História Put You Down Second Season - Capítulo 38


Escrita por:

Visualizações 62
Palavras 1.440
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Saga, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei mas voltei! Minha semana de aulas começou e eu estou fazendo o que posso pra não ficar em falta com vcs. Então obrigada pelas que compreendem e que não desistem de mim!! Peço desculpas por erros é que eu escrevi pelo celular então qualquer alteração é devido a isso!!

Beijinhos e boa leitura!

Capítulo 38 - Anônimo


Fanfic / Fanfiction Put You Down Second Season - Capítulo 38 - Anônimo

~Melanie's POV:

Eu atendo o celular. No fundo eu estava fazendo a coisa certa. O Chaz não merece ser castigado por nada. Estávamos todos em momento difícil ninguém sabia o que fazer e como agir.


~#LIGAÇÃOON:

-Fala Chaz.

-Mel... - Ele parecia sorrir pelo tom de sua voz. - Que bom que me atendeu. Eu pensei que iria continuar me ignorando.

-Não tenho mais motivos pra isso Chaz.

-Antes tinha?

-Tinha. Eu estava extremamente irritada com a situação que eu me encontrava. E na verdade suas palavras naquele momento não ajudou muito

-Mel... Me perdoa por isso ok? Eu me arrependi do que disse. Eu deveria ficar do seu lado e te apoiar em qualquer decisão e não dizer o que você tinha que fazer e como fazer. Eu errei e paguei o preço você sumiu e tudo virou uma bagunça pra mim desde então. Eu preciso saber como você está, liguei pra sua mãe pra saber como estava e como as crianças estavam ela não me disse muito. Disse que estava em uma viagem.

-Sim estou. Mas amanhã bem cedo volto pra casa.

-Você está bem?

-Estou melhor do que nunca. Desculpa por não ter respondido antes. - Eu não conseguia ser como era antes. Acho que várias coisas mudaram além do meu sentimento pelo Justin. - E as crianças estão bem crescendo a cada dia estão lindos.

-Bom... - Um breve silêncio paira sobre nossa conversa. - Podemos nos ver? Quero tanto conversar com você, ver você.

-Podemos Chaz. Vamos almoçar amanhã pode ser?

-Perfeito. Ótimo! Nos vemos amanhã.

-Sim. Boa noite.

-Boa noite Mel
.

~#LIGAÇÃOOFF!#~


Joguei o celular na cama e deitei. Mil coisas se passam em minha mente. O Rick só bagunçou ainda mais as coisas me deixando aqui desse jeito e sentindo várias coisas por ele, será que o verei de novo? Espero que sim. Estava preocupada com o Shawn e principalmente com as crianças. E essa mensagem que deixaram pra mim junto com as fotos do Justin e da Hailey. Estão tentando me atingir e seja quem for não quer o meu bem.


No dia seguinte...


~Justin's POV:

Estava com as crianças na sala. Nem fazia idéia de quando a Melanie iria voltar dessa tal viagem. Quando escuto alguém bater na porta.


-Justin... - Nem acredito que ela foi capaz de aparecer aqui depois de tudo o que aconteceu.

-Hailey eu já disse que não te quero mais aqui ou você é surda ou não entendeu isso. - Eu estava furioso. Só de olhar pra ela já me dá raiva por tudo.

-Justin relaxa eu superei a raiva que estava da sua cara e você pode fazer o mesmo também. Você tem notícias da Mel? - Soltei uma risada pelo nariz em tom irônico.

-Jura que você acha que eu tenho notícias dela? A seis porras de meses Hailey que não tenho nem contato com a mãe dos meus filhos e todo mundo sabe disso então NÃO FODE PORRA.

-Pra você que está com crianças em casa a boca anda bem suja... - Respirei fundo pra não surtar com ela. Minha paciência pra essas coisas ainda continua curtíssima.

-O que você quer aqui caralho? - A porta estava meio encostada e ela do lado de fora.

-Mandaram uma coisa pra mim... Não sei se ela recebeu. Eu não vim Justin te tirar a paciência eu só quero saber que porra anda acontecendo. - Franzi o cenho.

- Do que você está falando?

-Eu posso entrar primeiro? - Revirei os olhos e a deixei entrar.


Enquanto as crianças estavam aqui em casa despensei a atividade das babás. Eles estavam na sala no carrinho assistindo desenhos. Fui pra cozinha com a Hailey fiquei curioso no que ela me disse. E porque envolveria a Mel.


-Quer algo? - Perguntei pra ela pegando uma xícara de café.

-Quero que dê uma olhada nisso aqui... - Ela tira da bolsa um envelope. Dou um gole no café e me aproximo da bancada. Olho pra ela e pego o envelope.


Pra minha surpresa era um jogo muito fodido de sujo. Não acreditei quando vi que eram fotos nossa do dia em que saímos juntos. Nem eu me lembrava disso. Fiquei furioso como nunca tinha sentido de novo. Me senti ameaçado. E dentro tinha um bilhete escrito em negrito bem grande...


