História Radio - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Soonyoung "Hoshi"
Tags Hoshi, Hozi, Jihoon, Kpop, Seventeen, Soonhoon, Soonyoung, Woozi
Visualizações 405
Palavras 1.540
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oi anjinhos

decidi postar hj porque essa semana vou ter 40939 provas q nao estudei (deus tenha piedade da minha alma) e 1 trabalho fudido então nao sei se vou poder aparecer por aq

VCS VIRAM Q EU MUDEI A CAPA??? as cores dos cabelos deles ficaram diferentes do q aparece na fanfic, entao me desculpa mas enfim, na fic o jihoon ta de cabelo preto e o soonyoung ta loiro, eh isto

ah e o titulo nao tem mto a ver com o capitula, mas enfim, aproveitem ai o capitulo <33

Capítulo 2 - Simple


Fanfic / Fanfiction Radio - Capítulo 2 - Simple

Soonyoung passou o resto da manhã ansioso para a hora do almoço. Ficava cantarolando a música que ainda não havia saído de sua mente enquanto fazia os ombros de Wonwoo de bateria, o que deixava o maior irritado. Todo momento o loiro olhava para Jihoon, observando-o, e quando o moreno percebia ele fazia um sinal de positivo e sorria.

Depois de uma aula animada de inglês com a Sra. Hong, o sinal tocou e Soonyoung se lembrou que era a última aula antes do almoço. Juntou seu material rapidamente e foi correndo sozinho até o terceiro andar, já que o menor não fez questão de esperá-lo.

Quando chegou na máquina de refrigerantes, ofegante e cansado, Jihoon já o esperava, de braços cruzados.

— Por que... não me... esperou? — disse o loiro, tentando rebuscar o fôlego.

— Disse que te esperaria aqui, não na sala. — ele diz, como se fosse óbvio — Toma, eu comprei um refrigerante pra você.

Soonyoung, que estava agachado, levantou a cabeça e viu o moreno com a mão estendida, oferecendo-lhe uma Coca-Cola. O garoto sorriu e pegou a lata, dando um gole e sentindo todo seu peito se refrescar com o líquido doce e gelado.

— Obrigado, Jihoonie.

Não me chame assim perto de ninguém, entendido? — ele diz, impaciente — Vamos logo, estamos atrasados.

 

 

Os dois andaram até a sala 25, que ficava no quarto andar. Em cima da porta havia uma daquelas placas de estúdios escrito “on air”, que no momento estava apagada, indicando que não estavam ao vivo agora.

— Vou ver o que eles estão fazendo, espere aí. — o menor diz, entreabrindo a porta.

Ele colocou a cabeça pra dentro da sala, disse algumas coisas e voltou a se virar para o loiro. Soonyoung encarou o garoto. Jihoon era realmente bonito. Seus olhos pequenos, seus lábios finos, até mesmo sua orelha, adornada com um pequeno brinco, era bonita. O menor abriu totalmente a porta.

— Bem-vindo ao mundo das gravações, meu caro. — ele diz, com um sorriso de canto.

Soonyoung pode sentir suas pernas amolecerem com o sorriso que o moreno dera, mas respirou fundo e entrou na sala mal iluminada.

A sala era dividia em duas partes, a parte das edições e a das gravações, e separadas por uma parede de vidro. A parte da gravação tinha apenas um microfone pendurado e local para apoiar alguns papéis, já a outra parte tinha uma mesa de edição repleta de botões com que o loiro nem sonhara que um dia colocaria as mãos, havia também um sofá com dois garotos jogados e uma cadeira, com um calouro que Soonyoung já conhecia.

— Hyung? Você vai entrar no clube? — Lee Chan exclamou, surpreso.

Jihoon levantou as sobrancelhas.

— Se conhecem?

— Chan está no meu grupo de dança. Não sabia que ele estava no clube. — o maior diz, confuso.

O loiro olhou para o sofá e também reconheceu os dois garotos jogados no sofá. O mais magro era Hong Jisoo, filho da professora de inglês e um dos melhores alunos da escola. O outro era Yoon Jeonghan, seu namorado e também líder do grupo de patinação da escola. Os dois o observavam com curiosidade.

— Olá, sunbaes. — ele diz, com uma reverência — Meu nome é Kwon Soonyoung.

Jeonghan passou a mão pelo cabelo loiro e encarou o mais novo, deixando-o nervoso. Já ouvira várias pessoas falarem que o garoto era o mais bonito da escola, sempre bajulando-o, mas nunca havia ficado cara a cara com o mais velho para tirar suas próprias conclusões. Na verdade, estavam todos certos. Ele tinha a pele branca e lisa como porcelana, seus olhos eram redondos e castanhos, como duas nozes e seus lábios eram finos e rosados. O loiro provavelmente estava encarando-o há tempo demais, então desviou o olhar.

— Soonyoung? Acho que já ouvi falar de você. — ele diz, pensativo — Ah, sim! Foi você que ficou bêbedo na festa do Junhui e tentou fazer strip na mesa, não foi?

Os bochechas do loiro ficaram vermelhas como um morango. Ele desviou o olhar do mais velho e deu uma risadinha sem graça.

— Soonyoung fez o quê? —o moreno perguntou, segurando o riso.

—Hannie, pelo amor de Deus, você o deixou sem graça. — Jisoo diz, alarmado.

