1. Spirit Fanfics >
  2. Quase impossível >
  3. Promoção

História Quase impossível - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Oi, tudo bem? Vim dar continuidade e espero que vocês gostem desse capítulo, ele está um pouco curto porque hoje no trabalho foi um pouco corrido e eu postei outro lá na minha outra fanfic.

Capítulo 2 - Promoção


Fanfic / Fanfiction Quase impossível - Capítulo 2 - Promoção

POV Amarilis

Já é quinta feira e eu tive uma semana cansativa. Amanhã sai o resultado de quem será o vencedor da promoção e confesso que estou bem insegura quanto a minha matéria. Tudo que eu precisava era essa promoção para me alegrar depois dessa semana exaustiva. Tive muito trabalho hoje e as fofocas estão por todo lado, todos tentando adivinhar quem será o premiado, eu já me desanimei. 

 

-Toc toc, posso entrar? -José diz em minha porta.

 

-Claro, chefinho! O que se passa? -Viro meus olhos dedicando toda minha atenção a ele. 

 

-Amanhã vai sair o resultado de quem venceu. Você não está curiosa? -Ele senta na cadeira em frente minha mesa. 

 

-Estou é desanimada. por que não me avisou? Eu escrevi uma matéria chatíssima sobre um remédio que emagrece. Eu deveria ter feito uma fofoca sobre alguma celebridade, um super desconto em uma viagem internacional ou uma nova vacina que cura o câncer! -Rimos. 

 

-Isso nem existe, sua doida. Você é super talentosa e você vai conquistar.. Mas, queria te avisar, se você vencer, não ache que foi sabotagem minha ou da minha mãe, foi por mérito seu, ok? -Eu aceno com a cabeça. -Bom trabalho, vou pra minha sala e qualquer coisa que precisar, me chama. -Ele se retira.

 

Ele sai e as palavras ficam em minha cabeça. Será mesmo que eu tenho alguma possibilidade de ganhar? Isso me da ânimo novamente. 

 

-Bia, vem aqui na minha sala por favor. Chama a Raquel e a Ana. -Digo no telefone e desligo, poucos segundos depois elas entram.

 

-Amiga, o que houve? -Ana se manifesta sentando em meu sofá. 

 

-Gente, o José veio aqui e me deu a entender que eu estava vencendo as coisas amanhã. Bia, fala pra mim por favor! Nós sabemos que você está responsável pelas contagens e eu preciso saber se eu estou ganhando. -Imploro pra ela.

 

-Amiga, não. Eu não posso contar. Eu dei minha palavra pra eles que eu seria de confiança pra esse cargo, é minha chance de deixar de servir café e virar uma secretária de verdade, né? Vocês tem que pensar em mim também, poxa. -Ela fala desanimada.

 

-Você está certa... Não podemos ser egoístas. -Diz Raquel. -Mas, da só uma dica? -Todas rimos. 

 

-Não, parem. Eu não vou falar e ainda vou dedurar vocês pro José falando que estão tentando me comprar. -Ela cruza os braços. 

 

-Ninguém ta tentando te comprar não, sua louca. -A Ana fala. 

 

-Não, mas se vocês quiserem tentar, eu estou mega afim de uma bolsa da loja daqui da frente. -Rimos novamente. 

 

-Vai, já que vocês não vão me ajudar, podem sair que eu vou trabalhar. -Todas saem. 

Termino meus trabalhos e vou para academia, chego em casa e como uns chips de banana. Tomo meu banho e me preparo para dormir e durmo muito bem, amanhã é o grande dia. 

 

[...]

 

Acordo cedo e bem animada, pois sonhei que havia ganhado a promoção. Tomo um banho e lavo meus cabelos, e deixo com que seque naturalmente. Coloquei uma calça jeans e uma sandália preta, por cima coloquei uma camisa amarela mostarda e uma bolsa preta, passei uma maquiagem leve no carro mesmo só para que quando eu fosse premiada *risos* eu aparecesse bem na frente de todos. De café da manhã comi apenas duas fatias de abacate. Cheguei na empresa e todos estão nervosos, vou pra minha sala fingindo que estou calma e trabalhei como se nada estivesse acontecendo. Quando deu o horário do almoço, vieram me chamar na minha sala e todos estavam na sala de reunião novamente, com o clima tenso entre todos. 

 

-Bom dia e quase tarde a todos! -José solta e quebra o silêncio. 

 

-Boa tarde! -Todos respondem. 

 

-Boa tarde gente! -Entra a dona Mônica toda majestosa e chamando toda atenção para si.

 

Todos vibram e a cumprimentam. 

