História Pursuit - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Seraph of the End (Owari no Seraph)
Personagens Akane Hyakuya, Ako Hyakuya, Aoi Sanguu, Ashuuramaru (Asura Tepes), Chess Belle, Chihirou Hyakuya, Crowley Eusford, Esther, Ferid Bathory, Fumie Hyakuya, Guren Ichinose, Horn Skuld, Kiseki-Ō, Kota Hyakuya, Krul Tepes, Kureto Hiiragi, Kusunoki, Lacus Welt, Lest Karr, Lucal Wesker, Mahiru Hiiragi, Makoto Narumi, Mikaela Hyakuya, Mirai Kimizuki, Mito Juujou, Mitsuba Sangu, René Simm, Rika Inoue, Satoshi Yamanaka, Sayuri Hanayori, Shigure Yukimi, Shihou Kimizuki, Shinoa Hiiragi, Shinya Hiiragi, Shuusaku Iwasaki, Taichi Hyakuya, Tarou Kagiyama, Tomoe Saotome, Yayoi Endou, Yoichi Saotome, Yuuichirou Hyakuya
Tags Aventura, Bruxa, Gureshin, Kimyoi, Mikayuu, Mitsunoa, Universo Alternativo, Yaoi
Visualizações 99
Palavras 2.060
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, FemmeSlash, Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Shounen, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gnt eu fiquei sem internet por 2 horas e escrevi 2 cap de fanfic kkkkkkkk

Capítulo 17 - Morcego


Fanfic / Fanfiction Pursuit - Capítulo 17 - Morcego

Mikaela não conseguia tirar os olhos daquele morcego enorme, o pavor o havia feito congelar cada membro de seu corpo, deixando apenas o desespero ali.

Yuu -- droga! Ele nem tem uma forma humanóide! Não vai dar pra falar! -- o feiticeiro acendeu o fogo verde em suas mãos e Kimizuki pegou sua arma -- vamos só matar rápido! -- mas então os dois olharam para Mika e viram que seu estado estava horrível -- Mika?

Era de dar pena, o loiro estava tremendo muito, suas pupilas estavam minúsculas e seu rosto estava ficando azul devido ao pavor.

Kimizuki -- essa não... -- Kimizuki teve certeza que Mikaela estava tendo um flashback.

As coisas ficaram ainda piores quando o grande bicho preto e felpudo mas nada fofo mergulhou no chão para tentar pegar os três, apesar de a voz de Mikaela ser grave e aveludada, naquele momento, um gritinho tão agudo que chegava a machucar os tímpanos escapou de sua garganta enquanto o gigantesco demônio voador vinha em sua direção, para sua sorte, Yuu se jogou contra ele o derrubando, fazendo com que as garras do animal não lhe machucassem mesmo que tivessem chegado bem perto.

Yuu caiu por cima de Mika no chão, e nesse momento pode sentir como seu corpo tremia, podia ver o suor em seu rosto assutado agora que estavam tão perto, e aquilo apertou o coração de Yuu, que por um minuto olhou para Mika com pena e depois com determinação.

Yuu -- Kimizuki! -- disse se levantando -- vamos pra um lugar coberto agora!

Kimizuki -- eh? Mas por que?

Yuu -- vamos! -- estendeu a mão para Mika se levantar -- confie em mim ok Mika? Por favor...

O loiro olhou para aquela cena acima de si, como Yuu parecia preocupado com ele, como sua voz saia doce e calma como se quissese acalma-lo, quando ouviu o bicho fazer um barulho semelhante a um rugido agudo, o que fez o de olhos azuis rapidamente agarrar a mão de Yuu, que assim que a pegou, o puxou fazendo-o se levantar e saiu correndo o puxando.

****************

Os três pararam de correr apenas quando encontraram uma caverna, não souberam como conseguiram despistar aquele morcego gigante mas Mikaela agradecia muito que conseguiram, pois finalmente havia conseguido uma brecha para controlar sua respiração picotada devido ao medo e a corrida.

Kimizuki -- por que nos trouxe aqui, Yuu?

Yuu -- não posso permitir que Mika lute...

Mika -- q-que??? -- o loiro se levantou e empunhou sua espada, ao fazer isso, a espada denunciou o quanto suas mãos tremiam-- sem condições! Eu vou lutar também!

Yuu -- Mika... não... -- colocou o dedo levemente na lâmina de modo tão gentil que nem sequer se cortou e a abaixou -- olhe seu estado, lutar dessa forma vai ser uma tortura pra você, se esconda ok?

Mika -- eu fui um soldado! E-eu posso lutar! É só um morcego grande! Eu dou cont... eh? -- o loiro porém foi interrompido por um abraço de Yuu.

