História ""Psicopatas"" - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias B1A4, Black Pink, GD & TOP, Seventeen
Personagens Baro, CNU, G-Dragon, Jennie, Jisoo, Lisa, Rosé, T.O.P, Wen Junhui "JUN"
Visualizações 17
Palavras 2.538
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vamos lá de mais um capítulo..😉

Capítulo 16 - ""CONFIANÇA E TRETA""


Fanfic / Fanfiction ""Psicopatas"" - Capítulo 16 - ""CONFIANÇA E TRETA""

CNU e ROSÊ estão envolvidos em um beijo quente provocante e caliente.. CNU aperta a cintura dela e aos poucos vai subindo sua mão até tocar os seios da ROSÊ..

Vamos pra outro lugar - fala ela entre o beijo já louca de desejo por ele..

Espera - ele separa o beijo e afasta um pouco a olhando nos olhos..

O que foi? C não quer? - pergunta ela confusa..

Claro que quero.. c é gata gostosa pra caralho mais de boa ROSÊ.. você não ama o otário do BARO? -  pergunta ele sério..

Amo - responde ela..

Então porque você transaria comigo se diz o amar tanto ahn? - ele a encara com sua sobrancelha suspensa... 

Porque eu tô fula com ele.. porque ele é um idiota e eu quero mata-lo .. porque ele não me valoriza e merece ter chifre até na cabeça do dedão do pé - furiosa ela desabafa e ele sorrir..

Eu vou te ajudar.. vou fazer ele correr atrás de você feito um cachorrinho.. mais - ele a encara sério..

Mais? - pergunta ela concentrada..

Você vai ajudar a mim e a YORIA com umas coisinhas.. pode ser? - ele passa a mão no rosto dela..

Com que tipo de coisinhas? 

ROSÊ você gosta de ser uma das 4 gatinhas? Você gosta dessas garotas mimadas e chatas que se acham a última coca cola do deserto?  

CNU te sendo sincera eu não gosto delas.. só um pouco da JENIE porque ela é da hora.. com ela é bateu levou.. dentre as 3 ela é a mais confiável sabe? Vou contar um segredo dela que só eu sei..

Opa conte-me tudo e não me esconda nada - ele a dá toda sua atenção.. 

Ela e o GD tem um caso antigo.. mais tipo assim.. ela chegou 1* e a LISA depois.. GD resolveu assumir um relacionamento com a LISA porque ela sempre foi a líder do nosso grupo e por ele ser o líder dos maiorais é mais que natural que os dois fiquem juntos.. tipo os donos da parada.. só que o GD é louco pela JENIE e ela por ele.. 

Continue - fala ele concentrado.. 

Pois bem.. a JENIE fica com o GD sempre que dá vontade e ele nunca diz não pra ela.. ele falta morrer quando sabe que ela ficou com outro cara.. GD só fica com a LISA por fama já que eles são *o casal* top e mais popular do campus..

Cara o que o sucesso não faz não é? Esse cara é um otário e essa JENIE também.. ela tem é que achar um cara mais presença que esse tal de GD.. pra humilha-lo e fazê-lo valoriza-la.. mais me diz uma coisa ROSÊ.. essa LISA ela é fiel a ele? - CNU vai logo direto ao ponto.. 

A LISA? Rsrsrsrsrsrs a LISA dá pra todo mundo.. ela tem um caso com o nosso reitor e os dois já até viajaram juntos.. só que diferente do GD que só está com ela por mídia ela tá com ele porque gosta dele.. 

Quando ela se envolveu com o GD ela sabia que a JENIE e o GD ficavam e mesmo assim ela ficou com ele.. ela não quis saber de amizade e nem se a JENIE estava sofrendo com isso.. 

Sabe CNU eu já tentei derrubar a LISA.. mais infelizmente falhei e então seguir o ditado do se não pode com eles.. junte-se a eles - fala ela em um tom de *fazer o que né?*

Sei como é.. ROSÊ você é uma boa garota e como já havia dito.. eu vou te ajudar com o BARO tá bom? E você vai ajudar a mim e a YORIA.. mais primeiro - ele dá partida no carro..

