História Quero cuidar de você - L3ddy - Capítulo 55


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti
Personagens Lucas "LubaTV", Lucas Olioti
Tags L3ddy
Visualizações 202
Palavras 1.018
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, How! Amores e Amoras. Tudo pão? 🍞
Maaaaais um cap! 😆
~×~×~×~×~×~
Já tá escrito. Dessa vez eu escrevi o cap antes das notas, então eu sei o que rolou...
Só digo uma coisa:
Não digo nada...
Hehe" Brinks 😅
Só digo uma coisa:
Coloquem seus coletes e apertem os cintos que o cap está pra começar!
(Ei! Gostei... Vou usar todo cap agora 😂😂)
~×~×~×~×~×~
Fiquem com o cap! 😊
Espero que gostem! ❤

Capítulo 55 - Uma promessa que dessa vez será cumprida.


Fanfic / Fanfiction Quero cuidar de você - L3ddy - Capítulo 55 - Uma promessa que dessa vez será cumprida.

•• Hey! Já leram as notas? Não...? Volta e lê! É importante... ^^ ••

~×~×~×~×~×~×~×~×~×~×~

(...) 2 dias depois

Já está de noite. A Carmem e os pais do Lucas foram pra minha casa. Eu fui também, mas já voltei, enquanto eles ficaram lá, pra dormir.

Vocês devem estar se perguntando o que aconteceu depois da mãe do Lucas descobrir sobre nós, certo? (Ou não, tanto faz...)

Ela ficou super feliz pelo T3ddy ter se apaixonado realmente por alguém, já que ele nunca havia tido nada sério antes. 

Dona Vera contou para o Paschoal, que agiu melhor do que eu imaginei. 

Resumindo, foi tudo bem melhor do que eu pensava. Quero ver só a reação do Lucas ao saber disso. 

Agora, os meus pesadelos voltaram, e estar pior. 

Além de sonhar com meus pais, também tenho sonhos com o Lucas, o momento do tiro, lembrança de nós dois felizes...

Essas lembranças que me faziam tão bem, hoje me trazem angústia. Eu sei que ainda deveriam me fazer bem, afinal, foram os melhores momentos da minha vida, mas só de lembrar que talvez eu não tenha isso de volta me dói de tal maneira...

(...)

Estou na sala, junto com o Lucas. Ele ainda estava dormindo, desde mais cedo. Ele acordou, mas estava meio zonzo e os médicos pediram pra eu me retirar, depois de muita birra, eu saí. Agora, ele voltou a dormir. Realmente esses remédios fazem efeito.

Estou sentado em uma poltrona - Dessa vez, mais confortável do quê a da sala de espera - quase dormindo, com a cabeça jogada pra trás e os olhos fechados, me preparando para mais um pesadelo. 

Algumas enfermeiras sabem dos meus pesadelos, elas já ouviram, e algumas até viram a cena. Me indicaram vários psicólogos, mas eu sei que é inútil, tentei diversas vezes e nada deu certo... Só o... Lucas.

(...)

Ouço um murmuro e levanto rapidamente a cabeça, olhando em direção à porta, esperando que alguém entrasse, mas não... Não havia ninguém ali...

Suspiro e volto a jogar a cabeça pra trás e fechar os olhos, como antes.

"Esse tempo todo nesse lugar está me deixando louco, só pode!"

Quando eu estava quase dormindo, ouço novamente um barulho, mas ao invés de um murmuro, como da outra vez, foi um fraco gemido.

Levanto novamente a cabeça, e dessa vez vejo o T3ddy numa tentativa falha de se levantar. Além dele estar fraco demais pra isso, ainda haviam uns fios - que eu não sei pra quê servem, provavelmente algum desses é soro, ou alguma coisa pra substituir o alimento - se ligando a ele.

Arregalo os olhos e me levanto rapidamente, vendo a expressão de dor no rosto do Lucas.

Luba - Lu...Lucas! - Meus olhos marejam.

Ele vira o rosto pra mim, ainda na posição de tentar levantar - Se apoiando nos cotovelos - e dá um sorriso, lindo como sempre, mesmo seu cabelo estando bagunçado e ele fraco.

Me aproximo rapidamente da cama, olhando em seu rosto. O castanho único de seus olhos, que sempre brilhavam ao me ver, que eu achei que nunca mais veria.

