História Projeto Y.O.L.O. - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Baekyeol, Bangtan, Bts, Jeon Jungkook, Kimnamjoon, Kimseokjin, Namjin, Taeyoonseok, Yolo
Visualizações 15
Palavras 1.602
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tradução: Problemas passados
“Hey, por que você não usou “problems” ao invés de “Issues” ?”
Para quem não sabe, nós usamos “problems” para nos referir a problemas fáceis de resolver, no caso, idiotas, digamos assim. E “Issues” é usado para problemas realmente sérios que tiram nosso sono, fodem com a nossa rotina e emocional.

Boa leitura [⚜️]

Capítulo 20 - Past issues


Jungkook ligou para o amigo, avisando que iria voltar para a sala que estavam e a partir daí tudo começou a desandar. Yoongi lembrou que tinha uma escultura  para apresentar e tinha deixado ela sozinha, provavelmente iria perder ponto ou perdê-la para algum invejoso. Ele voltou correndo para a exposição junto com Taehyung, que antes estava aliviado por ter resolvido a situação caótica. 

 

Mas o destino veio e colocou outra situação caótica nas suas mãos ; não exatamente nas dele, mas vocês entenderam, suponho. 

 

Jungkook foi o primeiro a chegar no local, e até pensou em entrar,mas resolveu esperar seu amigo e Yoongi. Para o azar dos três , a professora que tinha expulsado Yoongi e Yoona estava na porta, como se fosse uma segurança. 

 

-Licença - Min pede quando está cara a cara com a mais velha.

 

-Nem parece o garoto de horas atrás berrando palavras chulas - ela debocha e Yoongi segura na mão de Deus para não bater na cara dela - sinto lhe informar que você não poderá participar da seletiva. Esta desclassificado.

 

-Por acaso você é a coordenadora daqui? Porque até onde eu sei você é mera professora, incapaz de desclassificar alguém - rebate no mesmo tom de voz.

 

-E você não pode barrar a entrada de nenhum aluno, afinal a exposição não é privada - Taehyung completa - então, use toda a educação que você recebeu para sair da nossa frente. 

 

Mesmo relutante ela faz o que Taehyung pediu e bate o pé no chão em forma de protesto. Aquela mulher era tão imatura, bens a Deus. Não tinha tantas pessoas quanto antes, mas os professores estavam ali e era isso que importa. 

O resto da exposição foi boa, se Yoongi ainda estivesse classificado para a próxima etapa da seletiva.

 

Demorou um bom tempo até Taehyung conseguir convencer Yoongi a não fazer uma macumba para Yoona, ou pegar a própria irmã na saída. Parando para pensar, seria engraçado ver uma briga de dois baixinhos no meio da universidade , se xingando como não houvesse amanhã. 

 

-'tá rindo de quê , Kim?- Yoongi pergunta encarando o garoto ao seu lado com estranheza - as artes fizeram mal para o seu cérebro? 

 

-Não, eu só pensei uma coisa - responde ainda rindo - não liga.

 

-Por que vocês estão de terno ? - Amethyst pergunta,mudando de assunto.

 

-Era para a seletiva - Jungkook responde e destranca o próprio carro - vem, eu dou uma carona para vocês.

 

-Eu tenho carro.

 

-E eu vou sair com Yoongi para ele esquecer esse estresse todo - Taehyung anuncia , passando sorrateiramente seu braço por cima dos ombros do mais baixo. 

 

-Vamos no seu carro, tá ?- Yoongi pede/ avisa a Amethyst e tira a chave da mochila  da garota. 

 

-Beleza, resolvido , fechou - puxa Yoongi pela mão em direção ao carro - tchau, gente.

 

Eles entram no carro , impossibilitando Amethyst de fazer algo, e Taehyung sai em alta velocidade do estacionamento da faculdade. Yoongi liga o rádio e enquanto observa a paisagem pela janela, canta a música que tocada na estação que escolheu. 

 

-Está me levando para aonde, Kim?- Yoongi questiona, olhando para o garoto que está focado no trânsito.

 

-Para a melhor cafeteria que existe. Eu e Jungkook gostamos muito de lá. 

 

-Starbucks? - Taehyung o encara incrédulo com o que ouviu e Yoongi franze as sobrancelhas - que foi?

 

-Você 'tá chapado de toddynho ou bebeu até a prega rainha explodir ? - pergunta retoricamente - o nome dela é International Coffee and Bakes, seu desinformado. 

 

Yoongi revira os olhos diante da ofensa sem sentido do mais alto. 

 

-Você só tem o Jungkook de amigo lá na faculdade ?- muda de assunto, voltando a encarar a janela.

 

-Não, também tem o Jimin e o Chanyeol.

 

-Jimin? Tipo, Park Jimin? 

 

-Sim (?) - responde encarando brevemente o menor - por que? 

 

-Porque eu já peguei ele.

 

Taehyung pisa no freio de repente, se não fosse o cinto de segurança, os dois já teriam voado carro a fora. 

 

-Você é doente?!- Min grita.

 

-Como assim você pegou o Jimin?- Taehyung grita de volta.

 

-Foi no intervalo, caralho - explica , tentando normalizar a respiração - uma aposta que fizeram. 

 

Taehyung volta a dirigir e responde os xingamentos dos motoristas atrás dele com o dedo do meio. 

 

-Ele também chupou meu pau.

 

Dessa vez a maneira que o carro freia é tão brusca que Taehyung bate a cabeça no volante, consequentemente apertando a buzina. 

