História Quando o passado retorna - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Reign, The Vampire Diaries
Personagens Francis II of France, Katherine Pierce, Mary, Queen of Scots
Tags Francis, Mary, Reign
Visualizações 36
Palavras 603
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Presente em Paris


Fanfic / Fanfiction Quando o passado retorna - Capítulo 1 - Presente em Paris

Neste verão eu e o Francis comemoramos dois anos de casados, então decidimos ir para capital das noites românticas escolhida sempre pelos casais apaixonados.

Fomos para Paris.

Embarcamos no avião aqui em Londres às 21h da ultima quinta feira. Chegamos lá a meia noite porque nosso vôo tinha conexão e tivemos que mudar de avião no meio do caminho, onde era uma parada quase sempre certa.

Eu e o Francis sempre viajamos e já fomos para muitos lugares. Temos no nosso quarto um mapa detalhado com todas as cidades do mundo. Em cada uma que já fomos nós colocamos um alfinetinho colorido marcando a cidade. E confesso que já tem bastante pontinhos coloridos por lá.

Eu sou estilista, crio roupas de gala para uma renomada agencia que acaba divulgando os meus vestidos. Francis é corretor, vende apartamentos num dos bairros mais chiques e valorizado de Londres.

Nós ganhamos bem e por isso viajamos quase sempre.

Ao chegar ao aeroporto de Paris, logo fomos a uma pequena loja de doces típicos da França e aquilo tudo era maravilhoso. Um pouco caro porque era dentro do aeroporto, mas era delicioso.

Saímos de mãos dadas cada um com uma mala na mão desocupada.

E tudo naquela cidade era perfeito. O ar, a vista. As pessoas andando felizes.

Ficamos num hotel muito lindo, numa suíte com uma cama enorme e varanda. De lá conseguimos ver a Torre Eiffel e ela era muito linda.

No outro dia cedo fomos até o Arco do Triunfo e depois decidimos ir num museu regional muito conhecido.

Belas artes em escultura e muitos quadros com pinturas exuberantes.

A nossa viagem estava muito boa e tranqüila até chegarmos num dos quadros maiores que tinham lá. Ele devia ter um metro e meio de altura e estava em nossa frente.

Era de um casal que era Rei e Rainha da França. Em baixo, no fim do quadro tinham informações: (Mary Stuart, rainha da Escócia e Rainha consorte da França, casada com o Rei Francisco II)

Só eu vi o quadro, porque Francis estava deslumbrado com a escultura atrás de mim.

Era o meu retrato e o Francis. Éramos exatamente iguais ao casal da pintura. Eu estava totalmente atormentada por aquela visão.  A única diferença entre a gente e eles eram as roupas que mostravam que era de uma época bem antes da gente.

- Mary, olha que interessante? Essa escultura é de gesso, mas se parece com outro tipo de material. Vem ver – Francis me chama procurando o meu braço

Mas eu estou paralisada olhando para aquilo.

- Mary? – ele fala e se vira para mim e percebe que estou perplexa

Olho para ele e nossos olhares se encontram.

E ele então viu.

Na pintura vemos a coroação do rei e da rainha. E aquilo, eu confesso, é coisa mais estranha que eu já vivi na vida.

E eu acho que o Francis também.

- Oh meu Deus – um dos guias turísticos fala quando nos vêem parados vendo a tela e percebendo a semelhança

Ele então se aproxima de nós:

- Vocês são casados? – ele nos pergunta

- Sim – eu e o Francis respondemos juntos sem tirarmos os olhos da pintura

- Vocês são iguais – o guia fala todo maravilhado e então estende a mão para nós – Meu nome é Henrick Still, sou guia turístico local. Como se chamam?

E se você acha que se ver no quadro era estranho, imagina responder a pergunta do guia turístico.

Ainda meio abobalhados, falamos:

- Francis Valois – Francis fala e logo depois eu

– Mary Stuart. – falo em alto e bom som causando ainda mais espanto no rapaz



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...