 

-Até a mamãe veio dar a notícia. Antes de qualquer coisa, eu quero que vocês saibam que os votos foram 100% feitos pelos nossos clientes e leitores, tanto do site quanto das revistas e eu e minha mãe não tivemos influência alguma quanto a isso, certo? -José fala e todos acenam. -Bom, no começo estava bem equilibrado mas depois disparadamente, com 67% dos votos foram a.... Amarilis Bulgatti Cortez. Você ganhou a promoção, Lis. -Ele sorri e começa a me aplaudir, puxando todos ao aplauso. 

 

-José, Mônica, eu não sei nem como agradecer a oportunidade. Trabalhar aqui é uma dádiva e só quem está aqui sabe. Vocês são os melhores patrões do mundo e nós temos muita sorte de ter vocês. Desde os meus 16 anos eu tive a honra de entrar aqui e sempre fui tratada com a mesma dedicação e respeito, agradeço imensamente a oportunidade. Farei por onde para honrar uma página inteira só para retratar minhas matérias escolhidas com muito carinho e amor pela minha profissão e aos meus patrões e colegas de trabalho. -Sorrio emocionada e levanto o contrato do meu levantamento de cargo e todos me aplaudem novamente. 

 

-Você pode retirar o resto do dia de folga para comemorar, ta bom? -Mônica me diz sorrindo e beija minha testa.

 

-Obrigada, mil vezes obrigada. -A abraço. 

 

-Vamos comemorar hoje!!!! -A Raquel grita toda animada.

 

-Com certeza. Libera nós 4 de folga, chefinho? -Eu sorrio pro José.

 

-Claro... O que você me pede que eu não faço, Lis? -Ele ri e aperta meu nariz.

 

-Te amoooo. -Digo e saio correndo. 

 

Eu e as meninas fomos embora juntas, cada uma pegou seu look e foram até meu flet para nos arrumarmos juntas.

 

Estávamos todas lindas, eu coloquei um vestido preto com alças finas, colado no meu corpo inteiro e valorizando minhas curvas, o vestido vai até um palmo acima do joelho. Nos pés calcei um scarpin preto e batom vermelho nos meus lábios, sendo o destaque da minha maquiagem. 

 

-Prontas? -Digo pegando minha bolsa.

 

-Com certeza! -Todas rimos.

 

Optamos por ir de uber, já que queremos encher a cara. Quando chega, nós todas entramos. 

 

-Onde nós vamos? -Ana pergunta. 

 

-Eu coloquei pra irmos para o Lilix, é o melhor! -Respondo animada, por ser minha boate favorita. 

 

-Uhuuuu, quero encher a cara! -Raquel grita já animada. 

 

Chegamos lá e estava uma gigante confusão na porta com polícia, descemos e pedimos para o uber esperar. Havia tido uma briga e uma pessoa infelizmente acabou falecendo no local, o que fez com que fosse gerado aquele transtorno e a boate teria que ser fechada, por ser uma cena de crime. 

 

-Que horror, gente... Vamos para o Charada? -A Bia diz. 

 

-Gente, desculpa, eu me desanimei... Isso me abalou e eu quero ir pra casa.

 

-Vamos  todas embora então. Sem você, não há comemoração. -Diz Raquel.

 

-Não, vocês ainda estão numa linda sexta feira a noite arrumada, vão aproveitar! Eu amo vocês e vou pra minha casa beber um bom vinho, podem ir. 

 

Elas me beijam e adentram novamente o uber. Eu vou até o outro lado da rua, onde tem um posto de gasolina e vou comprar uma garrafa de vinho e ir pedir um uber. Quero me afofar no meu sofá com uma taça de vinho e ver minha série favorita. Entro na loja de conveniência e compro uma garrafa, vou para fora para pedir meu uber e escuto uma voz. 

 

-Ah, loira, o que acha da gente tomar esse vinho lá em casa? -Olho e vejo um homem super magrelo e tatuado, aparenta ter uns 20 anos com um bigodinho (confesso que sedutor). Não sei os cabelos porque ele está de boné, mas tem a pele morena clara e está vestindo uma roupa bem larga em seu corpo, uma camiseta preta com uma estampa de uma folha de maconha e uma calça preta também bem larga, nos pés num tênis da nike branco e surrado. É completamente fora de qualquer padrão que eu utilizo para escolher um homem, é o famoso "zé droguinha", vou provoca-lo só por diversão. 

 

-Claro! Vamos para sua casa. Eu peço o uber ou você chama? Só aceito beber esse vinho, se o aperitivo for você. -Sorrio safada e ele arregala os olhos. 


Notas Finais


Chegou o tão esperado encontro do destino! O próximo capítulo vou fazer o POV Bruno. Espero que tenham gostado e qualquer coisa meu instagram é @carollcamarossi. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...