 

-Porra, Taehyung!- ele novamente grita enquanto distribui tapas no braço de Taehyung - Tá querendo me matar? 

 

-Ai, ai , caralho! - tenta desviar dos tapas enquanto volta a dirigir de novo - como assim um bebê como o Jimin te chupou? 

 

-A única coisa de bebê que o Jimin tem é a cara - ele caçoa do mais alto - aquele garoto definitivamente não é puritano. 

 

-Eu estou chocado - murmura e estaciona o carro na frente da cafeteria - chegamos.

 

-Só digo uma coisa : ele faz o melhor boquete do mundo - Yoongi tira o cinto e sai do carro - não sei como você nunca quis ficar com ele.

 

Taehyung também sai ainda perplexo, tranca o carro e caminha junto com Yoongi até a cafeteria. O cheiro gostoso de donults invade as narinas dos dois quando entram no local bem decorado e aconchegante. Definitivamente o melhor lugar do mundo. Taehyung escolhe uma mesa perto de uma das grande janelas que tem no estabelecimento e Yoongi senta a sua frente, observando tudo ao seu redor , incluindo o atendente bonito. 

 

-Seja discreto, Yoongi - Taehyung murmura encarando o grande cardápio preso na parede da cafeteria.

 

-Quem você pensa que é para me dizer o que fazer ? - o baixinho indaga ainda encarando o funcionário que lhe chamou  atenção. 

 

-Acha que vai conseguir algo sendo assim?- indaga olhando para o garoto a sua frente. 

 

-Eu sempre consigo o que quero sendo assim, Kim - murmura com desdém - não vou mudar meu jeito de ser porque você acha necessário. Manque-se. 

 

Taehyung ergue as mãos em rendição e levanta, já sabendo o que irá pedir. Depois de perguntar o que Yoongi queria, ele foi para o caixa fazer os pedidos e pagar a conta sem o outro saber , é claro. Kim voltou para a mesa alguns minutos depois com os pedidos em mãos.

 

-Sabe aquela pergunta que eu fiz no banheiro hoje ? - Taehyung pergunta , colocando os pedidos na mesa.

 

-Sei, e daí?- morde um pedaço do donut. 

 

-Pode responder?- pede um pouco apreensivo e curioso, esperando uma resposta negativa. 

 

-Eu não costumo compartilhar minha vida com curiosos como você, mas eu vou falar - solta um longo suspiro - sinta-se lisonjeado.

 

-Estou lisonjeado - diz da maneira mais convincente do mundo. 

 

-Eu e ela somos irmãos gêmeos bivitelinos e, por alguma razão que eu não sei, sempre me destaquei mais que ela em tudo - começa a história, dramatizando um pouquinho sua voz - e a Yoona, bem, sempre gostou ser os centros das atenções, afinal , o ascendente dela é em Leão.

 

-Caralho, que tenso - murmura com a boca cheia, totalmente focado na história.

 

-Você não sabe o quanto - revira os olhos - voltando, essa parada de querer chamar mais atenção que eu se intensificou quando a gente entrou na faculdade e ela conheceu o Dak-ho.

 

-Eu não conheço ele - comenta.

 

-Claro que conhece, Kim ,não fale absurdos - dá uma mordida no donut - ele é o cara que organiza as resenhas mais fodas. 

 

Taehyung fica um tempo pensativo, tentando lembrar do ser citado, mas nada vem na sua mente.

 

-Continuando - novamente revira os olhos - eles se conheceram e logo começaram a namorar , mas não foi por amor e sim por pura manipulação que a Yoona fez e ele caiu. Eu o conheci algumas semanas depois do início do namoro e ele começou a cagar para ela a partir daí, dava em cima de mim com frequência e ate passava os intervalos comigo. 

 

-E o que ela fez ? 

 

-Me atacava psicologicamente em casa - responde - e eu era , o trouxa , engolia tudo. Meu pai só descobriu quando eu gritei tudo o que estava acontecendo em uma das nossas brigas e...

 

-E ?- o interrompe.

 

-Ela colocou uma substância na minha comida que me fez ter uma hemorragia interna.

 

-Caralho, ela quase te matou?- Taehyung grita tão alto que toda a cafeteria parou o que estava fazendo para olhá-lo - foi mal , pessoal.

 

-Só paga micão, puta que pariu.

 

-Continua a história! 

 

-Sim, ela quase me matou. Nesse dia eu virei essa pessoa foda que eu sou e fiz a vida dela um inferno. Meu pai mandou ela morar com a minha mãe , outra doente , porque não aceitava viver embaixo do mesmo teto que um monstro. 

 

-Porra, que loucura  - murmura descrente e Yoongi apenas balança a cabeça, concordando enquanto come seu donut. 

 

-Yoona cismou que eu quero ser como ela - debocha e solta uma risada - coitada.

 

-É, coitada - rir junto com ele - a forma que ela falou lá na exposição parecia que tudo isso aconteceu recentemente.

 

-É porque eu dei para o Dak-ho recentemente, entendeu?

 

Taehyung balança a cabeça lentamente e volta a comer em silêncio, assistindo o programa que passa na televisão gigante da cafeteria. Yoongi aproveita o momento de distração do outro para observá-lo melhor; maxilar marcado, nariz bem desenhado , ombros largos, braços levemente malhados e olhar descontraído. Com toda certeza do mundo Yoongi daria para esse cara.


Notas Finais


Gostaria muito de prometer uma atualização amanhã , mas como vou entrar em semana de prova, será muito difícil escrever.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...