1. Spirit Fanfics >
  2. Psycho - Jensoo one shot >
  3. One Shot - - - - Capítulo Único

História Psycho - Jensoo one shot - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olá, blink's! Tudo bem com vocês? Espero que sim, caso não esteja, desejo melhoras.

Psycho, uma música muito peculiar (enclusive veja o MV é lindo!). Estava analisando a tradução e logo percebi que daria uma ótima história, e vocês conseguem pensar em qual casal veio em minha mente? Jensoo! Bom, espero que gostem da minha one shot, ela é simples, porém foi feita com muito amor e dedicação!

Capítulo 1 - One Shot - - - - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Psycho - Jensoo one shot - Capítulo 1 - One Shot - - - - Capítulo Único

Mais um dia em vida de Jennie, ela estava bastante séria e determinada, era o dia do jogo de futebol, e como sempre teria uma apresentação das líderes de torcida. Chegando na escola, reparou em algo diferente, porém não sabia o que era, talvez fosse somente o cheiro de perfume barato das garotas da escola ou o ódio no olhar dos professores. 

Foi no vestiário, vestiu seu uniforme e pegou seus materias de torcida. Ao sair para olhar o campo percebeu uma leve sombra misteriosa na plateia, tinha a silhueta de uma garota, ela estava sentada lendo um livro, pelo jeito Jennie encarou de uma forma diferente aquela imagem que a garota percebeu e gritou para ela:


-O que você quer!? Eu sou espelho por acaso!?  - Ela falou em um tom tão autoritário que Jennie acabou saindo correndo daquele lugar.

                                                      (.....)


O jogo já tinha começado e Jisoo tinha saido daquela arquibancada, pois não estava muito afim de ver aquela gente toda suada e tanta gritaria, pegou seu livro e foi em direção a biblioteca. Chegando lá, encontrou um lugar confortável e começou a ler: "Sentimentos de um psicopata".


Jennie estava prestes a entrar no campo, quando derrepente, sente algo ruim, um pressentimento estranho, que lhe gritava por dentro: "Saia daqui agora!". Jennie não era uma garota otimista, então saiu correndo sem mais nem menos.

Estava caminhando pelos corredores quando viu a mesma silhueta na biblioteca, sem exitar entrou porta dentro e tentou admirar a menina sem que ela percebece, Jennie não sentia nenhum sentimento, muito menos amor por aquela garota chata. Jisoo logo percebeu que Jennie estava ali e foi direto em sua direção:

 

- Você denovo? Me diga agora o que você quer comigo! Pare de me seguir!! - Diz ela com fúria no olhar e com uma dor no seu peito.


- Eu não sei o porque de eu estar te seguindo, ok?


- Todos temos um motivo na vida, e você teve ter um para estar me seguindo! Diga me quem você é! O que quer? Eu não te fiz nada ok?


- Você é muito irritante, parece uma espécie de detetive, fica me fazendo perguntas!

                 - Estou apenas querendo saber quem você é.


                             - Meu nome é Jennie, e o seu?


          - Jisoo, porém você pode me chamar de Kim somente...


 - Ok Jisoo! Ops, esqueci... - Jennie lhe olha com um olhar de irônia e um sorriso bob


As duas meninas não sabiam o que estava sentindo, mas era uma mistura de ódio e... Bom, ainda não sabiam.


                                                      (....)


O rosto daquela menina não saia da cabeça de Jisoo, talvez ela permitisse que a garota se aproximasse desta vez, ela não queria nenhum tipo de amizade ou relacionamento no momento, mas Jennie chegou e abalou todos os planos de Jisoo, inclusive o seu coração.

Jennie estava insegura, sentia algo especial por Jisoo, algo que era fruto do ódio e amor, será que seria capaz mesmo alguém sentir dois sentimentos diferentes pela mesma pessoa? Ou será que é tudo imaginação de Jennie Kim!?


Pensamentos e sonhos eram comuns na cabeça de Jensoo, uma vontade imensa de matar uma á outra e também uma vontade de poder abraçar, as duas lutavam entre si, para ver quem era que conseguiria comandar o final desta história.

                                                    (....)


Já tinha passado um bom tempo, dês que Jisoo tinha conhecido Jennie, elas não mantinham muito contato, apenas troca de olhares e algumas "discussões", mas não conseguiam ficar sem se falar pelo menos uma semana, elas tinham uma ligação, brigavam por coisas bobas e idiotas, todos ficavam impactados com a capacidade delas de ser tão diferentes e ao mesmo tempo tão iguais, e ainda mais sua capacidade de serem sinicas e briguentas.


       - Jisoo você é tão chata, sempre vendo o lado ruim das coisas!


- Hahaha, muito otimismo que você tem também, e outra eu não sou pessimista, sou somente realista.


Não sei por que eu te aturo! Você é mal educada e sempre fazendo críticas sobre mim!


Todos olhavam aquela cena, era considerado algo comum vindo das duas, mas todos sabiam que elas eram loucas de ainda estarem juntas, sendo amigas ou algo mais... Os olhares pesados estavam cansando Jisoo então, ela simplesmente pegou a mão da garota á sua frente e saiu correndo daquele lugar que estava ficando tóxico:


- O que? Me solta! Eu ainda não terminei!! - As palavras de Jennie são caladas com um abraço silencioso dado pela outra.


 Você me faz sentir como uma psicopata, você deixa eu te machucar para depois tirar proveito disto. - Ela olha nos olhos da outra e começa a dizer palavras aleatórias - Você é chata, rabugenta, mimada e não sabe escutar uma crítica!


- E você é... - Jennie pensa e fala - Uma chata que eu estou apaixonada!


Jisoo ficou impactada com as palavras que sairam da boca de Jennie, e sem pensar duas vezes lhe abraçou novamente e falou algo para ela no ouvido:


- Eu acho que também estou apaixona por você, não tenho certeza, então não crie expectativas!


Jennie dá um sorriso ao perceber que ainda estava falando com Kim Jisoo, a garota egoísta de coração mole.

(...)

Boatos corriam sobre a escola que Jensoo seria um casal, alguns diziam que não, que elas se odeiam e que não são um casal! Outros diziam que elas tinham um caso, que se odiavam, porém se amavam ao mesmo tempo..


Seria capaz mesmo? Haveria possibilidade de duas psicopatas se amarem tanto ao ponto de conseguirem aturar uma a outra? Entre brigas e tapas, haveria beijos e abraços? A única certeza era que eram felizes juntas e que apesar das brigas, existia algo que as mantia juntas.


Notas Finais


₊ finalização 🎭

Espero que tenha gostado, se gostou não esquece de curtir, pois me dá bastante alegria e confiança.

Não levem nada a sério, pense que é apenas uma one shot, algo imaginário e que serve para entreter os blink's! Agradeço pela sua colaboração 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...