"Vocês se merecem. Dois lixos que se completam!"


Fiquei alguns minutos tentando controlar a minha raiva por aquela brincadeira idiota.


-Você sabe quem te mandou isso? - Perguntei irritado.

-Não tenho idéia Justin. Isso me assustou por que estávamos bêbados e visivelmente apagados. Alguém entrou no quarto aquele dia e bateu fotos nossas. Temo que podem ter enviado pra Mel também...

-Mas não tem remetente? Porra nenhuma? - Eu estava agitado.

-Não. Isso só apareceu na porta do meu apartamento. Geralmente colocam na caixa de correspondência, mas uma pessoa deixou isso aqui lá pra mim. Não sei pode ser que você receba um também.

-Se eu pegar esse filho da puta... Não vou ter dó Hailey...


Escuto minha empregada vir correndo me entregar algo. Estava embalado em um saco preto.


-O que foi Maria?

-Senhor Bieber não deu pra ver direito, mas eu estava limpando a varanda quando jogaram isso aqui pro senhor.

Ela me entrega o pacote eu olho pra Hailey.

-Tudo bem Maria. Pode ir. - Despenso a empregada. Bem na frente estava escrito meu sobrenome em branco.


Rasgo o saco e pra minha surpresa é o mesmo envelope que estava com a Hailey. Estavam brincando com fogo.


-Outro envelope... Abre Justin.


Eu abro e tive outra surpresa. Era fotos dos meus filhos... Mas as fotos eram de hoje o que fez o meu sangue ferver. Qualquer um que seja vai pagar por essa brincadeira idiota.


-Justin é as crianças... - Hailey estava visivelmente assustada. - E tiraram as fotos hoje e agora.


Sacudo o envelope e um papel branco cai. Outra mensagem idiota.


"Lindos filhos você têm Bieber. Pena que eles não merecem ter um pai como você."


Quando percebi minhas mãos já estavam amassando tudo em uma bola de papel. Eu fiquei furioso com essa brincadeira ou seja o que for.


- Justin me diz que não tem mais nada a ver com as máfias...

-O que? Você enlouqueceu. Eu virei pai Hailey segurança dos meus filhos vem em primeiro lugar. E por amar a Melanie você sabe que eu sai faz tempo...

-Você ainda a ama. - Ela pareceu desapontada.

-É eu a amo. Ela é mãe dos meus filhos sempre estará ligada a mim e enquanto a essas mensagens idiotas eu vou descobrir quem foi.


-Justin... Eu não acho que seja alguém querendo o seu mau e das crianças. Você é uma pessoa pública e também sabe da possibilidade de pessoas e até fãs fazer brincadeiras de mau gosto...


-ATÉ PORQUE ELES IRIAM TER ACESSO AO QUARTO EM QUE FICAMOS ÀQUELA NOITE E IRIAM ENTRAR AQUI AGORA PRA TIRAR FOTOS DAS CRIANÇAS... - Eu já estava berrando quando percebi. Fechei os olhos e respirei bem fundo. - Olha não foram meus fãs. Eu conheço esse tipo de jogo eu cresci no meio de merdas como essas.


-Justin relaxa. Você não entra nesse mundo faz tempo. Se fosse alguém querendo mandar recados ruins já teria feito o pior. Ou você acha que eles não iriam ter uma brecha no seu término com a Mel pra tentarem fazer algo?! E quem poderia querer te prejudicar? Que eu sabia estão todos mortos.


-Não quero saber o que você acha Hailey e sinceramente tudo isso começou por sua causa... Eu sei reconhecer uma ameaça de longe eu já fiz joguinhos como esse. Quem quer que seja é bem calculista e sabe onde pisa e é alguém de dentro do meu vínculo de proximidade ou que me conheceu.

-Pode ser alguém da facção...

-Talvez. A minha saída da facção na época fez muitas pessoas me odiarem.

-O que pensa em fazer? O que acha que pode fazer?

-Descobrir quem é essa pessoa que deve estar achando uma piada brincar dessa maneira comigo.

-Nossa você já foi mais criativo. Você não tem contato com nenhum dos caras que trabalhava pra você no tráfico por decisão sua... - Ela pega a bolsa e levanta. Ela caminha até a porta. - O Justin que eu conheci iria esperar por mais outro sinal antes de tomar qualquer decisão que seja idiota o bastante pra ferrar com tudo.


Ela sai e eu fico pensando. Essa porra vai me atormentar a noite toda. Quem poderia ser? Ao longo da minha vida fiz muitos inimigos até a Mel me tirar daquela vida de tráfico e bandidos.


Notas Finais


#EITA! Está esquentando.... Me contem o que acham que pode ser? Vai ter surpresas algumas até demais.

Não sei se ficou curto mas no próximo capítulo vai ter mais coisas!!!
Me sigam no instagram @Thejeniferoliveira é importante pra vcs saberem quando e como está indo o andamento da fic!!
Beijinhos obrigada por chegar até aqui!♡
#COMPARTILHEM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...