História Rain - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Kai
Visualizações 25
Palavras 1.221
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii!

Essa Oneshot é para minha Unnie, @iloveapenguins2 dêem uma passada lá no perfil dela
Ela é uma autora muito incrível com certeza irão gostar

Agora...boa leitura
Perdão pelos erros minha primeira oneshot de EXO e Yaoi

Capítulo 1 - Único-


Baekhyun estava em mais um de seus dias de verão a planejar as férias, iria a praia aproveitar que estava solteiro agora que Jongin o deixara, talvez até conseguir algum ficante ou algo assim

Porém qualquer plano que envolvesse sol e praia foi por água baixo, literalmente. Assim que terminou de arrumar suas coisa pra sair começou a cair grossos pingos de chuva ...

Frustrado Baekhyun deu meia volta colocando tudo no lugar enquanto pensava no que fazer para espantar o tédio, se chamasse sua mãe com certeza ela iria perguntar de Nini, o apelido que deu a Jongin, então descartou está opção...

Foi a sala de jogando no sofá e ligou a televisão, para seu azar a chuva atrapalhou o sinal da TV

Hoje não era o dia de Baekhyun com toda certeza

Foi a cozinha pra beliscar alguma coisa, pegou algumas rosquinhas de chocolate as colocando em um pote comprado especialmente por sua mãe, também pegou uma xícara de café. Se sentou na poltrona e deixou o pote e a xícara na mesa de centro, profissional o primeiro livro que viu e começou a ler enquanto beliscava uma rosquinha

A chuva aumentava, não era comum chover tanto assim, principalmente no verão. O céu estava quase que ameaçando a cair, pensava Baekhyun sem nem prestar atenção no que lia

Já tinha se passado uma hora e nada da chuva parar, nem ao menos diminuira. Baekhyun já estava se sentindo cansado, talvez se dormisse o tempo passaria mais rápido, fechou o livro e se levantou, assim que terminou de lavar a xícara ouviu batidas na porta

Quem seria o louco de sair numa chuva dessas, pensava enquanto secava as mãos

Abriu a porta e se deparou com um homem, mais alto que ele, com orelhas grandes, todo molhado segurando uma mala

- Boa tarde...- Disse Baekhyun

- Boa tarde senhor – disse o homem

- O que faz na chuva, sem uma sombrinha

- Eu cheguei de viagem agora e estou sem carro, não tenho hotel ainda e nem sei andar por aqui...eu poderia ficar até que a chuva passe?

Baekhyun estava pensando em só fechar a porta na cara dele ou dizer um não frio e seco

Em uma das hipóteses poderia até ser um ladrão, mas aí julgar o homem parecia falar a verdade

- Perdão, eu nem me apresentei...sou Park Chanyeol – estendeua mão molhada

- Byun Baekhyun...- segurou a mão de Chanyeol- Acho que só até a chuva passar não haverá problema, entre

- Obrigado, muito obrigado!

Chanyeol entrou mas ficou parado no tapete, Baekhyun levou alguns segundos pra se tocar e ir pegar uma toalha

Enquanto Chanyeol se secava um pouco levou a mala do mesmo para o quarto de hóspedes e voltou a sala

- fique a vontade pra se trocar no quarto, vou fazer mais café- Baekhyun se dirigiu a cozinha e Chanyeol agradeceu baixinho mais uma vez

Assim que o café ficou pronto Chanyeol já havia se trocado colocando uma blusa branca larga e uma calça de moletom, os cabelos antes encharcados agora estavam secos e bagunçados

- O café está pronto- Baekhyun disse colocando duas xícaras na mesa

Chanyeol se sentou de frente a Baekhyun e os serviu com biscoitinhos de sal

- Então Chanyeol, o que veio fazer aqui?

- eu vim a trabalho, meu amigo me indicou e me chamaram pra trabalhar

- entendo...- não iria perguntar de que Chanyeol trabalha, seria indelicado

- você mora sozinho?- perguntou inocente

- eu...sim

- não se sente só?