Ué aonde nós vamos? - pergunta ela o olhando confusa e ele sorrir sínico..

Você não disse que o BARO merece ter chifre até na cabeça do dedão do pé? Então vamos agora mesmo providenciar isso - ele sem perder mais tempo segue com ela pro motel onde ele cumprirá com sua palavra.. 

Enquanto isso na casa da JENIE..

Filha você tem visita - fala a mãe dela batendo na porta do quarto da mesma.. 

JENIE que estava terminando de se arrumar pega sua bolsa sai do quarto e desce as escadas..

GD? O que você faz aqui? - pergunta ela ao encontra-lo na sala.. 

Precisamos conversar - fala ele se aproximando dela.. 

Ah claro.. mais não agora tá bom? Eu já tô de saída - fala ela indo em direção a porta e ele a pega pelo braço..

Pra onde você vai ahn? - ele a encara sério..

Vou vê um amigo - fala ela sínica..

Amigo? Mais que mané amigo é esse JENIE? - pergunta ele furioso..

Ah não GD ele não é mané.. muito pelo contrário o mané aqui é você.. agora me solta que c tá me atrasando - ela pucha o braço mais ele a segura com força a puchando pra um abraço.. 

Você tá tentando me enlouquecer é isso garota? Você sabe que é minha JENIE.. tá me ouvindo? Você é minha sua pirraçenta - fala ele a envolvendo em um abraço apertado mais ela o empurra.. 

Não GD.. a LISA é sua.. não é ela que você quer? Não é com ela que você desfila pelo campus? Não é ela que é sua namorada? Então GD conforme-se com sua LISA que eu já cansei desse joguinho.. fui - ela mete a mão no bolso dele pegando as chaves do carro dele.. o empurra e sai de casa.. ele vai atrás mais ela entra no carro e antes de sair sem rumo ela joga as chaves do carro dele em meio ao Jardim.. dá a partida e vai embora o deixando bolado.. 

AH DROGA DROGA DROGA E DROGA - resmunga ele puchando os cabelos.. 

E após alguns minutos na casa do T.O.P..

Senhor o senhor tem visita - fala a governanta dele..

Mande entrar - fala ele sorridente olhando algo em seu celular sentado em sua poltrona em seu escritório..

Com licença professor..

JENIE? O que você faz aqui? - pergunta ele se levantando enquanto ela adentra o escritório dele.. 

Eu queria falar algo muito importante com o senhor - ela sorrir faceira..

Pois fale do que se trata - ele faz sinal pra que ela se sente na cadeira a sua frente.. mais ela vai até ele e põe a mão em seu peitoral.. 

Professor eu preciso.. necessito e imploro por uma aula particular sua - ela o empurra fazendo-o sentar em sua poltrona.. 

Garota o que você acha que está fazendo? - ele levanta-se rápido e a segurando pelo ombro a faz se afastar dele..

Como assim o que eu estou fazendo? Professor você é gay? Não acredito.. que desperdício - fala ela pasma com as mãos na boca.. 

O QUE? NÃO FALA BESTEIRAS GAROTA-  fala ele irritado e se distanciando dela..

Me desculpa professor mais é estranho.. eu já ví você apenas com uma mulher mais nunca ví nada de mais entre vocês dois.. no campus você não dá mole pra ninguém sendo que quase todas as garotas dão em cima de você e agora c ms rejeita.. o que dá pra deduzir é que você no mínimo é gay - fala ela o encarando.. 

JENIE eu não sou gay tá bom? - fala ele bem sério..

Graças a Deus - fala ela novamente se aproximando dele.. 

Eu não sou gay mais sou fiel aos meus sentimentos - ele fala e ela para..

Então você tem namorada? - ela demonstra decepção.. 

Ela ainda não é minha namorada.. mais ainda vai ser.. JENIE por favor vai pra casa tá? Eu sou seu professor e você é só uma criança.. vai pra casa e tira essa idéia da sua cabeça.. valorize-se.. seu corpo não é um brinquedo pra sexo e sim sua maior arma pra segurar um homem.. só que esse homem não sou eu.. agora vai embora por favor - ele abre a porta e ela vai até ele.. 

