História Projeto do Passado (Imagine Im JaeBum - JB) - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Jackson, JB, Mark, Personagens Originais, Youngjae
Tags Amizade, Brigas, Família, Filho, Got7, Imagine, Inesperado, Jovem, Lembranças, Mark, Namoro, Passado, Relacionamento, Revelaçao, Romance, Rotina, Termino, Você
Visualizações 620
Palavras 1.126
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa noite!
Eu prometi que vinha, não prometi?
Então aqui estamos com o último cap de PP do ano de 2017. Espero que gostem, fiz agora, mas com muito amor! Não me xinguem, por favor! haha
Vamos dar muito amor a PP, que passou dos 300 favs (graças a Camila ( @ strawtears ) e a Mari ( @pawspark ) , essas irmãs lindas que andaram panfletando PP nas obras de arte delas)!

Nas Notas finais tem avisos importantes sobre as fics de final de ano, projeto do TaeHyung, e GRUPO NO WPP para minhas leitoras lindas <3

Banners att em Fevereiro!

Capítulo 13 - E quando eu não entendo?


Era quinta, quando eu recebi um telefonema estranho...

— Alô? — disse despreocupada.

— Senhorita ________? —uma voz desconhecida proferiu na linha.

— Sim, é ela. Pois não? — estranhei um número desconhecido me ligar pela manhã, mas como estava no banheiro do serviço, atendi.

— Aqui é MyungHee, diretora da escola do Chin-Hwa. — continuei a encarar o espelho a minha frente, mais atenta ao telefonema.

— Ah sim, bom dia. — disse receosa. E tudo só piorou ao perceber que ela suspirou pesado do outro lado da linha.

Algo acontecera?

— É que precisamos que a senhora e o senhor Im compareçam à escola amanhã de manhã, no horário de aula do menino. — eu? Por quê?

— É que...

— Já telefonamos para o senhor Im, e ele comparecerá. É muito importante, senhora.

Fechei meus olhos e massageei minha testa, sentindo meu corpo tenso. Aquilo estava estranho. Por que me ligar para falar do Chin-Hwa, se o pai dele já iria?

— Tudo bem. Eu estarei ai.

Finalizamos a ligação, marcando o horário das 08, e ao final do telefonema, eu me senti pesada, como se algo ruim estivesse acontecendo e eu não soubesse.

Telefonei para Choi, mas ele estava em aula, então não me responderia. E quando teve tempo, apenas respondeu ás minhas mensagens com um:

 

Acho importante vir ____. Aqui te explicarão tudo.

Espero que venha.

É pelo Chin-Hwa.

 

Ao chegar em casa, Im comentou que a diretora ligou para ele e combinou de irmos juntos levar Chin-Hwa e já passarmos com a diretora.

Questionei sobe o motivo da ligação e ele ficou um pouco tenso, como se soubesse de algo.

— Não sei. Ligaram hoje pra mim... — respondeu sem olhar-me.

— Mas por que me ligaram? — indaguei curiosa, sentada no balcão da cozinha, enquanto ele preparava um leite quente para o filho, que novamente estava febril e caidinho.

— Não sei... — murmurou, de costas para mim, colocando o leite em uma canequinha infantil e própria para ser tomada quando se está deitado.

— Im... — chamei-o antes dele sair da cozinha para entregar a caneca ao pequeno — O que ele tem? — meu tom de voz era mais baixo e receoso, visto que ele não me falaria nada mesmo sobre o que perguntei anteriormente...

Ainda de costas eu pude vê-lo suspirar, mas ele não se virou. Im abaixou a cabeça e falou mais baixo do que eu.

— Eu não sei dizer... Mas ele vai ficar bem.

E me deixou sozinha na cozinha, incomodada com o adoecimento sem explicação do menor.

E esse pai que não o leva a um médico logo...

Eu sentia vontade de tomar as rédeas e eu mesmo levar Chin-Hwa ao hospital, mas isso seria interferir na vida deles... Seria assumir uma responsabilidade que não é minha. Seria desautorizar Im, e dar vazão a mais incômodos e estranhamentos...

A casa já estava pesada demais, para que eu contribuísse.

 

(...)

Sexta. 08:15 da manhã. Escola Pública. Sala da Diretora.

— Eu chamei os senhores, pois temos observado que Chin-Hwa tem mudado de comportamento nos últimos tempos.

Eu encarava a senhora MyungHee, ainda me questionando do motivo de ter sido convocada, se eu não tenho vínculos com a criança ou instituição; mas ainda assim me mantive quieta e atenta a tudo que era tratado. Tendo me comprometido a não abrir a boca, a não ser que fosse muito necessário.

E tão atento quanto eu, JaeBum estava com um semblante cansado e disposto a verificar qual era o motivo da ligação. Mas estranhamente, ele ainda parecia menos preocupado, ou curioso, do que eu.

— Todos sabemos o quanto Chin-Hwa é comunicativo e risonho, — ela disse sorrindo, o que me fez sorrir minimamente também, lembrando de quando ele fazia suas tarefas assistindo desenho e ficava todo sorridente, e até mais disposto a encarar aquelas lições complicadas para a sua idade —mas ele tem ficado acuado, quieto nos cantos... Cabisbaixo. — ela olhava de mim para Im, e dele para mim; o que estava me deixando incomodada e, de certa forma, constrangida — Tentamos conversar com ele, mas ele não se abre.

Ouvi Im suspirar ao meu lado, e o olhei. Ele tinha tombado a cabeça para trás e fechado os olhos. Parecia estranhamente indisposto ao ouvir aquilo, e eu imaginava que não era fácil ser pai.

