1. Spirit Fanfics >
  2. Prometida à um Mafioso (Imagine Min Yoongi). >
  3. Órfã.

História Prometida à um Mafioso (Imagine Min Yoongi). - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Aviso: essas são as roupas que você usou para ir ao “encontro” e essa menina, será você. Espero que tenham entendido. ♥️♥️♥️

Capítulo 3 - Órfã.


Fanfic / Fanfiction Prometida à um Mafioso (Imagine Min Yoongi). - Capítulo 3 - Órfã.

Hana POV. 

— Como é? — perguntou meu “pai”, com um tom de voz confuso.

— Esse... esse... — enquanto penso, vejo ele dar um sorriso irônico — Branquelo azedo, me espionava na escola. — o branquelo me encara com raiva, respirando fundo e levantando-se do sofá.

— Ah... — o mais velho disse desconfortável — É verdade, senhor? — o encaro confusa, senhor? Meu pai nunca havia chamado ninguém de senhor ou senhora.

— Sim. — ele diz com sua voz grave e rouca, com as mãos no bolso e sem tirar os olhos de mim.

— Viu? Não posso me casar com um tarado. — me viro e quando ia em direção as escadas, sou interrompida pela sua voz.

— Eu queria ver como era a minha futura esposa. — congelo, e me viro devagar, em seu rosto havia um sorriso malicioso, me olhando de cima a baixo.

— Olha. — vou até meu pai — Você nem sabe qual é a idade dele. 

— Tenho 35 anos. — paraliso.

— O QUE?? — falo em tom alto, incrédula, esse homem não envelhece? — Você tem o dobro da minha idade. — me viro novamente para meu pai — Além de tarado, ele é velho. — escuto sua risada e o olho de canto de olho — Eu não posso me casar com ele, pai, por favor.

— CHEGA!! — ele grita e se vira bruscamente para mim, assustando-me — Você vai se casar e pronto.

— Você não tem esse direito! — exclamo com a voz trêmula, ele agarra meu braço com força e me olha furioso.

— Ou você se casa com ele, ou o seu futuro estará perdido. — ele olha para o lado — E o do seu irmão também, então, suba e arrume-se bem, conheceremos a família do seu noivo.  — olho para o lado e vejo Lucas assustado e triste.

— Me solta! — me solto dele — Você quer que eu me case com ele? — ele assente com a cabeça e eu olho para o branquelo — Eu me caso. — ele sorri — Mas, apartir de hoje. — me aproximo do meu “pai” — Você não tem mais filha. — rapidamente, sua expressão muda e ele ficando sério e entristecido — E você. — viro para o homem, que mantinha um sorriso em seu rosto — Eu farei da sua vida um verdadeiro inferno. — giro os calcanhares e vou em direção as escadas, subindo-as.

Vou para o meu quarto, entro no mesmo e bato a porta, trancando-a logo em seguida. 

— Eles querem que eu me case, pois bem, eu me caso. Eu estou fazendo isso pelo Lucas, não por ele. — resmungo para mim mesma,  abrindo o guarda-roupas e pegando uma roupa qualquer. 

Como eu havia tomado banho à pouco tempo, apenas escovei os dentes e vesti a roupa, penteei o cabelo e fiz uma maquiagem. Peguei a bolsa e dentro dela, coloquei o meu celular, carregador, meus cartões de crédito e meu remédio. Já era 22:30 e eu ainda não conseguia acreditar no que estava acontecendo.

Sai do quarto e sigo em direção ao quarto de Lucas, bato na porta e segundos depois ele a abriu. 

— O que... — ele para de falar e me olha de cima para baixo — Uau! — sorrimos — Você está linda. 

— Tá, você já está pronto? — falo friamente enquanto ele assentia com a cabeça, ambos fomos até as escadas, descendo-as e chegando no primeiro andar, onde não havia ninguém.

— Seu pai espera por vocês do lado de fora. — Irina respondeu, dando um sorriso encantador para mim, logo percebendo minha curiosidade sobre o branquelo não estar ali — Eles foram primeiro. — dou de ombros e saímos, com Lucas atrás de mim.

Saímos da nossa mansão e na rua do condomínio, encontramos nosso pai dentro da limousine e James do lado de fora, com a porta aberta.

Lucas entra primeiro e eu entro logo depois, fazendo com que James fechasse a porta logo em seguida.

— Você está linda. — disse o homem, vulgo meu pai.

— Eu nem sei quem é você. — suspiro — Eu já disse. Apartir de agora, eu não tenho pai.— coloco meus fones em meus ouvidos e coloco uma música qualquer em meu celular, encostando a cabeça na janela e logo sentindo a limousine andar. 


Notas Finais


Me desculpem pela demora, obrigada por chegarem até aqui. ♥️♥️♥️♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...