História Quinto Elemento - Capítulo 7


Escrita por: e __MALU__

Visualizações 27
Palavras 1.979
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Capítulo VII


Enquanto Mystic estava em sua casa, Liza e David foram até um bistrô bem famoso da região para encontrar-se com Lifent, Liza estava ansiosa já dentro do carro , constantemente ela ficava batendo suas longas unhas no vidro do carro, até que acaba quebrando...

-Liza, fique calma, vai dar tudo certo... - Diz David retirando uma de suas mãos do volante e pegando a mão de sua esposa ao mesmo tempo a acariciando

-Espero...

Eles haviam chegado no local, um restaurante chique e aconchegante, típico de Lifent quando queria dar uma notícia não muito agradável.

Ambos entraram no restaurante e Lifent não estava lá, um garçom então veio atendê-los e os levou até uma mesa que ficava ao lado de uma pequena fonte onde boiavam pétalas de rosas, Eles se sentaram enquanto Lifent não chegava...Horas se passavam e nada de Lifent chegar ao respectivo local, já era noite e Liza estava preocupada com Mystic, mandava varias mensagens para a garota e quase nenhuma delas ela respondia.

-Chega!- Diz Liza quase se levantando da mesa

-Li!

-Mystic não está respondendo minhas mensagens, essa garota acha que eu estou brincando com ela?! Nada disso! Ela vai ver só quando eu chegar a casa... - Diz Liza enquanto David olhava atrás dela

-É melhor irmos logo David, Lifent não vai chegar agora e eu quero ver o que dona Mystic está fazen....

-Cof Cof

Alguém havia tossido atrás de Liza, ela se vira e se depara com uma mulher de cabelos curtos e ondulados e com vestes exuberantemente elegantes.

-Olá meu irmão e olá Liza, como estão?- Diz Lifent segurando sua bengala banhada a ouro.

-Desculpe-me a demora, podemos conversar?

 

Oliver estava com a poção já pronta e estava prestes a subir quando escuta um barulho vindo do andar de cima. Em seguida sai correndo e chega ao quarto antigo de Maia, tinha uma cama de casal, e do lado  um sofá bem grande por sinal, do outro lado tinha uma penteadeira e a frente da cama uma TV bem grande. Quando chega ao local avista Maia meio inclinada na cama com o controle da Tv na mão, e do lado um vaso de flor quebrado no chão.

- O que houve, você está bem – Diz Oliver.

Ao deparar Maia, percebe que estava em um de seus piores estados. O seu cabelo ainda estava meio branco, o nariz sangrava levemente, e embora as suas pupilas tenham voltado a sua íris parecia meio acinzentada, ao invés de seu marrom natural , o também uma olheira de cansaço enorme em seu olhar.

- Eu só fui pegar o controle... – Diz ela.

- shiii – Ele chega mais perto dela com a poção na mão.

- Evite falar, poupe energias – Diz Oliver sentando ao lado da garota, e entregando-a a poção. Ele a ajuda a tomar e deixa o medicamento em cima da mesinha.

- Daqui a alguns minutos ela começa a fazer efeito – Diz ele.

Maia então acena com a cabeça. E em seguida pega o controle remoto e liga a Tv.

- Acho melhor você descansar.... – Diz Oliver preocupado

- Você tá louco.... Eu só não grito porque eu não posso- Diz Maia olhando diretamente para a tv.

Oliver então retribui o olhar para a televisão e então se depara, com o banner da série “The Shining Shade” apresentando a sua nova temporada.

- Ótimo – Diz Maia tentando se levantar, entre balanços e balanços ela não conseguia se levantar, sem êxito cai na cama.

- Meu Deus do céu Maia! – Fala Oliver indo lá ajuda-la.

- O que você pretendia fazer?! –Diz ele.

- Primeiro tomar um banho e depois fazer uma pipoca...um suco tb – Diz ela.

- Maia- Diz Oliver chegando mais perto. Ele se senta ao lado dela e pega as suas mãos.

- Você tá fraca, n­ão pode ficar fazendo muito esforço – Diz o garoto.

- Eu sei... só que eu não sou fraca, eu posso, eu consigo – diz Maia confiante.

