1. Spirit Fanfics >
  2. Professor - Jikook >
  3. Por hoje, apenas por hoje

História Professor - Jikook - Capítulo 9


Escrita por: Lindinhab6

Notas do Autor


Oi.
Como vc se sente hj?
Espero que tu goste disso
Boa leitura

Capítulo 9 - Por hoje, apenas por hoje



Apenas sentados sobre o sofa falando de coisas aleatórias. De fato, Jimin já esperava essa recepção, ao menos foi comprimento, mas o pequeno ali não parecia ligar ou se sentir intimidado, agora mais do que nunca, estava em guarda.





— Você a conhece? — Jungkook perguntou em um cochicho. Jimin apenas confirmou em silêncio.




Embora não conhecesse o pequeno ao seu lado, sabia muito bem que o silêncio era estranho.




Jeon ainda tinha dúvidas sobre a estranha  coincidência, mas havia assuntos importantes a serem abordados no momento, fora a antiga conversa com Jimin. 





Não podia apenas esquecer.





Sentandos em sofás diferentes, Jungkook olhou profundamente para aquele em sua frente, cujo Jung Hoseok, lógico que Jeon não queria atrapalhar a conversa, porém não pretendia passar a noite conversando sobre festas e jóias.





Jung Hoseok, trabalhava na polícia investigativa e fazia investigações por quase toda Coreia por ser bem sucedido, mas lógico que ele não  trabalhava apenas para a polícia, já que estava lá apenas por ordem de pessoas maiores.





Kim Namjoon era o homem que distribuía funções.





— Jeon — Levantou deixando um copo de whisky sobre a mesinha de vidro, respirou fundo após chamar pelo Killer e logo fez um sinal para que se retirassem do local.





— Boa sorte — Irônico. Jungkook olhou para Jimin, o mesmo ainda estava sério e intimidador, Jungkook riu deixando um selar no canto dos lábios do menor, mas aquilo não foi nenhuma surpresa para eles. 





Seguindo até a porta, logo as escadas, corredores até finalmente chegar ao escritório.




— Desde quando você está com ele? — Não fazia nem um minuto de Jeon não estava mais ali, porém Jimin se sentia um pequeno cachorro desprotegido e sozinho, e de fato, essa era sua real situação no final.





— Não sou bom com datas — Curto. Sem nenhum copo nas mãos, Jimin cruzou as mesmas se sentindo um pouco mais confortável.





— Seu irmão tem feito um ótimo trabalho — A loira magra que assinava como Solar. Jimin apenas ficou em silêncio — Hwasa, eu lhe disse que ele viria acompanhado, mas do que isso importa? Jeon sempre troca qualquer tipo de puta por você — Olhou de canto.





— Eu pretendo passar a noite com ele — Park Jimin era apenas um personagem como todas as outras vezes que estava ao lado de Jungkook, e não que se sentisse bravo ou enciumado com a situação, ele apenas odiava perde para Hwasa, mas sempre acontecia, porém, hoje seria diferente.





— Pode tentar — Hoje se sentia seguro para um desafio, lógico que essa não era sua verdadeira versão e ainda sentia medo.





As mulheres a sua frente riram, mas aquilo era epenas coisas que ele deveria esperar.





— Park — De volta a sala, Jeon não tinha mais sua camisa de manga comprida cobrindo seus braços, mas sim uma regata que estava vestida por baixo. Seus braços para fora, sua cintura a mostra - por conta da transparência do tecido branco - e sua calça colada; o que ele estava tentando fazer? — Meu celular ficou no carro... Pode me acompanhar? — Jimin apenas levantou seguindo o maior, porém após atravessarem a porta, Jungkook já sabia que havia pessoas os seguindo.





— Jungkook! — Chamou sua atenção e logo a recebendo. Era a primeira vez que Jimin o chamava quase gritando seu nome, porém o menor estava explodindo de uma vez e podia ficar louco — Você não pode ficar com a Hwasa — O pequeno encostou no carro observando Jeon lhe ignorar em seguida. 




