- Então é isso. Vocês realmente conseguiram? - Smokescreen caminhou até nós. - Estou impressionado, não imaginava que alguém realmente resistiria a uma queda daquelas. - Finalizou, soltando um assobio.

- Na verdade, isso é tudo mérito de nosso líder. Foi ele quem... A encontrou. - Ratchet pronunciou-se.

Arcee permanecia calada, enquanto Bee fazia um 'joinha', provavelmente em parabenização ao sucesso de nossa missão.

- Optimus, por favor, venha comigo. - Disse o alaranjado, indo em direção à sua pequena enfermaria.

Apenas o segui, sem contradizer, afinal, eu tinha algo muito importante para me preocupar agora.


Notas Finais


E enton, o que acharam? Onde será que essa treta vai dar? :v

Sugestões? Idéias? Reclamações? Sintam-se à vontade para comentar! (^^

É esto... Até a próxima. pwp


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...