História Quem me quer morta ? - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 2
Palavras 406
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eu quero visualizações, buaaa então eu vou escrever rapidamente em menos de 20 minutos para atrair o púbico, você quer cake?

Capítulo 2 - Festa de aniversário


Eu me acordo com minha música preferida daydream, me levanto da cama e criou coragem pra me arruma pra escola, saco mesmo a única coisa boa nisso tudo é  meu aniversário 15 anos para ser exata, magnífico.

Minha mãe trabalha muito para me sustentar, infelizmente hoje em dia dar uma mísera pensão para seu filho e nunca mais falar com ele ou ter o mínimo de afeto é socialmente aceitável, mas eu não quero continuar uma discussão filosófica logo pela manhã, provavelmente irei ganhar algum presente dos meus amigos temos essa mania bem legal por sinal.

Saio de casa e ando a pé para a escola e bem perto de casa não demoro nem 10 minutos andando eu poderia ir de carona com minha mãe poderia, mas faz bem se exercitar saúde e importante não é mesmo. 

-Oi diz ele, me abraçando minhas costas, eu não disse saúde corporal e sim  para os olhos rsrs.

Eu fiquei alguns segundos elaborando a resposta gosto de dá uma boa impressão a  meu paquera, falei - Bom dia, cadê meu presente? Falei com um tom de indignação era óbvio que não passava de brincadeira eu é ele sabíamos disso, eu não mencionei?  Ele é meu amigo meu melhor amigo e eu não sou boa nos jogos do amor 

Ele falou - Apressada eu darei seu presente mais tarde tudo bem? Percebi um sorriso na sua boca era meio diferente, parecia outra pessoa.

- Ok eu disse com um tom meio triste sou ansiosa demais pra falar a verdade ele está me torturando, é ele sabe disso.

Bom talvez eu deva aprender o dom da paciência, entramos no colégio típico mesmo sabe aquela galera dos filmes aqui e igual apenas com mais grupos e menos pessoas bonitas.

Com exceção de mim e claro, sou linda linda demais,  eu e ele andamos até o pátio Julia estava lá me esperando na nossa mesa típica, animada com um pacote em mãos, eu já sabia o que era é corri em sua direção.

-Feliz Aniversário disse Julia podia ver sua alegria genuína era uma boa amiga, aquele tipo de pessoa que chora em ver filmes de tragédia. Eu estava feliz por saber que no mundo algumas pessoas se importam comigo mesmo que seja temporário.

Ela estendeu o pacote, estava animada e provavelmente esperando minha reação, peguei sem olhar duas vezes e abri era lindo 

-Gostou ? ela disse, amei era um belo diário.


Notas Finais


E bom escrever Lara, escreva bastante assim faremos um capítulo especial só com páginas do seu diário! A é feliz aniversário


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...