1. Spirit Fanfics >
  2. Querido Diário, ... - Taekook!Kid - Vkook!Kid >
  3. X - (Ten) THE END

História Querido Diário, ... - Taekook!Kid - Vkook!Kid - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


m u s i c: Say You Won't Let Go - James Arthur (Cover by Raphiel Shannon)
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Bebam bastante água, lavem ás mãos, não chorem, apreciem a música e a leitura ^^

té lá embaixo <3

Capítulo 10 - X - (Ten) THE END


Fanfic / Fanfiction Querido Diário, ... - Taekook!Kid - Vkook!Kid - Capítulo 10 - X - (Ten) THE END

Jungkook estava pronto para ir á escola, sem o Taehyung, infelizmente, pela primeira vez. Ele se considerava de luto. Estava de mascara, calça jeans preta, moletom preta e sua mochila e tênis, que já eram pretos. Ele caminhou para fora de casa vendo um caminhão de mudança ali na frente da casa dele. 

-Vou sentir sua falta..-Sua mãe abraçava a amiga, que chorava.-

Ele passou direto e atravessou a rua, em busca de Taehyung. Ele o viu de calça jeans escura e seu casaco branco. Ele estava sentado na calçada, ao lado de umas caixas. Ele mexia em umas das caixas, procurando algo. 

-Tae...-Jungkook apareceu ao lado do menino, que começou a lacrimejar.-

-Jungkook..-Taehyung o abraçou o apertando.-

Eles se abraçaram fortemente e algumas lágrimas molharam a mascara branca de Jungkook. O calor de ambos se passaram pelo tecido grosso dos casacos. Taehyung sentia seu coração apertar, doer, partir. Era como se fosse uma rejeição; Jungkook não estava diferente. 

-Eu vou sentir muita sua falta..-Ele o apertou mais e Jungkook terminou a frase abafadamente.-

As mãos de Taehyung estavam na cintura do menino e as de Jungkook estavam no pescoço do garoto á sua frente.

-Não chore..-Taehyung pediu á Jeon.-

Era inevitável. Seuc oração estava batendo forte e cada batida doía. Seu corpo estava a procura de mais contato com o de Taehyung; saudades.

-É capaz de quando você voltar da escola, eu já esteja indo..-Taehyung disse segurando o próprio choro.-

Era o começo da tarde, Jungkook não se importava de sair faltando 5 minutos para fechar o portão, ele iria de bicicleta. Nunca esquecera o dia que lhe ensinara a andar naquilo.

-Eu saio 16h30 hoje..-Mumurou fungando.-

-Eu vou ás 16h45..-Disse desfazendo o abraço.-

Eles se olharam tristonhos. Seus olhos marejantes e avermelhados, poucos inchadinhos, estavam piscando e olhando para cada detalhe do rosto do menino. 

-Me dá um beijo?-Jungkook pediu, quase chorando que nem á anos atrás, quando era um bebê.-

-Não precisa nem me pedir.-Taehyung sorriu fraco e fungou pouco.-

Kim o puxou para atrás do caminhão de mudanças e encostou na lataria, com grandes letras em vermelho e azul. Jungkook o abraçou na cintura e Taehyung no pescoço. Eles brincaram com os narizes e isso fez sair um sorrisinho dos lábios de ambos, que logo estavam juntos. As lágrimas caíam e molhavam o beijo. Era salgado e cheio de amor e saudade.

Jungkook invadiu a boca do garoto. Queria ter um último registro dele em sua mente. Eles não sabiam quando iam se ver novamente, afinal, poderia ser daqui á um ano, dois ou três para cima. Jungkook tombou a cabeça para o lado esquerdo e Taehyung o direito, eles estavam pegando o jeito no tempo certo. 

-Taehyung..-O chamou durante o beijo.-

-Uhn..-Deu um selinho nele olhando para os lábios alheios e logo juntou novamente com os seus.-

-Eu tenho que ir..-Jungkook sentiu um fiozinho de babinha ligando os dois.-

Taehyung assentiu cabisbaixo e tirou seus braços do pescoço do menino. Ele viu o fiozinho e passou o indicador, o cortando.-

-Não é por esse fio que também estamos ligados.-Jungkook disse e ambos entenderam do que estavam falando.-

 

[...]

