História Queimei meu namorado - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Baekhyundesastrado, Baekyeol, Chanbaek, Eufiqueilouca, Fridahale, Missxiao, Pseudo-lemon
Visualizações 118
Palavras 838
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Alerta; chocolate quente pode queimar


Eu sabia o quanto eu podia ser irritante, e eu não tirava o direito do meu ‘mozão, vulgo Chanyeol de estar puto da vida, eu sei que ele tem razão, eu sou um mala as vezes, mimado demais e meu maior defeito é querer tudo na hora que eu quero, e se você imaginar que eu chego a bater o pé como uma criança birrenta, você está redondamente certo, coloco até a mão na cintura e finjo que estou quase desabando a chorar- Ok, isso foi um exagero eu sei.

 

E como eu seu que meu Channinho está quase soltando fogo pelas “ventas” já faz dois dias desde o episódio da minha frescura de greve de sexo, ele decidiu não querer me tocar, mas eu fiz isso por um bem maior na nossa relação, ele devia me agradecer, porque eu podia tá lá estourando o limite do cartão dele até ele quebrar o mesmo pela décima vez, ou está enchendo a paciência do mesmo para que ele me comprasse uma bolsa nova ou entre várias coisas bem pior, e também dois dias sem vuco-vuco não é nada, parece que aquela não vive sem sexo eu em, mas tudo bem, os dois dias eu consegui me resguardar, e bom era para ser só dois dias, porém o prolongamento foi para uma semana já que Chanyeol ficou com fogo de me virar a cara como uma criança.

 

Mas eu tinha meus planos para hoje a noite, Chan iria chegar em casa cansado, eu iria fazer uma bela de uma surpresa que li na internet e que deve funciona, porque tudo que há chocolate há de sair algo bom.


 

--------------------

 

E cá estava eu, cheirosinho, limpinho e todo mordível e já era seis da tarde e eu tinha feito uma jantinha bem gostosa a espera do namorado e não demorou muito para ele chegar e lá estava meu homem, todo trabalhado na formalidade, com aquele terno impecável que me deixava quente, mas eu me contentei em apenas observar, vi ele sentado na mesa depois de me dá um selinho já que outra coisa ele não dá.

 

A janta foi calma, ele foi tomar banho e deitou do meu lado, fiz minha pose mais sexy e eu sei que a carne é fraca e lá estava nós quase transando com roupa, e eu queria muito mas eu queria o fazer uma surpresa e fodinha de reconciliação e melhor, porque Chanyeol adora descontar a raiva dele em mim, na cama enquanto ele me deixa todo vermelho pra valer.

 

-Arg Chan, espera um pouco amor. -Falei tentando sair debaixo dele.

 

-Ah Baek, para com isso, vem vamos transar longo. - Chanyeol falou com uma impaciência, e eu estava impaciente também, eu queria dar e muito, mas eu tinha planos a seguir.

 

Tomei todas as forças divinas e sai debaixo do morzão.

 

-Já volto amorzinho. -Deixei um beijo em seu lábios e o mesmo me pegou pela cintura fazendo-me sentir em seu colo, eu não sei resistir a esse homem e ficamos ali uns dois minutos se esfregando até eu ver Chanyeol com o pau pra fora e minha cueca puxada pro lado e o sem vergonha esfregando a pontinha do pau dele na minha entradinha, mas eu tinha planos e um roteiro a ser seguido, apenas dei uma reboladinha de leve porque eu sou mal mesmo e sai do colo dele.

 

-Baekhyun!

 

-Já volto amor, deita ai.

 

Corri na cozinha, já tinha deixado tudo praticamente preparado, o chocolate na travessa e apenas coloquei no microondas, a animação estava tomando conta de mim, eu apostava todas as minhas bolsa de marca maior que Chanyeol iria adorar um oral recheado de chocolate.

 

Voltei de volta para o quarto vendo Chanyeol deitado na cama se masturbando lentamente, fui todo transante para cima do meu homem e sentei nas coxas vendo o mesmo abri os olhos.

 

-Amor tenho uma surpresa. -Falei com um sorrisinho sapeca. -Mas você tem que fechar os olho uhn.

 

-Você não vai me algemar né Baek?

 

-Claro que não amor, agora vai, feche os olhos.

 

Vi ele fechar os olhou com um suspiro e tirei o ponte de trás de mim, peguei o pau do Chanyeol, fazendo uma massagem vendo ele soltar um gemido de satisfação, depois de deixá-lo totalmente ereto, com o pau pulsando derramei o chocolate devagar e a reação não foi as das melhores que eu esperava, em menos de um minuto apenas vi Chanyeol me tirar de cima dele e correr para o banheiro  gritando que eu queria o matar, não pude nem usufruir no chocolate direito.

 

-Baekhyun você quer me matar caralho? Você tá louco, essa porra tá quente, meu pau ta vermelho agora! -Ele falou quando volto para o quarto todo pelado e com o pinto que já tinha broxado, o coitadinho estava todo vermelhinho e eu me senti tão culpado que apenas sentei no cantinho da cama com uma arrependimento enorme, mas pelo menos o chocolate estava ali para me consolar quando Chanyeol apenas deitou e dormiu.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...