1. Spirit Fanfics >
  2. "Querido" Cunhado. Park ChanYeol >
  3. 0.2 . Grávida

História "Querido" Cunhado. Park ChanYeol - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Aiaia>>>to muito piticazinha pelo Kihyun(o coreano que está na foto de perfil) ✊🏻😔❤ meu lindinho✊🏻😔❤

Espero que gostem ❤ não esqueçam de comentar>>>

Capítulo 2 - 0.2 . Grávida


Fanfic / Fanfiction "Querido" Cunhado. Park ChanYeol - Capítulo 2 - 0.2 . Grávida



Revirei os olhos em frustração, ao ver que eu terei que me desculpar com aquele homem, que segundo o meu marido, diz que aquele homem é o seu irmão. Sendo que, não há nenhum traço de evidência mostrando que os dois são irmãos. 

—  Irmão? Aquele é o seu irmão?   — Questionei encarando o Wonho que se olhou novamente no espelho, já é a quinta vez que ele se olha no espelho. 

—  Sim. Agora, se levante é vá arruma aquela bagunça que você causou!  —  Ouvi a porta bater num total silêncio



Levantei, ajeitando a barra do meu vestido. Olhei no espelho e retoquei a  minha maquiagem. Odeio ser submissa ao um homem que quase tem trinta anos, e eu uma simples menina de dezenove anos, que quer liberdade. Fazer coisas como uma menina normal em minha idade; estudar, viajar,passear com as amigas ou com a família. 


Desde daquele papo que a minha mãe e o meu pai vinha sobre "casamento" Eu era contra a tudo aquilo, e também eu achava que a minha mãe iria me dar algum apoio moral sobre isso, mais não, ela apenas seguiu o meu pai. 


O que o dinheiro não faz para pagar problemas financeiros. 


Fingi que estava prestes a dormi, quando escuto a voz do Jongdae. Fiquei animada aos poucos ao descobrir que Jongdae veio. 


—  S/N aonde estáva? Seu marido está plantado que nem um bobo na frente de todos! 


Encarei o meu amigo sem ânimo nenhum. Estava bom demais pra ser verdade, ele só veio para cá, para saber aonde estava. Daqui a pouco Jongdae irá virar igual os amigos de Wonho. 


—  Estou me ajeitando. 


Nem olhei em seus olhos, apenas fiquei encarando o meu reflexo no espelho. Naquele momento eu estava me sentindo suja e idiota. 


Encarei Jongdae que se aproximou de mim aos poucos com os braços abertos. Yoora e o Jongdae, eles são os únicos que sabem de tudo que eu sinto pelo Wonho. 


Sinto; raiva, medo, tristeza e infelicidade. Nunca me senti tão deprimida, igual estou agora com o Wonho. Resolvi fingir que estava com uma pressão em meu peito. 


CHANYEOL POV'S


Depois daquele ocorrido, vi o meu irmão subi as escadas com aquela menina de cabelos negros. Todos olhavam para gente com olhares curiosos. 


Olhei para todos os lados, tentando encontrar a minha namorada, Eunjin, que praticamente está conversando com aquelas mulheres interesseiras. 


—  Meu filho, que bom que te encontrei!  —Ouvi a voz da minha mãe, se aproxima de mim aos poucos. 


—  Olá, mãe. Cadê a Yoora?  —  Perguntei antes de deixar um selar em sua bochecha. 


—  Não sei. 


Respondeu pegando outra taça de vinho, o levando para boca. Estava tentando encontrar a Eunjin, mais parece que ela está muito ocupada conversando com outros rapazes. 


Não demorou muito, até o meu irmão descer como se tivesse visto um fantasma. Me aproximei dele, o abraçando. Depois de tanto anos sem vê-lo, abracei ele. 


—  Finalmente, veio para algum evento  — Debochou rindo. 


—  Nem vem.  Ando muito ocupado com as coisas da empresa, que deixei os eventos de lado  — Justifiquei sem entender os seus sentidos. 


Avistei a Eunjin se aproximando de mim, com aquele mesmo sorriso de sempre; canto. Resolvi a puxar ela para mais perto de mim possível. Aqueles homens velhos, se tratando de assuntos com a mesma que nem sabe como se resolve um empresário. 


—   Wonho!  — Eunjin pareceu surpresa em vê-lo . 


—  Eunjin! 


Ele retribuiu a mesma forma de supresa que a Eunjin havia dito. Fingi a demência olhando para outro canto, vendo um menino de terninho preto, com os cabelos bagunçados e em volta da sua boca está suja. 


Me lembro de cada detalhe que a Eunjin havia dito para mim que é estéril, e que não haveria jeito dela ter algum filho. Confesso, que no começo não estava feliz, e sim deprimido, mais aos poucos acabei me acostumando com as mentiras de Eunjin, que logo logo não ficarei com ela bastante tempo. 


—  Como esta o seu relacionamento com a Eunjin, ChanYeol?  —  Perguntou a minha mãe, enquanto olhava para Yoora. 


