História Quase meia noite (um quarteto amoroso) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Rodrigo "Saiko" Ximenes
Personagens Rodrigo "Saiko" Ximenes
Tags @tawan, Meia Um, Saiko, Ycaro
Visualizações 52
Palavras 592
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


XXX

Capítulo 6 - Passeio


P.O.V. Saiko 

Hoje acordei como sempre é tinha que ir a escola, mas hoje íamos a um museu

*Quebra de tempo*

Eu me arrumei e tomei café, enquanto esperava ficar mais tarde ouso meu celular

*Conversa no zap zap on

Maeia Um - Você sabe porque Ycaro num vem aqui

Saiko - a mãe dele num deixa? Porque?

Meia um - Preciso falar com você 

Saiko - Eu tenho aula mas depois passo aí 

*Conversa off

*Quebra de tempo*

Chegando na escola vejo Ycaro e Tawan esperando o ônibus 

Saiko - Eae bele

Ycaro - Eae

Tawan - bele

Quando olho para Tawan eu sinto uma sensação estranha, logo desvio o olhar

Ficamos conversando até o ônibus chegar, quando o ônibus chegou corremos para pegar os melhores lugares mais quando entramos já estava lotado mas Tawan usou sua visão de peruano achou 2 lugares

Tawan - Vamos lá Saiko 

Saiko - (Logo eu e Tawan sentamos nos lugares) que bom que pegamos esse lugar 

*Quebra de tempo*

Chegando no museu vamos ver a seção da colonização do Brasil 

Saiko - Cara isso é muito chato 

Tawan - E verdade

Quando ninguém estava vendo eu fui para o banheiro, eu sentei e comecei a grafitar no meu caderno

Algum tempo depois escuto alguém entrar

??? - Saiko

Quando olho e o Tawan

Saiko - Eae Tawan 

Tawan - Oi

Eu sinto aquela mesma sensação de quando eu o vi de manhã 

Nós dois nos aproximamos, Tawan bota suas mãos no meu pescoço e aproxima nosso lábios, Nós nos beijamos, ele me argue contra a parede nos beijamos por mais algun tempo até que escutamos a porta abrir, nós separamos rapidamente quando olhamos era o Ycaro 

Ycaro - O que seis tá vamos fazendo aqui?

Saiko - Nada não!

Agarro o braço de Tawan e o puxo para fora do banheiro

*Quebra de tempo*

depois quando eu chego em casa me jogo na cama, eu me lembro que 61 me pediu que você em sua casa, saikorendo (piada sem graça),  chegando lá eu o chamo e logo ele aparece com uma cara triste

Meia um - Entra Saiko

Eu entro e logo após ele sentado na cama e começa a falar

Meia um - Eu tô com muita saudade do Ycaro

Saiko - Tu gosta dele é?

Meia um - SIM POR QUE PORRA?

Saiko - Nada não 

Ele avança em minha direção e começa a me da um beijo selvagem 

Meia um - Preciso relaxar

Ele arranca minha calça com minhas boxers e agarra meu pênis e o coloca enteiro em sua boca e começa a lamber, ele quase se engasga, ele se joga na cama e fala

Meia um - Vai!

Eu apenas faso o que ele pede e coloca meu membro em seu orifício anal, eu começo a ir para frente e para trás até que gozo dentro dele 

Meia um - S-Sa-Saiko hmmmmm (ele da um grande gemido)

Nós no jogamos na cama e adormecemos 

*Quebra de tempo*

Eu acordo com uma grito

??? - ANDRÉÉ

Quando abro os olhos vejo a mãe do Meia um 

Mãe do meia um - Quem é esse menino! Não quero nem saber só sumam os dois da minha frente

Meia um - Eu posso explicar

Mãe do meia um - Não pode não! Se os dois não saírem daqui vou chamar a polícia 

Meia um - Mas mãe eu sou seu filho

Mãe do meia um - Não é não 

Pego na mão de André e digo

Saiko - Vamos vaza daqui 

 

Continua


Notas Finais


XXX


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...