1. Spirit Fanfics >
  2. Proibida >
  3. Único

História Proibida - Capítulo 1



Notas do Autor


Oi amores, espero que estejam bem! ♡

E cá estou eu postando a fic do projeto allhina, com o tema melhores amigos!
É uma one bem curtinha Sasuke!centric e espero que gostem 😔❤

A capa PERFEITA foi feita pela @Lahppy, obrigada meu amor, tu é incrível ♡
O capítulo foi betadinho pela @NanyKami, obrigada dengo ❤

Bem, tenham uma boa leitura <3

Capítulo 1 - Único


Proibida

*

Único

O pôr do sol sempre o ajudou a pensar com mais calma e a relaxar, não entendia o porque… mas ele precisava de um descanso, não por conta de sua enorme missão de continuar protegendo Konoha pelas sombras, entretanto, estava exausto mentalmente.

A brisa fresca ia contra a sua face, e ele respirou fundo.

Seus pensamentos não tinham sequer um minuto de sossego, por mais que tentasse, ela não abandonava sua mente. Por quê? Ele ainda não entendia, eram coisas extremamente novas para si, igual uma criança que repete várias vezes a fala que acabou de aprender.

Mas por que logo ela? 

O Uchiha jamais tinha se sentido daquela forma. A ansiedade de talvez encontrá-la na rua, de sentir o toque dela por um mero esbarrão que fosse, de poder olhar naqueles olhos perolados que transmitiam tanta ternura e amor mesmo sabendo que aqueles sentimentos não eram pra ele, e sim para Naruto. 

Por que era ela que comandava seus pensamentos como o assunto mais falado de uma revista?

Por que logo Hinata?

Fechou os olhos, e tentou manter toda sua mente em ordem, mas de novo, a imagem dela sorrindo para si, apareceu em seus pensamentos. Estalou a língua irritado, aquilo o estava deixando completamente nervoso.

Se levantou com brusquidão do gramado e logo abotoou sua capa ao pescoço de novo, precisava andar um pouco.

Enquanto descia o alto morro pensava o motivo daquele sentimento extremamente novo o incomodar tanto, e ao olhar para cima e ver no enorme monte o rosto de seu melhor amigo esculpido, finalmente conseguiu achar uma resposta. 

Hyuuga Hinata era totalmente proibida para si e isto estava praticamente na cara.

— Sasuke-san? — a voz infantil chamou sua atenção e viu Boruto. 

— Boruto.

— Uau, quando voltou pra vila? Hm? E nem me deu um toque. — Sasuke fechou a cara, ele era igualzinho o Naruto… irritante. Seu olhar foi até o pequeno pacote nas mãos do Uzumaki mais novo. — É pra minha mãe, ela ama rolinhos de canela… então eu decidi comprar. — respondeu mesmo Sasuke não tendo perguntado, mas internamente o Uchiha agradecia a informação.

— Hm.

O moreno virou as costas voltando a andar e sentiu o chakra de Boruto o seguindo, no fundo não se importou com a aproximação do garoto, porque seus pensamentos estavam totalmente em outro lugar.

Então Hinata gostava de bolinhos de canela, na verdade não deveria estar surpreso, ela nunca escondeu seu amor por doces e talvez era por isso que era tão docemente bondosa. Ele se lembrava muito bem quando se redimiu de seus pecados, os olhares de desprezo, medo e nojo o perseguiam por onde quer que andasse, não que isso o aflingisse, mas o olhar de Hinata era completamente diferente, sentia não ser apenas superficial igual o das outras garotas, ela realmente o olhava com bondade e carinho mesmo não tendo um pingo de intimidade entre os dois.

Foi aquela hora, se lembrava muito bem quando Hinata o pegou desprevenido no mercado se matando para poder escolher os tomates certos, e como a intrometida que é sem nem o perguntar recolheu os tomates bons. Naquele momento que seu coração palpitou mais rápido.

Estalou a língua irritado ao relembrar também da notícia que o deu meses depois, do namoro com Naruto e logo depois, o noivado também veio.

Maldita Hyuuga!

A amizade que os dois fizeram foi como um elo inquebrável, lembrava o quanto se sentia confortável ao lado dela, poder ouvir sua risada por algo idiota que poderia ter soltado sem querer ou até mesmo quando ficava chateada quando ele se afastava. Ela sempre esteve ao lado dele, o apoiando.

