1. Spirit Fanfics >
  2. Promises of a hot night - Imagine Im JaeBum GOT7 >
  3. Noite inesperada

História Promises of a hot night - Imagine Im JaeBum GOT7 - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Noite inesperada


Fanfic / Fanfiction Promises of a hot night - Imagine Im JaeBum GOT7 - Capítulo 3 - Noite inesperada

Mark me levou para casa depois daquilo, Sehun sabe realmente ser um completo babaca. 

 

—S/N? Precisa de algo, se quiser eu durmo aqui com você...-Diz Jackson com um sorriso de canto.

 

—Engraçadinho você, mas não preciso de nenhum homem para me proteger, muito obrigada. 

 

—Está bem, mas se precisar de algo me chama, ok? 

 

—Ok Jackson -Digo dando um sorrisinho

bobo.

 

Jackson saiu do quarto mas não consegui dormir vi um filme para tentar me destruir, mas estava muito chateada com tudo o que estava acontecendo, como pode tudo mudar de uma hora para outra tão drasticamente. Resolvo descer para tomar um copo de água. Quem sabe assim relaxar para conseguir dormir.

 

Abro a porta devagar, essa porta é muito barulhenta. Desço as escadas, e vou até a cozinha. Abro a geladeira, eu ia pegar uma garrafa de água, mas acabo mudando de ideia e pego um chá que gelado que é minha bebida preferida. 

 

—S/N? -Ouço uma voz atrás de mim. Meu corpo gelou. -Não conseguiu dormir? 

 

—Oh não, não consegui, estou com a cabeça longe  -A cozinha estava realmente escura e deu apenas de vê-lo entre alguns clarões. Jackson estava sem camisa, com as mãos no bolso de um pijama de moletom, e com o cabelo meio bagunçado. 

 

Ele vem na minha direção, meu coração começa a ficar acelerado, fico nervosa. Jackson me causa arrepios por todo o corpo. 

Ele para quando esta frente a frente comigo.

 

—Precisa de algo para relaxar? -Diz ele olhando nos meus olhos, logo após seu olhar é dirigido para minha boca. Nossos olhares voltam a se cruzar. 

 

Em um ímpeto momento, começamos a nos beijar. Primeiro um beijo lento e calmo. Jackson passou seus dedos pelo meu cabelo e colocou sua mão levemente em minha nuca. O mesmo me pega no colo e me coloca sentada na mesa. Suas mãos passeavam e deslizavam pelas minhas coxas. 

 

Eu estava apenas de calcinha e camiseta, uma camiseta larga que eu havia ganhado de Mark.  

 

Paramos o beijo e nos olhamos, e que olhar. Que sensação. Esse homem é realmente fascinante. 

Voltamos a nos beijar mas agora era violentamente, com rapidez, com desejo, e que desejo. Fazia tempo que não havia sentido isso com alguém. 

 

Jackson me pega no colo, entrelaço minhas pernas nas costas do rapaz, que se dirige até a escada, e entra devagar no quarto. 

 

Me coloca delicadamente na cama, vai subindo suas mãos lentamente pela minha cintura me beija com desejo, ele sabe que acaba comigo. Não podíamos fazer fazer barulho pois Mark dormia no quarto da frente. Eu estava precisando disso, não posso recusar um homem desse. 

 

Encaixo Jackson entre minhas pernas, ele tira devagar minha calcinha, e distribui beijos por todo meu corpo, me deixando arrepiada. Sobe até  minha barriga e tira minha camiseta. Beija meu pescoço e sussurra com uma voz rouca no meu ouvido. 

 

Eu vou te chupar toda, e te deixar bem molhada

 

Oh aquilo acabou comigo, Jackson vai se dirigindo até minhas pernas e se encaixa entre minhas coxas. Solto gemidos abafados, meu corpo estava totalmente entregue a ele. Ele me faz delirar de prazer. 

 

Depois de me deixar extremamente excitada, Jackson me coloca de quatro, apertando minha bunda. Metia com força e rápido, isso me deixava louca, eu delirava de prazer, e não podia gemer. 

Mudamos as posições eu estava por cima dele, o corpo desse homem é maravilhoso, tudo nele era lindo. Eu sentava e rebolava, instigando cada vez mais, falando coisas no ouvido dele, adorava aquilo. Ver Jackson louco de prazer. 

 

 

-Duas horas depois- 

 

Estávamos pingando de suor, deitamos um do lado do outro, exaustos. 

 

—Quer dormir? -Pergunto sorrindo 

 

—Quero, mas não posso dormir com você -Diz ele se levantando e colocando a calça. -essa foi foda, boa noite  -Diz ele beijando minha testa e me entregando minha calcinha 

 

—Fecha a porta -Digo ao vê-lo sair do quarto.

 

Nessas horas eu paro pra pensar se eu deveria ter feito isso mesmo, mas foi ótimo não posso negar, mas isso nao pode mais se repetir. 

 

 

De manhã cedo-

 

 

 

SN on 

 

Sehun é um cafajeste, odeio aquele homem, não sei como fui me submeter a isso, ontem a noite foi muito inesperada. Sorrio ao lembrar de Jackson. Sou tirada de meus pensamentos quando a porta do elevador de abre e dou de cara com Im JaeBum. 

 

Ele estava com a cabeça baixa, mas rapidamente a levanta quando me vê, seu olhar era indecifrável, eu gostava daquilo. 

 

O moreno passa os dedos nos lábios vagamente. Coloca as mãos em seu bolso, e entra no elevador ao meu lado. JaeBum fica realmente esplendoroso com esse terno. 

 

—Bom dia S/N -diz apertando os botões do elevador. 

 

—Bom dia senhor. -Digo aflita, com documentos em minha mão, analisando todos os lados do elevador. Esse homem me deixa realmente nervosa.

 

—Está melhor? Imagino que ontem à noite não tenha sido muito conveniente.

Esse homem me tira do sério -Diz o mesmo em tom baixo. 

 

—Oh está sim, estou acostumada com esse temperamento infantil, e imaturo de Sehun. -digo com a cabeça baixa olhando para o chão.

 

A porta abre e JaeBum se retira do elevador. 

 

Sigo até minha sala com os documentos pois precisava terminá-los ainda hoje. Eu estava com a cabeça cheia, eram tantos pensamentos que me rodeavam, eu estava um turbilhão de sentimentos...

 

—Senhor, com licença -Falo ao abrir a porta da sala de JaeBum, que estava de costas para sua mesa admirando a bela vista a sua frente. 

 

—Coloque-o aqui em cima por favor. -Diz ele ao se virar para mim.— E me chame apenas de JaeBum eu já lhe avisei.  -Diz penetrando seu olhar no meu. 

 

—Sim, me desculpe Ja... JaeBum. -Hesito um pouco antes de chamá-lo assim.

 

—S/N você tem algo para fazer depois do trabalho? 

 

—Não, não tenho nem um compromisso. 

 

—Estou te convidando para jantar na minha casa hoje à noite. 

 

Naquele momento levei um susto, que intenção um homem desse patamar tem com uma garota do meu tipo?

 

—Ah e não recuse, irá desapontar seu chefe -Diz ele.

 

—Tudo bem JaeBum eu irei.. Qual o horário? Preciso levar algo? -Pergunto profissionalmente. 

 

JaeBum vai se aproximando, e vou ficando tensa.

 

—Não é um jantar romântico é apenas para conhecer melhor, a minha assistente. -Diz ele sussurrando em meu ouvido, sem tocar em meu corpo. Naquele momento me arrepiei inteira. 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Comentem o que acharam ✨✨
Obrigada por lerem <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...