1. Spirit Fanfics >
  2. Protectors - Interativa >
  3. 0.5; teaser ; fúria.

História Protectors - Interativa - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Olaaa, como vão? Tutu bom? SIIM, eu estou de volta!!! Como eu tinha falado, minha saúde mental estava meio mal, mas eu já consegui botar minha vida — a maior parte dela; nos trilhos, e assim, como prometido eu estou de volta.

Nossos planos vão seguir como o planejado, o prazo final é o dia 1° de abril e no dia 21 sairá a segunda leva de pré aceitos. A única mudança aparente é o planejamento, já que agora eu vou seguir o cronograma em que um capítulo eu vou focar nos personagens, e no outro acontecerá um teste.

Eu não tenho mais muito pra falar, além de que as reservas foram atualizadas e que este teaser não foi revisado, então perdão pelos erros de português.

Capítulo 8 - 0.5; teaser ; fúria.


Uma neblina fria descia sobre a cidade de Miami. Não era de se julgar estar frio às 4 da manhã, um horário que apenas os loucos estão de pé. Hazel Fury nunca disse que era sã, portanto ela estava não só de pé, mas com botas nos pés e pistola nas mãos. Mirava num alvo de papel a cerca de 20 metros de distância, ela sabia que seus tiros — que acertavam em cheio a cabeça do boneco que ela apelidou carinhosamente de Augustus — iriam acordar os moradores da casa, mas na real, ela não ligava, a melodia que soava em sua cabeça abafava e carregava seus pensamentos para longe dos projéteis disparados.


— Não sei como você consegue acordar essa hora. — Frederick apareceu atrás da garota com duas xícaras de chocolate quente, que exalava uma fumaça convidativa. — Meu cérebro não funciona antes das 10.


— Sai daqui Samara mal projetada! — Disse a garota ao tomar um pequeno susto. — Você não deveria sair por aí assustando as pessoas. — Pegou a xícara oferecida pelo loiro.


— Não foi minha intenção. — Ele disse com um sorriso envergonhado, ajeitou uma franja que caía em seu rosto e tomou um gole.


Era visível que enquanto Frederick planejava voltar a dormir assim que possível, sua calça de moletom e camisa desgastada de manga longa dos Beatles não poderiam dizer o contrário. Hazel fury pelo contrário, tinha vestida uma legging preta, um tênis vermelho aparentemente velho da all star e um casaco amarelo vivo com a estampa de uma rosa, isso e o rabo de cavalo alto que deixava seus cabelos cacheados descerem até a metade de sua coluna mostravam que os estimulantes que ela vêm tomando a alguns dias realmente faziam efeito, caso contrário a garota que não tem dormido bem em muito tempo estaria destruída. 


— Podemos entrar? — Perguntou o garoto. Pequenas nuvens saíam de sua boca conforme as palavras eram pronunciadas. 


— Sim, claro. — Ela respondeu piscando delicadamente os olhos. 


------


— É uma casa bonita essa construída para o Sr. Rogers. — Disse Freddie.


Ele não mentiu, a casa era enorme, foi construída num estilo moderno, ela tem 3 andares, 5 quartos, tudo super espaçoso. Nick sempre foi muito minimalista, gostava de viver apenas com o necessário, por essa razão em especial Hazel se chocou a saber que aquele castelo em 2020, ainda que enorme ocupava apenas ¼ do tamanho total da propriedade. O lar dos Rogers tinha uma piscina olímpica de 50 metros nos fundos, um jardim de frente maior do que seria razoável, era cercada por uma pequena floresta de pinheiros e ainda que grande, exalava uma solidão que faz você ter uma crise existencial a cada momento que passa ali.


— Sim, ela é. — Se sentaram no sofá da sala de estar lado a lado e conversaram enquanto bebiam do líquido achocolatado das xícaras.


— Por que você tem treinado tanto com armas? — Hazel se predispôs a botar as xícaras na lavadoura de louças, deixando Fred sentado conversando com ela à distância.


— Steve esteve pesquisando muito sobre armas e como elas podem ser usadas para qualificar o ser humano, o que me faz pensar que o primeiro teste vai envolver pontaria. — Disse ela enquanto depositava os utensílios na máquina.


— Então quer dizer que a santa Senhorita Hazel Fury Lancaster têm trapaceado? — disse ele debochando da situação.


— Eu não sou santa. — Disse a morena sentando-se no colo do garoto com uma perna de cada lado de seu corpo. — Uma santa não saberia brincar com um homem do jeito que eu sei. Não conseguiria fazer você se arrepiar desse jeito. — Disse ela caminhando seus dedos pelos pêlos que habitavam a nuca do garoto. — Ou rebolaria assim. — Disse ela mexendo seus quadris. — Ou ficaria tão. perto. de. você. — Disse a Fury com seus lábios próximos aos do loiro.


Freddie parecia se conter, e foi até um alívio para ele quando Hazel o olhou e deu um sorrisinho. A garota se levantou e se dirigiu de volta para seu quarto, olhando para trás antes de subir as escadas. 


— Recomendo que você volte para seu quarto, o Sr. Rogers gosta de ser o primeiro a acordar. — Ela desbloqueou o telefone e discando uma mensagem subiu para seus aposentos.


Hazel Fury Lancaster fazia jus a seu sobrenome. 





Notas Finais


INHAI, O QUE ACAHARAM? Comentem o que acharam, prometo que virá um capítulo novo logo logo!

Amo vocês, xoxo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...