Jisoo também era muito bonito. A nova cor ruiva que havia pintado os cabelos o deixavam ainda mais atraente. Seus olhos eram bem delineados e transmitiam calma, seus lábios era tão rosados e bonitos quanto o do namorado. Teria de admitir, eles realmente eram o casal mais bonito da escola.

— Desculpe. — diz o mais velho, sorrindo — Não quis te envergonhar. Apesar, que você não deveria ficar envergonhado, já que você tem um belo abs.

— Ok, ok. — Jihoon interrompeu — Vamos deixar essa conversa estranha pra depois e resolver o que fazer com esse stripper.

O menor se sentou numa cadeira giratória e voltou a olhar para o loiro. Soonyoung sentia-se como um manequim, com todos olhando para ele e o analisando. O único lugar disponível para se sentar era o braço do sofá, que ficava do lado de Jeonghan e o loiro não queria arriscar, então apenas ficou em pé esperando os outros falarem algumas coisa.

— Bom, — Jisoo começou — Soonyoung, você sabe alguma coisa sobre edição?

Lá estava seu calcanhar de Aquiles. O loiro era um zero à esquerda quando o assunto era tecnologia.

— Bom... eu...

— Não. — Jihoon respondeu por ele — Ele, na verdade, mal sabe mexer num computador. Ele apanha sempre que vamos à sala de computação e o amigo dele sempre tem que salvá-lo.

Agora todos olhavam para o moreno com curiosidade. Como ele sabia todas essas coisas sobre o loiro?

— Como você sabe, Ji? — Jeonghan pergunta, com um sorriso sugestivo.

— Ele sentou do meu lado no dia que quase explodiu o computador por causa de um vírus. — ele diz, rindo.

Soonyoung sentiu as bochechas esquentarem de novo. Afinal, aquilo era uma reunião ou eles apenas se juntaram para contar os momentos vergonhosos da vida do loiro?

— Mas eu sei fazer remixes. — ele diz — Tive que aprender para fazer as coreografias do meu grupo.

— Você que faz as remixes? — Chan diz, com os olhos arregalados — Hyung, como você faz remixes tão bons mas não consegue nem criar um Instagram?

— Era uma coisa necessária, então tive que me virar. — o loiro diz, dando de ombros — Então... eu serei útil?

— Bom, nós precisamos de alguém para ficar com o Jihoon na hora do almoço... — Jeonghan diz, pensativo — Se ele estiver disposto a te dar instruções de como não explodir o estúdio, acho que tá tudo bem.

— Mas tem quatro pessoas no clube, por que um de vocês não fica com ele? — o loiro perguntou.

— Jisoo não faz parte do clube. Só está aqui para distrair o namorado. — o menor diz.

— Não é verdade! — o mais velho reclama — Este lugar estava parecendo um lixão antes de eu arrumar tudo.

Jeonghan afagou o ombro do namorado, concordando com a cabeça.

— E então, Ji? — o mais velho da sala pergunta — Vai encarar o desafio de treinar o stripper ali?

O moreno analisou Soonyoung de cima à baixo, voltando a olhar nos seus olhos. Finalmente, deu de ombros.

— Tudo bem. Estava mesmo precisando de um escravo pessoal para me trazer café.

— Tenho pena de você, hyung. — Chan cochichou para o loiro.

Depois da declaração de Jihoon, Jeonghan explicou como funcionavam as coisas, horários, regras básicas, programas e o estilo musical da rádio. Passaram quase o almoço todo dentro da sala, conversando e comendo sobras de pizza do dia anterior, até que Soonyoung se lembrou do programa do tal Woozi.

— Ah, sim, eu esqueci de perguntar. — ele diz, engolindo sua pizza — Será que eu posso conhecer o novo locutor? Woozi, não é?

Jihoon que comia sua pizza calmamente, ao ouvir a pergunta do loiro se engasgou e começou a tossir, os outros pareciam uma misturam de diversão e nervosismo. O moreno foi ajudado por Chan e logo olhou para o loiro.

— Por que você quer conhecê-lo?

— Gostei da melodia dele. E da voz. E da letra. — o loiro diz, simples — Queria dizer que ele foi corajoso em tocar a música para a escola toda e que ele não deveria parar, porque ele é realmente bom no que faz. Mas acho que pela sua expressão eu não poderei falar, não é?

O menor estava de olhos arregalados e com a boca levemente aberta. O restante dos garotos tinham sorrisos bobos estampados nas faces, deixando Soonyoung confuso. O menor abriu a boca para falar, mas nenhum som saiu, então o mais velho o interrompeu.

— Woozi não participa das reuniões, apenas vem até aqui, grava as músicas e o programa e vai embora, mas eu digo a ele o que você disse, não se preocupe. — ele disse, sorrindo gentilmente.

— Obrigada, hyung. — o loiro diz, animado — Acho que vou indo, tenho que encontrar com meus amigos para conversarmos sobre o trabalho de química, ou eles vão mesmo me matam. Até mais.

O loiro pegou suas coisas e foi até a porta e mais uma vez, Jihoon o chama, impedindo-o de sair.

— Estarei aqui, amanhã na hora do almoço. Não se atrase, traga algo para comer e um ice americano médio pra mim, ok?

Soonyoung sorriu.

— Você sabe que eu nunca me atraso, Jihoonie. — ele diz, piscando para o menor e fechando a porta logo em seguida.


Notas Finais


espero q tenham gostado szsz

até mais ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...