— Eu disse que estava lhe pu- 



— Você não entende! — Esbravou o olhando. Jeon respirou fundo observando uma expressão desconhecida até agora.





— O que tem entre vocês? — Perguntou ao perceber que o menor realmente falava sério e que ficaria bravo com aquilo.





— Ela é minha irmã.




De leve, Jeon arregalou os olhos, mas sua expressão sumiu e logo uma nova se fez presente, Jungkook sorriu de lado enquanto olhava para baixo.




— Por favor, Nim.




— Muito formal, não acha? — Olhou em seus olhos o vendo bufar.




— Hyung — Jungkook se sentiu brevemente seduzido por isso, faz tempo que não recebe olhares sinceros.




Jimin permanecia encostando no carro, mas agora olhando ao redor enquanto Jeon procurava seu celular pelos bancos da frente do carro. Se sentiu envergonhado, mas poderia fazer qualquer coisa para não se sentir derrotado mais uma vez, ainda mais depois de ter desafiado sua irmã mais velha.





Seu olhar se encontrava no chão depois de um tempo de espera, sua imaginação estava voando pensando em apenas coisas aleatórias e sem importância, mas aquilo já era muito para não perceber a aproximação de Jeon.





Levantou sua cabeça lentamente esperando qualquer coisa, menos um outro selar, outro e outro, Jeon estava claramente esperando que o menor abrisse a boca, mas Jimin era lerdo para isso.




— Todos nós somos iguais a você, principalmente eu e a Hwasa, mas tem uma pequena diferença — Jimin olhou em seus olhos deixando Jeon falar o que quisesse — Você não tem tanta vontade de vencer, por isso vive como uma sombra.





— Por que me diz isso? — Engoliu a seco.




— Se entregue a toda essa merda, me deixe te guiar e acabar com o ego dela.





Jungkook ainda permanecia parado olhando fixamente para a boca do menor, talvez aquilo seja de família, o jeito que Jeon poderia enlouquecer apenas olhando, esse era o efeito que ambos irmãos  lhe causavam.




— Obri- 



 

E foi nesse momento, naquela noite que Jimin apenas esqueceu o motivo de está preso a Jungkook, se entregando ao seu beijo tão pedido pelo maior, mas ele ao menos sabia como a pessoa a sua frente estava preste a lhe atacar.





Moveu suas mãozinhas até o peito de Jeon, esfregando ali com o embalo do beijo, Jungkook, por outro lado, já agarrava sua cintura desde do começo, logo suas bocas se desgrudaram. Jimin desnorteado, abriu seus olhos e logo se permitiu respirar, recebeu uma leve mordia no queixo enquanto olhava em volta, Jeon continuo descendo sua boca.





Mas logo Park percebeu a figura das mulheres na porta e aquilo foi o bastante para que o fizesse ficar desesperado.




— Jungkook! — Empurrou o corpo que se recusava a se mover — A Hwasa! Me solta!




— Jimin! — Parou os beijos em seu pescoço, mas não se afastou — Do que tem tanto medo? — Respirando fundo, Jimin se acalmou deixando Jeon no comando mais uma vez, jogou sua cabeça para trás aproveitando as mordidas e chupões que o maior deixava de leve.




Olhou de canto vendo que elas já não estavam mais ali.





— Para — Voltou ao empurrar de leve, mas agora o maior se afastou.





Por hoje, apenas por hoje, nada mais importava além de uma bela vingança.














Notas Finais


Nim: É um jeito formal para se dirigir à uma pessoa mais velho ou que seja de maior respeito do que você. Sendo somente um sufixo. – Ssi: Usado de forma formal para se dirigir à algum desconhecido ou para pessoas estranhas à você.

Obrigado e desculpa qualquer erro
Até a próxima

Acompanhe meu outro trabalho recente


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...