1. Spirit Fanfics >
  2. Queen of Kythera >
  3. Prólogo: Herdeiros de Cítera

História Queen of Kythera - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gente já passou mto tempo q nao posto nada nem mesmo uma fic e trago uma aqui.
Apresento vcs "Queen of Kythera"; pra quem ama mitologia grega creio que seja a fic ideal pra vcs.

Boa Leitura...

Capítulo 1 - Prólogo: Herdeiros de Cítera


Fanfic / Fanfiction Queen of Kythera - Capítulo 1 - Prólogo: Herdeiros de Cítera

Cítera, uma ilha vasta por uma praia de areia branca e mar azul turquesa, com um jardim colorido pelas flores, animais e uma pequena cidade completando com um gigantesco palácio branco com detalhes a ouro rosa de conchas e rosas. Lá, vive Afrodite, a sedutora e irresistível deusa do Amor e da Sexualidade, e os seus amados filhos..

 

Yunseo POV

Acordo com o som do meu pardal cantando, me sento na cama e ele se pousa no meu colo - Bom dia Lyn.. - ele piou como se tivesse respondido, depois volta a voar pelo meu quarto e vai ao jardim com sinal que a Velha estava chamando a mim e ao meu irmão para o café da manhã; tomei um duche rápido e vesti a roupa que Ela decidiu que eu usasse..um pouco piroso, mas tem de ser senão Ela se ralha comigo. Cheguei ao jardim que tinha uma piscina com algumas esculturas em mármore em volta e vejo ela na mesa sentada tomando o café da manhã enquanto se admirava no espelho - Bom dia Mãe..

- Bom dia Yunseo - ela pousa o espelho e me olha dando, no fim, um sorriso no rosto -  eu falei que ficarias bem com a roupa que te escolhi..

- Dá para se vestir.. - falo e me sento ao lado dela, aí meu irmão chega e me abraça forte por trás - Ah Yugyeom!

- Minha irmãzinha está tão fofinha - ele me dá uns beijos na minha bochecha e ele se senta ao meu lado e começamos a tomar o café da manhã.

- Vês? Se o Yugyeom não fosse teu irmão, ficaria encantado por ti..

- Pareço aquelas Sugarbabies implorando pros Sugadaddies por não fazerem sexo há 5 minutos..

- Yunseo! 

- Ou eu vestia esta porra ou ia nua..

- Hum..Mamãe, Irmãzinha..vamos tomar o nosso último café em família? - Yugyeom se sentia constrangido as quantas vezes eu e a Mãe discutimos.

Mãe só assentiu e continuamos a comer - Vocês os dois já fizeram as malas? - Mãe nos perguntou; eu e meu irmão Yugyeom estudamos Olympea, uma faculdade onde todos os filhos de deuses e heróis estudam e treinam para serem os próximos sucessores..eu e Yugyeom somos os herdeiros do trono de Cítera, a nossa mãe nos escolheu planejando assim dividir o trono e proteger a ilha e os habitantes.

Depois do café da manhã, fomos para a saída do palácio onde já estava a carruagem dourado com os cisnes já prontos - Muito bem Amores, subam ou chegam tarde. - eu e o Yugyeom subimos e nos sentamos, depois Mãe dá sinal e os cisnes começam a voar.

 

(...)

 

Chegamos à Olympea; o colégio ainda continua o mesmo: nunca fica velho. Nós saímos da carruagem - Meninos, não se esqueçam de nos encontrar no Panteão. 

Assim que entramos, todos os alunos olhavam para nós, o que me fazia sentir desconfortável. Yugyeom notou isso e murmura - Yunseo.. - a gente parou num corredor de cacifos - achei que gostavas de ser admirada..

    - Yugyeom não vês? A gente é admirada por sermos filhos dessa mulher..

    - Por favor, não vamos falar isso de novo ok? Toma - ele me dá uma embalagem com um cupcake de chocolate - Para a minha amada irmã..

    Dei um sorriso aberto, ele é o que alegra as minhas manhãs - Oh obrigada - ele sorri e me beija nos lábios o que me surpreenda - Yugyeom!

    Ele se ri - Que foi? A gente já fez isso..

    - Quando éramos crianças inocentes, eu tenho namorado..

    Yugyeom abriu a boca, finalmente se relembrou - Pois é, o Jaebum Hyung..

    - Ouvi meu nome? - assim de surpresa, vemos Jaebum atrás de mim encostado nos cacifos; Im Jaebum é filho de Apolo, deus do Sol, ele é um dos amigos do Yugyeom e nós namoramos desde que eu entrei na Olympea depois do meu irmão, todos do colégio têm inveja dele por estar comigo e ele jurou que me ama não sabendo que eu era filha da Afrodite.

Jaebum se aproxima de mim - Oi Amor -  e a gente se cumprimenta com um beijo demorado.

- Oi eu ainda tou aqui.. - paramos de beijar e vemos Yugyeom fazendo bico.

- Também queres um beijo? - Jaebum se riu.

- Não obrigado Hyung, já recebi um da minha irmã..

- Yugyeom!!

- Vocês os dois têm uma maneira estranha de se amarem como irmãos - admite Jaebum e faz biquinho - eu irei ficar com ciúmes..

- Nós temos muito afeto entre nós Hyung, achei que sabias.. - Yugyeom me abraça por trás - mas..sei que ela está com você e temos de ir ao Panteão.


 

??? POV

Nosso pai decidiu mandar chamar um servo para fazer o dever de pai - Ele está sempre nos desapontando..

- Isso já não é surpresa.. - fala Seonghwa.

Aí, San se senta ao nosso lado - Talvez porque tu Hyung - ele pôs o braço à volta dos meus ombros - Decidiste em desiludi-lo porque ele te deu uma garota pra fodê-la e não era estar jogando cartas com ela.

    - Olha aqui - a minha mão voa ao pescoço dele.

    - Hongjoong! - Seonghwa vai até nós e nos separa - Lutar não vai ajudar nada.

    - É por isso que és pacífico, Pai poderia ter escolhido a mim para ser o Herdeiro - fala San.

    - Terás que engolir como nós estamos, respeita a escolha do Pai - merda, o mesmo tópico de novo: Pai me escolheu ser o Herdeiro do Deus da Guerra e sentar no trono de Esparta.

    - Chegamos.. - falou o Servo parando a carruagem em frente a Olympea e aí, ouvimos um echo.

    - Todos os estudantes para o Panteão.

 


Notas Finais


Gostaram deste prólogo?

Continuo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...