- Eu sei e tenho certeza que você é forte, mas você também tem limites, assim como qualquer um. – Diz Oliver. Maia então abaixa a cabeça e ele coloca do seu a pequena mecha rebelde do cabelo da garota atrás da orelha.

- Tudo bem...mas com uma condição – Diz Maia abrindo um sorriso.

- Você vai ver junto comigo os novos episódios e vai me deixar tomar um banho. –Diz a menina

Um pouco relutante Oliver diz – Tudo bem.

Maia então abre os braços e o envolve em um abraço.

- Perfeito, prepare as comidas e enquanto isso eu vou tomar um banho... – Diz Maia.

- Eu vou ligando a banheira. É mais seguro para você não cair – Diz ele.

Liza envergonhada senta-se novamente em seu acento enquanto Lifent pegava de seus ombros seu casaco e colocava na encosta da cadeira enquanto deixava a bengala de lado, ela se senta e David a olha minuciosamente.

-Mystic está no carro? Seria ideal se tivesse vindo, iria explicar tudo direito para ela...

-Não está- Diz David com um pouco de arrogância

-Oh meu querido irmão David, sentimos muita falta de você no nosso amado condomínio, terei que achar outro guardião melhor do que tu meu querido- Diz Lifent esboçando um pequeno sorriso e olhando diretamente para seu irmão, esquecendo total que sua cunhada estava lá

-Para de tanta formalidade Skylar, estamos em família não é?! Ou você saiu dela quando parou de entrar em contato, ou melhor! Quando nossa mãe morreu!?

-Vocês dois podem parar?!- Diz Liza nervosa

-Não estamos aqui para discutir esse tipo, o principal foco é a MINHA filha, pois eu me importo com ela e pelo que Lifent me disse pelo celular, o que ela tem para falar não muito legal para os nossos ouvidos David!

-Então parem de brigar igual duas crianças de 5 anos e vamos ser adultos já que já estamos passando da hora de virarmos um!

Os irmãos ficar em silêncio, realmente, o foco da conversa era Mystic e não uma briga de família.

-Bom, já sabemos que Mystic deverá ir o mais rápido possível para o condomínio, além de sua idade ser um pouco mais complicada e provavelmente terá dificuldades sem e encaixar... Algo muito ruim está próximo de acontecer- Diz Lifent enquanto o casal a olhava concentradamente

-Quando descobri que posso sentir vibrações de acontecimentos incertos usando o sobrenatural, acabo tentando concertar e prevenir o mais rápido possível... Eu acabei sentindo essa vibração forte, mas era diferente essa vibração, como se fossem duas forças brigando entre si, mas a mesma força... E depois que a Liza me disse que Mystic foi à casa de minha mãe, eu pode imaginar o que provavelmente aconteceu...

Liza e David olhavam para Lifent com medo, David tomando goles rápidos de cerveja para acabar com a pressão que estava fazendo no momento.

-O que eu quero dizer é...Tem uma ENORME possibilidade de Mystic ter liberado Kantreya para esse mundo...

David cospe a cerveja que estava em sua boca para dentro do copo novamente, Liza estava desesperada, quase chorando e em choque enquanto David não aceitava a situação.

-Skylar...Kantreya está MORTA! Você e o Legendários MATARAM Kantreya eu vi com os meus PRÓPRIOS OLHOS!- diz David com a voz ofegante e nervosa

-Irmão, eu vi e presenciei a transformação dela naquele ser descontrolado, sei o que ela é capaz e o que acontece nesse mundo quando está por perto, as flores estão morrendo no jardim, as cores não eram como antes, algo está sugando o poder delas devagar e por isso quero tratar e achar a solução logo...E a proposito, Kantreya não morreu totalmente- Diz Lifent enquanto os dois outros estavam boque abertos

-No ritual para conseguir finalmente o seus poderes de novo, Kantreya fez um pacto de sangue em Mystic quando ainda era bebê, ela usou a luz das estrelas e do sol fazendo com que todo o poder se migrasse a ela, mas quando finalmente foi enfiar a Adaga da Mortalidade na garota, os poderes da luz que cotiam nas duas se transformaram no poder da sombra como vocês sabem- diz Lifent

-Mas o que vocês não sabem é que esse pacto de sangue conectou ambas, por isso Mystic tem o poder das Sombras, caso Kantreya não tivesse feito o pacto, só ela teria a sombra em seu sangue... Mas não foi só isso que aconteceu, como estão interligadas, se uma morre a outra também e o único jeito de matar uma delas era usando própria adaga as transformou o problema é que quando Kantreya descobriu sobre isso, ela imediatamente desintegrou a adaga transformando-a em partícula no universo.