- olha eu...as vezes – mentiu, por que? Nem sabe, mas mentiu

Chanyeol percebeu o desconforto de Baekhyun e se calou, o silêncio reinou ali

O resto do dia foi resumido em poucas palavras trocadas e o barulho da chuva

A chuva tinha diminuído um pouco, o que antes não se via um palmo a frente agora estava mais claro

- Baekhyun, acho que já vou. Obrigado pela hospitalidade e tudo mais- foi ao quarto pegar a mala

- não há de quê!- no fundo ele não queria que Chanyeol fosse, gostou da companhia do mesmo...faz tempos que ninguém o faz sentir bem mesmo sem falar muito

Baekhyun seguiu Chanyeol e quando o mais alto estava de costas enlaçou os braços em volta do corpo do mesmo

- o que....- Chanyeol engasgou com as próprias palavras, sentia o rosto quente

- fica....mais um pouco, fica...eu não quero mais ficar sozinho aqui

- Baekhyun....

- Me chama de Baekkie, e fica!

- e...eu não posso- se soltou dos braços do menor e se virou fitando o rosto alheio, que estava corado também

- eu estou te pedindo...- se inclinou e deixou um leve selar nos lábios de Chanyeol

O mais alto ficou sem reação, os lábios se mexiam fazendo menção em falar, mas nada saia... Por mais ilógico e impulsional que seja, Chanyeol selou os lábios nos de Baekkie novamente, mas num beijo afoito

As bocas se encaixaram e Baekhyun segurou na nuca de Chanyeol em busca de aumentar, se possível, o contato entre as bocas

Baekhyun pediu passagem com a língua e Chanyeol cedeu, as línguas se mexiam em uma massagem gostosa

Quando se deram conta ambos estavam deitados na cama, Chanyeol estava acima de Baekhyun e assim que se separou dos labios do menor para recuperar o ar teve a plena visão de como Baekkie era bonito

Baekhyun ainda ofegante tinha os olhos de Chanyeol sobre si, não deu tempo pra consciência bater e atacou os lábios de Chanyeol enquanto suas mãos trabalhavam para arrancar a roupa do mesmo

Chanyeol já estava duro com aquilo, segurou Baekkie em seu colo e tirou a camisa, Baekkie passou os dedos por toda a extensão do abdômen do maior e Chanyeol dava chupões em todo contorno do pescoço de Baekhyun

Deram um tempo apenas pra se livrarem do que restava das roupas e da sanidade

Baekhyun ficou de quatro na cama apenas esperando por Chanyeol

O maior desferiu vários tapas nas nádegas e Baekhyun que dava gemidos de repressão e logo depois deu um beijinho

Abriu espaço com as mãos e se posicionou á entrada do menor

Entrou devagar apenas pra que Baekhyun se acostumasse e se movimentou um pouco

- deva...gar- reclamou Baekhyun se agarrando nos lençóis

Chanyeol ignorou o pedido de Baekhyun e aumentou a velocidade das penetrações

Baekhyun gemia de dor mas logo foi se tornando suportável e os espasmos de prazer foram surgindo

Chanyeol gemia baixo enquanto estocava o menor sem dó, aumentando cada vez mais a velocidade enquanto o menor gemia a cada penetração

Com o passar do tempo Chanyeol sentiu que iria chegar a seu ápice, então abandou a entrada de Baekhyun e o virou

Iniciou um beijo desajeitado enquanto masturbava o menor

Baekhyun parou o beijo e teceu beijos pelo corpo de Chanyeol até chegar a seu membro que latejava, abocanhou o membro e começou a fazer movimentos de vai e vem

Chanyeol segurou as madeixas de Baekhyun e ditou os movimentos, vez ou outra tocava a garganta do menor e gemia com a sensação

Depois de mais alguns movimentos se desfez na boca de Baekhyun

O menor engoliu tudo e colou a testa na de Chanyeol, ambos suados e ofegantes

- fica. . . A previsão diz que a chuva vai piorar denovo...- Baekkie disse e depositou um selar em Chanyeol


Notas Finais


Espero que tenham gostado

Me dêem um banho de água benta por favor!

😂💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...