1. Spirit Fanfics >
  2. Quando as borboletas batem as asas >
  3. Super-heróis

História Quando as borboletas batem as asas - Capítulo 5


Escrita por: Otakuw_fedida

Notas do Autor


HEY HEY HEY GELRINHA DO BARULHO 💃

Capítulo 5 - Super-heróis


Fanfic / Fanfiction Quando as borboletas batem as asas - Capítulo 5 - Super-heróis

Capítulo 5




" A vida é rodeada de sonhos, mas em si, é um pesadelo."


- Está tudo bem? - Estava sentado, encarando assustado aqueles olhos bicolores. Tinha uma toalha bloqueando um pouco a minha visão. Sua mão direita sobre meu braço e sua esquerda sobre o sofá.

" Muito perto..."


Por um instante, pareceu que ele leu meus pensamentos, se afastando em seguida. Ajeitou a postura e pigarreou, virando-se pra cozinha.

-  C-como eu vim parar aqui? - Perguntei meio atordoado.

- Você desmaiou de febre, por isso te carreguei até o sofá e depois coloquei uma toalha úmida em sua testa - De costas ele respondeu, aparentemente estava cozinhando. - Tomei a liberdade de preparar o soba, talvez melhore seu resfriado.

- Ah... - Respondi indiferente. Era possível escutar o barulho das panelas se mexendo, porém era o único som que podia ser ouvido.

O silêncio prevaleceu por um certo tempo, até o  outro vir com duas tigelas em mãos.

- Se sente melhor? - Não queria olha-lo, não queria que visse esse meu lado vergonhoso, eu não quero que veja o quanto sou fraco. - Enquanto cozinhava, escutei murmúrios vindos da sala e logo pensei que era você. Quando cheguei perto, vi que chorava ao mesmo tempo que se negava de ter feito algo. Se quis-

- Podemos esquecer isso? - O interrompi - Não quero falar sobre...

- Tudo bem Se quiser conversar. - Insistiu.

- Não me leve a mal Todoroki-kun, mas nem nos conhecemos direito. Só faz algumas semanas desde que trocamos palavras. - Assim que o olhei novamente, percebi a tristeza e preocupação em seus olhos.

- Certo... Mas saiba que guardar tudo o que tem preso, só vai te inundar até que esteja completamente submerso. Eu... - Deu uma pausa e olhou a tigela em suas mãos, pensativo. - Meio que entendo quando diz que não quer conversar. Porém aprendi do pior jeito, que engolir seus sentimentos, vai te corroer por dentro e deixar um gosto amargo. Ninguém te conhece de perto e o foda de viver correndo pelo que é certo, Como se ninguém pudesse conhecer esse sentimento, mesmo esperando que um dia pode aparecer alguém diferente. Na vida, não existem Super-heróis, contudo, e seu eu te disser que não é bem assim?

Eu não entendia muito bem, entretanto o peso de suas palavras me tocava.

- Depois de um tempo, irá percerber que eles existem sim e que na verdade, são nós mesmos. - Ele me encarou com profundidade, como se estivesse acariciando minha alma. - Chorar nem sempre significa tristeza e fragilidade, e sim que você é forte. Decidiu abandonar seu orgulho e aceitar que desabafar e soltar aquilo que está aprisionado, significa estar pronto. Pronto pra ser quem realmente é.

Senti seus braços rodearem meu pescoço, e em reação, fiquei estático.

As palavras ditas invadiram minha mente e corpo. Nunca havia sentido algo assim. Era como se ele soubesse tudo o que eu passei apenas em me ver sonhar.
Depois que eu finalmente entendi suas ações, me permiti chorar quando minhas mãos agarravam fortemente o tecido de sua camisa.

Pela primeira vez, pude vivenciar a sensação de segurança. Seu calor gentil demonstrava que estava tudo bem. Eu me senti acolhido e preservado, confortável.
Todo esse misto de emoções foram transmitidas unicamente em um abraço. Esse o qual, espero nunca esquecer...

Após um tempo ali, por fim nos separamos.

- Não guarde tudo pra si mesmo por mais difícil que seja. Entendeu? - Escenti positivamente com a cabeça. - Bom, mudando de assunto agora. Termine de comer, temos um trabalho pra fazer e ainda temos que ir até a cabana.

Todoroki levantou-se estendendo a mão e abrindo um sorriso.

- Vamos?

- Vamos. - Respondi sorrindo, ligo segurando sua mão.

Super-heróis [lucas A.R.T e Pedro Alvez]
7 mtz


[Lucas A.R.T.]
Muita mensagem me dizendo pra seguir em frente
Mas tem dia que nem dá vontade de sair da cama
Eu não consigo nem te explicar, só quem sente, entende
Prefiro evitar essa conversa pra não acharem que é drama
Mas tô travando uma batalha contra a minha mente
Por que essa porra dessa depressão sempre ganha?
É que eu sempre fui estranho demais
Mano, eu nunca me encaixei com os demais
E sempre me maltrataram, é estranho demais
Por que as respostas que ouvimos são sempre tão iguais?
Você é feio demais, você é burro demais, você é fraco demais
Você é puta demais, você é preto demais, você é pobre demais...
E o que mais?
E lá vamos nós de novo, cada vez que isso acontece
Por dentro parece que eu morro um pouco
Cada lágrima desse choro
Tem gosto de socorro

[Pedro Alvez]
E quando eu e minha tristeza
Estamos à sós
Só ela consegue me ouvir chorar
Porque na vida real
Não existem super-heróis, super-heróis
Não existem super-heróis, super-heróis
Não existem super-heróis, super-heróis

[Lucas A.R.T.]
Eu já parei de contar
Quantas vezes eu tive que sofrer calado
E aprendi do pior jeito que engolir seus sentimentos
Vai te corroer por dentro e deixar um gosto amargo
Ninguém te conhece de perto e o foda de viver correndo pelo certo
É que tem gente que sempre vai tentar te fazer se sentir errado
E à cada zuera e brincadeirinha
Cada apelido e piadinha
Estamos criando esses vilões traumatizados
Como a gravidade: botando eles para baixo
E quantas almas sem saída vão ter tirado a própria vida
Quando entendermos que esse ódio já era pra ter acabado?

[Pedro Alvez]
E quando eu e minha tristeza
Estamos à sós
Só ela consegue me ouvir chorar
Porque na vida real
Não existem super-heróis, super-heróis
Não existem super-heróis, super-heróis
Não existem super-heróis, super-heróis

[Lucas A.R.T.]
Leva um tempo pra entender
Que existem super-heróis
E eles somos nós
Nós!
E mesmo que eu não queira mais viver
Eu vou assim mesmo
Porque eu vou vencer
Essa batalha contra mim mesmo
E se só a gente entende o quanto dói
Somente nós podemos ser

[Pedro Alvez]
Super-heróis, super-heróis
Super-heróis, super-heróis
Super-heróis, super-heróis



CONTINUA...


Notas Finais


N é final de semana e esse capítulo tbm n é longo, porém acho q final de semana eu vou estar muito ocupada por causa de um seminário entre outros trabalhos aí 🙄

Ent pra n deixar vcs sem, eu escrevi esse aqui bem rapidinho 😅😅

Espero q tenham gostado
Bjs 😘💐


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...