História Projeto Y.O.L.O. - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Baekyeol, Bangtan, Bts, Jeon Jungkook, Kimnamjoon, Kimseokjin, Namjin, Taeyoonseok, Yolo
Visualizações 8
Palavras 1.602
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tradução: Problemas passados
“Hey, por que você não usou “problems” ao invés de “Issues” ?”
Para quem não sabe, nós usamos “problems” para nos referir a problemas fáceis de resolver, no caso, idiotas, digamos assim. E “Issues” é usado para problemas realmente sérios que tiram nosso sono, fodem com a nossa rotina e emocional.

Boa leitura [⚜️]

Capítulo 20 - Past issues


Jungkook ligou para o amigo, avisando que iria voltar para a sala que estavam e a partir daí tudo começou a desandar. Yoongi lembrou que tinha uma escultura  para apresentar e tinha deixado ela sozinha, provavelmente iria perder ponto ou perdê-la para algum invejoso. Ele voltou correndo para a exposição junto com Taehyung, que antes estava aliviado por ter resolvido a situação caótica. 

 

Mas o destino veio e colocou outra situação caótica nas suas mãos ; não exatamente nas dele, mas vocês entenderam, suponho. 

 

Jungkook foi o primeiro a chegar no local, e até pensou em entrar,mas resolveu esperar seu amigo e Yoongi. Para o azar dos três , a professora que tinha expulsado Yoongi e Yoona estava na porta, como se fosse uma segurança. 

 

-Licença - Min pede quando está cara a cara com a mais velha.

 

-Nem parece o garoto de horas atrás berrando palavras chulas - ela debocha e Yoongi segura na mão de Deus para não bater na cara dela - sinto lhe informar que você não poderá participar da seletiva. Esta desclassificado.

 

-Por acaso você é a coordenadora daqui? Porque até onde eu sei você é mera professora, incapaz de desclassificar alguém - rebate no mesmo tom de voz.

 

-E você não pode barrar a entrada de nenhum aluno, afinal a exposição não é privada - Taehyung completa - então, use toda a educação que você recebeu para sair da nossa frente. 

 

Mesmo relutante ela faz o que Taehyung pediu e bate o pé no chão em forma de protesto. Aquela mulher era tão imatura, bens a Deus. Não tinha tantas pessoas quanto antes, mas os professores estavam ali e era isso que importa. 

O resto da exposição foi boa, se Yoongi ainda estivesse classificado para a próxima etapa da seletiva.

 

Demorou um bom tempo até Taehyung conseguir convencer Yoongi a não fazer uma macumba para Yoona, ou pegar a própria irmã na saída. Parando para pensar, seria engraçado ver uma briga de dois baixinhos no meio da universidade , se xingando como não houvesse amanhã. 

 

-'tá rindo de quê , Kim?- Yoongi pergunta encarando o garoto ao seu lado com estranheza - as artes fizeram mal para o seu cérebro? 

 

-Não, eu só pensei uma coisa - responde ainda rindo - não liga.

 

-Por que vocês estão de terno ? - Amethyst pergunta,mudando de assunto.

 

-Era para a seletiva - Jungkook responde e destranca o próprio carro - vem, eu dou uma carona para vocês.

 

-Eu tenho carro.

 

-E eu vou sair com Yoongi para ele esquecer esse estresse todo - Taehyung anuncia , passando sorrateiramente seu braço por cima dos ombros do mais baixo. 

 

-Vamos no seu carro, tá ?- Yoongi pede/ avisa a Amethyst e tira a chave da mochila  da garota. 

 

-Beleza, resolvido , fechou - puxa Yoongi pela mão em direção ao carro - tchau, gente.

 

Eles entram no carro , impossibilitando Amethyst de fazer algo, e Taehyung sai em alta velocidade do estacionamento da faculdade. Yoongi liga o rádio e enquanto observa a paisagem pela janela, canta a música que tocada na estação que escolheu. 

 

-Está me levando para aonde, Kim?- Yoongi questiona, olhando para o garoto que está focado no trânsito.

 

-Para a melhor cafeteria que existe. Eu e Jungkook gostamos muito de lá. 

 

-Starbucks? - Taehyung o encara incrédulo com o que ouviu e Yoongi franze as sobrancelhas - que foi?

 

-Você 'tá chapado de toddynho ou bebeu até a prega rainha explodir ? - pergunta retoricamente - o nome dela é International Coffee and Bakes, seu desinformado. 

 

Yoongi revira os olhos diante da ofensa sem sentido do mais alto. 

 

-Você só tem o Jungkook de amigo lá na faculdade ?- muda de assunto, voltando a encarar a janela.

 

-Não, também tem o Jimin e o Chanyeol.

 

-Jimin? Tipo, Park Jimin? 

 

-Sim (?) - responde encarando brevemente o menor - por que? 

 

-Porque eu já peguei ele.

 

Taehyung pisa no freio de repente, se não fosse o cinto de segurança, os dois já teriam voado carro a fora. 

 

-Você é doente?!- Min grita.

 

-Como assim você pegou o Jimin?- Taehyung grita de volta.

 

-Foi no intervalo, caralho - explica , tentando normalizar a respiração - uma aposta que fizeram. 

 

Taehyung volta a dirigir e responde os xingamentos dos motoristas atrás dele com o dedo do meio. 

 

-Ele também chupou meu pau.

 

Dessa vez a maneira que o carro freia é tão brusca que Taehyung bate a cabeça no volante, consequentemente apertando a buzina. 