A guerra o fez ter uma amizade com alguém não irritante, com alguém que no fundo o entendia. Não que Naruto não fosse uma amizade que o deixasse bem, mas Hinata era diferente e aquilo no fundo não era só amizade, e sim amor.

Ele sempre esteve ao lado dela, mas agora… era Naruto que estava. 

— Sasuke? — uma voz melódica o fez se arrepiar por inteiro. Só depois foi notar que estava no quintal dos Uzumakis. Hinata o encarava com curiosidade e ele apenas não conseguiu desviar o olhar.

— Hinata.

Boruto que percebia o clima entre os dois apenas apertou o casaco.

— Olha só… a Hima tá me chamando. — inventou uma desculpa e correu para dentro de casa.

Hinata e Sasuke se entreolharam, por mais que Hinata não ficasse mais corada com tanta facilidade, ela continuava tímida como antes, as coisas não eram mais como antigamente.

— O que faz aqui, Sasuke? — quebrou o silêncio.

— Apenas acompanhei Boruto até aqui.

A atual Uzumaki assentiu colocando uma mecha do cabelo negro atrás da orelha, ela fazia isso sempre que estava nervosa. Ah, como era ela linda. Mas quando ela moveu o palmar, a aliança eu seu dedo brilhou, o fazendo despertar e se lembrar de Naruto e também de quando o viu colocar essa aliança.

Se ele tivesse se declarado antes do loiro, talvez, apenas talvez… fosse ele que teria colocado a aliança entre os delicados dedos dela.

— Quer entrar e tomar um chá?

Sasuke iria responder mas, logo um sorriso enorme e doce se fez presente nos lábios da Hyuuga que tinha a atenção totalmente vidrada em cima dos ombros do Uchiha, e ele sabia quem era… aquele chakra extremamente forte e totalmente reconhecido.

— Querido. — soltou Hinata abraçando o próprio corpo pela leve brisa.

Ao observar Naruto se aproximar da esposa e a abraçar, Sasuke percebeu que jamais a poderia tê-la em seus braços, nunca pensou em sentir isso… mas estava com inveja, principalmente depois de notar os olhos perolados inundados de felicidade pela chegada do Uzumaki.

— O que está fazendo aqui fora nesse frio? — Indagou Naruto enrolando rapidamente a esposa no manto do Hokage para a aquecer. As orbes ônix notaram as bochechas pegarem o tom vermelho e aquilo o enfureceu, ele que deveria fazer aquilo, não Naruto. — Incomodando a Hinata essa hora, Sasuke? — brincou o Uzumaki. — Não quer entrar, Sasuke? — indagou ao velho amigo, pousando a mão sobre o ombro da ex-Hyuuga.

A garganta de Sasuke ficou seca. Seu peito apertou como nunca antes, jamais imaginou querer estar no lugar de Naruto, ser como ele, ser ele.

O Uzumaki nem imaginava a sorte que tinha, Hinata era e sempre foi tudo para si e ver ela com outro, com seu melhor amigo poderia o machucar como nem o mais forte dos inimigos o poderia machucar.

A culpa era dele, por o ter deixado ganhar! 

Pela primeira vez, não conseguia sentir orgulho e nem desejar uma boa vida a Naruto. Ele estava sendo egoísta, mas ele queria aquela vida, ao lado de Hinata e filhos.

— Não. — disse e virou as costas para o casal, podendo observar o loiro por cima do ombro, que revirava os olhos. — Você venceu, Naruto! — e logo o Uchiha desapareceu, deixando um Uzumaki confuso para trás.

Sasuke sabia que aquele sentimento era errado, mas ao mesmo tempo era inevitável não desejar aquela mulher tão... proibida.


Notas Finais


Aaaa espero que tenham curtido essa pequena One!

Enfim, não era pra ser essa a fic que eu queria entregar pro projeto... seria uma Gaahina colegial, mas eu lembrei desse plot e quis juntar algo com a amizade Sasuhina no univserso original ❤

Mas ainda pretendo postar a Gaahina colegial, não se preocupem KKKK

Muitos devem estar se perguntando, e a Sakura? Bem, ela não foi citada mas continua ali... apenas não com o Sasuke, ela continua em Konoha, mas não casou com ele. Um dia irei fazer um spin-off dessa fic a respeito da Sakura e aí vcs entenderão!

Bem por enquanto é isso amores, obrigada por lerem!
Beijocas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...