Yuu -- não seja um teimoso... -- disse o apertando em seus braços -- eu consigo sentir o quanto você está tremendo sabia? Você não está bem... e eu não posso permitir que você fique ainda pior... -- finalmente o loiro pareceu se acalmar, então Yuu o soltou -- não se preocupe, eu e Kimizuki vamos derrotar aquele morcego -- a voz de Yuu saia completamente diferente do normal, geralmente ela saia descontraída e fofa, mas agora Yuu falava com uma maturidade que com certeza não era dele, como se Mika fosse uma criança, a verdade e que naquele momento Yuu visualizou Yoichi em Mika -- vai focar tudo bem ok? -- o loiro não respondeu com a voz nem seus olhos já que os mesmos ainda estavam arregalados pelo o jeito que Yuu falava, mas timidamente concordou com a cabeça -- ótimo, vamos Kimizuki! -- chamou o rosado que o seguiu para fora da caverna, mas antes olhou para o amigo como se quissese reconforta-lo e falou:

Kimizuki -- relaxa Mika, vai ficar tudo bem -- e saiu

Os dois então correram ela floresta caçando novamente a criatura gigante, mas Yuu parou de repente fazendo Kimizuki parar também.

Kimizuki -- que foi??? -- perguntou preocupado.

Yuu -- olha!!! -- apontou para dois morcegos voando a alguns metros de distância deles.

Kimizuki -- o que tem? São morcegos normais, apesar de que... um e deles e branco??? -- perguntou surpreso vendo aquele morcego branco.

Yuu -- são os morcegos da Shinoa e da Mitsuba! -- disse animado -- elas estão aqui! Temos uma chance!!! -- foi só Yuu dizer isso e uma sombra gigantesca pairou sobre ambos, o morcego havia os visto ali, e não tinham muito espaço para lutar pois a poucos passos deles havia um grande precipício -- por que eu fui abrir minha boca??? -- perguntou furioso consigo mesmo.

Kimizuki -- seria uma boa hora pra elas aparecerem! -- disse sacando sua arma.

********************

Dentro daquela caverna Mikaela se sentia a criatura mais patética da face da terra.

Estava sentado na parede da caverna abraçando os próprios joelhos, odiava estar naquela situação enquanto seus amigos batalhavam, queria ajuda-los, queria que sua fobia simplismente sumisse, mas não era tão fácil assim.

??? -- Mika? -- perguntou uma voz familiar para o loiro

Mika -- Mitsuba? -- disse surpreso ao vê-la, e feliz por que a feiticeira não estava acompanhada de seu morcego albino -- o que faz aqui?

Mitsuba -- eu é que pergunto! Droga! Se você está aqui Yuu e Kimizuki também devem estar! E a pior hora e o pior lugar!

Mika -- eh? Do que você tá falando?

Mitsuba -- tem soldados do exército dos humanos aqui! Eles vieram caçar o demônio, mas...

Mika -- isso não é nada... a gente se livrou deles uma vez, pode se livrar de novo...

Mitsuba -- mas não é só isso! Os feiticeiros da nossa sociedade estão procurando por nós!

Mika -- "nós"? Tipo você e a Shinoa.

Mitsuba -- não seu idiota! -- Mika recebeu um golpe na cabeça -- "nós" tipo eu, Shinoa, Você, Yuu e o Kimizuki!

Mika -- o que???

Mitsuba -- definitivamente eles descobriram sobre a gente tar andando com vocês dois! Isso e a pior coisa que poderia acontecer! Por um lado temos o demônio! Por outro temos os soldados do exército e por outro temos os feiticeiros da nossa sociedade perseguindo a gente! Nós temos que ir embora daqui! -- Mikaela se levantou.

Mika -- então vamos achar o Yuu e o Kimizuki!

***************

A situação não estava nada boa para o feiticeiro e o ex-soldado.

Nenhum dos dois podia atacar a longas distâncias direito, e o fato de aquele bicho apenas atacar com mergulhos rápido dificultava muito o trabalho de ambos, os dois estavam ja bastante machucados quando ouviram uma voz aguda gritando por Yuu.

Shinoa -- Yuu-san!!! -- gritou a arroxeada atraindo a atenção tanto dos amigos quanto do demônio.

Yuu -- Shinoa? -- a baixinha pareceu ter usado sua magia, mas era dificil dizer, já que seu poder era criar objetos invisíveis.

Shinoa -- pega!!! -- seja lá o que ela tenha feito, jogou até Yuu.

Pareceu que os dois haviam se comunicado telpaticamente, pois pareceu que Shinoa teve uma ideia brilhante que Yuu num instante entendeu.

Assim que Yuu agarrou o objetivo invisível uma chama gigantesca, maior do que todas que Kimizuki já tinha visto Yuu criar aoareceu, a chama era tão grande que Mikaela e Mitsuba que já estavam relativamente perto encontraram os dois rapidinho.

Mika -- o-o Mika ta acontecendo...?

Mitsuba -- eles uniram suas magias! -- disse impressionada.

E então uma grande foice que parecia ser feita de fogo verde apareceu na mão de Yuu.

Yuu -- cai pro pau, morcego fedido -- soltou a frase antes do morcego vir de encontro com ele.