Estávamos nos olhando por um tempo, sem trocar nenhuma palavra; nossos olhares já diziam tudo. 

Ficamos assim até ele dar outro gemido fraco, ao sentir seu braço enfraquecendo, fazendo quase ele se deitar novamente.

Luba - Amor... Deita, eu tô aqui... - Seguro sua mão e o ajudo a deitar novamente - Como... Como você está se sentindo?

Eu já não tinha controle de meus lábios, tudo que ele fazia resultava em um sorriso bobo em meu rosto.

T3ddy - Meio... Fraco. - Diz baixo e arrastado - Mas feliz por você estar aqui. - Sorri

Luba - Eu... Você... Eu.... Você tá... - Suspiro, deixando uma lágrima escorrer por minha bochecha.

Ele, com um pouco de dificuldade, levanta o braço, levando a mão lentamente até meu rosto e enxugando a lágrima que havia ali.

"É tanta felicidade em meu peito que eu não consigo juntar palavras simples e formar uma simples frase."

T3ddy - Não chora... - Diz, carinhando meu rosto - Não mais... - Sussurra

Luba - N...Não se preocupe... É de felicidade agora. - Suspiro, me recompondo e coloco a mão acima da sua, que estava em meu rosto, fechando os olhos e sentindo o seu toque - E sei que cada lágrima que escorreu por minhas bochechas valeram a pena só por te ter aqui agora, comigo...

T3ddy - Eu sempre vou estar com você... - Leva o polegar lentamente até meus lábios, carinhando suavemente o local - Eu nunca vou te deixar, Lucas... Por mais distante que eu pareça estar, eu vou estar com você. 

Luba - Estava com saudade da sua voz... Do seu toque... - Suspiro - Eu tive tanto medo de você... - Ele me interrompe.

T3ddy - Shh... - Diz, ainda com o polegar em meus lábios, agora parado - Eu estou aqui... Foi só um pesadelo...

Luba - Eu... Eu te amo! Eu preciso de você, Lucas! Eu preciso... - Digo baixo.

T3ddy - Eu não vou a lugar algum... Não sem você. - Seu polegar explorava cautelosamente cada parte em meu rosto.

Luba - Eu te amo tanto... 

T3ddy - Eu também, Lucas. Eu não sabia que realmente existia esse sentimento tão forte... Mas quando eu te olho meu coração se alegra. Sem você me sinto só, mesmo no meio de uma multidão. Você é como se fosse uma parte de mim, sem você eu não funciono... - Interrompe a fala por alguns segundos e fica me olhando enquanto seus dedos continuavam a passear por meu rosto - Eu te amo... Eu te amo... Eu te amo... Eu te amo... E nada nem ninguém conseguirá mudar isso.

Vou me aproximando lentamente, colocando minhas mãos uma de cada lado da cama, me apoiando. 

Enquanto eu estava me aproximando lentamente, o Lucas, já impaciente, segura meu rosto com as mãos e me puxa carinhosamente, fazendo nossos lábios se encostarem mais rapidamente. Sorrio contra seus lábios. 

O beijo calmo, simplesmente aproveitando cada segundo que temos. Nossas línguas conversavam uma com a outra.

Esse beijo é como uma promessa, uma promessa que dessa vez será realmente cumprida.

~×~×~×~×~×~×~×~×~×~×~

•• How! Sabiam que é importante ler as notas finais? Sim...! É lá que eu deixo informações e peço opiniões ★ ••


Notas Finais


E então, o que acharam, pessoinhas?! 😊
Finalmente o belo adormecido acordou! 👸
~×~×~×~×~×~
Tô com sono... 😐
O que isso tem haver? 🙉
Bem... Nada...! 🙈
Mas... Eu só quis dizer. 🙊
~×~×~×~×~×~
O capítulo seria bem maior, eu colocaria o T3ddy narrando quando acordou, e tals, mas eu não sei se é necessário...
Então, se vocês quiserem o próximo capítulo narrado pelo T3ddy quando acordou, deixem nos comentários! 😉
~×~×~×~×~×~
Então, grupo, é isso!
Espero que tenham gostado.
Deixem nos comentários o que vocês acharam.
A opinião de vocês é muito importante pra mim 😚
Um beijo, um queijo e até mais! 💖😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...