1. Spirit Fanfics >
  2. Quietude - Gaahina >
  3. União - Gaahina

História Quietude - Gaahina - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oieeeee

mais um capitulo no mesmo dia kkk

Espero mesmo que gostem ...
comentem deem sua opinião é muito importante pra mim

desculpa os erros

Boa Leitura ;)

Capítulo 4 - União - Gaahina


Fanfic / Fanfiction Quietude - Gaahina - Capítulo 4 - União - Gaahina

União

 

Com o braço apoiado ao meu otou-san já parada em frente ao portal de madeira que foi instalado na entrada do jardim do clã onde vai acontecer a cerimônia, meu pai e eu paramos um instante frente a estrutura eu o olhei quase como uma suplica, implorando para ver se aquilo podia ser evitado ou se realmente era necessário, e ele como se pudesse ler meus pensamentos me olhou de forma terna, coisa que era muito difícil de acontecer pois apesar de nosso relacionamento estar bem melhor,  otou-san ainda tem dificuldade de demonstra sentimentos, e com a sua mão livre acariciou minha as costas da minha mão direita que estava engatada sobre seu braço esquerdo, assentindo com a cabeça para que começassem a marcha nupcial. Não foi preciso dizer nada, eu soube ali que tinha que ser feito para o bem do Clã, para o bem da vila, para o bem de Hanabi.

Uma melodia simples e quase que chorosa saia das cordas do violino me acompanhando ate o arco de margaridas onde estava o meu noivo, ele trajava um quimono tradicional na cor preta com flores brancas bordadas em toda sua extensão enquanto eu usava uma yukata branca com flores pretas em toda sua extensão, o tecido contrastou com sua pele branca, o vermelho do cabelo estavam levemente bagunçados devido ao vento, e seus olhos Aquamarine me seguiam sem piscar um segundo, eu não conseguia decifra-los, como seu olhar me intimidava desviei meus olhos para os convidados a direita anciões de Suna, acredito eu, pessoas que eu não conhecia, todos com uma feição seria uns ate com um sorriso vitorioso acentuando as rugas, ao lado de Gaara estava Temari que agora é moradora de Konoha, e minha amiga, mas nesse tempo quase não tive tempo de falar com a mesma eu, pelos compromissos com a “tão sonhada cerimonia” e reuniões intermináveis com o conselho do Clã, ela por estar se adaptando aos costumes de Konoha e estar se integrando ao grupo de jonins da folha. E ao seu lado o teteriteiro Kankuro não o conheço bem, mas sei que é o homem de confiança do Kage. Um pouco mais a frente Sasuke, trajando um quimono tradicional vermelho e preto com um símbolo do seu Clã Uchiha sobre o peito, e confesso que ele esta com uma cara de poucos amigos ao lado da Tenten que é minha amiga mais próxima, desde que os dois foram apresentados formalmente parecem-se com cão e gato, a Tenten é a única que aparenta não ter medo do Sasuke, Hanabi ficou um pouco mais a frente aguardando papai, em sua yukata rosa os cabelos castanhos lembrava tanto Neji, um sorriso travesso no rosto, só ela pra achar graça deste acordo, me lembro dela falando

-Ah nee-cha, vai que você se apaixona pelo Kasekage ele é todo misterioso, dá pra você desvendá-lo, fora que já passou da hora de você desencalhar... aos risos ela falava debochando do meu desespero

Nas primeiras fileiras a minha esquerda estão meus amigos de time Kiba e Akamaru, Shino, o trio Ino.Shika.Cho, e depois Sakura ao lado de Naruto eles enfim resolveram se assumir, depois minha Sensei Kurenai com a pequena Mirai no colo.

Vendo todos que eu amo ali não pude deixar de sentir meu coração estremecer, depois dessa cerimonia eu não vou mais ser cidadã da folha, não vou poder visita-los sempre, com quem eu vou conversar, quem me dará conselhos como a kurenai faz, como eu vou descobrir sobre os meninos sem as noites das meninas onde eu tenho a chance de aprender um pouco as custas das aventuras da Ino.

Mal percebi e meu otou-san já estendia a minha mão para Gaara, que pegou sem esboçar qualquer reação que denunciasse como ele se sentia

-Espero que cuide da minha Hime. meu otou-san falou a primeira vez naquela noite, o Kasekage apenas assentiu com a cabeça.

Por um instante olhamos diretamente um ao outro senti sua mão quente sobre a minha o que causou um pequeno choque, talvez pelo fato das minhas mãos serem mais frias, não sei se foi só eu que senti, mas com certeza só minhas bochechas estavam coradas. Viramos em direção ao Hokage Kakashi que iria ministrar a cerimônia.

***

Sou tirado do meu devaneio pelas mãos de Temari que anuncia que a cerimonia vai começar, a musica que toca combina perfeitamente com a minha noiva um ar melancólico, mas não consigo desviar meus olhos dela, seus olhos olham diretamente para mim enquanto ela caminha vagarosamente pelo tapete de flores os mesmos olhos que me deixaram exposto da única vez que eu a vi, sinto meu coração estremecer mas não conheço bem esse sentimento.

-Cuide bem da minha Hime. as palavras do senhor Hiashi soaram mais como uma ameaça, não gosto de ser ameaçado, porém na hora não pude responder, as palavras não saiam e quando nossas mãos se tocaram pude sentir um choque percorrer todo meu corpo e parar como uma fisgada entre minhas pernas, num primeiro instante quase não consegui me concentrar olhei fundo em seus olhos nunca tinha sentido isso, e dei graças que ela desviou o olhar primeiro em direção ao kakashi. Foi nessa hora que eu percebi que estava totalmente ferrado.


Notas Finais


obrigada mesmo ... espero que esse casal toque no coração de vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...