Quando o morcego estava perto o suficiente, Yuuichirou lhe acertou um golpe certeiro em sua cabeça nada bonitinha apesar de felpuda, a lâmina de fogo atravessou o crânio do animal, e pareceu que ele havia pego fogo por dentro, as chamas verdes subiram a um ponto que poderiamnser vistas da floresta inteira, mas como Yuu queimava apenas o que ele queria, não ocorreu nenhum incêndio. Mika e Kimizuki quase sentiram seus queixos baterem no chão, enquanto Shinoa e Mitsuba olhavam maravilhadas, como se soubessem o que iria acontecer, mas que não deixasse de ser deslumbrante.

O morcego foi literalmente reduzido a cinzas, e assim que isso aconteceu, Shinoa perdeu as forças, se não fosse por Mitsuba que tivesse a segurado e a deitado delicadamente no chão.

Mika -- ela está bem??? --perguntou preocupado.

Mitsuba -- ela vai ficar bem, só desmaiou, ela e Yuu gastaram muita energia juntando as duas magias.

Mika -- isso significa... -- olhou na direção de Yuu e o viu cambaleando, como se apenas se manter em pé fosse a coisa mais difícil do mundo, a preocupação de que ele se machucasse, ou pior, caísse para trás no penhasco e morresse lhe atingiu, então correu o mais rápido que pode e antes que o feiticeiro caísse no chão, o segurou em seus braços e se ajoelhou para acomoda-lo no chão e em seu colo.

Yuu -- n-nós.... conseguimos? -- perguntou com a voz fraca e com dificuldade para abrir os olhos.

Mika -- sim Yuu-chan... você foi muito bem... -- soltou um sorriso que fez Kimizuki que apenas observava sorrir junto, a quantos anos Mika não sorria assim -- e você Kimizuki? Como está?

Kimizuki -- ah... nao se preocupe comigo, eu tô b...

Mitsuba -- KYAA!!! -- um grito agudo da loira se fez presente interrompendo o momento.

Os dois viraram assustados para verem a feiticeira presa por uma coleira de captura de bruxas, mas aquela era diferente, ela vinha com uma corrente junto como se realmente fosse uma coleira de cachorro.

Mika -- MITSUBA!!! -- O humano se sentiu horrível, havia se esquecido completamente que a própria Mitsuba lhe havia dito que haviam soldados do exército ali, Kimizuki sacou sua arma mas logo foi cercado por vários soldados.

Mika se sentiu patético por não conseguir proteger seus amigos, mas tentou manter a calma, ainda tinha Yuu em seus braços, ao menos um deles devia ser protegido, por isso assim que os soldados se aproximaram, Mika sacou sua espada por onde corria eletricidade.

??? -- você é muito teimoso, o que fazemos comandante? -- Mika e kimizuki achavam que veriam Crowley, mas outro homem apareceu.

???2 -- capturemo-nos vivos.

Mika -- e-eh??? Quem e você? Onde está Crowley -- o tal comandante revirou os olhos.

???2 -- eu sou Lucal Wesker, o novo capitão, Crowley está morto --- Mika e Kimizuki entraram em choque -- mas fui informado de dois soldados muito poderosos que traíram o reino por causa de um Bruxo, eu te capturaria aqui e agora, mas estou curioso, o que esse bruxo é pra você? Um amigo? Alguém que você deve? Ou... você se apaixonou por ele? -- Mika mordeu o lábio, olhou para Yuu ainda empunhando sua espada e logo em seguida olhou para o comandante.

Mika -- e se eu tiver? E daí?

Kimizuki -- Mika... -- o rosado sorriu, Mika estava finalmente estava sendo honesto com seus próprios sentimentos.

Lucal -- eu tenho pena de você, tão jovem e já foi pego em um feitiç... Gh!!! -- o homem se interromepeu ao sentir um cheiro muito forte.

E não foi só ele, todos os soldados, Mika, Kimizuki e Mitsuba foram afetados, os únicos que pareciam imunes eram Shinoa e Yuu já que estavam desmaiados, e por falar em cheiro, todos ali começaram a desmaiar devido ao cheiro, a última que restou foi Mitsuba, mas esta estava quase caída.

Mitsuba -- gh... esse cheiro... -- um par de botas apareceu em seu campo de visão -- Shinya-sama? -- disse ao levantar o olhar.

Apesar da situação o feiticeiro a olhava con ternura, a sensação que Shinya transmitia era de uma mãe vendo que seu filho está bem, o albino não disse nada, apenas levou sua mão com o pulso sangrando até o rosto da menina e lhe fez um carinho, acontece que todo aquele cheiro vinha do sangue de Shinya, então com o cheiro tão perto de seu nariz, Mitsuba logo desmaiou também.

Shinya -- por que teve que acabar assim...? -- disse com notável tristeza em sua voz -- minhas pobres crianças...


Notas Finais


Pessoal-*fazendo barraco*
Shinya-PARA KÉSSA PORRA AE, MERMÃO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...