História Quando o amor nos une novamente. - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Kentin, Leigh, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Professor Faraize, Rosalya, Violette
Visualizações 9
Palavras 742
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá meus amores, mais um cap na mão e espero muito que gostem❤.

Capítulo 4 - O passeio


Após ela deixar, fui ao meu quarto, troquei de roupa e fui logo até a praça me encontrar com os meninos, e somente Kentin estava lá.

Angel- Ah, oi Ken, vejo que Armin está um pouco atrasado. 

Kentin- Ele me mandou uma mensagem dizendo que está vindo, e se atrasou por que estava jogando e não viu a hora passar...típico do Armin.

Angel- Entendi.

Kentin- Angel, e-eu colhi esta flor do jardim da minha mãe, ela me lembrou você.

Ele me entregou uma rosa azul belíssima, suas cores eram tão vivas.

Angel- Obrigada, eu adorei.

Kentin- Que bom.

Eu o olhei sorrindo, e ele desviou olhar corado.

Kentin- E-eu fiquei sabendo que vai ter uma competição de patins na semana que vem.

Angel- Você gosta de andar de patins?

Kentin- Eu gosto muito, porém faz um bom tempo que não ando.

Angel- Você deveria tentar participar desta competição.

Kentin- Eu já tentei, a última que fui foi desastroso, fiquei nervoso com tantos olhares em mim que acabei caindo no chão, e quebrei meu braço.

Angel- Se é isso que gosta, tem que superar seu medo.

Kentin- Talvez eu consiga participar, se você for comig...

Armin- Fala galera, demorei mas cá estou.

Ele se juntou a nós e fomos até o centro da cidade, fiquei impressionada com tantas roupas diferentes, a moda atual realmente é um pouco estranha, mas não deixa de ter sua beleza. Entrei em uma das lojas para experimentar algumas roupas e Kentin e Armin ficaram avaliando cada look.

 O último que vesti, foi um vestido curto de alça fina, com estampas de girassóis, quando sai do provador para mostrar a roupa aos meninos, eles me olharam de uma forma diferente, estavam surpresos.

Angel- Que foi gente?

Armin- Você ficou linda.

Kentin- ...Muito linda.

Senti meu rosto ficar um pouco vermelho.

Angel- Então vou levar este.

Paguei o vestido e voltamos a andar pelo centro da cidade. Armin tirou algumas fotos minha distraídas e eu comecei a correr atrás dele brava, enquanto Kentin estava inquieto.

Angel- Kentin, o que houve?

Kentin- Nada, nada não, vamos comer alguma coisa?

Armin- Bora, tô morrendo de fome, vamos para o bar, lá tem uns petiscos ótimos.

Fomos até o tal bar indicado pelo Armin, nos sentamos em um lugar confortável e fizemos nossos pedidos. Eu pedi uma porção de camarão e um suco de acerola, Kentin pediu porção de batata frita e uma lata de Coca-Cola, e Armin pediu uma só um copo de cerveja, um copo bem grande por sinal.

Angel- Você vai acabar ficando bêbado.

Armin- Relaxa, não vou não,  enfim, podemos fazer isso mais vezes.

Angel- Concordo.

Kentin- Também acho.

Fizemos um brinde a nós, que agora somos um grupo de amigos.

Após eu e Kentin terminarmos de comer, Armin já estava no 4° copo. Nós dois nos olhamos com pena do Armin que estava quase desmaiado.

Angel- Ken, que horas são?

Kentin- 22:00 

Angel- Vamos ter que levar Armin para casa.

Armin- Maginaa, não prexisa não, tô bem.

Kentin- Você não aguenta nem ficar em pé direito.

Armin- Xiuu, tá ouvindo Isso? É o som da puliça, tão indo atrás de alguém, melhor ir ver.

Angel- Não tem polícia alguma aqui.

Armin- Trollei haha, ai ai voxês caii em cada uma viuu. 

Eu e Kentin pegamos ele, cada um por um braço, e levamos ele até metade do caminho, mas Armin era pesado, não aguentamos e ele acabou caindo no chão.

Armin- Que back foi esse? Chegou minha hora?

Kentin- Cala essa boca.

Angel- Calma, Ken, tenta ligar para os pais dele.

Kentin- Não sei o número deles.

Angel- Tenta pelo celular do Armin.

Ele pegou o aparelho eletrônico das mãos do Armin que resmungava igual criança, mas o celular tinha senha.

Kentin- Qual é a senha?

Armin- 1,2,3...

Kentun- Sério Isso?

Ele digitou e deu como senha errada.

Armin- ...indiozinhos, 4,5,6...

Angel- Armin! Para de graça e diz logo qual é a porcaria da senha!

Armin- Tá, é 7843

Kentin conseguiu desbloquear o celular e ligou para os pais de Armin, eles disseram que logo iriam buscar o filho.

Eu e Kentin nos sentamos no chão para esperar.

Angel- Aí, que dia não?

Kentin- Pois é...

Angel- Mas até que foi divertido.

Kentin- Concordo, mas por favor, das próximas vezes não chame ele.

Angel- Então quer dizer que nas próximas vezes será um encontro?

Ele ficou vermelho igual o cabelo do Castiel após perceber o que disse.

Kentin- N-não, só quis dizer que...

Angel- Eu entendi haha, não se preocupe.

Kentin- Na verdade, é isso mesm...

Antes dele terminar a frase, os pais do Armin chegaram, e nos deram uma carona até nossas casas...assim que chegaram na minha residência, me despedi de todos e entrei, dei boa noite para tia Agatha, ignorei Castiel e deitei em minha cama dormindo logo em seguida...





Notas Finais


Espero que tenham gostado❤.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...