História Quando você menos esperar... - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Beatrix, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Yuma Mukami
Visualizações 55
Palavras 665
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


ola tudo bem? espero que gostem.
Boa Leitura!
OBS: desculpa pelo capítulo curto, prometo postar um maior amanhã. *-*

Capítulo 26 - Meu coração te pertence


Fanfic / Fanfiction Quando você menos esperar... - Capítulo 26 - Meu coração te pertence

Alicia e Marigold conversavam animadamente no sofá, Cecile e Reiji liam um livro juntos, Subaru e Thay eram os únicos que não estavam presentes na sala, Ayato comia takoyakis preparados por Kate é os barulhos que Ayato emitia ao comer estavam incomodando Victória  que olhava pensativa para o fogo na lareira, Laito brincava com as pontas do cabelo de Marigold, Kanato conversava com o seu urso é Shu cantarolava uma música no ouvido de Alicia que estava perdendo o foco da conversa com Marigold.

-Alicia: que estranho a Thay, não estar presente.

-Victória: é por uma coincidência nem o Subaru.

-Marigold: huummm, Thay com o Subaru até imagino onde eles estejam!

Marigold dá um sorriso malicioso, parece que quanto mais tempo Marigold passa com Laito mais ela se parece com ele.

-Alicia: eu tô com sono.

-Kate: acho que é melhor você descansar um pouco Alicia.

Cecile ergue os olhos do livro que está lendo com Reiji para encarar Alicia.

-Cecile: acho melhor você tirar um pouco esses fones, Shu é uma criatura sobrenatural, então não há possibilidades dele ter problemas auditivos já você é bem provável.

Alicia encara a irmã com um pouco de raiva misturada com sono.

-Alicia: falo o mesmo de problemas de visão.

Cecile não faz questão de responder a irmã, apenas volta a ler o livro com Reiji que faz cafuné na cabeça dela, Cecile olha para Reiji com paixão no olhar é os olhos do mesmo revelam uma amor incondicional.

-Cecile: eu te amo.

-Reiji: te amo meu amor.

Reiji da um pequeno e casto beijo nos lábios de Cecile na frente de todos.

-Ayato: leve as suas atividades para o seu quarto.

-Reiji: seus modos são deploráveis.

A sala cai na risada com a ironia que o rumo da conversa está tomando.

        No quarto de Thay, ela dormia tranquilamente com a cabeça no peito de Subaru mesmo que o coração de Subaru não batesse, isso causava um conforto agradável para Thay que não saberia explicar essa sensação tão boa com palavras. Subaru olhava para a nuvem de cabelos castanhos que se formava em cima do seu peito e também para o rosto sereno da sua garota que parecia sorrir mesmo dormindo, Subaru estava preocupado com a alimentação de Thay já que só viu ela comendo uma maça no café da manhã. Subaru da beijos na testa de Thay que resmunga um pouco mas não parece ter acordado, descendo Subaru da beijos nas pálpebras dos olhos dela que com um pouco de relutância abre os olhos sonolentos.

-Subaru: hora de acordar dorminhoca!

-Thay: eu não quero.

Subaru da um pequeno sorriso lembrando de uma criança manhosa que não quer se levantar.

-Subaru: você não comeu nada hoje, é melhor descermos.

Thay continua resmungando palavras incoerentes.

-Subaru: ah chega, vamos pequena.

Subaru se levanta e vai até o outro lado da cama pegando Thay nos braços, a garota sonolenta passa as mãos pelo pescoço de Subaru e aconchegasse novamente no peito dele. Descendo as escadas Subaru passa pela sala atraindo o olhar das garotas presentes.

-Kate: Thay!

-Marigold: que cena mais fofa.

-Victória: olha é aprenda Kanato.

Cecile ergue os olhos para Reiji e solta uma risada baixa fazendo Reiji sorrir.

-Alicia: que lindos, vontade de apertar!

Subaru deixa uma Thay sonolenta no sofá e vai para a cozinha procurar algo para a sua Thay comer.

-Alicia: acho que tem gente que está com mais sono que eu.

-Thay: eu não estou com tanto sono assim!

-Marigold: sua cara diz outra coisa.

Thay faz uma careta para a irmã e as primas. Alguns momentos depois Subaru volta com uma tigela de cereais com leite e a entrega a Thay, ela com um sorriso contente agradece.

-Thay: obrigada.

Depois eles ficaram conversando e claro que Alicia não deu ouvidos a Cecile, dormiu com a cabeça encostada no ombro de Shu é com os inseparáveis fones de Shu que agora pertenciam a ela também, igualmente ao seu coração que pertencia a Shu.

 

 


Notas Finais


Espero que tenha gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...