 

-Jungkook..Psiu..Jungkook!-Sana o cutucava.-

Ele estava com a cabeça deitada, virada para a antiga carteira de Taehyung, que estava vazia. Ele sonhava acordado com ele ali. Ele tinha vontade de berrar e chorar que nem bebê.

-Oi..-Cabisbaixo, a respondeu.-

-O professor saiu..Pode virar.-Parou de cutucá-lo e ele se virou.-

Ele estavam com seus olhinhos inchadinhos e vermelho, afinal no recreio, chorou no banquinho que ficava ao lado da pia do banheiro banheiro; onde ficavam.

-Fala..-Ele a olhou e viu seus olhos brilhantes e grandes japoneses o encarar.-

-Está bem?-Perguntou e ele olhou para  acadeira de Taehyung.-

-Ah, sim..Desculpa...Esqueci.-Ela se desculpou pela lerdeza e logo ele sorriu fraco.-

Ela queria puxar algum assunto com o menino, queria ter amizade com ele. Ela sempre vira aos dois juntos, em todo lugar. Ela morava no mesmo bairro que ambos, mas nunca foi notada. Ela presenciara o momento que Jeon aprendeu a andar de bicicleta, presenciara os dois dos corredores da escola, na sala e até mesmo hoje mais cedo. Ela viu ambos chorando e depois se beijando. Ela sabia que ele estava mal.

-Olha, eu vou direto ao ponto..-Ele á olhou confuso.-Eu quero fazer alguma amizade contigo..Eu sei que tenho várias "amigas", mas, nada se compara á nós dois..O que acha?-Ela sorriu fofa e deu um ênfase. Ele assentiu.-

Ele fizera uma nova amiga, até então, só falava um "Bom dia" com Jihyo e no máximo sua professora BoA, que ajudara muito ele e Taehyung. Quando os zuavam, ela estava lá para levar os valentões para a diretoria.

-Eu vou contigo para casa..-Se ofereceu e ele sorriu.-Na verdade, você vai me dar uma carona até em casa..-Colocou seu dedo indicador perto dos lábios rosados e olhou para o canto superior direito.-Arh, você entendeu.

-Sim, Sana, eu entendi..-Riu pela primeira vez naquele dia.-

 

[...]

 

-Prontinho..-Ele parou na frente da casa dela, que ficava ao lado direito da de Taehyung e ela desceu da parte de trás da bike.-

-Tchau, Gukkie..-Ela o abraçou forte e sussurrou em seu ouvido.-Calma que ele um dia volta para você...-Eles avistaram o caminhão ali e ela sorriu para ele.-Vá se despedi.

Ele assentiu e deixou a bicicleta no quintal dela. Ele caminhou rápido até a casa dele e o viu sentado no mesmo lugar que vira.

-Eu to indo agora..-Taehyung o respondeu sem o olhar.-Me espera..Por favor..

Jungkook se aproximou e ele levantou chorando. 

—Promete?—Taehyung indagou com os olhos marejando.

—Prometo.—Jeon o olhou e abraçou o corpo do menino—Prometo te espera o tempo que for...—Murmurou apenas para eles ouvirem.—

Jungkook puxou Taehyung para trás do caminhão e lhe dera o último beijo deles. Taehyung puxou ele pela nuca e o mesmo abraçou o corpo do outro. Seus corpos eram ligados com o famoso fio vermelho, Aka Ito, e os dois sabiam disso. O selinho foi longo, mas quando Kim ia pedi permissão para prolongá-lo..

—Está na hora, TaeTae...—TaeHa o chamou já dentro do caminhão.—

Eles pararam o beijo e se olharam.

—Eu prometo te esperar, Ggukk..-Jeon assentiu e deixou cair lágrimas pela bochecha rubra.—

—Lembre-se..-Jungkook começou e Taehyung o olhou.-Não é um adeus...-Os dois disseram juntos.—

Taehyung estrou no caminhão e Jungkook se despediu sorridente, acenando. Ele não pensou duas vezes e gritou:

—EU TE AMO!-Taehyung olhou da janela e o caminhão foi se afastando.—

—EU TAMBÉM TE AMO!-Gritou de volta e ambos os olhos saíram lágrimas.—

Jungkook virou para a rua e suspirou com a respiração trêmula.

—Okay, talvez eu esteja chorando..-Ele escutou a voz de Minatozaki e sorriu.-

Ele se virou e viu a menina atrás de si.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...