1. Spirit Fanfics >
  2. Quebrar regras. >
  3. Capítulo único.

História Quebrar regras. - Capítulo 1


Escrita por: e lastjeedi


Capítulo 1 - Capítulo único.


Fanfic / Fanfiction Quebrar regras. - Capítulo 1 - Capítulo único.

A cabeça dele pousava na parede branca e fria.

Seu coração estava despedaçado. Sentia o luto. Era frio. Amargo. Escuro. Sua mãe morrera. Perdê-la não fora fácil. Foi como se uma parte sua tivesse ido embora junto.

Loki sabia que não deveria lamentar. Mas, era inevitável. Ela era uma das poucas pessoas pela qual o Deus da trapaça nutria sentimentos, pois Hela o amou de volta. Via através dele. Cuidou dele. Nunca fez diferença entre ele e Thor como Odin sempre fizera.

O moreno sabia que nunca a merecera talvez. Assim como nunca iria merecer o trono. Ou Thor. E pensar no loiro tornava tudo ainda mais doloroso que nunca. Era como se o seu coração queimasse.
Tinha medo. Medo de ficar sozinho. Sem alguém que o entendesse. Sem ter com quem contar. A solidão era algo que não poderia encarar. Se perdesse o Deus dos raios, perderia tudo.

Os olhos do Laufeyson, frios e apagados olhavam para o nada. Será que poderia se atrever a ter esperança? Ou aquilo só o levaria mais depressa para o fim? Não sabia de mais nada. Na verdade, talvez nunca soube de nada.

Uma pequena e cristalina lágrima desceu devagar pelo seu rosto. Era fria contra sua pele. Estranha. Não era de seu feito chorar. Não gostava de fazer aquilo. De demonstrar fraqueza.

- Loki? - Uma voz chamou pelo moreno, arrancando-o de seus próprios pensamentos.

O Deus olhou na direção de onde a voz vinha. E viu Thor ali, parado. O observando. Seus olhos azuis eram intensos como o céu de Asgard. Aquilo fez a pulsação do Laufeyson disparar, errando uma batida.

- O que faz aqui? - O menor perguntou surpreso. Sua voz soava rouca pelo tempo em que não a usou.

- Vim te ver. - O maior respondeu com simplicidade, entrando na cela. Estava bem vestido como sempre. Esplendoroso. Doía olhá-lo.

- E por qual motivo? Odin disse para que se afastasse. Por que acha que irei te matar. - Loki virou o rosto. A raiva começava a querer despertar dentro de si como uma pequena fagulha.

- E eu não irei ouví-lo dessa vez. Não dessa vez. - O Odinson se aproximou lentamente do outro, sentando-se perto dele. - Precisa de mim. E eu preciso de você. E quebrarei qualquer regra para te ajudar.

- E quanto ao trono? - O moreno encarou o Deus. Havia dúvida em seu rosto. Desespero. Thor conhecia o menor bem demais.

- Não quero o trono se não posso tê-lo ao meu lado, Loki. - O loiro tocou devagar no rosto pálido e belo, seus dedos afagando a bochecha fina. - Eu me importo mais com você.

- Não deveria. - Loki mordeu o lábio devagar, meio aflito. Seu coração começou a acelerar.

- Não me fale isso. - Thor meneou a cabeça rapidamente, fazendo um gesto negativo. - Sabe que o que mais desejo e sempre desejei é você, Loki.

- Eu sou um monstro. Não compreende? - Havia um nó na garganta do menor. - Não faria bem a você.

- Você me faz bem, Loki. - Thor murmurou, colando a testa na do outro e segurou seu rosto com ambas as mãos. - Sei que pode mudar e ser melhor.

Mais lágrimas apareceram nos olhos de Loki. O Deus tentou lutar contra todas. Mas, seus muros estavam desabando aos poucos, ruindo. E tudo por que Thor dissera as palavras certas. Apenas o Deus dos raios sabia como tirar seu chão. Deixá-lo vulnerável.

Thor via através das névoas e trevas que sondavam sua alma. Enxergava sua luz. Sua outra face. Tinha fé nele. Aquilo deveria ser mais que suficiente para o Deus da trapaça. E era.

- Eu te amo. - O loiro disse baixo, sua respiração fazia cócegas no rosto do menor. - E se precisarmos, vamos fugir para longe. Só nós dois.

- Faria isso? - Loki fechou os olhos, respirando fundo. Sua pele formigava onde Thor o tocava.

- Sem pensar duas vezes. - O maior respondeu de modo firme.

Loki ergueu o rosto devagar e seus lábios se encontraram com os de Thor. Aquilo parecia certo. Gostava da sensação. A boca do outro contra a sua era quente e macia. Todo o corpo do Deus da trapaça parecia mais vivo que nunca. Acordado e atento.

E quando ambos se separaram, Thor puxou o menor para si e o abraçou apertado, apoiando o queixo no topo de sua cabeça com cuidado e cheirou seus cabelos. Loki era seu verdadeiro lar. E seu verdadeiro amor.

E faria de tudo até que pudesse ser livre ao lado dele. Inclusive, desafiaria Odin para isso...












Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...