História Rafinn Moments - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Mike Wheeler, Personagens Originais
Visualizações 89
Palavras 658
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Comentem!

Capítulo 2 - Comic Con...


22 de outubro

Comic Con


Rafah on


Minha primeira Comic Con!!! Apesar das orientações dos Duffer de procurar dormir o mais cedo possível pra aguentar a quantidade de entrevistas que daríamos no evento, acabei ficado acordada até altas horas da madrugada escolhendo o look mais lindo e confortável possível (dica da Mills). 

E confesso, fiquei a maior parte do tempo treinando as caras e bocas que faria durante o evento pra me sair bem na maioria das fotos. Escolhi um vestidinho de renda azul bebê que marca bem minha cintura e meus seios, um salto vermelho baixo, e fui dormir logo em seguida.

Por conta da ansiedade acabei acordando mt cedo, fiz uma oração, já que acabo pensando só no que pode dar errado, depilei minhas pernas e fiz uma hidratação potente nas madeixas. Coloquei uma playlist animada no spotify e fui terminar de me arrumar.

Desci pra tomar café com meus amigos  e fui recebida por olhares maliciosos por ter aparecido poucos segundos depois do Finn. Tomamos café ouvindo as histórias hilárias da adolescência do Joe e fomos pra van. Temos uma tradição de sempre cantar músicas animadas durante o caminho para diminuir o nervosismo, então coloquei "Ai se eu te pego" na caixinha de som do meu primo e comecei a dançar junto com as meninas. 

Fiquei olhando fixamente pro meu namorado enquanto dançava e logo notei um volume em sua calça, me fazendo sorrir maliciosamente e dar uma piscadinha discreta.

Chegamos ao evento recebidos por inúmeros fotógrafos e fans alucinados. Descemos e fomos direto pro nosso camarim, deixamos nossas sacolas com a roupa que usariamos depois do evento e os meninos inventaram de sair pra dar uma olhada nos famosos que já tinham chegado. Assim que fui saindo pela porta conversando com as meninas, Finn me puxou pela cintura e sussurrou no meu ouvido:


-Achou mesmo que ia sair ilesa depois de me provocar na van daquele jeito? Fala para as meninas que você precisa ir no banheiro que eu tô precisando de você...- suas palavras faziam meu os pêlos do meu pescoço arrepiarem.


Alcançei as meninas no meio do corredor e disse que precisava ir ao banheiro, deram um sorrisinho malicioso pra mim e continuaram andando. 

Voltei correndo pro camarim e fui agarrada pela cintura enquanto sua boca beijava meu pescoço. Me virei e começamos a nos beijar intensamente indo em direção ao banheiro. Tranquei a porta e me abaixei pra acariciar seu membro que ja estava praticamente saindo da calça. 

Me abaixei, desci a parte do decote que cobria meus seios, tirei seu membro da calça e o pus na boca fazendo movimentos de vai e vem. Ele tentava gemer baixo, mas falhava miseravelmente. Me levantei antes de fazê-lo gozar, fiquei de costas pra ele, me inclinei pra baixo e empinei a bunda. Ele disparou um tapa forte no meu traseiro e me penetrou. Eu tentava controlar meus gemidos, mas acabei soltando vários alto demais. 

Quando estávamos quase gozando, ouvimos um murmurinho vindo da sala do camarim. Todos haviam voltado bem na hora que estávamos gozando. Finn tampou minha boca e senti seu líquido escorrendo pelas minhas coxas. Sentindo que estava prestes a ter um orgasmo maravilhoso, mordi meus lábios inferiores fortemente.

Mas isso n foi o bastante, acabei soltando um gemido altíssimo, fazendo todos lá fora rirem desesperadamente e descem várias batidinhas na porta. Nos vestimos rapidamente e saimos do banheiro tampando o rosto.

-Tinha alguma gata no ciu com vcs ai no banheiro??- perguntou Caleb quase sem ar de tanto rir

-Meu Deus, o Finn tá a cópia do Pennywice!!!!- disse Millie com uma cara de choque.

Olhei pra ele e comecei a rir desesperadamente junto com todo mundo. Ele tava com a boca toda suja de batom vermelho com o cabelo ondulado mais rebelde do que nunca. Retoquei minha maquiagem junto com as meninas, e ajudei meu namorado a limpar a boca. Ele me deu um selinho rápido e saimos junto com o pessoal em direção a primeira entrevista.

Leiam as notas finais!


Notas Finais


Gostaram gente? Decidi postar mais rápido para fazer uma surpresinha a vocês!
Começamos com um mega hot escrito pela minha amiga @analiceleao25 🖤
Gostou? Comente!
Tem uma ideia de momento Rafinn? Comente!
Quanto mais comentários mais rápido os capítulos saem!

Leu até aqui? Comente: "jaqueta azul"!

Amo muito vocês! 🖤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...