História Que Deus lhe pague, porque eu não vou.


Escrita por:


Sinopse:
Como não ser despejado por atrasar três meses de aluguel
(ou)
Como irritar o síndico do seu prédio até quase levar um soco
(ou)
Como usar seu corpo para se livrar de uma dívida

[baekyeol ❘ +18 ❘ one-shot ❘ mais uma sem pé nem cabeça]
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 390
Favoritos 76
Comentários 10
Listas de Leitura 30
Palavras 4.378
Terminada Sim
Categorias Blackpink, EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Jennie, Kim Jong-in (Kai), Park Chan-yeol (Chanyeol)
Tags Chanbaek, Clichêzinho, Dedo No Cu, Gritaria, Lovexhate, Menção!jenkai, Yaoi

Fanfic / Fanfiction Que Deus lhe pague, porque eu não vou.
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Lemon, Shonen-Ai, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Pior que cerveja quente e melhor que um boleto pago
10
390
4.378

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por Yuuziu
Capítulo 1 - Pior que cerveja quente e melhor que um boleto pago
Usuário: Yuuziu
Usuário
Eu cai de paraquedas aqui no seu perfil; li uma fanfic, li outra, depois li mais uma e quando me dei conta já havia lido quase todas.

No momento, estou numa sensação de explosão, alegria e agitação depois de ler essa aqui e, sinceramente, uma das melhores estórias de Chanbaek que eu já li. Ri a cada piada e cantada baixa do Chanyeol, além de suas provocações baratas e como o Baek simplesmente não caía em nenhuma delas; você conseguiu quebrar o esteriótipo de que, só porque o Baekhyun é "pequeno", é mais "gentil", mais "doce", ele precisa ser necessariamente o passivo da história. E isso foi realmente incrível. Parabéns!

Confesso que queria ler mais e saber qual outro possível final você poderia dar, caso tivessem mais capítulos; Chanyeol sendo despejado? Ou ele conseguindo, finalmente, um emprego e pagando as dívidas? Ou até mesmo, ele conseguindo emprego, mas não consegue largar a fraqueza — lê-se vício — do álcool e gastando tudo no barzinho de esquina? E, quem sabe, conseguindo derreter o coraçãozinho de gelo do Byun?

Enfim, seriam muitas possibilidades e espero que algum dia pense em continuar essa estória. Como diz a raposinha do livro O Pequeno Príncipe, devemos cativar as pessoas para que sejam importantes para nós; então, sua escrita me cativou como leitora e irei acompanhar seu trabalho daqui pra frente (tentarei comentar quando possível, sou uma leitora fantasma...).

Peço perdão pelo textão, acabei me empolgando k.

Enfim

Beijinhuss ♡♡