 

-Porra, Taehyung!- ele novamente grita enquanto distribui tapas no braço de Taehyung - Tá querendo me matar? 

 

-Ai, ai , caralho! - tenta desviar dos tapas enquanto volta a dirigir de novo - como assim um bebê como o Jimin te chupou? 

 

-A única coisa de bebê que o Jimin tem é a cara - ele caçoa do mais alto - aquele garoto definitivamente não é puritano. 

 

-Eu estou chocado - murmura e estaciona o carro na frente da cafeteria - chegamos.

 

-Só digo uma coisa : ele faz o melhor boquete do mundo - Yoongi tira o cinto e sai do carro - não sei como você nunca quis ficar com ele.

 

Taehyung também sai ainda perplexo, tranca o carro e caminha junto com Yoongi até a cafeteria. O cheiro gostoso de donults invade as narinas dos dois quando entram no local bem decorado e aconchegante. Definitivamente o melhor lugar do mundo. Taehyung escolhe uma mesa perto de uma das grande janelas que tem no estabelecimento e Yoongi senta a sua frente, observando tudo ao seu redor , incluindo o atendente bonito. 

 

-Seja discreto, Yoongi - Taehyung murmura encarando o grande cardápio preso na parede da cafeteria.

 

-Quem você pensa que é para me dizer o que fazer ? - o baixinho indaga ainda encarando o funcionário que lhe chamou  atenção. 

 

-Acha que vai conseguir algo sendo assim?- indaga olhando para o garoto a sua frente. 

 

-Eu sempre consigo o que quero sendo assim, Kim - murmura com desdém - não vou mudar meu jeito de ser porque você acha necessário. Manque-se. 

 

Taehyung ergue as mãos em rendição e levanta, já sabendo o que irá pedir. Depois de perguntar o que Yoongi queria, ele foi para o caixa fazer os pedidos e pagar a conta sem o outro saber , é claro. Kim voltou para a mesa alguns minutos depois com os pedidos em mãos.

 

-Sabe aquela pergunta que eu fiz no banheiro hoje ? - Taehyung pergunta , colocando os pedidos na mesa.

 

-Sei, e daí?- morde um pedaço do donut. 

 

-Pode responder?- pede um pouco apreensivo e curioso, esperando uma resposta negativa. 

 

-Eu não costumo compartilhar minha vida com curiosos como você, mas eu vou falar - solta um longo suspiro - sinta-se lisonjeado.

 

-Estou lisonjeado - diz da maneira mais convincente do mundo. 

 

-Eu e ela somos irmãos gêmeos bivitelinos e, por alguma razão que eu não sei, sempre me destaquei mais que ela em tudo - começa a história, dramatizando um pouquinho sua voz - e a Yoona, bem, sempre gostou ser os centros das atenções, afinal , o ascendente dela é em Leão.

 

-Caralho, que tenso - murmura com a boca cheia, totalmente focado na história.

 

-Você não sabe o quanto - revira os olhos - voltando, essa parada de querer chamar mais atenção que eu se intensificou quando a gente entrou na faculdade e ela conheceu o Dak-ho.

 

-Eu não conheço ele - comenta.

 

-Claro que conhece, Kim ,não fale absurdos - dá uma mordida no donut - ele é o cara que organiza as resenhas mais fodas. 

 

Taehyung fica um tempo pensativo, tentando lembrar do ser citado, mas nada vem na sua mente.

 

-Continuando - novamente revira os olhos - eles se conheceram e logo começaram a namorar , mas não foi por amor e sim por pura manipulação que a Yoona fez e ele caiu. Eu o conheci algumas semanas depois do início do namoro e ele começou a cagar para ela a partir daí, dava em cima de mim com frequência e ate passava os intervalos comigo. 

 

-E o que ela fez ? 

 

-Me atacava psicologicamente em casa - responde - e eu era , o trouxa , engolia tudo. Meu pai só descobriu quando eu gritei tudo o que estava acontecendo em uma das nossas brigas e...

 

-E ?- o interrompe.

 

-Ela colocou uma substância na minha comida que me fez ter uma hemorragia interna.

 

-Caralho, ela quase te matou?- Taehyung grita tão alto que toda a cafeteria parou o que estava fazendo para olhá-lo - foi mal , pessoal.

 

-Só paga micão, puta que pariu.

 

-Continua a história! 

 

-Sim, ela quase me matou. Nesse dia eu virei essa pessoa foda que eu sou e fiz a vida dela um inferno. Meu pai mandou ela morar com a minha mãe , outra doente , porque não aceitava viver embaixo do mesmo teto que um monstro. 

 

-Porra, que loucura  - murmura descrente e Yoongi apenas balança a cabeça, concordando enquanto come seu donut. 

 

-Yoona cismou que eu quero ser como ela - debocha e solta uma risada - coitada.

 

-É, coitada - rir junto com ele - a forma que ela falou lá na exposição parecia que tudo isso aconteceu recentemente.

 

-É porque eu dei para o Dak-ho recentemente, entendeu?

 

Taehyung balança a cabeça lentamente e volta a comer em silêncio, assistindo o programa que passa na televisão gigante da cafeteria. Yoongi aproveita o momento de distração do outro para observá-lo melhor; maxilar marcado, nariz bem desenhado , ombros largos, braços levemente malhados e olhar descontraído. Com toda certeza do mundo Yoongi daria para esse cara.


Notas Finais


Gostaria muito de prometer uma atualização amanhã , mas como vou entrar em semana de prova, será muito difícil escrever.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...