- O único de salve a minha sobrinha foi retirando a alma de Kantreya e colocando adentro de algum objeto, o que desintegrou o corpo físico no mesmo instante que colocamos no objeto escolhido e também é um dos motivos que Mystic não apresentou os seus poderes, pois ela precisa da alma da Kantreya liberada para poder desenvolvê-lo. Mas a única pessoa que poderia fazer essa troca era Meredith, a nossa mãe, e infelizmente ela não falou qual objeto ela a colocou.

-Porque acha que MYSTIC iria fazer isso?! Ela nunca falou sobre isso pra gente- Diz david

-Ela sonsa, nunca falaria algo desse tipo pra nos, acharia algo cotidiano.- Diz Liza

David acaba concordando enquanto Lifent dá um longo suspiro

-Como suas duas forças iguais, mas defendo outros lados, caso Mystic tivesse tocado no objeto que foi escolhido a força de Kantreya iria brigar para sair e Mystic ira defender, não a deixando, mas como não está ainda desenvolvida ela tem 99% de chance de perder e alma da mulher saíria para o mundo, mas com uma condição- Diz Lifent

-Ela teria que dominar um corpo físico de alguém forte o suficiente para deixar Mystic e indefesa e ajudar a trazer o real corpo de Kantreya de volta.

- O que você acha que os dois devem estar fazendo lá? – Diz Light brincando com a caneta na mão.

- Bom eu não sei...- Diz Ellie mexendo nos papeis que estavam em cima da mobília no salão principal. Lá eles estavam em uma das salas com as documentações do condomínio, geralmente Ellie ia para lá junto com Lifent quando não ficavam na mansão.

- Perfeito, os pratos já foram servidos, e o toque de recolher já foi acionado, os treinamentos de amanhã já foram escalados e as aulas também já foram conferidas junto com o café da manhã e o almoço....- Diz Ellie enquanto checava a sua planilha.

-BLA BLA BLA- Diz Light.

- Não sei como você aguenta fazer tudo isso! – diz o menino debochando.

-HÁ HÁ HÁ- diz Ellie tirando um pouco a visão dos documentos .

- A Maia e o Oliver devem estar aproveitando mais do que a gente! – diz Light.

- Ai que saco também, Maia aquilo , Maia isso você não consegue viver longe dela né! – Diz Ellie se estressando.

- Eu não preciso de ninguém pra viver, princesa – Diz ele tacando a caneta no chão e rodando na cadeira.

- Eu só achei vacilo dela me convidar pra jantar na casa dela e depois cancelar! – Diz o garoto.

- Ta bom! Nem é porque você não vai encontrar mais ela hoje né?! – Diz Ellie entre risadas.

Light fica um pouco vermelho.

- OBVIO QUE NÃO! –Diz ele dando mais um giro na cadeira.

- Não precisa ficar girando pra eu não ver que você ficou vermelho, já percebi já – Diz Ellie o encarando convencida.

Light então bufa enquanto roda com a cadeira e para na frente de Ellie se levantando.

- Você é muito chata sério – diz Light na frente da garota

- Tá tá.... Light, lembra que você tem que fazer a ronda geral! – Diz Ellie.

Ele então acena com a cabeça, Ellie arregala os olhos e diz:

- VAI MISERICORDIA!

Light dá outro suspiro e se retira do local.   

 

 

 


Notas Finais


Desculpe-nos a demora, é que estávamos com um monte de tarefas para fazer e não deu para postar o capítulo, mas daqui em diante iremos voltar com a frequência normal!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...