1. Spirit Fanfics >
  2. Protetor da floresta (Bakudeku-Katsudeku -ABO) >
  3. Violação

História Protetor da floresta (Bakudeku-Katsudeku -ABO) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Próximo capítulo é o último!

⚠️ Não revisado ⚠️

Boa leitura 📖

Capítulo 2 - Violação


Fanfic / Fanfiction Protetor da floresta (Bakudeku-Katsudeku -ABO) - Capítulo 2 - Violação

°• Dia seguinte •°


Izuku acordou sentindo um peso em sua cintura, o mesmo com um pouco de dificuldade se virou para trás vendo que Katsuki ainda dormia, Izuku levou a sua mão pequena até o rosto de Katsuki, fazendo um carinho de leve alí. Izuku levou um pequeno surto ao ter sua mão pega pra outra bem maior, assim os olhos vermelhos se abriram, Katsuki puxou a mão de Izuku em direção a sua boca, a dando um beijo em seguida...


Katsuki: Bom dia, meu ômega! - Fala com a voz rouca


Izuku: Bom dia, meu alfa - Katsuki puxa Izuku para um beijo rápido


Katsuki: Sente algo? - Pergunta um pouco preocupado


Izuku: Só uma dorzinha na marca - Beija a ponta do nariz de Izuku - Nada demais. - Tenta o tranquilizar


Katsuki: Tudo bem!


Ambos estavam num momento calmo e apaixonante, ambos estavam em um beijo molhado quando a porta de pano da tenda foi aberta...


Kirishima: Bakugou! - Chama alto fazendo Katsuki se assustar


Katsuki: QUE MERDA KIRISHIMA! - Fala irritado, ajudando Izuku a se cobrir com a coberta de peles - Qual seu problema?


Kirishima: Foi mau aí, mas é urgente. - Fala virando o rosto para o lado


Katsuki: Tá, agora vaza! - Ordena e Kirishima obedece - Cabelo de merda! - Fala irritado fazendo Izuku rir


Izuku: Não o chame assim, alfa - Beija a bochecha de Katsuki


Katsuki: Não defenda ele - Começa a beijar os ombros de Izuku e os morder


Izuku: Ah, K-Kac-cchan. - Chama manhoso - A-Agora não, a senhora Chiyo deve estar me esperando.


Katsuki: Essa velha é chata - Fala irritado - Vai logo, sei que vai sobrar pra mim depois mesmo


Izuku: Hihihi vai mesmo - Se levanta da cama começando a de vestir - Até mais, Kacchan! - Da um selinho no alfa saindo da tenda


Katsuki: Tchau, Deku! - Fala rindo em seguida
_______________________________________


Izuku correu até a tenda da senhora Chiyo, o mesmo entrou na tenda vendo a senhora mexendo nas ervas que Izuku havia colido no dia anterior...


Izuku: Desculpa a demora, senhora Chiyo! - Se curva de leve


Chiyo: Não se curve criança, quem deve fazer isso sou eu - Se curva - Agora que fez sua união com o Bakugo, imagino que vire o parceiro do protetor!


Izuku: Oh, isso é verdade - Coça a bochecha envergonhado - Então...que tarefa tenho para hoje? - Pergunta em dúvida


Chiyo: Você vai ter que me trazer uma erva especial, ela fica um pouco longe da nossa área - Vai até a frente de Izuku - Então caso não ache volte, não há necessidade de se expor ao perigo, principalmente agora.


Izuku: Tudo bem, só me fala qual erva é? - Pergunta curioso


Chiyo: A erva de chá-mar! (Eu inventei🤣🤣)
_______________________________________


Izuku caminhava a procura da erva, mas não achava a mesma, o menor já estava afastado o bastante da aldeia do protetor, então o mesmo decidiu voltar. Quando Izuku se virou para voltar o mesmo escutou um barulho, o mesmo virou para trás em alerta, Izuku começou a ficar com medo, fazendo com que a marca, recém feita, doesse, Izuku sabia que Katsuki estava sentindo seu medo. Quando o menor olhou para o lada o mesmo sentiu uma fote pancada em sua cabeça, fazendo o mesmo cair no chão desmaiado.

_______________________________________

Katsuki estava sentindo o medo de Izuku, então o mesmo parou de fazer seus deveres e foi atrás da senhora Chiyo. Katsuki entrou na tenda de Chyio sem avisar, fazendo a senhora o olhar com repreensão...

Chiyo: Bakugo, não entre sem avisar! - O repreende

Katsuki: Cadê o Izuku? - Pergunta sem paciência

Chiyo: Foi buscar uma erva mais ao longe perto do lago, por que? - Pergunta em dúvida

Katsuki: Eu estou sentindo ele com medo de algo pela merca, eu preciso encontrar ele - Fala saindo as pressas na tenda de Chyio
_______________________________________

Izuku começou a acordar, sentindo algo molhado em seu corpo, eram beijos...mas não era os de Katsuki. Izuku abriu os olhos olhando para baixo vendo um homem de cabelos grisalhos, fazendo o ômega se apavorar...

Izuku: N-Não - Tenta empurrar o maior, mas percebe estar com seus pulsos amarrados - M-Me solta...E-Eu tenho um alfa! - Fala já com lágrimas nos olhos

Shigaraki: Eu não me importo - Lambe a barriga de Izuku indo até o ombro do mesmo - Eu quero me vingar de Katsuki, já que ele não aceitou proteger meu reino. - Morde o ombro de Izuku

Izuku: P-Para ele não aceitar... V-Você deve ser alguém ruim - Tenta empurrar Shigaraki mais uma vez, mas o mesmo segura os pulsos de Izuku - P-Por favor... não f-faça isso! - Pede com medo

Shigaraki: Não será possível! - Nega

Izuku começou a se apavorar, o mesmo começou a chorar alto, pedindo pela marca ajuda a Katsuki. Izuku sentia pela marca Katsuki o mandando forças, pois o mesmo já estava chegando. Em um movimento rápido, Izuku não sentiu mais aquele homem em cima de si, o mesmo abriu os olhos vendo Katsuki em sua frente, a presença alfa do mesmo era forte, logo pessoas começaram a chegar partindo para cima de Shigaraki. Katsuki retirou sua capa a colocando em Izuku, logo o pegando no colo, começando a andar o mais rápido possível para longe do local...

Izuku: K-Kac-cchan? - O chama choroso

Katsuki: Me desculpe a demora, pequeno - Beija a testa de Izuku - Vamos voltar para nossa tenta, depois eu resolvo as coisas com Shigaraki. - Fala com desgosto

Izuku: T-Tá - Se aconchega mais nos braços de Katsuki

Katsuki começou a soltar feromônios da calma, fazendo Izuku dormir na hora.
_______________________________________

Izuku sentiu ser posto na cama, então o mesmo abriu os olhos, vendo Katsuki com uma expressão neutra...

Izuku: K-Kacchan, não me deixe! - Fala segurando a mão de Katsuki

Katsuki: Izu, eu preciso... - É interrompido

Izuku: Não, você não precisa - Parta a mão do alfa - Só...fique comigo, por favor? - Pede mais uma vez, fazendo Katsuki soltar um suspiro derrotado

Katsuki: Tudo bem! - Sede

Izuku dá espaço para Katsuki deitar na cama e assim o mesmo faz, Izuku apertou Katsuki mais contra si e Katsuki o abraçou com cuidado começando a fazer carinho no menor que não demorou a dormir.


Notas Finais


Até a próxima 🤗


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...