Eu vou professor.. mais se essa sua quase namorada não se decidir quanto a você eu volto.. bjos professor top dos top's.. tchau - ela beija o próprio dedo e o passa nos lábios dele em seguida vai embora.. 

Era só o que me faltava - fala ele fechando a porta do escritório e voltando pra sua poltrona.. 

      *quebra de tempo*

Cheguei - fala CNU entrando em casa..

Agora? Tava perdido na cidade? - pergunto o olhando por sobre o encosto do sofá.. 

Você quer mesmo saber aonde eu tava? - pergunta ele sínico.. 

Você não? Ah não CNU sério que você tava com a ROSÊ até agora? - pergunto o encarando assustada.. 

Tava sim e ela foi ótima - ele pisca pra mim e vai pro quarto e eu lógico vou atrás.. 

CNU seu piranho ela é a namorada do BARO - o repreendo e ele vira pra mim..

Ex namorada e em pouco tempo atual novamente.. ah você e ela seram amigas - ele se joga na cama..

Peraí peraí.. me explica essa história aí que eu não tô entendendo nada - me sento ao seu lado e ele me fala todo o seu plano e o que combinou com ela.. 

Então foi por isso que você me deixou pra trás seu cachorro - lhe dou soquinhos no ombro e ele faz manha..

Ai ai não bate que tô quebrado.. esse BARO é muito trouxa mesmo.. o cara tem uma mina pancada nas mãos e a perde por ser burro em não valoriza-la - fala ele passando as mãos nos cabelos.. 

Grandão você tinha mesmo que ir pra cama com ela? Me sinto mal pelo BARO - fico cabisbaixa por causa do meu amigo.. 

YORIA não se sinta mal por ele.. o BARINHO bobinho só ganhou o que merecia e outra coisa.. foi só uma transa.. ela vai voltar pra ele com a minha ajuda e eu vou partir pra outra agora - ele põe seu braço em seu rosto como se fosse dormir..

Ok.. com a ROSÊ eu já entendir mais me diz aí.. quem será a bola da vez agora? Pergunto e ele tira o braço do rosto e me encara.. 

A líder das 4 gatinhas - fala ele com uma sobrancelha suspensa e sorrindo ladio.. 

A LISA? 

Sim a LISA.. vou mostrar pra ela com quantos paus se desbanca uma falsiane fura olho das amigas.. c entendeu a parte do quantos paus né? Só um o meu rsrsrsrsrsrs..

Poupe-me dos detalhes grandão - o empurro..

Ah vem cá não transa vem - ele me pucha e me abraça.. 

Prepare-se YORIA que as coisas vão começar a mudar por aqui - fala ele fazendo carinhos em meus cabelos..

Até que enfim.. já estava cansada de tudo isso - fito o telhado pensando em tudo o que conversamos.. 

As horas passam e chega a noite.. CNU sai de casa a caça das garotas da cidade e eu fico em meu quarto lendo um livro jogada em minha cama.. do nada penso no professor e após muito pensar ligo pro mesmo.. 

          *ligação onn*

Boa noite YORIA..

Boa noite professor.. 

T.O.P..

Desculpa.. Boa noite T.O.P..

Agora sim.. aconteceu alguma coisa? 

Não não é que tô entediada aqui..

E eu tiro o seu tédio? Pensei que o JUN ou o *grandão* fazia isso.. 

Sabia que o senhor iria falar isso..

Você.. 

Ok.. Sabia que você iria falar isso..

Porque é verdade.. 

Esquece o JUN e o CNU não tá em casa.. o que você tá fazendo de bom? 

Nada.. YORIA vá direto ao ponto e fala logo o que você quer que eu tô oculpado..

Credo professor que grosseria eu eihn.. Desculpa ter lhe encomodado.. tchau...

          *ligação off*

Jogo o celular pro lado e ponho o travesseiro em meu rosto.. fico pensando na arrogância do T.O.P e me sinto mal com isso..

