História Psycho - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Originais
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Suga, V
Tags Alguém Segura O Jeon, Amor Doentio, Obsessão, Psicopata, Taekook, Vmin
Visualizações 54
Palavras 355
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Droubble, Ficção Adolescente, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


gente são oito da manhã e eu ainda não consegui dormir, minha mente tá bem perturbada então não me responsabilizo pelo oq vcs vão ler

Capítulo 1 - Obsessão


Psicopata? Por favor, não me chame assim.

É tão difícil assim aceitar o fato de que eu o amo tanto a ponto de explodir? Entendo que eu sou um pouco exagerado às vezes, talvez tenha saído só um pouquinho do controle quando atirei em seu melhor amigo. Mas porra, percebiam como ele o olhava? Era como se Taehyung estivesse observando uma joia preciosa e isso me dava ânsia de vômito. Aquele tal Jimin nem era tanta coisa assim.

Também teve o Yoongi, ele era um bom amigo, quer dizer, só as vezes, ou nem tanto, hm, na verdade não era. Não foi em mim que o mesmo pensou antes de pagar um boquete para o Taehyung em uma das cabines do banheiro na escola. Ele não sabia da minha paixão pelo moreno, mas isso importa?! Eu também não sabia que ele estava no meio da rua quando acidentalmente bati o carro da minha mãe em seu traseiro gordo e o vi ser arremessado pelos ares. Tadinho, não resistiu a batida.

Ah, quase esqueci do queridinho de todos, Kim Seokjin, aquele garoto me irritava até demais! Depois de escutar uma de minhas conversas com Hoseok não parou mais de se esfregar em Taehyung, parecia até automático, era só eu chegar no lugar e aquele nojentinho já ia correndo se agarrar ao meu homem. Eu e o Jin nunca nos demos muito bem, acho que por isso eu amei tanto enfiar aquela faca em seus peito freneticamente. Coitado, nunca chegou em casa, me pergunto se já encontram seu corpo em meio aquele monte se entulhos.

Enfim, depois disso você me pergunta se Kim Taehyung finalmente me notou. E não, por mais incrível que pareça. Ele sempre arruma alguém para brincar e como sempre eu fico de escanteio esperando o momento certo para me livrar de quem considero uma ameaça.

Afinal, o amor é assim, certo? É essa mistura louca de sentimentos confusos e pensamentos homicidas. E eu poderia ser muita coisa, porém sou apenas um cara apaixonado demais por meu querido hyung, sempre fui.

Então, antes de me chamar de doente, esteja ciente de que...

Droga!

Quem é esse para quem ele está sorrindo agora?


Notas Finais


e foi isso desculpa qualquer erro to louca.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...