— Ele tem conversado um pouco com o professor Choi, mas ele não consegue sozinho, entendem? — ela nos encarava com expectativa, e então eu estava começando a entender o meu papel ali.

Eu era alguém da casa. Ou seja, eu era parte de onde estava o problema.

— O professor Choi disse algo? — Im perguntou, novamente encarando a senhora, que lhe sorriu amável.

— Ele comentou algo comigo, sim. Mas eu gostaria de saber se tem algo acontecendo na casa, que Chin-Hwa possa ter sentido como ameaçador, ou que o intimidou... Pois, observando em aula, com os coleguinhas, seu comportamento mudou, mas não com um alvo ou aspecto em específico. Ele ainda brinca com as mesmas crianças, faz as mesmas tarefas e é apegado aos mesmos professores... Ele só está mais...

— Quieto. — Im completou, e a senhora me olhou novamente, fixando seu olhar em mim, me deixando incomodada.

— Senhora ____? — engoli em seco e mantive meu olhar nela, entrelaçando meus dedos sobre a saia que vestia, angustiada com aquela posição — A senhora percebeu algo? — disse mais amena, parecia até cautelosa, como se eu fosse um gatinho assustado que ela tentava recolher do topo de uma árvore.

Neguei com a cabeça e olhei para a mesa dela.

— Ele só... — minha voz saiu baixa demais, então pigarrei, voltei e olhá-la diretamente nos olhos e continuei mais firme — Tem ficado muito doente.

Deixei que escapasse de uma vez, já que em nenhum momento eles proferiram isso dessa forma. Será que eles não perceberam o quanto ele estava mais doentinho?

Quem sabe assim, Im não seria forçado a tomar alguma atitude mais eficaz? Porque eu não acho que seja saudável uma criança ficar doente toda semana, se recuperar um pouco e logo piorar novamente, em um ciclo sem fim por semanas a fio. Que organismo e humor que resistem?

— Acredito que possa ser isso. — disse em um murmúrio, que todos naquela sala ouviram, e novamente a respiração de Im se tornou mais pesada, como se ele estivesse cansado.

A diretora olhou de um pro outro, entre nós, e suspirou, se recostando na cadeira, começando a fitar o papel a sua frente.

— Algo precisa ser feito. Essa criança não pode continuar assim... Os adultos — ela pausou e nos encarou descaradamente, me deixando mais desconcertada ainda —  pecisam se resolver.

Como assim “resolver”?

Então era por isso que eu estava ali? Eu era realmente um dos possíveis fatores para Chin-Hwa piorar?

Não fazia sentido...

Assim como a minha participação naquela reunião que estava longe de acabar, mesmo quando ouvimos três batidas sutis na porta e um pedido para entrar.


Notas Finais


Pois bem, vale a pena esperar? Haha
Comentem bastante o que acharam, o que sentiram... Se bateu com o que vocês esperavam para o capítulo... E o que vocês esperam para o próximo... Ok?
Soltem o verbo!
Minha expectativa para o final de JANEIRO, é que a gente alcance 350 favoritos.
E vamos ter 2 postagens por mês (ou mais), então vamos dar MUITO amor a PP, que eu vou me empenhar em fazer algo bem legal!

Vou desenrolar TODOS os bônus das minhas fics, em Janeiro (escrever), então para quem ainda não acompanha, ainda dá tempo de dar uma conferida no material, antes dos bônus grandões chegarem!

Grupo wpp: https://chat.whatsapp.com/DOAJllD0RkR9JV6UZ13doC

Teremos PROJETO SeokJin EM JANEIRO! PREPARE-SE!
FIC NOVA COM SEOKJIN: ganhará BÔNUS ainda essa semana (sexta ou sábado)
Fale-me sobre você: https://www.spiritfanfiction.com/historia/fale-me-sobre-voce-11346166

Fanfic para @
Quando Toca o sino (JungKook) : https://www.spiritfanfiction.com/historia/quando-toca-o-sino-jungkook-11330535

Constelação Afetiva (YoonVHope) : https://www.spiritfanfiction.com/historia/constelacao-afetiva-11198006
Elo Impremeditável (Kim TaeHyung) : https://www.spiritfanfiction.com/historia/elo-impremeditavel-kim-taehyung-11390436

e sobre o projeto do Happy BDay TaeTae, o jornal para participar é este:
PROJETO HAPPY BDAY TAETAE: https://www.spiritfanfiction.com/jornais/projeto-happy-bday-taetae-10825177

PROJETO JHM @jiminhouse:
E de repente, você!: https://www.spiritfanfiction.com/historia/e-de-repente-voce-11358570
E então é natal, hyung? : https://www.spiritfanfiction.com/historia/e-entao-e-natal-hyung-11425474

Espero ver vocês no grupo do wpp ( https://chat.whatsapp.com/DOAJllD0RkR9JV6UZ13doC )

Deixo aqui o meu Feliz Ano Novo!
Tudo de bom! E vem com tudo 2018, pois estamos prontas!

Vai rolar jornal de final de ano, explicando como vou funcionar em 2018, se puderem, leiam, por favor.

Ah e vou deixar 3 dicas de leitura para esse final de ano ficar AINDA MELHOR: (das minhas 3 musas - 3 estilos diferentes, e apaixonantes!)
https://www.spiritfanfiction.com/historia/maldito-contrato-suga-10815967
https://www.spiritfanfiction.com/historia/college-jungkook-imagine-11038610
https://www.spiritfanfiction.com/historia/blue-jeans-imagine-jin--kim-seokjin--bts-11454204

Beijos, fui!
Vejo vocês no wpp!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...