Passa um determinado tempo cerca de 20 minutos e a porta do meu quarto é aberta. 

Já grandão? - pergunto de cara pra parede e sinto alguém sentando em minha cama.. 

Não me chame de grandão - ouço a voz que não me é desconhecida e devagar viro-me pra ele.. 

Pro.. professor? O que c faz aqui? - fico sem ação..

Vim te pedir desculpas pela minha arrogância - ele passa a mão em meu rosto e eu fico o olhando enquanto ele se aproxima cada vez mais.. 

Seu rosto já está bem próximo ao meu e eu posso sentir sua respiração com o doce aroma de menta que sai de suas narinas.. 

Professor eu. - divido minha atenção entre seus olhos e seus lábios que já estão quase tocando os meus.. 

Não me chame de professor YORIA.. chame-me de T.O.P  - ele fala e me beija.. seus lábios envolvem os meus e eu não consigo parar de beija-lo.. 

Envolvo meus braços em seu pescoço e ele aperta com delicadeza minha cintura.. 

Você vai acabar me enlouquecendo garota.. odeio essa sua inocência e ao mesmo tempo me fascino - fala ele entre o beijo enquanto sua mão sobe ao encontro do meu seio.. aperto sua camisa por cima de seu peitoral e ele morde com carinho meu lábio inferior.. 

Eu me deixo levar por ele mais logo somos interrompidos e temos que parar..

NÃO TIA OBRIGADO JÁ JANTEI NA RUA - fala CNU entrando no quarto e nos encontrando sentados na cama .. 

Opa foi mal - fala ele sínico em seguida tira sua camisa e a joga na cama..

Será que dá pra você vestir sua camisa? - fala T.O.P enfesado..

Dá não cara e não se preuculpe.. ela já me viu nu várias vezes - CNU debocha e o T.O.P bufa de raiva e quando se levanta pra tirar satisfações CNU o reprime..

Toca em mim tampinha e eu te garanto que faço ela nunca mais olhar na tua cara - fala CNU o fuzilando com os olhos.. 

Você não tem essa capacidade - T.O.P o desafia..

Toca em mim professorzinho que eu te mostro a minha capacidade - ele o olho fixo nos olhos..

Parem com isso os dois.. já chega dessa palhaçada de vocês.. T.O.P e CNU dêem as mãos agora - falo séria e eles cruzam os braços balançando a cabeça em negação..

Nunca - diz T.O.P..

Nem morto - fala CNU..

Ótimo - saio do quarto e tranco os dois lá dentro.. 

YORIA ABRE ESSA PORTA - fala CNU batendo na porta..

NÃO.. VOCÊS DOIS SÓ SAÍRAM DAÍ QUANDO SE ACERTAREM.. 

A culpa foi sua seu idiota -  fala T.O.P bolado.. 

Minha? A culpa foi sua seu tampinha - fala CNU tentando abrir a porta..

Você tinha que chegar logo agora não é? Aish - T.O.P resmunga.. 

Escuta aqui seu tampinha.. enquanto eu estiver na área você não vai tocar nela a não fala mais comigo - fala CNU de braços cruzados quando o meu celular toca..

É o JUN - T.O.P fala após olhar o nome no visor do aparelho..

Me dá isso aqui - CNU pega o aparelho.. 

         *ligação onn*

Fala..

Quem é você?  Eu quero falar com a YORIA..

Maluco você não tem querer com a minha namorada.. não liga pra ela novamente ou eu vou atrás de você e eu te garanto que você não irá gostar de ter uma visita minha..

          *ligação off* 

Essa foi boa - fala T.O.P..

Na hora cara.. eu sou um ótimo ator rsrsrsrsrsrs - fala CNU todo convencido.. 

Mais nós ainda somos inimigos..

Com toda certeza tampinha - os dois viram de costas um pro outro e de braços cruzados insistem em não virarem amigos..


CONTINUA.....








Notas Finais


E então esse foi o nosso capítulo de hoje.. espero que gostem..
Bjos de luz da OMMA 🤗😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😙😉
https://spiritfanfics.com/historia/um-toque-do-destino-9824267


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...