Yoora não foi me comprimentar, depois de tanto tempo sem vê-la, ela nem fez questão de olhar para minha cara. Assim é bom. 


—  Terrível  —  Respondi e ela soltou um riso. 


—  Terrível? Brigas? Mentiras? Traições? 


—  Mentiras e brigas. Ela está cada vez mais estranha. Hoje, ela não queria voltar para o país natal, e sim, queria ficar lá. Diz ela que é estéril, mais, eu estou desconfiando sobre isso, mamãe. Ela anda tendo tonturas, vômitos e enjôos. Pesquisei na internet os simples sintomas de gravidez, e vi o mesmo resultado que esta acontecendo com ela  — Digo me lembrando de hoje cedo, antes de embarca no avião. Eunjin conversava  com a sua amiga pelo celular, e pude ouvir que a mesma também esta desconfiando que esta numa suposta gravidez. 


—   A mãe dela já lhe conversou sobre ela é estéril?   — Neguei — Então, ela não. Com certeza, ela deve esta mentindo meu filho. E só esta fazendo isso, para lhe passar a perna'. 


—  Passar a perna?  —  Encarei a Eunjin de longe que estava cercada com o Bando de mulheres fofoqueiras que querem saber sobre a vida das outras. 


— Sim. Ela deve estar querendo o seu dinheiro. Preste atenção, meu filho!  —  Ditou a mesma saindo do meu campo de vista. 


Apenas peguei uma taça de Champanhe, e o bebi com rapidez  sentindo as minhas veias pulsarem. É bastante comum das minhas veias pulsarem, quando eu bebo bebidas alcoólicas ou quando estou nervoso. 


—  Yoora? Porque não foi me vêr ?   —  Olhei para minha irmã que passou por mim de cabeça baixa, sem ao menos me olhar ou dizer:"Oi ChanYeol! Como foi a viagem?" Nem pra ser irmã boa ela presta. 


—   Por que eu não quis. Ah! E também por que eu estava muito ocupada com as coisas da empresa do papai. Você sabe né, o papai anda muito ocupado também, e não tem tempo para resolver, por isso ele me mandou para lá, para tomar o lugar dele, junto com o Wonho  —  Respondeu bebendo o vinho em sua taça, olhando para o seu amigo que estava muito sorridente com os convidados novos. 


—  Entendo. Quem era aquela mulher que o Wonho a levou para o quarto?  —  Fui direto ao assunto, onde a  mesma sorriu assoprado. 


—  S/N. Ela é a  nova esposa do Wonho. —  Respondeu saindo de perto, e indo até o Jongdae. 


Essa tal de S/N é muito novinha para o meu irmão. Meu irmão tem 28 anos, e ela parece ter um vinte e pouco, ou até menos dezoito. A sua aparência é muito nova, quem olha para eles, até pensa que o mesmo é pedófilo, só que não. 


Aliás, porque eu estou pensando naquela mulher? Ela deve ser uma aproveitadora que esta tentando roubar o dinheiro para fugir. 

Aliás, cadê os pais dessa menina? Porque ela não desceu com o Wonho? Eu não sei o que esta acontecendo, mais eu irei descobrir quem é ela, e desmascarar essa mulher. 



... 



Depois daquela festa sem a presença daquela mulher, eu a Eunjin voltamos para casa. Deixei o meu relógio dentro do carro, pois amanhã eu talvez eu volte para casa do Wonho. 

Adentreu na sala, vendo a mesma que estava com um face de preocupação. Ela estava nervosa, cutucava o canto do dedo, eu acho que ela quer me contar algo, certeza. 


Faz duas semanas que eu a Eunjin não transamos, então se ela estiver grávida, não será por minha conta. Já que a mesma sai de madrugada dizendo que vai para casa dos pais, mais no dia seguinte volta com uma marca de chupão no pescoço e no braço. 


Sentei em seu lado, reparendo que  seu pescoço também estava uma marca de chupão fraca. Reverei os olhos, fingindo de que eu não tinha visto. 


—   ChanYeol, eu preciso te contar algo  —  Me olhou nos olhos, enquanto uma lágrima descia  —  Eu acho que estou grávida


Sua voz saía trêmula e baixa, nem dava para ouvir. Eu sabia! Ela está me traindo sim! Eu sempre uso camisinha e, sempre sou responsável em relação a isso. 


——Você está o que?  — Olhei em seus olhos que parecia até um lago de tanta lágrimas que desciam ali.  Levantei frustrado com isso, pegando em meu celular. 






Continua... 




Notas Finais


Pqp Eunjin, você tá traindo o ChanYeol é?
Meu Deus, ChanYeol aonde você quer chegar com isso?

Conta primária: @Chanie_hwp
Conta secundária: @Clahxs
Conta da minha rainha❤😔: @Hwangiie

VÃO LER AS HISTÓRIAS DA MINHA MENINA>>❤😔✊🏻 ELA ARRASA E TEM UMA CRIATIVIDADE BOA PRA CARALHO>>>✊🏻😔❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...